A comunidade do bairro Planalto Uruguai participou de uma manhã cheia de atividades neste sábado (25). Os acadêmicos de vários cursos da UNINASSAU levaram serviços gratuitos para o Centro Municipal de Educação Infantil Maria Amélia Freitas Mendes de Oliveira.

A programação teve início com apresentações musicais das crianças do CMEI, que acolheram os visitantes com uma dose de motivação e esperança. Durante toda a manhã, os acadêmicos ofereceram serviços como orientação jurídica e psicológica, avaliação nutricional e glicêmica, vermifugação de animais domésticos, contação de histórias, entre outros.

De acordo com a diretora interina do CMEI, Gláucia Tatyanna, a escola costuma abraçar todas as causas que beneficiem a comunidade. “Oferecemos todo o apoio e mobilizamos os pais de alunos para participar. Acreditamos nessa integração para o bem. Também estávamos com saudade de ver a escola cheia novamente”, disse Gláucia. Para o professor Luiz de Macêdo, as parcerias ampliam o potencial da escola. “Acho esse tipo de evento muito bom, a escola de portas abertas para ajudar a comunidade”, declara.

A coordenadora acadêmica da UNINASSAU, Vivian Brandim, explica que o projeto é itinerante e chega para atender algumas demandas das comunidades. “Estamos levando ações sociais de forma gratuita para a população, sempre em um local diferente. Essa é uma forma de mostrar aos estudantes que toda profissão só faz sentido se trouxer benefícios para quem precisa”, afirma a coordenadora.

Quem aproveitou um pouco de tudo foi a Jaqueline Brito, mãe do aluno Pedro Emanoel, que estuda no II Período do CMEI Maria Amélia. “Esses serviços são difíceis de conseguir gratuitamente, então busquei aproveitar ao máximo. É gratificante saber que podemos contar com essas pessoas na comunidade. Meu filho e eu experimentamos todos os espaços”, conta Jaqueline.

A coordenadora de Alfabetização da Rede Municipal, Aurismar Sousa, esteve no evento representando a Secretaria Municipal de Educação (Semec). Aurismar destacou o potencial do CMEI, sempre com excelentes resultados, e falou da alegria de ver as escolas retomando a rotina aos poucos. “Fico arrepiada de ver as crianças cantando, a equipe escolar recebendo visitantes. Aos poucos, e com responsabilidade, estamos voltando com ações que dão vida às unidades de ensino”, concluiu.