O Hospital de Urgência de Teresina (HUT) faz alerta sobre pessoas que estão se passando por médicos do hospital da unidade para aplicar golpes financeiros.

O caso foi denunciado pelo próprio hospital após familiares de pacientes terem alertado o recebimento de falsas ligações de uma pessoa que se identificou como Dr. Marcelo que cobrava custos cirúrgicos de pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital.

A coordenadora da UTI geral adulto, do HUT, Sílvia Alcântara fala sobre esse tipo de golpe e da importância de ficar atento. “Infelizmente os golpistas utilizam o telefone, ligam ou mandam mensagem usando nome de profissionais do HUT pra solicitar dinheiro das pessoas tentando se aproveitar do momento de fragilidade dos parentes de pacientes para ter sucesso no golpe”, explica a coordenadora.

O Hospital de Urgência de Teresina não faz contato telefônico com pacientes e/ou familiares para solicitar pagamento por consulta, exame, cirurgia, internação ou medicamento.

O diretor-geral do HUT, Fábio Marcos, lembra que o hospital faz parte do Sistema Único de Saúde.
“O serviço do SUS tem como princípio básico a universalidade de acesso aos serviços de saúde em todos os níveis de assistência. É uma instituição pública que não cobra qualquer valor, todo serviço prestado no hospital é gratuito”, ressalta.

Fábio Marcos pede ainda que se alguém receber ligação com pedido de cobrança não faça nenhum depósito ou pagamento. Pede que a pessoa registre a denúncia na Polícia Civil e na Ouvidoria do hospital, que atende presencialmente, ou pelo telefone: (86) 99562-6683 ou pelo e-mail: ouvidoria1.hut@gmail.com