Teresina registrou nesta terça- feira (05) 40 novos casos de COVID-19, totalizando 580 pessoas com a doença. Os dados são da Fundação Municipal de Saúde (FMS) e Secretaria Estadual de Saúde do Piauí (Sesapi).

“As medidas de isolamento social continuam sendo a ferramenta mais importante no controle das pandemias, como o coronavírus. Quando analisamos os casos da capital do Piauí percebemos uma diferença notória entre as demais capitais do Nordeste, principalmente nossos vizinhos Maranhão e Ceará. Mesmo sabendo que cada município tem sua particularidade em termos de fluxo de pessoas, podemos perceber que a adoção de medidas de isolamento social, quando feito em momento oportuno, pode resultar nessa diminuição de números de casos. A quantidade de casos e óbitos da cidade poderia ser bem maior se não estivéssemos fazendo todos os esforços no sentido de manter o isolamento social. É uma tarefa árdua, mas ela não deve ser interrompida”, explica Carlos Gilvan Nunes, infectologista da FMS de Teresina.

O índice de isolamento social em Teresina vem oscilando nos últimos dias, tendo registrado percentuais abaixo de 50%. Nesta segunda-feira (04), esse índice ficou em 46,8%. De acordo com pesquisa de investigação sorológica com teste para Covid-19, encomendada pela Prefeitura de Teresina, cerca de 12.492 pessoas devem estar infectadas pelo novo coronavírus na capital. Os dados indicam que para cada pessoa infectada na capital, existem outras 52 não notificadas.

Da primeira etapa da pesquisa para a segunda houve um crescimento de 59% no número de infectados. Já da segunda para terceira, o aumento foi de 62%.