Com a pandemia do novo coronavírus (COVID-19), as Superintendências de Desenvolvimento Urbano (SDU) definiram estratégias com o objetivo de minimizar as chances de disseminação do vírus, baseadas nas recomendações dos órgãos de saúde.

Pelos próximos 15 dias, estará suspensa a emissão de licenças para eventos em vias e espaços públicos, evitando aglomerações de pessoas. As inaugurações de obras antes previstas para este período também serão adiadas.

A limpeza dos mercados e cemitérios públicos está sendo intensificada em todas as zonas da cidade. Esses espaços seguirão funcionando normalmente, mas os órgãos recomendam que as pessoas evitem se aglomerar nos locais e alertam para cuidados com a higiene também em público.

O gerente de Serviços Urbanos da SDU Centro Norte, José Neto, reforça que com essas medidas a ideia é proteger e proporcionar mais segurança para as pessoas. “Estamos orientando a todos que evitem visitar os cemitérios e mercados públicos, para conter a contaminação. Os nossos funcionários também estão sendo orientados para fazer a limpeza das mãos com frequência com álcool gel, bem como deixar os ambientes de trabalho higienizado constantemente”.

O atendimento ao público no protocolo continua normalmente, das 07h30 às 13h30, com os ambientes dos órgãos devidamente higienizados e arejados, com as janelas abertas, e em cada um deles será colocada à disposição do servidor uma unidade de álcool gel, bem como de outros produtos de limpeza permanente.

No entanto, ressaltando a importância de evitar o contato físico e direto entre as pessoas, as SDUs recomendam à população que evite se deslocar aos órgãos e busque fazer suas solicitações por meio do Processo Eletrônico, telefone ou o aplicativo Colab. Vale ressaltar que, em situações de emergência, as equipes também estarão disponíveis para assistência.

Na SDU Leste, pessoas com mais de 60 anos que necessitarem de atendimento no protocolo do órgão municipal serão redirecionadas para um local mais afastado, onde terão atendimento separado. A ação tem o intuito de não expor os idosos e atendê-los de forma prioritária.

Na SDU Sul, segundo o superintendente executivo do órgão, Paulo Roberto, os funcionários mais idosos e também aqueles com doenças crônicas – que configuram os grupos de risco – além de servidores com gripes e resfriados, foram orientados a tirarem férias ou licenças e ficarem em casa para evitar contaminação. Ele afirma também que os serviços de limpeza e capina seguem normais, com aumento na frota do transporte dessas equipes para que não haja um grande número de pessoas dividindo o mesmo ônibus, diminuindo as chances de contágio.

A SDU Sudeste vai promover, nesta quarta-feira (18), palestra de orientação ministrada por um profissional da Fundação Municipal de Saúde (FMS) para manter a equipe informada sobre a importância da adoção de medidas preventivas. “Estamos lidando com um período de risco à saúde de todos. Por isso, queremos garantir que estamos tomando todas as medidas necessárias para assegurar que nossos colaboradores e cidadãos estejam seguros”, destaca Evandro Hidd, superintendente do órgão.