O Hospital de Urgência de Teresina (HUT) divulgou um balanço que aponta aumento de vítimas de agressões físicas e de acidentes de trânsito atendidas durante o feriadão. No período de distanciamento social estabelecido pelo município, esta é a primeira vez que a unidade de saúde apresenta crescimento nos registros.

De acordo com o levantamento do Setor de Estatística do HUT, no período de 17 a 21 de abril deste ano, 31 pessoas foram vítimas de agressões físicas, um crescimento de 35% em relação ao final de semana anterior ao Feriado de Tiradentes de 2019. As ocorrências mais registradas foram perfuração por faca, uso de arma de fogo e espancamento.

Já em relação aos acidentes de trânsito, durante o feriadão, houve um aumento de 17% na entrada de vítimas. Ao todo, foram 97 atendimentos, sendo 86 deles referentes a motocicletas.

O diretor geral do HUT, Rodrigo Martins, avalia que a variação nos números está diretamente relacionada ao descumprimento do distanciamento social.

“Com mais pessoas circulando nas ruas, aumenta a probabilidade de acidentes ocorrerem, por exemplo. Vale lembrar que todos nossos leitos de UTI continuam ocupados, representando um obstáculo caso o hospital receba pacientes diagnosticados com covid-19 e também precisem desses leitos em caso graves”, avalia Rodrigo Martins.