A Prefeitura de Teresina inicia na próxima segunda-feira (2), a partir das 8h30, no bairro Monte Verde, zona Norte, a operação conjunta de combate à dengue, zika e chikungunya em Teresina.

A ação acontece em regime de mutirão onde estarão envolvidas cerca de 300 pessoas entre agentes de saúde, reeducando com acompanhamento da Secretaria de Justiça do Piauí, agentes de limpeza e exército brasileiro. A operação vai acontecer de acordo com o mapa sanitário do Centro de Zoonoses da Fundação Municipal de Saúde (FMS).

Fotos: Rômulo Piauilino / Semcom

Segundo Paulo Marques, da gerência de zoonoses o órgão conta com um contingente de 235 agentes de combate a endemias que já fazem visitas as residências e prédios públicos. “Nessa operação vamos continuar fazendo esse serviço e ainda ganhamos ajuda importante de militares do exército para que o trabalho seja executado mais rapidamente. O importante é diminuirmos o número de mosquitos que estão sugando o sangue e contaminando as pessoas com o vírus da dengue, chikungunya e zika”, afirmou.

O Secretário Edmilson Ferreira, da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Semduh), reforça a importância da força-tarefa que tem como finalidade barrar a proliferação da dengue.

“A operação inicia com as SAADs, atuando com o CTA que é a limpeza, o pessoal da saúde fazendo o fumacê onde tem que ser feito. A limpeza é fundamental para o combate ao mosquito e está sendo realizada em toda a cidade. Estamos contando com apoio dos reeducandos, exército, os agentes de saúde já estão realizando as visitas e todos os ambientes onde estão os focos que precisam ser eliminados”, ressaltou o secretário.

Durante a operação serão realizados divulgação, inclusive com carros de som nos locais onde as equipes atuarão naquele momento.

A operação contará com representantes da Semduh (Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação), Saads (Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas), Fundação Municipal de Saúde (FMS), Secretaria Municipal de Educação (Semec), Guarda Municipal, Defesa Civil, Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semam), Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), Eturb (Empresa Teresinense de Desenvolvimento Urbano), Sema (Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos), Secretaria Municipal de Comunicação (Semcom), Secretária de Justiça do Estado e Exército, além do CTA (Consórcio Teresina Ambiental) com 1800 pessoas envolvidas.