Passados quase cinco ciclos de transmissão da COVID-19 em sua variante Ômicron, após o período do carnaval, a expectativa é de que o cenário epidemiológico permaneça favorável em Teresina. Na 10ª semana epidemiológica de 2022 (6 a 12 de março), apenas 31 casos foram confirmados com mais de 400 amostras testadas, sendo o menor número de casos confirmados desde o início da pandemia.

Os números apontam um cenário epidemiológico favorável, que fizeram com que a Prefeitura de Teresina iniciasse o processo de flexibilização das medidas de contenção não farmacológicas da COVID-19 com base nos critérios da maior agência para estudo e controle de epidemias do mundo: o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC).

O médico Marcelo Vieira, doutor em Virologia e membro do Comitê de Operações Especiais do município (COE), explica sobre as novas etapas de flexibilização.

“Os indicadores atuais da parametrização recomendada pela agência categorizam o município de Teresina como baixo nível de transmissão da COVID-19, em zona verde, no qual são permitidas as medidas de flexibilização. O período médio de incubação e o intervalo entre gerações sucessivas de infectados, ‘intervalo de série’, é de apenas três dias, portanto, os reflexos de maior interação social no período carnavalesco já puderam ser aferidos em termos de atendimentos por síndrome gripal, novos casos confirmados e novas hospitalizações. A depender da permanência do município nesse nível, as novas etapas da flexibilização serão permitidas”, disse Marcelo Vieira.

Mesmo com o cenário otimista, o COE municipal continuará o monitoramento dos indicadores de forma mais intensa para tomar a decisão correta quanto ao prosseguimento das etapas da flexibilização, de forma gradual, responsável e supervisionada.

“Continuaremos em supervisão, em especial, a atenção sobre o surgimento de novas variantes. E mesmo com a maximização da cobertura vacinal, a autonomia do indivíduo será preservada. Aqueles que preferirem ou precisarem manter o uso de máscaras poderão fazê-lo sem qualquer restrição”, concluiu Marcelo Vieira.

Os indicadores epidemiológicos do município podem ser acompanhados através do link: https://linktr.ee/covidthe.