Teve início na tarde da última quarta-feira (11) o curso de manipulação de alimentos para os permissionários que irão gerir os boxes de alimentação do Mercado do Satélite. A ação, uma iniciativa da Superintendência de Desenvolvimento Urbano Leste, por meio da Gerência de Serviços Urbanos e em parceria com a Fundação Wall Ferraz (FWF), iniciou ontem e se estende até sábado (14).

Os comerciantes que irão trabalhar nos boxes do mercado público estão aprendendo sobre como resfriar os alimentos, que precisam de baixas temperaturas para a efetiva conservação, e como acondicioná-los de maneira correta.

O manual de boas práticas do curso aplicado também está abordando sobre a importância das infraestruturas e instalações no interior dos boxes, a higiene e a saúde dos permissionários.

Para o gerente de Serviços Urbanos da SDU, Renato Lopes, essa é a oportunidade para que os permissionários conheçam mais sobre as boas práticas relacionadas à manutenção de alimentos. “Poder receber essas informações possibilitará a garantia da higiene dos alimentos e que todos eles sejam próprios para o consumo. Além disso, manipular os alimentos da maneira correta contribuirá para o sucesso das vendas e impulsionará o mercado”, ressaltou.

Recentemente, todos os permissionários do mercado receberam o curso “Gestão de Negócios”, que frisou a importância de gerir bem o negócio, aplicando as diretrizes corretas para atrair os clientes, bem como gerenciar o Mercado como um todo.

O Mercado foi construído para receber 27 bancas para venda de carnes, peixes e frangos; hortifruti; lanchonetes; artesanatos; confecções; consertos; temperos e frios.