Ascom/Semec

Começa na próxima segunda-feira (15) o regime especial de atividades não presenciais da Rede Municipal de Teresina. Para retomar o calendário letivo e ainda manter as medidas de isolamento social em decorrência da pandemia do coronavírus, a Secretaria Municipal de Educação organizou um sistema de aulas à distância.

Hoje (9), os diretores das escolas da Prefeitura participaram de um encontro virtual com a secretária municipal de Educação Kátia Dantas. O grupo acertou os últimos detalhes para o início das atividades, que devem utilizar múltiplos recursos. Kátia pediu apoio dos gestores. “Estamos em um novo momento e precisamos nos reinventar, utilizar todas as ferramentas a favor do aprendizado dos nossos alunos. Vamos fazer o melhor que podemos com o que temos agora”, disse.

Para as crianças da Educação Infantil, a Semec planejou o envio de videoaulas e atividades pedagógicas pela internet, além da entrega de atividades impressas, livros didáticos e kits de alfabeto móvel. A turma da Educação de Jovens e Adultos (EJA) também vai utilizar os recursos digitais para interação. Os professores enviarão todas as atividades de acordo com um cronograma do planejamento.

Os alunos do Ensino Fundamental passam a contar com um novo recurso, além das plataformas digitais. As aulas serão transmitidas pela televisão, por meio de quatro canais locais. Inicialmente, os vídeos exibidos são fruto de uma parceria com a Fundação Lemann e a Secretaria do Estado da Educação de São Paulo. Cada turma terá um horário específico para acompanhar o conteúdo na TV.

De acordo com a secretária executiva de Ensino Irene Lustosa, o regime especial de atividades foi pensado para que os alunos retomem o ritmo de aprendizado e as aulas possam ser contabilizadas como parte do calendário escolar. “Distribuímos as disciplinas de forma a contemplar conteúdos diversos todos os dias, inclusive com aulas de dança, teatro, música, desenho, entre outras”, afirma.