Semcaspi promoveu Seminário de Avaliação e Planejamento de ações dos serviços

A Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) promoveu nesta terça-feira (31), no auditório do Centro de Formação Odilon Nunes, bairro Marquês, zona Norte, o Seminário de Avaliação e Planejamento de ações dos serviços. A iniciativa acontece anualmente e tem como objetivo avaliar ações e dados e também apresentar o plano anual.

Fotos: Ascom Semcaspi

Segundo Allan Cavalcante, secretário da Semcaspi, mesmo com o baixo orçamento a secretaria conseguiu avançar nas políticas de assistência social.

“A avaliação é positiva! Conseguimos avançar embora com as dificuldades financeiras, tivemos o orçamento pequeno para as demandas que temos que trabalhar na política de assistência. Uma demanda que vem crescendo no pós-pandemia em todo país. A gente não conseguiu avançar com os recursos financeiros, tanto do governo estadual como do federal. Neste ano, estamos com a perspectiva de que seja melhor que 2022”, ressalta.

Aline Teixeira, secretária executiva do SUAS, ressalta que a avaliação é relevante para a melhoria dos serviços.

“É muito importante que tenhamos esse momento de olhar os números e as produções para nos avaliar. Esses números são reproduzidos por meio das unidades que executam esses serviços e cabem como nós, enquanto sede, analisar esses números, melhorar e a partir do que for avaliado, pensar o planejamento. É claro que o planejamento está vinculado ao planejamento da Prefeitura, como um todo, então, nem tudo que é o ideal é possível de alcançar, por conta de questões orçamentárias, mas é importante termos a consciência daquilo que é necessário”, pontua.
Eduardo Aguiar, secretário executivo de políticas integradas, comenta sobre a importância da avaliação visando a melhoria das políticas públicas.

“Esse seminário de Avaliação vem, exatamente, para consolidar as estruturas da Semcaspi, os resultados que nós alcançamos em 2022 e para que possamos construir, como um todo, o planejamento de 2023. É importante que tenhamos esses alicerces, para que sempre esteja fortalecendo as políticas públicas”, comenta.

AVANÇOS E DESAFIOS

Lidiane Oliveira, gerente do Gsuas, conta que a avaliação da gestão é para mostrar os avanços e os desafios das políticas públicas de assistência social, desde os atendimentos ao administrativo.

“Gsuas atua na condensação dos dados e direciona para as contratações das políticas e dos indicadores do município. O seminário tem a função de direcionar as ações da secretaria visando o PPA da Prefeitura de Teresina. Neste processo de avaliação, iremos avaliar a secretaria da perspectiva macro, olhando para todas as políticas desde a base, como também as políticas de convivência dentro dos CRAS, atendendo, avaliando e planejando os serviços de alta e média complexidade da Semcaspi e avaliando parte administrativa, que desrespeita aos recursos durante esse ano”, destacou.

Parceria de gestão do CMEI Francisca Marques deve ser ampliada para beneficiar comunidade

O Centro Municipal de Educação Infantil Francisca Marques, situado no bairro São João, recebeu, nesta terça-feira (31), a visita do secretário municipal de Educação, professor Nouga Cardoso, e do secretário executivo de Ensino, Reinaldo Ximenes, para ajustar melhorias na rotina do CMEI.

Os secretários conversaram com a equipe gestora sobre as principais necessidades da unidade de ensino, que permanece em aula até o início de fevereiro. A escola funciona por meio de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Educação (Semec) e o Centro Social Satélite. Entre as solicitações, está uma contrapartida maior da educação municipal para o custeio de reformas e outras demandas que beneficiam as crianças.

Nouga aproveitou para apontar a possibilidade de uma escola de ensino fundamental na região, destacando a aproximação da Prefeitura com o Governo do Estado, que pode levar à parcerias em prol da educação. “Temos total interesse em garantir essas melhorias e dar continuidade ao trabalho de qualidade realizado nesse CMEI”, disse o secretário.

A diretora Aurilene Leonel falou sobre a importância da unidade de ensino para a comunidade. “As famílias adoram essa escola e até sofrem quando as crianças concluem a Educação Infantil, queremos oferecer o melhor para nossos alunos e apoio aos pais. Estamos animados com a possibilidade das reformas, que vão beneficiar toda a comunidade escolar”, disse a gestora.

Fotos: Ascom Semec

SEMDUH apresenta edital de licitação para contratar empresa de limpeza pública

Foi realizada, na manhã desta terça-feira (31), a audiência pública para dar início à licitação para contratar uma empresa responsável por executar os serviços de capina e varrição e uma empresa para executar os serviços de coleta e transporte dos resíduos sólidos, bem como operar o sistema de disposição final.

A audiência aconteceu no Centro de Formação Professor Odilon Nunes, bairro Marquês, zona Norte. O secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Edmilson Ferreira, e o secretário executivo da SEMDUH, Urias Gonzaga, apresentaram a proposta de licitação aos presentes. Representantes do Tribunal de Contas do Estado acompanharam a audiência, juntamente com representantes de empresas interessadas no certame.

“Precisamos fazer essa licitação na limpeza pública porque o contrato do Consórcio Teresina Ambiental (CTA) será encerrado no final do mês de maio. Dessa vez, o edital prevê a possibilidade de contratar os serviços separadamente, diferente do que ocorreu em anos anteriores. Porém, a mesma empresa poderá vencer os dois certames”, destaca o secretário da SEMDUH Edmilson Ferreira.

A audiência foi aberta ao público e pode ser acessada por meio do link https://www.youtube.com/watch?v=F7CXrFCZMu4

A população pode enviar perguntas para tirar dúvidas até o dia 2 de fevereiro. A ata será publicada 10 dias após, com todas as respostas.

Segundo o secretário Edmilson Ferreira, a licitação prevê melhorias nos serviços de limpeza já existentes, com a inserção de novas tecnologias.

“Estivemos recentemente em Recife para conhecer os métodos de limpeza pública aplicados lá, que estão dando bons resultados. Vamos ainda visitar outras realidades. Nosso prefeito, Doutor Pessoa, é muito preocupado com a questão da limpeza e do saneamento básico e exige que nós façamos essas mudanças para implantar em Teresina o que há de mais eficaz e moderno nessa área”, destaca o gestor.

Foto: Ascom Semduh

Maternidade do Dirceu recebeu avaliação de Alta Conformidade pela Anvisa

Maternidade do Dirceu recebeu a classificação de Alta Conformidade com índice de 90%. Foto (Ascom/FMS)

A Maternidade Professor Wall Ferraz, bairro Dirceu, da Fundação Municipal de Saúde (FMS), recebeu a classificação de Alta Conformidade com índice de 90%. Esse índice foi obtido pelas ações realizadas com o atendimento relacionado à segurança da paciente e do bebê. Essa avaliação é promovida pela Gerência Geral de Tecnologia em Serviços de Saúde (GGTES) da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em unidades de saúde em todo o país que tenham leitos de UTI.

A enfermeira responsável pela Segurança do Paciente da FMS, Jaianna Ellorena Farias, explica sobre essa avaliação. “É muito criteriosa com respostas a um questionário e com a comprovação de documentos. É uma avaliação positiva para o serviço público de saúde porque é a comprovação que a unidade de saúde tem qualidade na assistência e trabalha conforme o que preconiza o Ministério da Saúde”, diz.

A diretora da maternidade, Liège Ribeiro, comenta sobre o núcleo de segurança do paciente. “Esse núcleo desenvolve ações relacionadas à paciente e ao bebê, desde a entrada na maternidade com a identificação, os procedimentos no parto, em cirurgias, medicações, cuidados com o bebê na UTI e em todas as atividades”, diz.

A Maternidade Professor Wall Ferraz funciona 24 horas para atendimento em urgências obstétricas. Possui 28 leitos obstétricos, 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTIN), 10 leitos de Cuidados Intermediários Neonatais Convencionais (UCINCo) e 05 leitos de Unidade de Cuidados Intermediários Canguru (UCINCa), constituindo uma linha de cuidados progressivos.

Essa mesma certificação foi obtida pelo Hospital de Urgência de Teresina (HUT) que alcançou a classificação de Alta Conformidade, com índice de 76%, na avaliação anual das práticas de segurança do paciente. É o nível mais alto de aprovação considerando os indicadores de estrutura e processo avaliados.

Semec desenvolverá projeto de protagonismo com alunos do 8º ano

A escola precisa desenvolver habilidades e competências que levem às mudanças sociais e que contribuam para soluções de problemas vivenciados no contexto escolar. Nesse sentido, a Secretaria Municipal de Educação (Semec) desenvolverá o projeto Experiências e Construção de Saberes, que traz a oportunidade de aprofundar o estudo acerca de problemas e temáticas emergentes no contexto escolar.

Foto: Ascom Semec

O objetivo é propor intervenções diante de temas sugeridos aos alunos, construídos de maneira autônoma e desenvolvidos a partir do protagonismo deles. As atividades devem proporcionar reflexões ou soluções a curto e médio prazo para os problemas que afetam diretamente a rotina da comunidade escolar.

O projeto Experiências e Construção de Saberes será desenvolvido em quatro unidades de ensino: Escola Municipal Professora Cristina Evangelista, Escola Municipal Marcílio Flávio Rangel, Escola Municipal José Gomes Campos e Escola Municipal Parque Itararé. Cada turma terá um professor orientador que apresentará o projeto para os alunos, selecionando os temas que serão trabalhados, através de pesquisas e investigações. Em seguida, será montado um relatório para se transformar numa coletânea de textos de todas as escolas participantes, com o lançamento de um livro pela Secretaria Municipal de Educação (Semec). Participarão, em média, 840 alunos do 8º ano do Ensino Fundamental.

“Existe uma perspectiva que o lançamento dessa coletânea seja em novembro de 2023. A ideia é que cada aluno receba um livro e que todas as escolas de ensino fundamental tenham cópias para serem base de pesquisa, proporcionando visibilidade a esse protagonismo dos alunos”, disse Regina Amorim, coordenadora das escolas de Tempo Integral da Rede Municipal.

 Semec realiza oficina destacando adaptações inclusivas

Com intuito de melhor atender aos estudantes com deficiência, o Centro Municipal de Educação (CMEI) Santa Maria realizou uma oficina, destinada aos professores da unidade com foco nas estratégias de adaptações  de atividades, ministradas pela professora do Atendimento Educacional Especializado (AEE) Euna Nayara.

Durante a palestra, a educadora orientou aos demais profissionais sobre ideias a serem utilizadas para obter um melhor rendimento escolar dos estudantes, através de adaptações nas atividades rotineiras pedagógicas.

Dentre as estratégias, Euna Nayara apresentou o Plano Educacional Individualizado (PEI).  O PEI é um instrumento de planejamento que deve ser elaborado pelo professor, a partir de uma avaliação do aluno com necessidade educacional específica.

O intuito é dar um caráter individual a cada aluno, com estratégias adequadas para que ele possa aprender, assim como os outros alunos, no ensino regular.  A diretora do Centro, professora Maria da Conceição Teixeira Soares, destaca que a oficina atende às expectativas dos professores de sempre buscar o aprimoramento de seus conhecimentos com as atividades pedagógicas.

Foto: Ascom Semec

Equipe da Semam participa de ação sobre a saúde mental

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMAM) abriu o calendário de atividades internas de 2023 aderindo à campanha Janeiro Branco, que este ano tem como tema “A Vida Pede Equilíbrio”.

Por meio de uma iniciativa da Gerência de Planejamento e Projetos (GPP) da Semam, foi realizada uma ação que uniu aspectos lúdicos, mas também objetivos.

Os funcionários foram convidados a ir ao trabalho vestindo uma peça branca. Receberam um kit que continha um chocolate, uma frase motivacional, um balão branco vazio e um folheto listando os Centros de Atenção Psicossociais (CAPs), da capital.

Sob árvores do Parque da Cidade, local em que fica a sede da Semam, o time reuniu-se para ouvir o secretário Luis André, a diretora da GPP, Shelyda Raiane, a gerente do Núcleo de Educação Ambiental (NEA), Naisis Castelo Branco, e o analista ambiental Anderson Costa, integrante da GPP para uma roda de conversa.

“Todos temos nossas dificuldades do dia a dia, que incluem a vida no trabalho e também fora dele. Por isso, é importante saber que aqui, um lugar onde passamos a maior parte do nosso tempo, temos a liberdade de falar e ser ouvidos”, disse o secretário Luis André.

Em um segundo momento, o psicólogo convidado Pablo Leão, falou sobre aspectos da saúde mental. A equipe participou de uma gincana que consiste em encher os balões brancos, escrever ou desenhar neles o que desejassem e os colocarem em uma instalação chamada Árvore do Cuidado. A ideia é repetir o projeto mensalmente, seguindo o calendário das campanhas de conscientização, e agregar às ações campanhas próprias que abranjam também o meio ambiente, a educação ambiental e a sustentabilidade.

Janeiro BrancoA campanha criada por psicólogos de Uberlândia, Minas Gerais, em 2014, tem como propósito chamar a atenção para o tema da saúde mental na vida das pessoas, pressupondo que uma humanidade mais saudável significa respeitar a condição psicológica de todos.

O mês — o primeiro do ano —, foi escolhido pois é nele que geralmente as pessoas estão mais focados em novas metas e resoluções, as populares promessas de ano novo.

O psicólogo convidado Pablo Leão entre o secretário executivo Antônio Carlos Araújo, o chefe de gabinete Silmar Cunha, a diretora da Gerência de Planejamento e Projetos, Shelyda Raiane, e a a diretora da Gerência de Meio Ambiente, Natália Fontenelle

Elisa Ponciano, Claudia Veras Lebre, Izone Mata, Rosângela Mendes e Raylinne Xavier, da equipe Semam, conferem a instalação Árvore do Cuidado

Os colaboradores se reuniram em uma grande roda sob as árvores do Parque da Cidade para a primeira edição do projeto

Escola Municipal Júlio Lopes Lima elege conselho escolar e fiscal

Agora a Escola Municipal Júlio Lopes Lima, localizada no Residencial Torquato Neto, conta com o apoio de um conselho escolar e fiscal, composto por representantes de todos os segmentos da comunidade escolar. A eleição contou com ampla participação dos alunos e famílias, com voto secreto.

Os conselheiros possuem papel fundamental no gerenciamento, coordenação e fiscalização das ações da escola, tanto no âmbito administrativo quanto pedagógico. Na prática, todas as decisões da gestão devem passar pela análise do coletivo, que vai cumprir o mandato de dois anos.

“Estamos sempre ativos no bom andamento das funções de nossa escola e sabemos que um conselho atuante pode fazer o melhor pela educação na nossa comunidade”, afirma a diretora Susana Paz.

Fotos: Ascom Semec

Pedagogos(as) da Rede Municipal se reúnem no I Encontro Formativo de 2023

Coordenadores pedagógicos da Rede Municipal de Ensino participaram, na manhã desta quinta-feira (26), do I Encontro Formativo de Pedagogos(as) da Rede Municipal de Teresina. O dia foi dedicado aos profissionais que trabalham com a Educação Infantil. Amanhã (27), o encontro será para o Ensino Fundamental.

A palestra principal levou a temática “O fazer e o ser docente: um ensaio teórico crítico de um contexto real da permanência do docente na profissão”, proferida pelo professor Gilmar Mendes, que compõe a equipe de Formação da Secretaria Municipal de Educação (Semec). Também teve espaço para homenagens à Magda Soares, que deixa um legado principalmente na área da alfabetização. Para finalizar, Gersianne Martins, pedagoga da Rede, falou sobre a importância da socialização de práticas pedagógicas entre as unidades de ensino.

O secretário executivo de Ensino, Reinaldo Ximenes, exaltou o papel dos coordenadores pedagógicos de Teresina e destacou a importância do Encontro Formativo para o novo ano letivo. “Esse é um momento de aprendizagem e troca de saberes, ganhando fôlego para iniciar um ano repleto de boas práticas”, pontuo Ximenes.

Para o secretário municipal de Educação, professor Nouga Cardoso, a qualidade da educação de Teresina tem relação direta com a dedicação das equipes escolares. “E isso passa pela atuação dos pedagogos e pedagogas da Rede, que estão em constante movimento para garantir uma rotina escolar eficiente e o melhor aprendizado aos nossos alunos. Esse Encontro é uma troca necessária para a manutenção dessa qualidade”, conclui Nouga.

Foto: Rômulos Piauilino – Semec

Defesa Civil Municipal realiza vistoria em residência no Conjunto Pedro Balzi

A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Defesa Civil (SEMDEF), realizou na manhã desta quinta-feira (26), uma visita técnica em uma residência situada na Vila Nova Esperança, no conjunto Pedro Balzi, zona Sudeste da capital. A ocorrência, oriunda do número emergencial 199, informava a situação precária em uma área de risco.

O gerente de operações da Defesa Civil, Marcos Rolf, explicou que o trabalho preventivo é importante para minimizar o risco de novas tragédias. “Estamos realizando visitas técnicas a moradias que se encontram em situações mais vulneráveis”, explicou.

Os agentes da Defesa Civil, formularam um relatório para encaminhar à Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) Sudeste para tomar as devidas providências.

Importante ressaltar que a Secretaria Municipal de Defesa Civil ainda monitora todas as áreas de risco da cidade de Teresina.

Fiquem atentos!

Em caso de qualquer risco, a Defesa Civil de Teresina deve ser acionada através do telefone 199. Os agentes trabalham em regime de plantão, 24h, para atender as demandas da população.

Fotos: Ascom Semdef