A Prefeitura de Teresina, através do programa Teresina Solidária, inicia nesta segunda-feira (15), a entrega de cestas básicas a motoristas de aplicativos, categoria que ainda não havia sido atendida com o benefício. O objetivo da Prefeitura com essa iniciativa é atenuar os efeitos financeiros da quarentena para famílias chefiadas por autônomos.

“O Teresina Solidária inicia essa nova etapa e vamos dar prosseguimento com o cadastro das associações de moradores. Na sequência, faremos a entrega de mais de 36 mil cestas àquelas famílias cadastradas que ainda não foram atendidas pelo auxílio emergencial do governo”, explica a secretária da Semcaspi, Janaina Carvalho.

As entregas são organizadas considerando a vulnerabilidade daqueles que ainda não receberam o auxílio emergencial do Governo Federal. No caso dos motoristas de aplicativo, após a convocação, deve ser feito um cadastro via Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans). As entregas estão acontecendo da sede da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi).

Nesta segunda etapa, o Teresina Solidária conta como novo modelo de cadastro, pautado no encaminhamento de beneficiários a ser feito pelas Associações de Moradores da capital que estão inseridos no Orçamento Popular.

O cadastro para recebimento da cesta por meio das Associações de Moradores pode ser feito através do [http://sts.pmt.pi.gov.br/app/login.php]. Representantes de cada instituição devem cadastrar até 50 famílias vulneráveis. O acesso ao cadastro pede usuário e senha, sendo o usuário o CPNJ da entidade e a senha o conjunto dos seis primeiros números do CNPJ. Mais informações podem ser obtidas entrando em contato com o número (86) 3131-4729 ou conferindo o site e as redes sociais da Semcaspi.