Os profissionais de saúde das três Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Teresina e do Hospital de Campanha Pedro Balzi estão recebendo uma capacitação que tem como principal objetivo a utilização de ventilador mecânico em pacientes diagnosticados com Covid-19. A atividade iniciou esta semana e segue até o final da pandemia do novo coronavírus, sendo realizada por consultores do Hospital do Coração, mais conhecido como HCor, um hospital de referência na cidade de São Paulo.

O HCor, enviou equipes assistenciais para capacitar os profissionais de saúde. A ação é uma parceria entre o hospital, Ministério da Saúde e o Conselho Nacional de Secretarias da Saúde (Conass), por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS).

Três profissionais do HCor ficarão em Teresina durante esse momento de pandemia. “Esta semana realizamos visita a todas as três UPAs e ao hospital de campanha. O objetivo é promover o alinhamento de conceitos e capacitar as equipes assistenciais quanto à assistência de pacientes Covid-19. Avaliamos o fluxo de atendimento, os recursos físicos e profissionais utilizados pelas unidades”, afirmou Américo Bez, da equipe HCor. Ele acrescenta que já houve um momento referente a capacitação do manejo de ventilador mecânico em pacientes e que o trabalho é contínuo.

Os profissionais de Teresina contam também com o apoio da Tele-UTI, onde podem discutir, através de um número 0800, os casos dos pacientes com médicos intensivistas do Proadi-SUS, melhorando o atendimento daqueles com síndrome respiratória aguda grave. “A UPA Renascença recebeu a visita do Dr. Americo Bez, que coordena o programa Proadi-SUS HCor . Na ocasião, Américo conheceu o fluxograma de atendimentos da UPA Renascença e um pouco da experiência que temos implementado para reduzir o tempo de permanência dos nossos pacientes na unidade, dando resolutividade e encaminhamento as demandas do serviço. Américo destacou a organização do serviço e dos nossos protocolos, utilizando-os de referência para outras unidades que irá visitar e que visitou”, informou Thamara Carvalho, diretora da UPA Renascença.

Os principais benefícios do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS) para a população são a redução de filas de espera, qualificação de profissionais para a melhoria de desfechos clínicos, pesquisas de interesse público, validação de diretrizes, estudos de identificação de barreiras nas políticas públicas de saúde, avaliação de tecnologias para o SUS, melhoria da gestão de hospitais públicos e atendimento especializado de casos mais complexos.