Com a necessidade de prevenção contra o novo coronavírus, a Prefeitura de Teresina está mantendo os serviços essenciais em vários setores, como saúde, assistência social e limpeza da cidade, por exemplo. Na área administrativa, estão sendo mantidas apenas aquelas atividades consideradas necessárias. A ideia é manter o máximo de servidores em casa e evitar aglomerações de pessoas.

O prefeito Firmino Filho orientou a todos os secretários para que façam um planejamento em cada setor, de forma a deixar funcionando apenas o mínimo essencial. “É uma medida extrema, mas necessária. É fundamental evitar o contato social e diminuir a circulação de pessoas. Nesse momento, é preciso ter muita responsabilidade. Temos um compromisso com a cidade e a ordem é desacelerar”, orientou o prefeito.

Muitos serviços municipais estão sendo oferecidos através de aplicativos, o que evita o deslocamento às secretarias e ao Palácio da Cidade. Em regime de home office, os servidores da Empresa de Processamento de Dados de Teresina (Prodater) estão trabalhando para disponibilizar novos serviços online, via Teresinense Digital, para que a população possa continuar tendo acesso ao que precisa, mas sem necessidade de se deslocar aos órgãos públicos. Solicitação de limpeza de ruas, tapa-buracos e requerimentos em diversos órgãos, por exemplo, são alguns dos serviços que já estão disponibilizados pela internet.

Muitas pessoas já começam a seguir a orientação dos profissionais de saúde sobre permanecer em casa. As ruas do Centro da cidade amanheceram com menos gente circulando nesta sexta-feira, além do pouco fluxo de veículos nas ruas. A tendência também é diminuir o número de pessoas em shoppings, bares, restaurantes, tendo em vista decreto baixado pelo Governo do Estado em parceria com as prefeituras atestando estado de calamidade pública em saúde no Piauí.