A reunião com os comerciantes que estão sendo diretamente beneficiados com a obra de acessibilidade na área central aconteceu nesta sexta-feira (13) na Casa da Cultura e contou com a presença de vários lojistas.

A obra está evoluindo respeitando o cronograma de execução. No momento, os trabalhadores estão fazendo a intervenção na Rua Riachuelo, em frente à sede da Prefeitura de Teresina.

A coordenadora especial da área central, Constance Jacob, considerou a reunião proveitosa, pois foi o momento de mostrar para os comerciantes os benefícios que a obra trará para todos. “Ficamos satisfeitos com a reunião, porque percebemos que temos o apoio dos lojistas, que são as pessoas que ficam mais tempo no centro e que serão os maiores beneficiados com as intervenções”, disse.

Constance explica ainda que a requalificação do centro vai fazer com que as pessoas voltem a frequentar o local. “Ao término da obra teremos um centro agradável para todos,pois poderemos caminhar com segurança e acessibilidade. As calçadas passarão por uma requalificação ganhando piso tátil, que vão garantir acessibilidade para as pessoas com deficiência visual, por exemplo”, explica.

Para Marlecy Machado, que trabalha no centro,  a reabilitação da área central é uma necessidade. “Nossa expectativa é que o centro realmente ganhe outra vida. Acreditamos que passaremos por um  certo desconforto, mas temos certeza que  todos seremos beneficiados com a conclusão da obra”, disse.

A comerciante enfatiza ainda que é preciso que, apos a conclusão da obra, as pessoas preservem os espaços que forem criados. “Estamos dando total apoio a essa obra, mas precisamos cuidar para que as pessoas respeitem e preservem os espaços que forem criados, pois será um local bom para todos nós”, acrescenta.

O empresário Alfio Evangelista entende a obra de requalificação do centro é essencial para atrair mais pessoas para fazerem suas compras na área central da cidade. “Acreditamos no centro, inclusive construímos recentemente uma galeria próximo à nossa loja. Esperamos que essa obra consiga melhorar o centro para todos nós”, complementa.

Estão passando por requalificação as vias públicas que estão localizadas no quadrante composto pelas ruas Álvaro Mendes, Paissandu, Barroso e a Avenida Maranhão. O principal objetivo do projeto é transformar a área em um espaço com total acessibilidade, onde o pedestre seja o protagonista.

O total investido será de R$ 2.287.970.77 e tem prazo de conclusão de 12 meses. Outras ruas do centro irão receber melhorias visando a acessibilidade, como é o caso das ruas Coelho Rodrigues e da Rua Simplício Mendes.