A educação de Teresina é objeto de estudo de diversos especialistas e modelo para redes de ensino de todo o país. Esta semana, o presidente do Instituto Alfa e Beto, João Batista Oliveira, fez uma live no canal do YouTube do Instituto destacando o caso de sucesso na alfabetização da rede municipal de Teresina.

João Batista apresentou dados da educação dos últimos anos, comparando os resultados da capital piauiense com as demais do Brasil. Ao ressaltar aspectos como o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), custo aluno e aprendizagem por ciclo de ensino, o especialista contextualiza o cenário de alfabetização das crianças.

“Alfabetização é importante porque é condição necessária para o sucesso escolar. Sem alfabetizar não tem como você ir adiante. Teresina tem feito isso muito bem, com gestão, planejamento e foco”, disse o especialista, que apresentou gráficos sobre a evolução dos resultados.

Os dados de aprendizagem em matemática, por exemplo, mostram Teresina próxima da média nacional em 2005. Já em 2017, a proficiência dos alunos chegou a 248,2 na rede municipal, enquanto o Piauí apresenta média 209,1 e o Brasil 220. Os números crescentes nos gráficos comparativos seguem a mesma linha nos anos iniciais e finais, seja em matemática ou língua portuguesa.

“É preciso que o Brasil saiba que Teresina está no caminho certo e tem feito um esforço notável. Os resultados são impressionantes, comparando tanto com cidades pequenas quanto com grandes cidades. A população só ganha”, declara João Batista. A transmissão ao vivo durou quase duas horas e foi vista por educadores de todo o Brasil.