Durante live com o prefeito Firmino Filho, o biomédico PhD em Saúde Pública e Epidemiologia, Onicio Leal, afirmou que ferramentas de Vigilância Participativa, como a plataforma Colab, são importantes para identificar e agir de forma mais eficaz nos casos de Covid-19 em Teresina. A conversa, que foi transmitida pelas redes sociais nesta segunda-feira (13), abordou temas como as tecnologias utilizadas ao redor do mundo para o enfrentamento do novo coronavírus e sobre a iniciativa Brasil Sem Corona.

Teresina é uma das 1.100 cidades brasileiras que utilizam a plataforma Brasil sem Corona em parceria com o Colab com o objetivo de mapear os casos de Covid-19. A iniciativa pode ajudar as equipes de saúde das prefeituras e governos estaduais e federal a combater a epidemia do coronavírus.

“O perfil dos usuários de Teresina é muito bom. As pessoas são comprometidas no fornecimento dos dados, o que ajuda muito o Poder Público. A Prefeitura tem feito um ótimo trabalho de divulgação, o que a diferencia de muitas cidades que também utilizam a plataforma. Teresina é um exemplo de utilização de tecnologias que promovem a Vigilância Participativa”, afirmou o epidemiologista.

Ele ressalta que, métodos como a Vigilância Participativa, tentam desburocratizar a informação utilizando o cidadão como fonte de participação na construção desses dados. “Os usuários cadastrados na plataforma devem reportar, pelo menos uma vez por dia, a presença ou não dos sintomas relacionados ao Covid-19”, explica Dr. Onicio Leal, um dos desenvolvedores da plataforma Brasil sem Corona.

O prefeito Firmino Filho acredita que o Colab é uma ferramenta que pode ajudar na diminuição da disseminação do vírus na cidade, mapeando os casos de Covid-19 e ajudando as equipes de saúde a combater a epidemia. “Essa é uma plataforma que ajuda a estreitar a ligação dos cidadãos com a Prefeitura. Através do aplicativo Colab, a atuação acontece em três frentes: vigilância participativa, informação e fiscalização. Todas dentro de um único pilar: a colaboração”, comentou o prefeito Firmino Filho durante a conversa.