O prefeito Firmino Filho solicitou, junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), agilidade na liberação de recursos para execução do Programa Município Seguro. O pedido aconteceu durante reunião do gestor com o presidente do Banco, Gustavo Montezano, nesta terça-feira, 10, em Brasília.

“Já firmamos parceria com BNDES na PPP de Iluminação Pública e no Programa de Modernização da Administração Tributária (PMAT). Agora estamos com uma negociação nas áreas de eficientização energética, energia fotovoltaica. Queremos também estreitar uma parceria na área social, na área da educação. Seria uma forma de alavancarmos mais facilmente a universalização da educação infantil e de massificarmos de forma mais intensa a escola em tempo integral”, explicou.

O gestor fez apresentação sobre os projetos da cidade para o presidente Gustavo Montezano; Fábio Abrahão, Diretor de Infraestrutura, Concessões e PPPs; e Caio Cavalcanti Ramos, Chefe de Departamento da área de Governo. Na ocasião, também foram destaque as parcerias de Eficiência Energética, Frota Verde e do PMAT.

Através da parceria do município com o BNDES, será criado ainda o Observatório da Violência de Teresina para fortalecer a segurança pública municipal. Estão incluídos nos investimentos a construção de uma sede para a Guarda Municipal e aquisição de equipamentos e materiais.

“Com recursos do empréstimo junto ao BNDES será feita a aquisição de câmeras de vigilância de alta tecnologia. Elas serão instaladas em todas as entradas e saídas e em pontos estratégicos da cidade, o que vai melhorar a atuação da Guarda Municipal”, acrescentou Firmino Filho.