Prefeito Dr. Pessoa e o secretário municipal de Planejamento, João Henrique Sousa Fotos: Lucas Dias / SEMCOM

A Prefeitura de Teresina esteve reunida, nesta terça-feira (10), com a comissão de representantes da Cooperativa Andina de Fomento (CAF), Banco de Desenvolvimento da América Latina, que financia obras do Programa Teresina Sustentável, vinculado à Secretaria Municipal de Planejamento (Semplan).

A equipe da CAF é formada pelo executivo Diego Vettori e os especialistas técnicos e ambientais, Paulo Rodrigues, Cecília Guerra e Yerko Eterovic. Entre as principais obras do Programa Teresina Sustentável, destaca-se a implantação da Via Marginal Poti Sul, revisão e atualização do Plano de Mobilidade Urbana, revitalização do Centro de Teresina, recuperação do Parque Floresta Fóssil, restauração e reforma do Mercado Central São José, implantação de urbanização do Parque Rodoviário.

A comissão cumpre agenda em Teresina, com conclusão prevista para quinta-feira (12), e integram visitas aos locais que recebem investimentos da CAF e reuniões técnicas com a equipe de Planejamento do município durante esta semana. “Vamos olhar para frente, vamos discutir cronogramas, vamos discutir ações concretas para fazer essas operações andar. Não apenas isso, fazer operações e fazer com que sejam merecedoras dos aditivos que elas precisam para que possam ser concluídas”, aponta Paulo Rodrigues, especialista técnico da CAF. O financiamento contempla investimentos na ordem de mais de US$45 milhões. ”

“Neste primeiro encontro nós analisamos tudo aquilo que diz respeito à operação de investimentos que temos com o Banco de Desenvolvimento Latino-americano (CAF). Foi uma reunião muito proveitosa, o Prefeito Dr. Pessoa fez uma explanação belíssima e nós continuaremos com estas conversas e amanhã com visitas a obras que recebem o apoio do Banco. É uma operação que eles mantem com a prefeitura no total de 45 milhões de dólares, e ainda temos muito a aplicar desses recursos”, pontua o secretário de planejamento João Henrique Sousa.

O objetivo do programa é contribuir para o desenvolvimento econômico, social e ambiental de Teresina, mediante a realização de intervenções em mobilidade urbana, assentamentos precários, requalificação urbano-ambiental e na melhoria da gestão municipal.

“Todas as obras são importantes, são estruturantes, e em nome do Banco quero dizer que estamos aqui imbuídos nesse espírito juntamente com a equipe, com os secretários e com as SAADs. Vai ser necessário um esforço hercúleo de toda equipe da Prefeitura, um esforço concentrado para que possamos retomar e acelerar o ritmo para cumprir o cronograma de obras. É um paciente que ainda inspira cuidados, mas a gente sabe que ele vai se recuperar e conte conosco, é um esforço coletivo para realizar esse avanço importante em cada região”, acrescenta Diego Vettori, executivo responsável pelo programa.