Ascom/SMPM

Em reunião realizada na última segunda-feira (16), o Prefeito Firmino Filho definiu um plano de ação para conter a disseminação do novo Coronavírus em Teresina. Para a Secretaria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres (SMPM), a determinação é o adiamento das diversas atividades da Agenda Março Mulher e suspensão no funcionamento dos Serviços Amor de Tia Norte e Sudeste por pelo menos 15 dias, a partir desta quinta-feira (19).

De acordo com as ações emergenciais definidas, a Conferência Municipal dos Direitos das Mulheres, que estava prevista para acontecer no dia 31 de março, foi adiada para uma data ainda a ser determinada. Também foram adiados eventos como Selo Dona Saló que aconteceria nesta quarta-feira (18), rodas de conversa, visitas, inauguração do anexo do Amor de Tia Sudeste e demais atividades coletivas que geram uma maior concentração de pessoas.

Já o Centro de Referência Esperança Garcia (CREG), que atende mulheres em situação de violência, não teve seu funcionamento suspenso por trabalhar com a dinâmica de atendimentos individuais, sem tantas aglomerações de pessoas.

A Secretária Municipal de Políticas para as Mulheres, Macilane Gomes, afirmou que todas as medidas adotadas foram feitas sob recomendação dos profissionais de saúde e especialistas.

“Tudo isso foi feito analisando todo o contexto social e o impacto desse vírus que é nosso inimigo invisível. Vamos seguir todas essas recomendações, cumprindo todo esse protocolo, seja de maneira individual ou institucional. Convocamos que todas as mulheres, toda a cidade de Teresina, possa dar um exemplo de como combater esse vírus, que tem a ver com nossas atitudes individuais e coletivas”, enfatizou a secretária.

Segundo a Fundação Municipal de Saúde, a cidade de Teresina ainda não possui nenhum caso confirmado de Coronavírus. No entanto, segundo a Secretária Macilane Gomes, essa informação não pode deixar a população descansada, devendo tomar todos os cuidados na mesma intensidade que as outras capitais.

“A situação exige uma mudança de comportamento, neste momento se faz necessário uma atitude coletiva de bloqueio e prevenção. Temos que mostrar para o mundo toda nossa capacidade. Ainda não tivemos nenhum caso confirmado em Teresina, mas se tivermos, teremos toda a inteligência e habilidade para superar esse problema”, finalizou.