Em mais uma ação de solidariedade, os assistentes sociais da Gerência de Habitação da SDU Leste estão em campo, visitando famílias que tiveram suas casas atingidas pelas chuvas na última terça-feira (21). A ação está acontecendo em parceria com a Defesa Civil, que emitirá um parecer técnico sobre a situação das famílias visitadas.

Até o momento, os assistentes sociais visitaram famílias residentes nos bairros Ininga, Pedra Mole, Vila Madre Teresa (bairro Samapi), Noivos e Vila do Avião. Ao todo, 25 famílias receberam as visitas do órgão.

De acordo com a gerente de habitação da SDU, Aldeane Velozo, a ação tem o objetivo de promover um amplo diálogo com as famílias e fazer um pré-cadastro com todos os dados necessários. “Nos últimos dias Teresina enfrentou fortes chuvas em um curto espaço de tempo. Além de nos sensibilizarmos com a causa, estamos cumprindo essa missão solidária da Prefeitura de levar um acolhimento aos moradores. Nossa missão é orientá-los para que eles procurem um aluguel solidário que, posteriormente, serão incluídos no Programa Cidade Solidária”, ressaltou.

Também integrando as visitas, a assistente social Marlene Siqueira explicou como a ação está sendo feita. “Estamos visitando essas famílias para entender as suas realidades e fazer seus pré-cadastros com nome completo, endereço, telefones e documentos. É válido ressaltar que o Programa Cidade Solidária, responsável pela realocação das famílias em situação de risco, ocorre por meio da Família Solidária e do Residência Solidária”, explanou.

No programa Família Solidária, a pessoa acolhida indica outra família para lhe receber e a Prefeitura repassa uma ajuda de custo no valor de R$ 300,00. Já no programa Residência Solidária, a família deve indicar um imóvel, no valor de até R$ 300,00 para alugar, e a Prefeitura arca com o pagamento no prazo de até um ano.

O superintendente da SDU Leste, João Pádua, avaliou a importância do trabalho realizado pela Prefeitura. “Esse trabalho solidário feito pelos nossos assistentes sociais é extremamente valoroso. O monitoramento acontece rotineiramente, mas nesses períodos de chuva, a ação acontece de forma mais atuante e constante. Nossa missão é levar mais dignidade às famílias que tanto necessitam de ajuda do município”, afirmou.

A ação continuará acontecendo nos próximos dias. Os cidadãos que queiram solicitar orientações da Gerência de Habitação podem entrar em contato por meio do telefone (86) 99490-0864.