Nesta quarta-feira (11), técnicos de turismo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDEC), iniciaram o mapeamento dos locais onde serão fixadas as placas de sinalização e pórticos de entrada para cada rota turística dos sítios inclusos no projeto da Prefeitura de Teresina.

“Hoje realizamos a medição entre alguns empreendimentos, além da marcação de onde devem ser colocadas algumas placas de informação e alguns pórticos de entrada das rotas. Fizemos o trabalho acompanhados dos proprietários do Araxá Bike Park e da Kitanda Petit, que nos repassaram informações valiosas, dentre elas, os trechos que precisam ser melhorados, quais trechos devem deixar como estar, as trilhas que são utilizadas para bicicletas e as utilizadas para caminhadas e a identificação de uma rota alternativa. Esse trabalho de mapeamento vai ter continuidade e vai alcançar as demais rotas”, esclarece o coordenador de Turismo da SEMDEC, Eneas Barros.

Na oportunidade a equipe também realizou uma visita a Serra do Gavião, local que serviu de inspiração para o nome de uma das rotas do projeto. “Com certeza será mais um atrativo para os visitantes que escolherem a Rota do Gavião, pois será um local para comtemplar Teresina do alto”, afirma o coordenador.

O projeto de turismo rural, que é uma ação prevista no Plano de Governo da gestão do Dr. Pessoa, atualmente é composto por 16 empreendimentos, distribuídos em quatro rotas, sendo elas, Rota dos Ipês, Rota do Gavião, Rota do Lago e Rota da União, mas novos estabelecimentos ainda podem solicitar à SEMDEC sua inclusão. A princípio cada estabelecimento deve preencher um questionário, para em seguida receber visita técnica de avaliação. Para ser incluso é necessário possuir estrutura receptiva e algum diferencial de entretenimento, lazer e gastronomia.

Após a conclusão do mapeamento, será realizada a segunda fase das visitas técnicas com os novos empreendimentos inscritos. “Três novos estabelecimentos, sendo eles, Sítio Sunrise, Bioparque Zoobotânico e Sítio do Mineiro já realizaram o pré-cadastro, com o preenchimento do questionário, o próximo passo a ser realizado são as visitas”, finaliza o coordenador, Eneas Barros.