O Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, não escolhe o bairro ou casa para se reproduzir, bastando apenas um recipiente com água parada. Por isso, o cuidado para evitar a sua proliferação deve ser feito por todos e esta colaboração é a estratégia da operação Faxina nos Bairros. A atividade semanal acontece neste sábado (11), a partir das 8h, nos bairros Monte Castelo e Árvores verdes, zona Sul e Leste da capital, respectivamente.

A Faxina é uma atividade de limpeza e educação que tem por objetivo eliminar os criadouros do Aedes aegypti, uma vez que a principal ação de prevenção é evitar sua reprodução. Durante a semana, os moradores são avisados pelos agentes de saúde e endemias para fazer uma limpeza em suas casas e depositar nas calçadas todo o material inservível que será coletado pela equipe de limpeza no sábado, especialmente aqueles de grande porte que não são recolhidos pela limpeza regular.

“Solicitamos aos moradores que a partir de hoje já coloque todo esse material que serve para acumular água e não tenha utilização pelos moradores nas calçadas, para que no sábado a Prefeitura retire todos esses materiais e possa permanecer com os ambientes livres de criadouros”, explica a gerente de Zoonoses da capital, Oriana Bezerra. A ideia é que toda a população dedique um dia da semana para verificar todos os possíveis focos do mosquito, fazendo uma limpeza geral em sua residência e impedindo a reprodução do Aedes.

As equipes se encontram em um local e de lá saem percorrendo um quadrante determinado para a limpeza. Na zona Leste o ponto de encontro será a UBS Onesima Nascimento e o quadrante definido será o formado pela Avenida Nicanor Barreto, Rua Laura Conrado e Rua São Carlos. Já na zona Sul as equipes se encontram na praça do Hospital Monte Cartelo e de lá seguem pelo quadrante formado pela Rua Doutor Arêa Leão e as avenidas Gil Martins, Marechal Castelo Branco, Odilon Araújo e Nações Unidas.

A Faxina nos Bairros é uma parceria entre a Fundação Municipal de Saúde (FMS) e as Superintendências de Desenvolvimento Urbano (SDUs) de cada região.