Após medidas mais restritivas, os índices de isolamento social cresceram em Teresina durante o final de semana. Neste domingo, chegaram a 56,2%, número maior que os 53,4% registrados no domingo anterior e um dos maiores índices verificados nos últimos 30 dias. No sábado, os números também foram positivos, chegando a 50,2%, bem maiores que os 41,8% registrados no sábado anterior.

O prefeito Firmino Filho destacou o avanço das taxas de isolamento. “Tivemos esse aumento significativo, que é fundamental nesse momento em que nos preparamos para a retomada gradual das atividades. Já estamos com três meses com restrições na nossa cidade e sabemos o quão difícil é conviver com essa realidade. É por isso que a gente reconhece o esforço de cada um que ouviu os nossos apelos e ficou em casa para que a gente possa caminhar de forma mais segura para o retorno”, ressaltou.

No último final de semana, o prefeito Firmino Filho editou decretos com medidas que incentivassem o isolamento social. Foi determinado o ponto facultativo nos órgãos públicos municipais na sexta-feira e ainda a restrição às atividades econômicas como supermercados, mercados, panificadoras, borracharias, entre outros, no sábado e domingo. No final de semana, ficaram autorizados a funcionar apenas farmácias e drogarias, serviços de saúde, segurança, vigilância, delivery exclusivamente para alimentação e órgãos e profissionais de comunicação.

Para garantir o cumprimento das medidas, a Guarda Municipal também atuou fazendo a fiscalização dos estabelecimentos e orientando a população em relação as medidas que deveriam ser adotadas. Somente no final de semana, mais de 300 estabelecimentos foram visitados pelas equipes da Guarda e de Fiscalização das Superintendências de Desenvolvimento Urbano (SDUs). Somente em junho, mais de 6 mil estabelecimentos já foram vistoriados pela Guarda.

Segundo os dados da startup In Loco, os melhores índices de isolamento social no domingo foram registrados na região Leste da cidade, com 57,08% das pessoas permaneceram em casa. As zonas Sul e Centro Norte registraram os mesmos percentuais, de 55,78%, enquanto na zona Sudeste os índices chegaram a 55,59%.

O analista de sistemas da Prefeitura de Teresina, Eduardo Aguiar, que monitora os números, destacou que o esforço da população no final de semana surtiu efeito positivo. “Um isolamento social mais rígido de sete dias, como foi proposto pelo prefeito, já começa a demonstrar seus resultados. Nós já cumprimos três dias e tivemos um bom resultado. É importante iniciar uma flexibilização controlada para evitar o que aconteceu em outras cidades: Fizeram uma reabertura apressada e desordenada e, por isso, foram obrigados a fechar tudo novamente. Então vamos seguir a orientações médicas e, por mais alguns dias, vamos ficar em casa”, frisou.

A In Loco mede também os percentuais por bairros. Ininga (63,6%), Bom Princípio (63,53%), Macaúba (63,03), São João (63%), Centro (62,22%), Noivos (62,65%), Recanto das Palmeiras (60,88%), Horto (60,53%), Distrito Industrial (59,95%), Brasiliar (59,8%), registraram os melhores índices. Na outra ponta está bairros como o Parque Jacinta (36,7%), Pedra Miúda (46,8%), Cabral (50%), Acarapi (50,5%), São Joaquim (50,77%).