O projeto Lean ajuda os profissionais em questões, desde a gestão até o atendimento Foto(Ascom/FMS)

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Promorar promoveu, na manhã de hoje (25), sua reunião de avaliação da implantação do projeto Lean, que está em andamento na unidade. Trata-se de uma metodologia que tem por objetivo aprimorar o fluxo de cuidados com os pacientes e organizar a rede de assistência, aumentando a eficiência das equipes.

O projeto Lean ajuda os profissionais em questões, desde a gestão até o atendimento, formas de abordar o paciente, como diminuir filas e como gerir um hospital ou uma UPA em geral. Durante a reunião, os gestores da UPA Promorar apresentaram dados de atendimento, manejo de recursos humanos e logística para diagnosticar os problemas atuais e sugerir soluções baseadas nas ferramentas do projeto.

“Nosso objetivo é aprimorar o atendimento juntamente aos profissionais, fazendo-os pensarem em equipe e chegarem a uma forma de promover um andamento melhor”, explica Gilberto Albuquerque, presidente da Fundação Municipal de Saúde. Ele garante que a gestão da FMS como um todo está presente para acompanhar as dificuldades e buscar as soluções dos problemas encontrados.

O projeto Lean nas UPAs é uma iniciativa do Ministério da Saúde conduzido pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Na rede de Teresina, ele já foi implementado no Hospital de Urgência de Teresina (HUT), em sua primeira etapa – chamada Lean nas Emergências – e agora segue em desenvolvimento nas três UPAs do município.

“Esperamos que a população possa perceber as melhorias que estamos trazendo, pois teremos bons resultados no atendimento de urgência e emergência muito em breve”, garante Gilberto Albuquerque.