Gerência de Vigilância Sanitária de Teresina aplicou 57 penalidades na semana passada

 

A Gerência de Vigilância Sanitária (Gevisa) da Fundação Municipal de Saúde (FMS) aplicou 57 penalizações, sendo 44 notificações e 13 autos de infração em estabelecimentos comerciais no período de 29 de março a 4 de abril.

O monitoramento é feito rotineiramente com o apoio da Polícia Militar e Guarda Civil Municipal para verificação do cumprimento do Decreto com medidas mais restritivas nesse período.

A Gevisa atua em cerca de 200 estabelecimentos por noite e 1.000 estabelecimentos por final de semana, já que em dias de lockdown a fiscalização não é exclusiva em serviços essenciais, como também em estabelecimentos que estão obedecendo o Decreto e os não essenciais que insistem em desobedecer.

A gerente de Vigilância Sanitária, Larisse Portela, informa que o monitoramento ocorre em todas as zonas de Teresina.

“Os tipos de estabelecimentos considerados não essenciais mais frequentemente encontrados abertos durante as vistorias são: lojas de material de construção, salões de beleza e barbearias, lojas de manutenção e acessórios de aparelhos de celular, oficinas de refrigeração e comércio de variedades. Também encontramos bares e restaurantes fazendo atendimento presencial em dias de lockdown”, disse a gerente de Vigilância Sanitária

Ela destaca e agradece o apoio da população que tem denunciado os estabelecimentos que descumprem o decreto. A Gevisa disponibiliza os fones 3215 9102 e 3215 9115 para a população fazer denúncias.

 

Foto: Ascom FMS

Kits de alimentação serão distribuídos para alunos da Rede Municipal nos próximos dias

Foto: Ascom Semec

Começa até o dia 15 de Abril, a distribuição de kits de alimentação escolar para alunos da Rede Municipal de Ensino. A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semec), vai entregar mais de 90 mil kits para que os estudantes continuem em casa, já que as aulas permanecem de forma remota.

Os alunos da Educação Infantil receberão os primeiros kits, em dois dias de distribuição nos CMEIs das zonas norte, leste e sudeste. Serão cerca de 13 mil crianças atendidas. As creches da zona sul e os alunos do Ensino Fundamental são os próximos no cronograma de entregas. O objetivo é contemplar todos os estudantes matriculados.

De acordo com a Secretária Executiva da Semec, professora Edileusa Sampaio, os alimentos são equivalentes às refeições que eram servidas nas escolas, incluindo produtos da agricultura familiar.

“O kit contém arroz, leite, proteína, frutas, verduras, etc. Tudo que era consumido pelas crianças na rotina escolar e é essencial para que tenham um bom desempenho nas atividades”, destaca Edileusa Sampaio.

Os alimentos serão entregues aos pais por meio de agendamento de horários, a fim de evitar aglomerações. Os gestores das unidades de ensino devem entrar em contato com os responsáveis pelos alunos.

SAAD Sudeste busca soluções para falta de vagas no sistema funerário e vai construir novo cemitério na região

Com a alta de mortes por Covid-19 em Teresina, está em andamento o planejamento para a construção de um novo cemitério na região Sudeste. As soluções para o enfrentamento à atual crise no sistema funerário foi tema de reunião entre o prefeito Dr. Pessoa e o superintendente da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas – Sudeste, Zé Nito.

No encontro, foi apresentada a situação dos cemitérios públicos dos bairros São Sebastião e Renascença, que não possuem mais vagas para sepultamento. Com isso, o prefeito determinou a procura de uma área que atenda aos requisitos necessários, e de preferência pública, para que seja construído um novo cemitério na região.

Como medida de efeito a curto prazo, também foi autorizada a negociação com a administração do Cemitério Recanto da Saudade, para que os 10% dos jazigos cedidos, conforme determina a Lei, por todo cemitério particular ao município, sejam disponibilizados imediatamente para o sepultamento de vítimas de Covid-19.

“Se necessário, terá disponível no Cemitério Recanto da Saudade cerca de 312 sepulturas. Quanto à construção do novo cemitério, o prefeito se mostrou bastante sensível e já iniciamos as buscas por um local apropriado para que essa situação seja sanada o mais breve possível”, enfatiza Zé Nito.

O superintendente destaca ainda que, conforme determinação da Prefeitura, em caso de falta de vaga em um cemitério público da região, o sepultamento pode ser transferido para o de outra zona de Teresina.

No encontro, foi apresentada a situação dos cemitérios públicos dos bairros São Sebastião e Renascença, que não possuem mais vagas para sepultamento. Foto: Semcom

Prefeito entrega ordem de serviço para a construção de importante galeria na zona Leste

Na manhã de hoje (05), o prefeito de Teresina Doutor Pessoa, esteve na sede da Superintendência das Ações Descentralizadas Leste (SAAD-Leste), juntamente com o vice-prefeito Robert Rios e o vereador Renato Berger, para a entrega da ordem de serviço da construção da galeria da zona Leste, uma importante obra orçada em R$ 54.581.255,85, e que deve sanar o problema de drenagem pluvial dos bairros São Cristovão, Noivos, Jockey, Morada do Sol e Ininga.

Segundo o superintendente da SAAD-Leste, James Guerra, a obra é de grande importância pois com a construção da galeria, a expectativa é que se resolva 70 a 75% do problema histórico do acúmulo de águas na zona Leste de Teresina e que gera tanto transtorno e prejuízos para a população.

“A galeria, que inicia no final da avenida Homero Castelo Branco, próximo ao Pão de Açúcar, até a Maçonaria, na avenida Dom Severino, vai permitir o escoamento adequado das águas das chuvas, principalmente no período de altas precipitações. Amanhã já teremos a primeira reunião técnica entre os engenheiros da SAAD-Leste e a construtora GIMMA Engenharia LTDA, e a ordem é que se inicie imediatamente”, enfatizou Guerra.

A obra deve sanar o problema de drenagem pluvial dos bairros São Cristovão, Noivos, Jockey, Morada do Sol e Ininga. Foto: Semcom

Prefeitura de Teresina inclui guardas municipais, professores e jornalistas no grupo prioritário de vacinação

A Prefeitura de Teresina vai incluir agentes da Guarda Civil Municipal (GCM), professores e jornalistas no grupo prioritário de vacinação contra o novo coronavírus (Covid-19). A medida foi anunciada nesta segunda-feira (5) pelo prefeito Dr. Pessoa.

O gestor enfatiza que o objetivo é imunizar toda a população teresinenses mas, diante da escassez de vacinas disponibilizadas neste momento, é importante priorizar as categorias que seguem desenvolvendo suas atividades e, consequentemente, mais expostas ao vírus.

“Tive um fim de semana de reflexão. Estamos preparando um decreto que estabelece que guardas municipais serão vacinados com prioridade, professores serão vacinados com prioridade e jornalistas serão vacinados com prioridade”, declarou Dr. Pessoa.

O cronograma de vacinação destes profissionais ainda será definido e anunciado pela Fundação Municipal de Saúde (FMS), que tem coordenado a campanha de imunização na capital.

O gestor enfatiza que o objetivo é imunizar toda a população teresinenses mas, diante da escassez de vacinas neste momento, é importante priorizar as categorias que seguem desenvolvendo suas atividades Foto (Rômulo Piauilino/Semcom)

 

SEMAM abraça projeto de comunidade e faz plantio de mudas em área verde no bairro Parque Sul

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SEMAM), através do seu Núcleo de Educação Ambiental (NEA) e Arborização, enviou uma equipe de técnicos para conhecer um projeto de moradores do bairro Parque Sul em Teresina. A comunidade, que sempre teve vontade de arborizar uma área verde do bairro, ganhou o apoio da SEMAM.

“Eu sempre tive esse sonho de ver essa área arborizada. Aos pouquinhos fui plantando uma árvore aqui, outra ali. Mas percebi que precisaria de ajuda. Foi quando fiz um vídeo para Secretaria do Meio Ambiente que prontamente já nos apoiou e enviou mudas para transformarmos esse local”, comemorou Hortelina Viana, moradora do Parque Sul.

Mudas nativas, frutíferas e ornamentais foram plantadas no local com a ajuda dos moradores. Além das plantas, a equipe da Secretaria enviou profissionais para auxiliar com informações importantes junto a comunidade: como plantio e conservação, espaçamento entre as mudas e até oficinas sobre compostagem.

“A nossa comunidade é muito carente nesse sentido e ações como essa de conscientização e preservação ambiental são muito importantes para nós. Esperamos que essas ações também sejam ampliadas para outras áreas porque isso vai beneficiar toda a cidade”, finalizou a moradora.

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente ampliou seus canais de comunicação junto a comunidade. “Qualquer cidadão que queira participar e ajudar seu bairro com o plantio de mudas pode nos procurar. Temos setores específicos prontos para auxiliar nesse trabalho. Além disso, temos dois viveiros de mudas que estão à disposição de Teresina”, afirmou Naisis Castelo Branco, gerente do NEA.

Mudas nativas, frutíferas e ornamentais foram plantadas no local com a ajuda dos moradores Foto(Ascom/Semam)

Semduh reúne coordenadores para avaliar o andamento das ações e formas de reduzir custos

O secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Edmilson Ferreira, se reuniu hoje com coordenadores e demais técnicos da Semduh para avaliar o andamento das ações da pasta, dar encaminhamentos e orientações para os próximos passos e buscar formas de reduzir custos.

Foram levantadas na reunião as demandas relacionadas à regularização fundiária: entrega das moradias do Parque Brasil e desapropriações. Nos próximos dias, a Semduh e a Secretaria do Planejamento entregarão 80 residências na zona Norte contemplando famílias em situação de risco.

Também foram discutidas as ações de desburocratização dos processos da construção civil que já estão encaminhadas e a instalação de banheiros e lavabos em praças públicas.

O secretário também frisou a importância de intensificar as ações de monitoramento dos pontos de descarte irregular de lixo e a necessidade de dar continuidade às campanhas de conscientização da sociedade.

Demandas relacionadas à operação tapa-buraco e à iluminação pública também foram discutidas.

“Tivemos uma reunião bastante produtiva, pontuamos o que vamos priorizar e os próximos passos a serem seguidos. Os coordenadores deram sugestões para tornar o trabalho mais objetivo e reduzir as despesas. Essa é exatamente a meta da nova gestão do prefeito Dr. Pessoa, praticidade, eficiência e redução de custos”, declarou o secretário Edmilson Ferreira.

Foram levantadas na reunião as demandas relacionadas à regularização fundiária: entrega das moradias do Parque Brasil e desapropriações Foto(Ascom/Semduh)

Semplan realiza treinamento sobre gestão de emendas parlamentares para servidores e equipes da Câmara Municipal

A Prefeitura de Teresina, através da Secretaria de Planejamento e Coordenação ( Semplan), realizou treinamento virtual sobre a gestão de emendas parlamentares nos dias 30 e 31 de março. Os cursos foram organizados pela Secretaria Executiva de Planejamento Estratégico e Gestão (Seplag), e ministrados pelo servidor Igor Mendes Carvalho.

Participaram dos treinamentos servidores municipais e assessores de parlamentares que atuam na área de gestão de recursos e utilizam o Sistema de Cadastro de Indicações de Emendas Parlamentares Individuais (SECIEPI).

“Nosso objetivo é sempre realizar encontros como esse para atualizarmos informações, fazermos um apanhado geral do cadastro dessas emendas que pautam a gestão do município. A pauta legislativa é muito relevante para nosso trabalho e reforçar o embasamento jurídico e operacional desse trabalho nos dá uma segurança ainda maior para desenvolvermos nossa missão institucional”, explicou a secretaria executiva, Kárita Allen.

Os treinamentos ocorreram na modalidade on-line, diante do período de medidas mais rígidas de distanciamento social nesses dias de Semana Santa. O objetivo é, mesmo em Home Office, a equipe de planejamento do município agilizar treinamentos e reuniões que pautam as estratégias de gestão da Capital e avançar com discussões importantes, como o Plano Plurianual (PPA) e a Lei Orçamentária Anual (LOA).

“Paralelo aos encontros como esses que realizamos, estamos organizando e trabalhando de forma intensa na conclusão da LDO 2022 que, de forma concomitante, nos demandará outros treinamentos, como do PPA e da LOA, principalmente quando abrirmos o sistema para cadastro de emendas parlamentares para 2022. É nosso compromisso, enquanto gestor da pasta de planejamento estratégico, acompanhar essas ações para que a gestão do prefeito Dr. Pessoa tenha uma excelente organização orçamentária”, conclui Kárita.

Para a advogada Jéssyca Aguiar, o treinamento trouxe um embasamento ainda maior para a gestão municipal. “Tivemos um treinamento intenso com a pauta das emendas parlamentares. Gostaria de agradecer a Secretaria de Planejamento por essa iniciativa que, com certeza, nos permitirá um trabalho ainda mais assertivo”, explicou.

Participaram dos treinamentos servidores municipais e assessores de parlamentares que atuam na área de gestão de recursos e utilizam o Sistema de Cadastro de Indicações de Emendas Parlamentares Individuais (SECIEPI). Foto: Ascom (SEMPLAN)

Centro de Diagnóstico Raul Bacellar conclui instalação de Câmara Fria

O Centro de Diagnóstico Dr. Raul Bacellar, da Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina, concluiu o projeto de instalação da câmara fria do local. A nova instalação trará muitas vantagens, como, por exemplo, o armazenamento e resfriamento de grande quantidade de insumos e precisão no controle de temperatura dos reagentes.

“Otimizando ainda mais nosso trabalho considerando que a maioria dos reagentes utilizados na rotina laboratorial necessita estocagem em temperatura ideal. O aumento dos casos de Covid-19 gerou um aumento no números de exames laboratoriais e, por consequência, adquirimos mais reagentes de trabalho. A Câmara fria será de grande importância para garantir o armazenamento de forma correta dos nossos insumos mantendo a qualidade dos exames”, afirma Lilibeth Sales, diretora geral do laboratório Raul Bacellar.

O laboratório Raul Bacellar realiza uma média de 220 mil exames por mês e atende toda a rede SUS em Teresina, o que inclui 92 Unidades Básicas de Saúde (UBS), 10 hospitais, quatro maternidades e três Unidades de Pronto Atendimento (UPA), entre outros. Atualmente, o local de diagnósticos conta com uma equipe de 135 colaboradores nas mais diversas áreas, como administrativa, técnica laboratorial e bioquímica. Nos postos de coleta do Raul Bacelar, todos estão informatizados imprimindo os resultados na própria unidade bem como o usuário pode acessar estes resultados em qualquer computador. Para que o paciente visualize seu exame basta acessar o site https://fms.pmt.pi.gov.br/resultados_de_exames.

A Câmara fria será de grande importância para garantir o armazenamento de forma correta dos insumos Foto: (Ascom/FMS)

 

FMS recebe lote de medicamentos que compõem o ‘kit intubação’ para hospitais municipais

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) recebeu ontem (30) um novo lote de medicamentos que compõem o chamado kit intubação, oriundos do Ministério da Saúde e também de compra emergencial realizada em janeiro. O lote é composto por mais de 16 mil ampolas de 13 fármacos utilizados na assistência a pacientes com Covid-19 que precisam de ventilação mecânica.

O novo lote é fruto dos esforços da Prefeitura de Teresina, em articulação com órgãos como Ministério da Saúde e os conselhos nacionais dos secretários de saúde estaduais e municipais, para garantir o abastecimento dessas medicações a todos os hospitais habilitados para a realização do procedimento de intubação. O acordo estabelece que as substâncias são enviadas diretamente ao Ministério da Saúde, que faz a distribuição para os estados e municípios, de forma a garantir um atendimento igualitário a todo o país.

Dentre os medicamentos recebidos estão itens essenciais como atracúrio, dexmetetomidina, epinefrina, etomidato, fantanila, midazolam, morfina, naxolona e norepinefrina. Paralelo a essas articulações, a FMS está realizando compras emergenciais para aumentar o estoque, porém tem encontrado problemas diante do momento de grande dificuldade de aquisição e escassez no mercado nacional. “Apesar disso, estamos fazendo empenhos para a compra dos fármacos disponíveis nos estoques dos fornecedores, e graças a isso recebemos também um lote de noradrenalina para nossos hospitais“, conta Gilberto Albuquerque, presidente da FMS.

O gestor afirma que o lote vai garantir o pleno abastecimento dos hospitais do município pelos próximos dias. “Então hoje estamos disponibilizando para todos os nossos pacientes as medicações mais adequadas possíveis, facilitando assim o tratamento nesse período de tamanha dificuldade“, afirma Gilberto Albuquerque.