Ascom/Sdu Sudeste

Em 2019, a zona Sudeste recebeu 18 novas academias populares, com um investimento de R$ 1.019.323,08. Em 2020, a Superintendência de Desenvolvimento Urbano (SDU) Sudeste vai instalar mais 22 espaços de lazer e saúde nos bairros da região, com um investimento de aproximadamente R$ 1,5 milhão.

“Serão construídas duas academias previstas no contrato atual e já consta em processo de licitação a instalação de outras 20 em toda a zona Sudeste”, afirma o superintendente executivo da SDU Sudeste, Isaac Meneses. Elas contam com 10 aparelhos de ginástica e atendem cerca de mil pessoas por bairro, que buscam na prática de exercícios físicos melhorar a saúde e qualidade de vida.

Nos espaços onde as academias são instaladas, geralmente praças ou parques, a população também passa a se organizar em prol de outras atividades, como dança, caminhada e artes marciais. O público costuma ser formado por pessoas da terceira idade, mas jovens, como Rafael Cerqueira, de 21 anos, também são adeptos das academias.

“Eu frequento toda semana porque, como eu danço break, preciso fazer alguns alongamentos e exercícios para manter a forma e me preparar. Antes de ter a academia popular era mais difícil, pois eu tinha que me exercitar sem o uso dos aparelhos, no chão mesmo, mas agora facilitou”, conta Rafael.

Ascom/Sdu Sudeste

O superintendente da SDU Sudeste, Evandro Hidd, explica o porquê do investimento nas academias populares. “A saúde preventiva é, sem dúvidas, um dos fatores mais importantes na promoção da qualidade de vida da população. Com as academias populares, tornamos a prática de exercícios físicos e de lazer mais acessível, pois sempre tem uma pertinho da sua casa, e a convivência na comunidade mais frequente e divertida”, destaca.