As mulheres atendidas pelo Centro de Referência Esperança Garcia (CREG) iniciaram nesta segunda-feira (12) o curso de Balconista de Farmácia, através da parceria da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM) com a Fundação Wall Ferraz (FWF). Ao todo, 15 mulheres estão participando da formação profissional.

“Os cursos são uma oportunidade na vida dessas mulheres, um ponto de recomeço para essas mulheres que já chegam ao serviço em uma situação complicada, e agora podem se reerguer por meio de um acolhimento, uma profissionalização e também esperança por meio dos serviços da secretaria”, ressalta a secretária da SMPM, Karla Berger.

O Creg atende mulheres em situação de violência doméstica, familiar e de gênero que moram em Teresina, oferecendo assistência jurídica e psicossocial. Para Lidiane Silva, auxiliar administrativa do serviço, a capacitação promove com que essas mulheres saiam das dependências do lar violento e busque sua autonomia.

“Um dos fatores que fazem com que as mulheres permaneçam com os agressores é a dependência financeira e o serviço impacta nesse acolhimento. Esse curso vai fortalecer e emponderar essa mulher durante o ciclo da situação de violência, dando a elas o poder, confiança e capacitação para o mercado de trabalho”, relata Lidiane.

Uma das mulheres atendidas pelo serviço, concedeu entrevista, mas preferiu não se identificar, ela relatou que há dois anos estava sob situação de violência psicológica e física diariamente, como também mantida em cárcere privado. Em setembro de 2020, fugiu do lar de violência com os filhos pela madrugada e com a ajuda de um vizinho, que possuía conhecimento do Creg, encaminhou a mulher ao serviço. Durante o atendimento, foi recebida e acompanhada para os procedimentos jurídicos e legais para formalizar a denúncia e aderir a medida protetiva.

“Há quase dez meses de acompanhamento, tenho recebido toda a força e acompanhamento possível. Atualmente estou desempregada e tenho superado todos os dias, venho buscando me recuperar dos traumas que passei. Esse curso vem para melhorar minha autoestima e desenvolver uma habilidade para uma oportunidade”, diz a atendida.

Outros três cursos ainda serão desenvolvidos no espaço, entre eles, de empreendedorismo, panificação e corte de cabelo.

Sobre o Creg

O serviço realiza o atendimento as mulheres em situação de violência doméstica, familiar e de gênero, residentes em Teresina, com idade de 18 a 59 anos, oferecendo assistência jurídica, social e psicológica, além de ofertar Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (PICS) e cursos de capacitação profissional.

As mulheres podem ser encaminhadas pela rede de enfrentamento a violência contra a mulher ou acessar diretamente o serviço. Como também, em parceria com a Guarda Maria da Penha, as mulheres acompanhadas pelo CREG que possuem Medida Protetiva são monitoradas pela Guarda Maria da Penha. Este atendimento visa a sua proteção

Onde encontrar o atendimento?
R. Benjamin Constant, 2170 – Centro Norte
Segunda à Sexta, das 08:00 às 17:00
(86) 3233-3798 / 99416-9451