Sarau poético realiza homenagem a Vinicius de Moraes e Cecilia Meireles

Ascom/ SEMEC

O Centro Municipal de Educação Infantil do Mocambinho inovou na festa de encerramento do semestre letivo, ao promover um sarau poético com apresentações dos alunos e participação dos pais. O sarau fez uma homenagem para dois grandes escritores da literatura brasileira, Vinicius de Moraes e Cecilia Meireles.

Os alunos realizaram bonitas apresentações e exposições de trabalhos, como: Leilão de Jardim, o Pato, o Relógio, as Borboletas, os Girassóis, a Foca e as Meninas. Na ocasião teve também um momento de entrevista com as crianças que representavam os autores homenageados

De acordo com a diretora Joana Darc Vaz Soares Borges, a escola trabalha diferentes ações para incentivar nos alunos o gosto pela leitura. “É sempre muito produtivo, notamos o aprendizado efetivo das crianças, além de ser um momento de mostrar à comunidade o quanto a leitura foi incentivada durante todo o ano. Não haveria atividade melhor para fechar o semestre”, declarou.

Alunos da Escola Municipal João Paulo I participam do Enduro a Pé Matemático

Ascom Semec

Para encerar as atividades escolares da Escola Municipal João Paulo I, os alunos das turmas do 6º ao 9º anos do Ensino Fundamental participaram do primeiro Enduro a Pé Matemático, que aconteceu durante dois dias no Jardim Botânico de Teresina. A ação teve como objetivo mostrar aos alunos que o estudo da matemática pode ser divertido e acontecer em diferentes ambientes.

“Os alunos formaram suas equipes e o desafio era percorrer a trilha seguindo um mapa. Cada mapa apresentava um percurso diferente. Durante a trilha, as equipes paravam em pontos de apoio, recebiam um desafio de raciocínio lógico ou matemático e tinham dez minutos para responder cada desafio proposto. Além disso, deveriam recolher o lixo que encontrassem no caminho. Um pequeno gesto de cuidado com a natureza”, explica Márcia dos Santos, diretora da escola.

A gestora destaca ainda que a atividade foi monitorada pelos pais e professores da escola e finalizada com um lanche. “A garotada adorou a aventura e esperam ansiosas pelo resultado e premiação, que acontecerá no retorno às aulas, no dia 01 de agosto”, disse.

 

 

 

Escola realiza premiação dos melhores alunos leitores

Ascom/SEMEC

Como forma de incentivar o gosto pela leitura nos estudantes, a equipe da Escola Municipal Santa Maria da Codipi, zona Norte de Teresina realizaram a premiação dos leitores do semestre. O objetivo da ação é promover atividades de incentivo à leitura, premiando os três primeiros alunos de cada turma que mais retiraram livros da biblioteca para lerem.

A atividade faz parte do Projeto Leitores do Semestre que é uma ação do Projeto Eu Amo Ler, tendo o acervo da biblioteca da escola como aliada no incentivo pela leitura. O projeto visa criar nos alunos o hábito da leitura por prazer e contribuir na formação dos alunos, para que se tornem leitores competentes.

Luzinete Borges Leal explica que no final de cada semestre é realizada a premiação, com medalha e um livro. “Os leitores premiados terão que indicar um dos livros que leu e entregar na biblioteca por escrito o porquê da indicação”, diz.

A escola atende 293 alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental que participam ativamente da atividade proposta, contando ainda com o apoio dos familiares que estiveram presentes durante a cerimônia de premiação.

E para encerrar as atividades do primeiro semestre, os estudantes também realizaram apresentações teatrais de alguns dos paradidáticos lidos. Os Três Porquinhos e a Galinha Ruiva, são alguns dos livros trabalhados em sala de aula com a turminha do 2° ano da professora Nazaré Borges, que se descaram com as apresentações.

Rede municipal de Teresina avalia resultados do último bimestre em alfabetização

Ascom/SEMEC

Essa semana na Secretaria Municipal de Educação (SEMEC) está sendo de análises sobre os últimos resultados do semestre, fazendo um comparativo do desempenho dos alunos nos meses de maio e junho. Diariamente, o Centro de Formação Odilon Nunes recebe diferentes grupos de gestores para análises e planejamentos.

Na última terça-feira (16), o comitê gestor, que trabalha com o Instituto Ayrton Senna, esteve reunido para apresentar os resultados conquistados sobre os principais programas desenvolvidos no município de Teresina. O grupo discutiu o teste de diagnóstico aplicado com alunos do 2º e 3º ano no Programa Gestão da Alfabetização, bem como o acompanhamento mensal do fluxo escolar e do Fórmula da Vitória.

A secretária executiva de Ensino, Irene Lustosa, explica que os encontros do comitê visam o cumprimento de metas, como garantir que pelo menos 95% dos alunos concluam os anos iniciais do Ensino Fundamental, na idade recomendada até 2023. “Temos objetivos claros e estamos trabalhando para alcança-los. Os encontros com os técnicos e também as reuniões gerenciais são para unificar esse esforço em prol da melhoria do desempenho acadêmico dos alunos”, afirma.

Hoje (17), diretores de escolas com turmas em ciclo de alfabetização prestaram conta sobre os níveis de leitura e escrita dos alunos, tendo como base o apoio que recebem do Programa Mais Alfabetização e do Alfabetiza Teresina, iniciativas que estimulam a prática da leitura diária na escola.

Os dados coletados apontam que até o mês de julho, 60% dos alunos das escolas municipais já sabem ler antes de concluírem o 1º ano do Ensino Fundamental. Já a turma do 2º ano, apresenta um rendimento de 78% nessa habilidade.

“Quando vejo esses números, e quando sei que estamos crescendo coletivamente, tenho vontade de anunciar por meio de placas que em Teresina os alunos aprendem realmente a ler, e aprendem a ler com fluência”, declara o secretário municipal de Educação, Kleber Montezuma.

Alunos destaques são premiados no CMEI Chico Xavier

Ascom/SEMEC

Para tornar o aprendizado mais significativo e tirar as crianças da rotina de sala de aula, a equipe de professores do Centro Municipal de Educação Infantil Chico Xavier, zona Sudeste de Teresina, vem adotando estratégias que despertam o interesse dos alunos nos conteúdos e incentivam a leitura.

Uma das ações utilizada na unidade de ensino é a premiação dos estudantes com melhor desempenho e frequência de cada sala. Para o encerramento do primeiro semestre letivo a escola realizou uma linda festa com a premiação dos alunos, que tiveram boa frequência, participação das atividades enviadas para casa e de classe e as habilidades alcançadas.

Cristiane Vieira da Silva Sousa, gestora do CMEI, explica que as atividades diferenciadas são planejadas com intensões bem definidas. O objetivo é fazer com que as crianças envolvam-se  nas atividades. “Eles adoram, participam de tudo  e se envolvem com as solenidades de premiações. Assim, fica bem mais fácil ensinar e aprender, todos participam com alegria e motivação”, comenta.

Alunos do Bolshoi chegam a Teresina para férias com a família

Ascom/SEMEC

É época de férias e os ex-alunos da Rede Municipal de Teresina, agora, aspirantes a bailarinos da Escola do Teatro Bolshoi, chegaram à capital piauiense para as férias com a família.

Selecionados em audições nacionais, os estudantes moram em Joinville, Santa Catarina, graças a uma parceria do Bolshoi com a Prefeitura de Teresina e o Governo do Estado. Os ex-alunos de Escolas Municipais estão acompanhados dos ex-alunos da Rede Estadual, da mãe social Rosana Carvalho Gomes, e da professora Amparo Veloso, coordenadora do Bolshoi em Teresina. Eles permanecem na cidade até o dia 03 de agosto.

Além de aproveitarem as férias com a família, os jovens cumprirão agenda, incluindo visitas às secretarias de Educação e ações burocráticas no juizado de menores.

A formação tem duração de oito anos, tempo necessário para realização do curso técnico profissionalizante. Além da preparação artística, as crianças recebem benefícios como transporte, uniformes, figurinos, atendimento médico e fisioterápico.

As ações realizadas pelo Projeto, iniciadas no ano de 2003, através da parceria firmada entre a Escola do Teatro Bolshoi no Brasil e a Prefeitura Municipal de Teresina, para a formação de crianças e adolescentes na área da dança, resultaram na formação de bailarinos profissionais, que atuam hoje em Porto Seguro (BA), Belo Horizonte (MG), Joinville (SC) e Teresina (PI), e também em outros países como Estados Unidos (Nova Iorque) e Indonésia (Jakarta).

Gestores da Educação Infantil socializam resultados e inspiram com experiências exitosas

O semestre letivo está encerrando nas unidades de ensino da Rede Municipal de Teresina e os técnicos da Secretaria Municipal de Educação (Semec) fazem balanços sobre os resultados alcançados até agora. Os gestores da Educação Infantil estiveram reunidos no Centro de Formação Odilon Nunes para avaliar, socializar e repensar ações para o próximo semestre.

Os diretores escolares apresentaram os números em relação aos níveis de leitura, escrita e a Prova Teresina, analisando quais alunos estão avançados nas habilidades e quais precisarão de uma força a mais no segundo semestre. O grupo também dialogou sobre as intervenções realizadas em sala de aula e propôs coletivamente o direcionamento de algumas estratégias para o alcance das metas.

De acordo com Sammya Ribeiro, gerente de Educação Infantil da Semec, a socialização de experiências inspira pela grande quantidade de práticas exitosas. “Anima toda a equipe de gestores, porque traz novas ideias”, disse.

Para ela, é necessário avaliar se o que foi programado para o primeiro semestre foi executado com êxito. “Nosso trabalho é baseado em planejamento e avaliação, então é importante monitorar se as crianças consolidaram as habilidades trabalhadas, para, se preciso, redirecionar as intervenções a partir das análises”, concluiu a gerente.