Em comemoração ao aniversário de 169 anos de Teresina, a Prefeitura de Teresina realiza prestação de contas do trabalho realizado nas regiões da cidade. Em foco, sobre o comando efetivo da atual gestão, são 300 obras retomadas, iniciadas e em processo de licitação.

A entrega de obras como o Centro de Valorização a População em situação de rua, escolas municipais, a Creche dos Idosos, a praça da Bíblia, na zona Norte e a nova Casa da Cultura, destaca o compromisso de uma gestão integrada com o povo.

Entre as ações realizadas, o prefeito Dr. Pessoa destinou maior atenção as regiões mais afastadas dos pontos de maior movimentação da capital, beneficiando a população mais carente e que precisa de uma maior atenção. Para esta comunidade, a prefeitura entregou obras de pavimentação poliédrica, conserto de praças, ruas e avenidas; academias populares e revitalização de espaços de lazer.

“Estamos alegres pelo que fizemos e com expectativa positiva pelo que vamos apresentar ao longo do mês. São muitas obras que vão ser entregues. São nossas e outras obras paradas que conseguimos concluir, e que serão entregues à população. Um mês de alegria, festividades, dando pontapé neste ano de administração”, destaca o prefeito.

Outra importante obra que está em andamento na cidade é a continuidade da construção e reforma do Centro de Controle Operacional (CCO) de Teresina. A obra possui valor total de R$ 26 milhões, com previsão de conclusão em dezembro deste ano.

Na área da saúde, a Prefeitura retomou a reforma do Hospital Ozéas Sampaio e a construção do CAPS II Leste. Com recursos oriundos da União, as obras somam um valor total R$ 4.348.366,23.

Nas últimas semanas, o prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, acompanhado do secretário Municipal de Planejamento, João Henrique Sousa, esteve em Brasília para tratar de projetos como a verticalização e o adensamento de regiões da capital piauiense com a Secretaria Nacional de Aviação Civil; integração das bacias do rio Parnaíba e Poti com a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e as instalações do futuro Centro de Controle Operacional (CCO) com o Ministério de Desenvolvimento Regional.

“Tivemos uma audiência com o ministro do Desenvolvimento Regional e lá entregamos esse projeto de integração das Bacias. O projeto consiste em levar 3% das águas do Parnaíba para o rio Poti e isso irá irrigar seis mil hectares ao redor de Teresina para que possamos ter produtos hortifrútigranjeiros de origem própria. O Dr. Pessoa quer que a capital tenha autonomia na produção agrícola e um aporte na economia de quem trabalha com esse segmento”, explicou João Henrique Sousa, secretário municipal de Planejamento.

“Essa campanha é também a prestação de contas da gestão. Temos cerca de 300 obras no comando do Dr. Pessoa em sete meses e isso está sendo apresentado à população. Durante todo os dias do mês de agosto, teremos assinaturas de ordem de serviço, inaugurações e obras que serão entregues ao teresinense”, conclui Lucas Pereira, secretário de Comunicação.