FMS tem canal de WhatsApp para esclarecer dúvidas sobre a vacinação

Os teresinenses têm à sua disposição um canal de comunicação para suas perguntas sobre a vacinação na capital. Eles podem entrar em contato com o número de WhatsApp 99436-4579 (apenas mensagens) e esclarecer todas as dúvidas não apenas sobre a imunização contra a covid, como também outras campanhas e vacinas de rotina.

O objetivo do instrumento, criado pela Fundação Municipal de Saúde (FMS), é estar mais próximo da população e trazer transparência no processo de vacinação. “Este contato já era disponibilizado para dúvidas sobre a vacinação contra a covid e agora estamos estendendo para o serviço como um todo”, esclarece a coordenadora Emanuelle Dias.

O horário de atendimento é de segunda a sexta, das 8 às 17h. “Por esse número, pretendemos esclarecer dúvidas em relação ao Calendário Nacional de Imunização (vacinas de rotina) e Campanhas realizadas, assim como horários de funcionamento das salas de vacina, público-alvo, faixa etária da vacinação, componentes das vacinas, locais de imunização e sobre possíveis reações que os imunobiológicos podem desencadear”, esclarece Emanuelle Dias, ressaltando ainda que o canal de comunicação também serve para a população fazer denúncias.

Teresina tem três pontos drive thru para vacinação contra covid-19 neste sábado (14)

Hoje (13), às 18h, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) abre novo agendamento para a vacina contra a covid-19 Foto(Ascom/FMS)

Teresina está mobilizada no cumprimento das campanhas de vacinação contra a covid-19, gripe e sarampo, que estão sendo realizadas simultaneamente pelo Ministério da Saúde. Neste sábado (14), três postos drive thru estarão abertos para vacinação contra a covid-19, e durante a próxima semana, todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS), sete pontos de drive thru e salas de agendamento estarão imunizando a população contra as três doenças, organizados de acordo com os diferentes públicos e etapas.

Hoje (13), às 18h, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) abre novo agendamento para a vacina contra a covid-19. As vagas desta vez contemplam segunda e terceira dose (primeiro reforço) para pessoas de 18 anos e mais. Para marcar, basta acessar o site http://vacinaja.fms.pmt.pi.gov.br/ .

Amanhã (14), a capital conta com três pontos de vacinação drive thru, nos terminais Parque Piauí, Itararé e Buenos Aires. Nestes locais, serão aplicadas 1ª e 2ª dose (para pessoas de 12 anos e mais), 3ª dose (1º reforço) para pessoas de 18 anos e mais e também a 4ª dose (2º reforço) para pessoas de 40 anos e mais e trabalhadores da saúde. Esses locais estarão abertos das 9h às 17h.

A vacinação drive thru tem continuidade durante a semana, com redução gradativa da idade com direito à 4ª dose da vacina contra a covid-19. Os locais serão o CEU Norte e os terminais do Parque Piauí, Zoobotânico, Itararé, Livramento, Buenos Aires e Bela Vista. Além dos grupos prioritários para 1ª, 2ª e 3ª dose, a partir de segunda-feira (16), passam a ter direito à 4ª dose a população em geral de 30 anos e mais. Por fim, na quinta-feira (19), a idade será ampliada para 18 anos e mais. “Lembramos que é preciso respeitar o intervalo mínimo de quatro meses da 3ª dose antes de tomar a quarta”, ressalta Emanuelle Dias, coordenadora da Campanha de Vacinação em Teresina.

A vacinação infantil contra a covid-19 segue sendo realizada nas UBS Buenos Aires, Parque Brasil, Saci, Monte Castelo, Irmã Dulce, Cidade Jardim, Satélite, Alto da Ressurreição e Parque Poti. Nestes locais, serão recebidas todas as crianças, de 5 a 11 anos, que precisam tomar primeira ou segunda dose, sem necessidade de agendamento.

As demais UBS receberão os grupos prioritários da vacina da gripe: Crianças de seis meses a menores de cinco anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias), trabalhador da saúde, gestantes, puérperas, professores, idosos, pessoas com deficiência permanente e caminhoneiros. Nestes mesmos locais, está sendo feita a vacina contra o sarampo, que é voltada para crianças de seis meses a menores de cinco anos (independentemente da situação vacinal) e trabalhadores da saúde (neste caso, em caráter de atualização da caderneta).

Para receber a vacina é necessário apresentar um documento de identificação com foto, CPF ou cartão do SUS e o cartão de vacina. Os professores devem ainda apresentar um contracheque atual ou documento que comprove a atividade laboral (últimos três meses), expedido pela instituição onde o trabalhador atua, no município de Teresina. Pessoas com comorbidades e deficiência permanente devem apresentar um laudo ou declaração que comprove a comorbidade, com assinatura e carimbo do profissional de saúde.

Programação – Vacinas Covid-19, gripe e sarampo

Agendamento – Covid-19
13.05.2022 às 18h

2ª dose – 18 anos e mais
3ª dose (1º reforço) – 18 anos e mais

Drive Thru – Covid-19

14.05.22 (sábado)
Locais: Terminal Parque Piauí, Terminal Itararé, Terminal Buenos Aires

– 1ª dose – 12 anos e mais
– 2ª dose – 12 anos e mais
– 3ª dose (1º Reforço) – 18 anos e mais
– 4ª dose (2º Reforço) – 40 anos e mais, trabalhadores da saúde

16 a 18.05.22 (segunda a quarta)
Locais: Terminal Parque Piauí, Terminal Zoobotânico, CEU Norte, Terminal Itararé, Terminal Livramento, Terminal Buenos Aires, Terminal Bela Vista

– 1ª dose – 12 anos e mais
– 2ª dose – 12 anos e mais
– 3ª dose (1º Reforço) – 18 anos e mais
– 4ª dose (2º Reforço) – 30 anos e mais, trabalhadores da saúde

19 e 20.05.2022 (quinta e sexta)
Locais: Terminal Parque Piauí, Terminal Zoobotânico, CEU Norte, Terminal Itararé, Terminal Livramento, Terminal Buenos Aires, Terminal Bela Vista

– 1ª dose – 12 anos e mais
– 2ª dose – 12 anos e mais
– 3ª dose (1º Reforço) – 18 anos e mais
– 4ª dose (2º Reforço) – 18 anos e mais, trabalhadores da saúde

UBS – Covid-19

16 a 20.05.2022 (segunda a sexta)
Locais: UBS Buenos Aires, UBS Parque Brasil, UBS Saci, UBS Monte Castelo, UBS Irmã Dulce, UBS Cidade Jardim, UBS Satélite, UBS Alto da Ressurreição, UBS Parque Poti

– 1ª e 2ª dose – Crianças de 5 a 11 anos (livre demanda)

Demais UBS – Gripe e sarampo

– Crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias) (gripe e sarampo)
– Trabalhador da Saúde (gripe e atualização de sarampo se necessário)
– Gestantes (apenas gripe)
– Puérperas (apenas gripe)
– Professores (apenas gripe)
– Idosos (60 anos e mais) (apenas gripe)
– Pessoas com deficiência permanente (apenas gripe)
– Caminhoneiros (apenas gripe)

Teresina terá pontos drive thru para 4ª dose da covid-19 e vacinação contra a gripe

Com a liberação da quarta dose (segundo reforço) da vacina contra a covid-19 para toda a população de 18 anos e mais, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) vai disponibilizar quatro postos drive thru para a imunização deste público, que será ampliando gradativamente. Além disso, Teresina terá locais para vacinação contra a gripe e outras etapas de vacinação contra a covid, divididos de acordo com o público-alvo. Todos os locais funcionam das 9h às 17h.

De segunda a quarta-feira (09 a 11) as equipes dos terminais do Parque Piauí, Zoobotânico, Itararé e CEU Norte aplicarão a quarta dose nas pessoas de 50 anos e mais. Na quinta e sexta-feira (12 e 13), a idade reduz para 40 anos. “Lembramos que, para ter direito à vacina, é preciso ter quatro meses da terceira dose”, ressalta Emanuelle Dias, coordenadora da campanha de vacinação da FMS. Além desses públicos, idosos e trabalhadores da saúde seguem recebendo o imunizante, desde que estejam dentro do prazo estipulado.

Em todos os postos – CEU Norte e os terminais do Livramento, Buenos Aires, Bela Vista, Parque Piauí, Zoobotânico e Itararé – estará disponível a vacina contra a covid-19. A população de 12 anos e mais terá acesso à primeira e segunda dose do imunizante, enquanto as pessoas maiores de 18 anos podem também tomar a terceira dose (reforço), respeitando o prazo de quatro meses da segunda dose.

Já a vacina contra a gripe será dividida para evitar aglomerações. De segunda a sexta-feira (9 a 13 de maio), os terminais do Parque Piauí, Zoobotânico, Itararé e CEU Norte receberão os idosos de 60 anos e mais, trabalhadores da saúde com 18 anos e mais e professores. Nos dias 09 a 11 (segunda a quarta), os terminais do Livramento, Buenos Aires e Bela Vista receberão professores e pessoas com comorbidades de 30 anos e mais. No dia 12 de maio, estes mesmos locais passam a receber também pessoas com comorbidades 18 anos e mais e pessoas com deficiência permanente 40 anos e mais para vacinar contra a gripe. No dia 13, a idade reduz mais uma vez e estes locais passam a receber pessoas com deficiência permanente com 30 anos e mais.

Para receber a vacina é necessário apresentar um documento de identificação com foto, CPF ou cartão do SUS e o cartão de vacina. Os professores devem ainda apresentar um contracheque atual ou documento que comprove a atividade laboral (últimos 3 meses), expedido pela instituição onde o trabalhador atua, no município de Teresina. Pessoas com comorbidades e deficiência permanente devem apresentar um laudo ou declaração que comprove a comorbidade, com assinatura e carimbo do profissional de saúde.

Programação drive thru – vacinação covid e gripe

 

09 a 11 de maio (segunda a quarta) – 9h às 17h

Locais: Terminal Parque Piauí, Terminal Zoobotânico, Terminal Itararé, CEU Norte

 

1ª dose – 12 anos e mais

2ª dose – 12 anos e mais

3ª dose (1º reforço) – 18 anos e mais

4ª dose (2º reforço) -População geral – 50 anos e mais; trabalhadores da saúde

 

Influenza – Idosos 60 anos e mais; trabalhadores da saúde 18 anos e mais; professores

Locais: Terminal Livramento, Terminal Buenos Aires, Terminal Bela Vista

 

1ª dose – 12 anos e mais

2ª dose – 12 anos e mais

3ª dose (1º reforço) – 18 anos e mais

4ª dose (2º reforço) – idosos 60 anos e mais; trabalhadores da saúde 18 anos e mais

Influenza – Pessoas com comorbidades 30 anos e mais; professores

 

12 e 13 de maio (quinta e sexta) – 9h às 17h

Locais: Terminal Parque Piauí, Terminal Zoobotânico, Terminal Itararé, CEU Norte

 

1ª dose – 12 anos e mais

2ª dose – 12 anos e mais

3ª dose (1º reforço) – 18 anos e mais

4ª dose (2º reforço) – População geral – 40 anos e mais; trabalhadores da saúde

Influenza – Idosos 60 anos e mais; trabalhadores da saúde 18 anos e mais; professores

 

12 de maio (quinta-feira) – 9h às 17h

Locais: Terminal Livramento, Terminal Buenos Aires, Terminal Bela Vista

 

1ª dose – 12 anos e mais

2ª dose – 12 anos e mais

3ª dose (1º reforço) – 18 anos e mais

4ª dose (2º reforço) – Idosos 60 anos e mais; trabalhadores da saúde 18 anos e mais

Influenza – Pessoas com comorbidades 18 anos e mais; Pessoas com deficiência permanente 40 anos e mais; professores

 

13 de maio (sexta-feira) – 9h às 17h

Locais: Terminal Livramento, Terminal Buenos Aires, Terminal Bela Vista

 

1ª dose – 12 anos e mais

2ª dose – 12 anos e mais

3ª dose (1º reforço) – 18 anos e mais

4ª dose (2º reforço) – Idosos 60 anos e mais; trabalhadores da saúde 18 anos e mais

Influenza – Pessoas com comorbidades 18 anos e mais; Pessoas com deficiência permanente 30 anos e mais; professores

Mais de 70% das crianças de Teresina já receberam a primeira dose da vacina contra a Covid

Dados da Fundação Municipal de Saúde (FMS) mostram que até hoje (29), um total de 66.372 crianças, de cinco a 11 anos, já tomaram a primeira dose da vacina contra a covid-19 em Teresina. O número corresponde a 73,15% das 90.734 pessoas nesta faixa etária que residem na capital.

Ainda segundo a FMS, um total de 37.631 meninos e meninas já estão com o esquema completo, ou seja, tomaram as duas doses do imunizante – o que equivale a uma porcentagem de 41,47%. Segundo a coordenadora da campanha de vacinação contra a covid-19 da FMS, Emanuelle Dias, o número está dentro do patamar esperado.

Para levar a vacina contra a covid-19 para todos os pequenos teresinenses, a FMS traça diversas estratégias voltadas para este público. Além da vacinação regular, feita por agendamento, as equipes da FMS visitam as escolas do município.

O presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, convida os pais e mães de Teresina a continuarem levando seus filhos e garantir a sua imunização. “É uma vacina que já foi testada no mundo inteiro, então não tenham medo. A vacina às vezes pode causar uma dor no local da aplicação ou uma pequena febre, mas o corpo clínico da FMS está atento. É seguro, vacinem as crianças”, afirma o presidente.

Ele ressalta que os números mais recentes de casos de Covid-19, síndromes gripais e eventuais complicações têm demonstrado o efeito da vacina sobre a população.

 

FMS reorganiza atendimento de casos suspeitos de covid

Diante da baixa demanda de casos suspeitos de Covid-19, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) reorganiza mais uma vez a sua rede e passa a concentrar os atendimentos à doença nas urgências dos hospitais municipais, que estão espalhados por diversas zonas da cidade e são porta aberta também para síndromes gripais.

Foto: Divulgação (FMS)

Com isso, a UBS Gurupi, que oferecia atendimento exclusivo para síndromes gripais na Atenção Básica, volta a ofertar os serviços regulares da Estratégia Saúde da Família (ESF) à população da área a partir de segunda-feira (25). Esses atendimentos acontecem de segunda a sexta, das 7h às 19h.

“Estamos reorganizando o serviço devido à grande diminuição nos números da doença, e consequentemente à queda na demanda por atendimento específico”, esclarece Nádia Spíndola, diretora de Atenção Básica da FMS. “A mudança se faz necessária também para dar suporte no atendimento aos usuários com outras patologias, incluindo a dengue. Ressaltamos ainda que todas as UBSs atendem casos leves de dengue com prioridade”, completa.

Segundo o presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, está programada ainda a reorganização do atendimento no Hospital do Monte Castelo, que no momento mantém atendimento 24 horas e internação exclusivamente para casos de covid. “Como estamos registrando taxas de ocupação baixas, pretendemos redirecionar os leitos exclusivos covid para outras doenças, e em breve o Hospital voltará a atender outras demandas”, diz o gestor.

Confira os agendamentos para vacinação Covid esta semana em Teresina

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina montou cronograma de agendamentos para a vacinação contra a Covid. Hoje, 20, às 18 horas, abrirá agendamento para segundas doses da vacina Pfizer ou Coronavac para crianças de 5 a 11 anos. Às 20 horas de hoje também abrirá agendamento para segunda dose de adultos (18 anos ou mais).

Dia 22 de abril, às 18 horas, será a vez de agendar a primeira dose para as crianças de 6 a 11 anos. Os responsáveis das crianças de 5 anos terão o dia 25 de abril, às 18 horas, para agendar a primeira dose delas.

“É muito importante todos completarem seus esquemas vacinais. A vacina é segura e aprovada pelas autoridades em saúde de todo o país”, afirma Gilberto Albuquerque, presidente da FMS.

Teresina zera taxa de positividade de testes RT-PCR para Covid-19

Os dados epidemiológicos da Covid-19 em Teresina continuam indicando a segurança do programa de flexibilização iniciado pelo decreto municipal de 7 de março deste ano. Na 15ª semana epidemiológica de 2022 (10 a 16 de abril), todos os 101 testes RT-PCR para SARS-CoV-2 realizados tiveram resultado negativo.

As informações são do Comitê de Operações Emergenciais de Teresina (COE Municipal) e mostram a queda constante no número de infecções pela Covid-19. A Organização Mundial de Saúde (OMS) considera a pandemia sob controle em uma determinada região quando essa taxa se encontra abaixo de 5%. No mesmo período, 10 a 16 de abril, foram realizados 98 testes rápidos de antígeno em swab nasal, que resultaram em apenas dois casos confirmados na semana.

Os números de casos e de internações e a taxa de ocupação de leitos hospitalares na 15ª semana epidemiológica continuaram indicando nível baixo (faixa verde) de transmissão da COVID-19 em Teresina, de acordo com a parametrização do Centro para Controle e Prevenção de Doenças.

Para que a capital piorasse para nível médio ou alto de transmissão, seria necessário que o número de casos atingisse 10/100.000 habitantes na semana. Entretanto, esse indicador ficou em 0,2 caso/100.000 habitantes. Desde o início da flexibilização das medidas excepcionais de contenção, o número de casos de COVID-19 e a taxa de positividade de testes só caíram a cada semana.

Teresina reduz idade e divulga calendário de vacinação contra a gripe e covid

Teresina reduziu mais uma vez a idade para vacinação de idosos com a vacina contra a influenza (gripe) e a segunda dose de reforço contra a covid-19. A partir de hoje (13), idosos a partir dos 65 anos já podem se dirigir a um dos pontos de vacinação para receber os dois imunizantes.

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) divulgou na manhã de hoje (13) a programação para a vacinação no feriado e para a próxima semana. Até as 17h de hoje (13), a população idosa com direito a ambas as vacinas ( Covid e influeza) pode se dirigir a um destes locais: Terminais Bela Vista, Zoobotânico, Buenos Aires e Livramento, além do CEU NORTE. Além disso, os terminais do Bela Vista e Itararé estão disponíveis até hoje (13) para a vacinação dos demais grupos contra a covid-19: 1ª dose e 2ª dose pra pessoas de 12 anos e mais, dose adicional para pessoas imunossuprimidas de 12 anos e mais e dose de reforço – para população em geral de 18 anos e mais e imunossuprimidos de 12 anos e mais.

Amanhã (14) também estarão disponíveis cinco pontos para imunização de idosos contra gripe e covid: CEU Norte e os terminais do Zoobotânico, Buenos Aires, Livramento e Parque Piauí. “Com a finalização da manutenção do Terminal do Parque Piauí, retomamos o ponto da zona Sul para este local”, esclarece Emanuelle Dias, coordenadora da campanha de vacinação em Teresina.

A vacinação será retomada na segunda-feira (18), com a redução da idade para 60 anos, tanto para covid como para gripe. Este público pode garantir sua dose nos mesmos locais da quinta-feira (14): CEU Norte e os terminais do Zoobotânico, Buenos Aires, Livramento e Parque Piauí. Também voltam ao funcionamento os pontos do Bela Vista e Itararé, para receber os demais grupos de covid-19.

Agendamento e demanda espontânea

Além dos drives, a FMS abre hoje (13) vagas de agendamento para vacinação contra a covid-19. Às 18h, o site http://vacinaja.fms.pmt.pi.gov.br/ passar a disponibilizar novo agendamento de segunda dose voltado para crianças com idades entre cinco e 11 anos. Já às 20h, serão abertas vagas para segunda dose e dose de reforço, direcionadas a adultos de 18 anos e mais. As vagas serão para sábado (16) e de segunda (18) a quarta-feira (20).

Além disso, no sábado (16) estarão disponíveis doses de vacina contra a gripe para idosos de 65 anos e mais no Hospital Universitário (HU). Elas serão administradas por demanda espontânea, ou seja, sem necessidade de agendamento.

Teresinenses podem emitir passaporte da vacina Covid através de site local

A Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), através da Fundação Municipal de Saúde (FMS), disponibiliza para a população teresinense o Certificado de Vacinação da Covid-19 através do site Vacina Teresina (http://vacinateresina.fms.pmt.pi.gov.br/).

A prefeitura está atendendo uma demanda da população, que só podia ter acesso ao passaporte da vacina através de aplicativo do Ministério da Saúde. A meta da FMS é ampliar o Vacina Teresina para emissão de certificado dos demais imunizantes do Calendário do Programa Nacional de Imunização.

“A apresentação do comprovante de vacinação contra a Covid já é exigido em vários locais, cidades e até fora do país. A iniciativa da FMS tem como objetivo facilitar para população o acesso à informação da imunização para Covid-19”, explica Gilberto Albuquerque, presidente da FMS.

 

Teresina reduz infecções por Covid-19 ao flexibilizar restrições sanitárias

Teresina registrou apenas cinco novos casos de Covid-19, entre os dias 3 e 9 de março, o menor quantitativo desde o início da pandemia. No mesmo período, correspondente a 14ª semana epidemiológica, a capital piauiense não registrou mortes pela doença.

De acordo com o médico Marcelo Vieira, doutor em Virologia e membro do Comitê de Operações Especiais do município (COE), os números mostram que a flexibilização das restrições sanitárias não está causando uma nova alta de casos e óbitos.

“Teresina mantém todos os indicadores apontando baixo nível de transmissão da Covid-19, de acordo com os parâmetros do Centro para Controle e Prevenção de Doenças e da Organização Mundial de Saúde”, enfatiza o médico.

Dos mais de 200 testes realizados pela Fundação Municipal de Saúde (FMS), na última semana, somente cinco foram positivos para o vírus, enquanto que no pico causado pela variante ômicron, esse quantitativo chegou a 4.313 em sete dias.

“O êxito das nossas propostas de flexibilização gradual, responsável e monitorada foi alicerçado em evidências científicas de alto nível, indicadores epidemiológicos locais fidedignos e na segurança oferecida pela alta cobertura vacinal alcançada”, conclui Vieira.

Além da queda na taxa de transmissão, Teresina também reduziu o número de pessoas vitimadas pela doença. Atualmente a média móvel de óbitos pelo coronavírus é de apenas um.