Ascom/Semduh

A Prefeitura de Teresina realizou neste sexta-feira (6) uma reunião com moradores do Residencial Herberth Sousa, mais conhecido como Residencial Betinho, zona Sul da capital, para orientar as mais de 500 famílias da região sobre o início do cadastro para regularização fundiária, que acontece de 10 a 27 de março.

Nesse período, as famílias receberão a visita da equipe de cadastro da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Semduh) em suas residências para preenchimento de questionários.

“Reforçamos durante a reunião sobre a necessidade da presença de um maior de idade na residência para apresentar os documentos pessoais da família (RG, CPF, comprovante de residência) e responder a um questionário”, explicou Rogéria Sousa, coordenadora de Habitação e Regularização Fundiária da Semduh.

Ainda de acordo com Rogéria Sousa, além dos cadastros serem imprescindíveis para o acesso à regularização da moradia, após a conclusão do processo, a Prefeitura terá uma base de dados para traçar o perfil socioeconômico das famílias, que servirá para direcionar e implantar estratégias com foco no desenvolvimento urbano da região.