Ascom FMS

Cerca de 12 estabelecimentos de saúde da Prefeitura de Teresina ofertam Práticas de Terapias Integrativas e Complementares em Saúde (PICS) à população, como Reiki, Acupuntura e Yoga. O objetivo dessas práticas é complementar a medicina convencional e não substituí-la, contribuindo com a promoção e recuperação da saúde das pessoas.

“As PICS são terapias complementares às condutas terapêuticas já realizadas e têm respaldo científico. É um prazer participar desse processo, poder proporcionar bem- estar aos usuários que se permitem conhecer este novo espaço de cuidado do SUS. O mundo tem acordado para isso e é importante que as pessoas acompanhem essa energia”, destaca Roberta Pompeu, educadora física do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) Leste.

Roberta acrescenta ainda que “no início, os usuários e até alguns profissionais que não conhecem as terapias se mostraram descrentes dos benefícios que poderiam obter. À medida que se permitiram participar das terapias, puderam não somente melhorar sua condição de saúde, seja ela física ou emocional, mas passaram também a divulgar os benefícios destas práticas na comunidade e assim a procura foi aumentando”, pontuou.

De acordo com o presidente da FMS, Charles Silveira, “a Fundação prossegue com a sua missão de promover saúde e bem-estar aos usuários do SUS, seja por métodos consolidados na medicina ocidental, seja por métodos tradicionais que também são reconhecidos como benefícios no meio científico, como a Yoga. Ficamos satisfeitos com a nossa atuação na área da saúde e ainda mais contentes com os resultados desses programas, que possibilitam uma boa recuperação dos pacientes, além de possuírem viés preventivo”, afirma.

Gabriel Oliveira é assessor de comunicação e um dos beneficiados com a auriculoterapia, terapia que utiliza sementes de mostarda para ativar pontos específicos da orelha. “É bom para aliviar as tensões e dores. É uma alternativa que funciona e espero que essas práticas atinjam o maior número possível de pessoas, principalmente nos bairros, para alcançar aquelas que não conhecem ou que não têm poder aquisitivo”, conta.

Confira abaixo a lista de estabelecimentos de saúde da Prefeitura de Teresina que fornecem terapias integrativas à população:

1.Unidade Básica de Saúde Poty Velho: Auriculoterapia, Eutonia, Shantalla, Aromaterapia, Escalda Pés, Plantas Medicinais, Barra de Access e Terapia Comunitária

2. UBS Vila da Paz: Auriculoterapia e Shantalla

3. UBS Planalto Uruguai: Auriculoterapia, Reiki, Práticas Meditativas, Terapia Comunitária, Thetahealing, Fitoterapia e Shantalla

4.UBS Henrique M. C. Branco – Vale do Gavião: Distribuição de plantas medicinais, Fitoterapia (princípio ativo da planta extraído em solução álcool e água – tintura mãe) e Auriculoterapia

5.UBS Dr. Chagas Martins – Estaca Zero: Fitoterapia

6.UBS Francílio Ribeiro de Almeida – Angelim: Auriculoterapia e Ventosaterapia

7. Hospital da Primavera: Reiki e Yoga

8.UBS Raimundo N. D. R. Medeiros – Real Copagre: Auriculoterapia, Reflexologia, Cromoterapia e Fitoauriculoterapia e acupressão palmar e podal, Terapia Comunitária, Acupuntura Sistêmica, Massagem Relaxante, Florais de Bach, Aromaterapia e Essências Florais dos Cocais

9.UBS Antônio Pessoa dos Santos – Vamos Ver o Sol: Terapia Comunitária Integrativa

10.UBS Tânia Melo Rodrigues – Monte Castelo: Lian Gong – da Medicina Tradicional Chinesa, Meditação, Tenda do Conto e Danças Circulares (práticas desenvolvidas pelos residentes da UESPI)

11. UBS Fernando G. C. Lima – Portal da Alegria: Auriculoterapia e Shantalla