Prefeito Dr. Pessoa homenageia a médica Amariles Borba em solenidade no Palácio da Cidade

Prefeito Dr. Pessoa homenageia a médica Amariles Borba Fotos(Marcelo Cardoso/ SEMCOM)

A Prefeitura Municipal de Teresina realizou, na manhã desta terça-feira (31), uma solenidade em homenagem à Dra. Amariles Borba, médica considerada um dos nomes mais competentes da capital piauiense quando o assunto é saúde pública. A homenagem foi uma inciativa do prefeito Dr. Pessoa, que considerou os mais de 20 anos de relevantes serviços prestados pela pediatra ao município. A solenidade aconteceu no Salão Nobre do Palácio da Cidade.

O prefeito Dr. Pessoa ressaltou o grande legado de Amariles Borba na saúde pública. Segundo o chefe do executivo, a médica é uma referência para todos os profissionais que atuam na área e que se dedicam a cuidar das pessoas.

“A Dra. Amariles Borba contribuiu com o mundo, com o Brasil, não é só com Teresina, nem só com Piauí. A história dela é exemplar para todos aqueles que fazem a saúde no Brasil. Ela merece muito mais do poder executivo do Município de Teresina. O serviço prestado por ela e suas atitudes desempenhadas com bastante afinco, com bastante objetividade, cuidando sempre da vida. Por isso, em qualquer lugar por onde ela passou, deixou o seu legado, um legado forte em cuidar da vida das pessoas”, afirmou o prefeito.

Durante a solenidade, Amariles Borba recebeu uma placa das mãos do prefeito e da presidente da FMS, Clara Leal. A homenageada enfatizou sua alegria em receber a honraria e falou de planos para o futuro.

“Nesses 23 anos na Fundação Municipal de Saúde eu tentei dar tudo que eu podia e fazer o melhor pela população de Teresina e também no Piauí como mestra. Eu penso no futuro, continuar trabalhando, fazendo aquilo que nesses últimos 53 anos de formada, porque esse hardware que está aqui é do povo, não é meu. Então, se eu for seguir para continuar fazendo o que eu sei, vou continuar trabalhando, embora menos intensamente, porque eu não tenho mais condições físicas de trabalhar dez horas por dia, mas eu acho que umas quatro horas, três horas eu dou conta”, declarou a médica.

Clara Leal, presidente da FMS, destacou as virtudes de Amariles Borba e seu compromisso com a saúde da população.

“Se a gente tiver que falar aqui todas as qualidades da Dra. Amariles, certamente não conseguiremos. Competência, autenticidade, ela briga tanto pelas crianças, para aumentar a cobertura vacinal, ela briga com o cidadão comum e briga com a mais alta autoridade do nosso estado. E o que mais marca no seu modo de ser é o senso de responsabilidade e de compromisso. Não precisa que se ofereça a Dra. Amariles condições tão favoráveis de trabalho, basta entregar uma missão e ter a certeza que essa missão será cumprida”, destacou Clara Leal.

Alerta

Durante sua fala na solenidade, Amariles Borba fez um alerta sobre o risco de um novo surto de arbovirose – doença causada por vírus transmitidos, principalmente, por mosquitos, e também fez um apelo para que pais e mães vacinem suas crianças.

“Queria aqui aproveitar essa oportunidade para fazer um apelo às pessoas, são dois apelos. O primeiro é que, segundo que está sendo divulgado na literatura mundial, nós vamos ter surto grave de arbovirose. Portanto, não criem mosquitos. A segunda coisa muito relevante é que os responsáveis pelas crianças menores de cinco anos, por favor, cumpram o calendário vacinal, nós estamos a beira de ter surto de poliomielite, difteria, pneumonia, meningite, e para tudo isso tem vacina, está disponível”, concluiu Amariles Borba.

Currículo

A Dra. Amariles de Souza Borba nasceu no dia 10 de maio de 1943, em Floriano-PI. É graduada em Nutrição pelo Instituto de Nutrição do Estado da Guanabara e em Medicina pela Escola de Medicina e Cirurgia do Rio de Janeiro, com especialização em pediatria pela Escola de Pós-Graduação Médico “Carlos Chagas”. Tem trabalhos entre eles um Manual de Orientação das Ações de Saúde e Saneamento.

A médica teve participação em associações científicas e profissionais como Associação Brasileira de Pediatria, Associação Médica Brasileira e Sociedade Brasileira de Pediatria, Associação Piauiense de Medicina, Sociedade de Pediatria do Piauí, Conselho Regional de Medicina, Conselho Regional de Nutrição e presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria/Piauí no Triênio 1998-2000.

Dra. Amariles Borba foi Subchefe dos médicos residentes do Serviço de Pediatria do Hospital dos Servidores do Estado, Coordenadora do Programa Materno-Infantil da Secretaria de Saúde do Piauí, Médica do INAMPS na especialidade de Pediatria, Coordenadora do Programa Nutrição em Saúde no Estado do Piauí , Coordenadora dos Órgãos Regionais de Saúde do Estado do Piauí ,Coordenadora Chefe do Convênio Global Ministério as Saúde, Professora do Departamento de Clínica Geral do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal do Piauí, Professora da Cadeira de Pediatria (aula teórica e prática),Diretor do Departamento de Saúde da Secretaria de Saúde do Piauí, Diretora da Divisão de Programas e Projetos Especiais de Saúde da Secretaria de Saúde do Piauí, Diretora Geral do HospitaI Infantil Lucídio Portela, Diretora Clinica Hospital do Promorar, Presidente em exercício da Fundação Municipal de Saúde e Diretora de Vigilância em Saúde da FMS, de 1991 a 2023.

Alô Teresina e Del Rey receberam a Feira no Condomínio no sábado (28)

Exposição e comercialização de produtos na Feira no Condomínio. Foto (Ascom/Semp)

Com objetivo de fomentar a produção e a comercialização de produtos oriundos da agricultura familiar, a Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria de Produção Agropecuária (SEMP), realizou, neste sábado (28), a 10ª edição da Feira no Condomínio, que aconteceu de forma simultânea nos condomínios Alô Teresina, localizado na avenida Padre Florêncio Lecchi,1269 -Ilhotas e no Del Rey, situado na rua Padre Áureo Oliveira,1964-Cristo Rei.

A feira também proporciona aos moradores dos condomínios o acesso a produtos agroecológicos com excelência na qualidade, preço acessível e praticidade, sem sair do conforto de seus lares. Durante o evento, foram comercializadas frutas, legumes, hortaliças, ovos, mel, plantas ornamentais entre outros produtos.

Produtos oriundos diretamente da agricultura familiar para a feira no Condomínio . foto (Ascom/Semp)

De acordo com o coordenador da feira, Alisso Barros, a cada edição da feira, os condomínios têm abraçado o projeto de forma positiva, suprindo as expectativas dos organizadores, feirantes e moradores.

“O projeto tem sido um sucesso, temos ampliado a realização da feira em mais edições, a cada mês, e sua realização, simultaneamente, em outros lugares. Estamos levando produtos com qualidade e ajudando os pequenos produtores na comercialização deles”, afirma Alisson Barros.

Segundo Edlúcia de Araújo, síndica do condomínio Alô Teresina, a feira aconteceu lá pela primeira vez e considerou o evento bem organizado, onde os moradores puderam usufruir de uma variedade de produtos diretamente da agricultura familiar.

“Nosso condomínio recebeu a feira pela primeira vez e já queremos agendar novamente. O projeto é maravilhoso, compramos produtos com qualidade e com preço acessível. A Prefeitura de Teresina está de parabéns pela idealização da feira, que contempla os produtores e os moradores dos condomínios de nossa cidade”, ressalta a síndica.

A “Feira no Condomínio” é uma realização da Secretaria Municipal de Produção Agropecuária (SEMP), em parceria com a Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas Rural (SAAD Rural) e com os pequenos produtores da capital.

FMC divulga resultado final do edital de apoio aos blocos carnavalescos

Com prêmios que variam entre R$ 3 e R$ 15 mil reais, este ano, durante o Carnaval, a cidade de Teresina oferece aos blocos carnavalescos, a sua maior premiação da história, comprovando o compromisso da gestão municipal e do prefeito Dr. Pessoa com a cultura local. Através de um edital aberto aos pequenos e grandes blocos, a Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), e a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), geraram uma oportunidade igualitária aqueles que durante a Folia de Momo, contribuem de forma direta com o enriquecimento cultural local.

O Bloco Pinto da Morada foi um dos escolhidos para receber apoio da Prefeitura Municipal de Teresina / foto: Ascom FMC

O prefeito Dr. Pessoa, conta que ao iniciar todo o processo para a realização do Carnaval 2023, ouviu diversos representantes de blocos, que apontaram uma desigualdade no repasse dos recursos, e ainda o preconceito com os pequenos blocos de sujos. De acordo com informações repassadas ao prefeito, pequenos blocos recebiam apenas uma pequena ajuda de custo no valor de R$ 1 mil reais, e que este valor dava apenas para os blocos custear as despesas com o aluguel do ônibus, já que os blocos eram obrigados a desfilar em um evento oficial da prefeitura, fato que segundo o prefeito, fez com que muitos desses blocos, desistem de buscar o apoio do poder público.

“Estamos fazendo o maior Carnaval da história de Teresina, com isso estamos aumentando os apoios aos blocos, pois é preciso que se leve a cultura a sério, é preciso tratar todos com respeito, e isso a gente vem fazendo. O Ênio Portela é quem comanda a pasta da cultura, e por sua vez, toda a programação carnavalesca, porém estamos alinhados e conversamos todos os dias, pois faço questão de acompanhar de perto todas as ações desenvolvidas pelos órgãos da administração direta e indireta”, comenta o prefeito Dr. Pessoa, dizendo ainda que está muito feliz com os resultados obtidos pela Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves.

O presidente da FMC, Ênio Portela destacou que este ano, com a notícia de mais investimentos, vários blocos voltaram a participar da seleção, porém foram selecionados aqueles que mais obtiveram pontos de acordo com as regras expostas no edital. Ênio Portela comentou ainda que para o próximo ano, a intenção é melhorar ainda mais os investimentos para que a pasta da cultura possa apoiar mais blocos por toda a cidade.

“É um recomeço, porém já recomeçamos bem melhor que as edições anteriores. Vamos seguir avançando para que aqueles que fazem a cultura continuem sendo respeitados, e para que nossa cidade possa ser exemplo nacional no que se diz respeito a cultura”, diz Ênio Portela.

O resultado final do edital de apoio aos blocos carnavalescos está disponível no site cultura.pmt.pi.gov.br. O link do site também está à disposição dos internautas na bio da página cultura_the no Instagram.

Veja os selecionados

BASE – BLOCO DOS SUJOS – R$ 3.000,00

OS LOUCOS DA CODIPI – BLOCO DOS SUJOS – R$ 3.000,00

KI LOUCURA – BLOCO DOS SUJOS – R$ 3.000,00

MIGUELÂNCIA – BLOCO DOS SUJOS – R$ 3.000,00

RAPAZES ALEGRES – BLOCO DOS SUJOS – R$ 3.000,00

MANOEL DA ROÇA – BLOCO DOS SUJOS – R$ 3.000,00

OS BOLAS – BLOCO DOS SUJOS – R$ 3.000,00

BATUKADA – BLOCO DOS SUJOS – $ 3.000,00

COBRA FEST – BLOCO DOS SUJOS – R$ 3.000,00

BLOQUINHO DA TAPIOKA – BLOCO DOS SUJOS – R$ 3.000,00

CHEPEIROS – BLOCO PEQUENO PORTE – R$5.000,00

BLOCO ALCOOL – BLOCO PEQUENO PORTE – R$5.000,00

AI PAI, PARA – BLOCO PEQUENO PORTE – R$5.000,00

TAN DAN DAN – BLOCO PEQUENO PORTE – R$5.000,00

SÓ ENCHENDO E DERRAMANDO – BLOCO PEQUENO PORTE – R$5.000,00

PIAUÍ SAMBA – BLOCO PEQUENO PORTE – R$5.000,00

JACINTA FOLIA – BLOCO PEQUENO PORTE – R$5.000,00

SALVE RAINHA – BLOCO PEQUENO PORTE – R$5.000,00

LÁ ELE – BLOCO MÉDIO PORTE – R$10.000,00

BARÃO DE ITARARÉ – BLOCO MÉDIO PORTE – R$10.000,00

SÓ FUXICO – BLOCO MÉDIO PORTE – R$10.000,00

PERNAMBUCO – BLOCO MÉDIO PORTE – R$10.000,00

TORANDO BRITA – BLOCO MÉDIO PORTE – R$10.000,00

STOURADAS – BLOCO MÉDIO PORTE – R$10.000,00

CAPOTE DA MADRUGADA – BLOCO GRANDE PORTE – R$15.000,00

PINTO DA MORADA – BLOCO GRANDE PORTE – R$15.000,00

BLOCO DO PAÇOCA – BLOCO GRANDE PORTE – R$15.000,00

OS FULEIRAS – BLOCO GRANDE PORTE – R$15.000,00

LISOSSOMOS – BLOCO GRANDE PORTE – R$15.000,00

VACA ATOLADA – BLOCO GRANDE PORTE – R$15.000,00

Primeiro  Levadão levou animação para o Centro de Teresina

Na manhã desta sexta-feira (27), quem passou pela Praça Rio Branco, no Centro de Teresina, pôde acompanhar de perto o projeto Levadão, que até o Carnaval, estará levando para a região central da cidade, muita animação ao som do Grupo Piauí Samba. O evento faz parte da programação dos eventos que antecedem o Carnaval, o mesmo está sendo realizado pela Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC).

Fotos: Ascom FMC

O presidente da FMC, Ênio Portela, conta que por determinação do prefeito Dr. Pessoa, a pasta da cultura está levando as atividades culturais para todos os cantos da cidade, e que o Centro, local onde une pessoas de todas as partes, não poderia ficar de fora da programação que antecede a Folia de Momo. O representante da FMC destacou ainda os recentes investimentos do poder público municipal na região, e que a pasta da cultura pretende reforçar a realização de atividades no Centro, a fim de possibilitar aos moradores, trabalhadores, e clientes, opções culturais, que irão se integrar com o comércio local, possibilitando a movimentação da economia.

“O Carnaval é uma festa de todos, por isso não poderíamos deixar o Centro de fora. Iniciamos hoje e seguiremos com o Levadão até o início da Folia de Momo, tudo para garantir que a cidade viva esse momento que encanta todo o mundo”, destaca Ênio Portela.

A Raimunda Araújo, do bairro Satélite, conta que ir ao Centro é uma missão muito estressante, tudo segundo ela, por conta do vai e vem das pessoas e veículos. Para ela, esse tipo de iniciativa movimenta o cenário cultural, mas também ajuda a aliviar a mente de quem tira um pouco do tempo para acompanhar a apresentação.

“Tanto eu, como minha irmã que é de Belém do Pará, saímos daqui encantadas, é a primeira vez que a gente vê algo de qualidade aqui na praça. A Prefeitura de Teresina está de parabéns por oferecer essas atrações gratuitas para nós que costumamos vir aqui no Centro”, disse ela, afirmando que agora a ida ao Centro, será bem menos estressante.

O músico Robert Gleydson, do Grupo Piauí Samba, disse ter ficado muito feliz com o convite, pois para ele, após dois anos sem atividades carnavalescas, a cidade precisa urgentemente respirar um pouco de cultura. Ele também destacou os investimentos da gestão municipal na área da cultura, que vem possibilitando um apoio direto aos artistas locais, que segundo ele, foram a classe mais prejudicada com as medidas restritivas provocadas por conta do momento pandêmico.

“A arte do Piauí tem que ser compartilhada, estamos vindo de uma pandemia. Esse vai ser o Carnaval do reencontro, o Carnaval do abraço, onde os artistas locais, com o apoio da Prefeitura de Teresina e da Fundação Monsenhor Chaves, estarão indo onde o povo está”, comenta Robert Glaydson.

O Levadão é um projeto de samba que será realizado todas as sextas-feiras no Centro de Teresina. Toda a programação pode ser consultada no site cultura.pmt.pi.gov.br, ou na página cultura_the no Instagram.

PRODATER vai fornecer internet gratuita no corso

PRODATER vai fornecer internet gratuita no corso. Foto (Ascom/Prodater)

O presidente da Empresa Teresinense de Processamento de Dados (PRODATER), Jobson Filho, o presidente da Fundação Cultural Monsenhor Chaves (FMC), Ênio Portela, e representantes da ITTnet estiveram reunidos nesta quinta-feira (26) para discutir sobre a conectividade durante o corso de Teresina. Estiveram também na reunião o assessor técnico em TI da presidência, Henrique Mendes, o gerente de suporte, Reginaldo Rodrigues, e o analista de projetos, Rafael Carvalho.

O Corso de Teresina acontecerá no dia 11 de fevereiro no Complexo Cultural e Turístico Mirante da Ponte Estaiada, o percurso esse ano será diferente, a partida será na avenida Jóquei Clube, e será dispersado na avenida Dom Severino. A mudança do percurso leva em consideração a determinação que proíbe eventos que fechem um determinado trecho da avenida Raul Lopes.

O presidente, Jobson Filho, falou sobre essa parceria. “A PRODATER com a empresa ITTnet a pedido do prefeito, Dr. Pessoa, atenderá o corso de Teresina com toda a parte de conectividade e Internet. Essa internet poderá ser utilizada pelas forças de segurança, pela Fundação Municipal de Saúde (FMS) e as demais instituições que faze parte do evento, inclusive os foliões. Toda a parte de projeto hoje foi verificada juntamente com a fundação que comanda o evento, a Semcom também está em parceria conosco para que possamos atender perfeitamente tanto a população que participará, quanto as instituições”, explicou.

Devido à quantidade de pessoas em um mesmo local, as redes ficam congestionadas, e isso prejudica o uso dos dados móveis. A intenção é fazer com que os foliões não percam nenhum clique e que continuem conectados durante o evento.

“Como parte da integração da gestão municipal, que o nosso prefeito sempre solicita, a Prodater firmou parceria com a Fundação Cultural Monsenhor Chaves para levar internet aos foliões do corso, já que hoje em dissesse meio de comunicação, celular e internet é tão importante na nossa sociedade e o corso que é uma festa bastante popular tinha que ter conexão suficiente para atender a demanda, então a PRODATER se prontificou a fornecer esse serviço no corso de Teresina, é mais uma vez a gestão municipal se preocupando com o povo”, pontuou Ênio Portela, presidente da FMC.

SEMP realiza em fevereiro a 10ª edição da Feira de Arte e Agricultura Familiar

A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Produção Agropecuária (SEMP), realiza a 10ª edição da Feira de Arte e Agricultura Familiar, no dia 3 de fevereiro, a partir das 8h, na rua Climatizada, localizada na praça Rio Branco, no Centro da cidade.

Será a primeira feira do ano de 2023, com o objetivo de estimular a comercialização e a produção de produtos agroecológicos, além de proporcionar aos consumidores produtos naturais e saudáveis para a alimentação humana, oriundos diretamente da agricultura familiar. Nesta edição, as comunidades Serra do Gavião, Vale da Esperança, Ave Verde e Alegria levam seus produtos para exposição e comercialização.

De acordo com superintendente da SEMP, Edvaldo Marques, as feiras têm proporcionado aos pequenos produtores uma maior comercialização de seus produtos, reconhecidos pela qualidade.

“Essa será a 10ª edição, estamos muito felizes pelo projeto que deu certo e tem ajudado agricultores e produtores com o escoamento de seus produtos. A Prefeitura de Teresina tem investido na assistência, qualificação e geração de renda aos produtores da cidade, é um compromisso da gestão do prefeito Dr. Pessoa com os teresinense”, comenta Edvaldo Marques.

O evento contará com a exposição de produtos agroecológicos, artesanais, plantas ornamentais todos produzidos pelos pequenos produtores das zonas Urbana e Rural de Teresina. Também haverá a exposição de flores, por meio do setor de floricultura da cidade.

Na tarde desta quarta-feira (25), houve reunião da Comissão de Ações Agropecuárias com os feirantes, visando melhorar a frequência das feiras e comercialização de produtos da agricultura familiar. A comissão é composta por técnicos da SEMP e da Saad Rural.

A Feira de Arte e Agricultura Familiar é uma realização da Secretaria de Produção Agropecuária (SEMP) e tem como madrinha a primeira-dama de Teresina, Samara Conceição. O evento conta com a parceria da Saad Rural, Saad Centro, Semdec, Semcom , Semduh, Semel, Semam, FMS, FMC.

Majestades da terceira idade e da pessoa com deficiência passam por pré-seleção

O Carnaval de Teresina é uma festa para todos, por isso a Prefeitura Municipal de Teresina, através de uma parceria entre a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, a  Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) e a Secretaria Municipal de Comunicação Social (Semcom), realizou na manhã desta quarta-feira (25), a pré-seleção para o concurso de escolha das Majestades da terceira idade e da pessoa com deficiência.

O evento ocorreu na sede da Semcaspi, no Centro da cidade, e contou  com a presença do prefeito Dr. Pessoa, e ainda teve  a participação de candidatos vindos de vários bairros e comunidades rurais, tudo preparado para que a capital piauiense possa ser também referência no Carnaval Inclusivo.

O presidente da FMC, Ênio Portela, falou sobre a importância de se fazer um evento carnavalesco, respeitando aqueles que por muitos anos ajudaram a manter viva a tradição do Carnaval em Teresina. Ele falou ainda que este ano, como forma de valorizar ainda mais esses participantes, a pasta da cultura, juntamente com o prefeito Dr. Pessoa, buscaram ampliar os recursos para que as majestades da terceira idade e da pessoa com deficiência pudessem receber o mesmo valor das demais majestades.

“Antes se falava em inclusão, mas como ser inclusivo com uma premiação não igualitária? O prefeito Dr. Pessoa tem buscado está sempre antenado com a necessidade do povo e no Carnaval, não poderia ser diferente, por isso chegamos a conclusão de que seria importante fazer uma festa inclusiva em todos os seus detalhes”, destaca Ênio Portela, afirmando cada participante eleito nessas categorias destacadas acima, irão ganhar um incentivo de R$ 7 mil reais.

A escolha de todas as Majestades do Carnaval irá ocorrer no próxima dia 03 de fevereiro no Iate Clube de Teresina, onde acontecerá uma grande festa com atrações musicais.  Para mais informações sobre o concurso, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br.

Fotos: Ascom FMC

Casais são eleitos para duas categorias na final do concurso Majestades 2023

A pré-seleção do Concurso “Majestades” do Carnaval 2023 aconteceu nesta quarta-feira, (25), no pátio da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), e foram eleitos cinco casais em duas categorias: pessoa idosa e pessoa com deficiência. A final do concurso “Majestades” 2023 acontece na sexta-feira, (03), às 19h, no Iate Clube de Teresina.

O Concurso “Majestades” 2023 é promovido pela Fundação Monsenhor Chaves (FMC) e contou com o apoio da Semcaspi para a realização da pré-seleção de casais. O valor da premiação será de R$7 mil para cada categoria.

Fotos: Ascom Semcaspi

De acordo com prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, a importância do concurso “Majestades” é promover a inclusão de todos os públicos em uma das maiores festividades do Brasil, o Carnaval.

“O Carnaval é alegria e nós, como gestores, não poderíamos deixar de realizar o maior evento cultural e popular do Brasil, sempre incluindo todos os públicos para que possam usufruir deste belíssimo evento, que é o carnaval. Este ano, ampliamos o valor do prêmio, iremos premiar as majestades com sete mil reais, em cada categoria. É uma valorização e incentivo para que as pessoas participem dos concursos carnavalescos de nossa cidade”, ressalta o prefeito.

Para o Allan Cavalcante, secretário da Semcaspi, a participação integral das pessoas idosas e pessoas com deficiência no Carnaval efetiva a inclusão social destes públicos na festa do Carnaval.

“A gestão do Dr. Pessoa tem avançado na política de inclusão. A partir de agora, os reis e rainhas das categorias pessoa idosa e pessoa com deficiência serão incluídos em todas as festividades oficiais do Carnaval. Além disso, a premiação para estas duas categorias também aumentou, igualando as demais categorias do Carnaval”, pontuou o secretário.

Ênio Portela, presidente da FMC, reforça que a prefeitura tem articulado toda a estrutura para os eventos oficiais do Carnaval.

“A final do Concurso “Majestades” acontecerá no Iate Clube, no dia 03 de fevereiro, mas a festa já começou agora, com a pré-seleção. Esta é a marca da gestão do Dr. Pessoa, é o povo dentro da gestão. Os vencedores participarão dos eventos oficiais, inclusive do Corso de Teresina”, destaca Ênio Portela.

PREPARAÇÃO PARA CONCURSO MAJESTADE

Os candidatos de cada categoria têm mostrado alegria e muita disposição para a grande final do Concurso Majestade 2023. Um dos candidatos eleitos pelo jurado foi Carlos Augusto, na categoria rei da pessoa com deficiência.

“Foi muito bom eu ser um dos escolhidos. Poder representar as pessoas com deficiência, promovendo mais inclusão. A minha preparação está muito boa. Tenho uma equipe de dança para me auxiliar e vou me preparar mais ainda para a final. Eu estou confiante para ganhar, mas o mais importante é levar alegria para as pessoas por meio da inclusão”, garantiu.

Maria das Graças, uma das eleitas na categoria rainha da pessoa idosa, conta que está muito feliz por ser uma das eleitas e promete mostrar muito samba no pé na grande final. “É uma felicidade e tanto. Eu estou me preparando para participar da final. Tenho uma pessoa para me orientando”, afirmou.

ELEITOS PARA A FINAL

Com um corpo de jurados e uma plateia para lá de animada, a pré-seleção conseguiu eleger os candidatos não apenas com mais samba no pé, mas também com mais espírito carnavalesco.

Para participar da grande final do Concurso Majestades 2023, foram eleitos na categoria rainha da pessoa idosa: Fátima da Silva; Carmen Gonçalves; Maria das Graças; Maria do Socorro Paiva; e Selma Maria de Freitas. Já na categoria rainha da pessoa com deficiência: Anatasha Rodrigues; Layanne Maria; Maria do Socorro; Maria Francisca; e Suely da Conceição.

Na categoria rei da pessoa com deficiência, foram escolhidos para participar da final: Aldo de Paula; Carlos Alberto; Rosaldo Antônio; Rubens Santos e Antônio José. Já na categoria rei da pessoa com deficiência: Allan Pedrosa; Carlos Augusto; Marcos Sérgio; Francisco das Chagas; Robson Marley.

SAAD Norte estuda reforma de estrutura que abriga feira livre no bairro Aroeiras

SAAD Norte estuda reestruturação de prédio que abriga feira livre no bairro Aroeiras. Foto (Ascom/Saad Norte)

A Prefeitura de Teresina por meio da Superintendência das Ações Administrativas descentralizadas Norte (SAAD Norte), estuda reforma de estrutura que a abriga a feira livre do bairro Aroeiras e adjacências. De acordo com lideranças do bairro, o prédio foi construído e inaugurado pela Agência de Desenvolvimento Habitacional (ADH) no ano de 2010. Na época, 90 permissionários foram liberados para trabalharem no local, e cerca de 40 ficaram em uma espécie de cadastro reserva, atualmente menos de 10 comerciantes utilizam o local para a venda de seus produtos.

Na última quinta-feira, 19, o superintendente da SAAD Norte, Welton Bandeira, esteve no local e constatou a deterioração provocada pelo tempo e outros problemas de cunho administrativa relacionada a documentação e pertencimento do imóvel. Ainda em janeiro a superintendência formalizará um pedido de cessão de uso de bem público, já que o local foi construído por um órgão estadual, somente desta forma a prefeitura poderá intervir e melhorar as condições de trabalho dos permissionários da feira livre.

“Viemos para a rua por uma determinação do nosso prefeito Dr. Pessoa, ele tem pedido que trabalhemos em parceria com a população, ouvindo as demandas e atendendo prioridades das comunidades que estavam mais vulneráveis e isoladas. Aqui no bairro, Aroeiras eles desejam a reforma do prédio que abriga os comerciantes da região, constatamos que há vários problemas de deterioração e problemas com relação à posse desse imóvel, o local não pertence à jurisdição da Prefeitura de Teresina, mas iremos formalizar um pedido ao Governo do Estado, para cessão do local aos cuidados do município, espero que consigamos e dessa forma melhorar as condições de trabalho dos permissionários”, comenta Welton.

De acordo com Gilvan Santos, líder da comunidade, o local possui treze anos e necessita de melhorias para atender as necessidades dos permissionários e clientes que frequentam a feira.

“Aqui é conhecido como mercado do Nova Teresina, trouxemos o superintendente e todo o corpo administrativo da SAAD Norte para ver a situação mais de perto. São 90 permissionários que reivindicam melhorias desse local. Esses comerciantes sonham em empreender com melhores condições de trabalho. Estamos felizes com a atenção e que prefeitura tem nos dado, não só aqui, mas também a outros problemas que temos levado a ela”, conclui Gilvan.

Outras Visitas

O superintendente, Welton Bandeira, também visitou outros conjuntos residenciais e comunidades do bairro Aroeiras, ele foi guiado pelo líder da região, Gilvan Santos. Durante a caminha foi constatado problemas de limpeza, pavimentação e drenagem nas vias da comunidade. Welton Bandeira ressaltou que a SAAD Norte trabalhará em parceria com outros órgãos para sanar esses problemas no tempo mais rápido possível.

Pranchinha arrasta multidão na avenida Raul Lopes

Centenas de pessoas acompanharam a Pranchinha na avenida Raul Lopes Fotos(Ascom/FMC)

Quem acompanha as redes sociais da Prefeitura Municipal de Teresina (PMT) e da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC) já sabia da novidade, porém, muitos que estavam praticando exercícios na avenida Raul Lopes, na zona Leste da capital, foram pegos de surpresa com um veículo semelhante aos famosos trios elétricos, conduzindo banda Amuleto com o seu amplo repertório de axé. O Projeto Pranchinha, que na semana passada ocorreu como forma de experimento, mostrou que veio para ficar, pois o público presente foi ao delírio, e o que não faltaram foram os elogios daqueles que ontem (22), começaram a entrar no ritmo do Carnaval 2023, que este ano vem repleto de novidades.

Presente no evento que antecede a Folia de Momo, Ênio Portela, presidente da FMC, disse que esse projeto seguirá por todos os domingos que antecedem o maior Corso do mundo, que este ano será realizado no dia 11 de fevereiro, também na avenida Raul Lopes, porém, com algumas adequações que prometem animar e chamar a atenção dos foliões teresinenses, que há anos cobravam novidades no evento. O presidente da fundação confessa que, apesar de saber da paixão do público local pelos trios elétricos, ele não esperava pela multidão que compareceu para acompanhar a primeira edição da Pranchinha.

“Quando assumiu a gestão, o prefeito Dr. Pessoa ouviu os teresinenses e logo decidiu que no primeiro Carnaval, após o momento pandêmico, Teresina ganharia um Carnaval que agradasse aos foliões, por isso, ainda no ano passado, reunimos os técnicos da FMC, e juntos com o Palácio da Cidade, começamos a montar as estratégias. Entre as mudanças está a Pranchinha que, a partir de agora, é impossível ser retirada da programação carnavalesca, porém, outras novidades serão anunciadas em breve”, confirma Ênio Portela, lembrando ainda que este ano o Carnaval de Teresina tem o maior investimento da história da cidade.

Público aprovou

Entre os foliões da Pranchinha estava a contadora Deurilane Damasceno. Ela disse está feliz com o trabalho que a prefeitura vem fazendo no setor cultural, pois notou que nos eventos é comum um grande número de trabalhadores autônomos, e isso, segundo ela, ajuda a movimentar a economia local. Ela também citou que a gestão segue dando exemplo na contratação de artistas locais, pois Teresina e o Piauí têm inúmeros talentos que ainda estão longe do olhar do grande público e careciam de espaços como os que têm atualmente.

“Muita gente pensa que investir dinheiro no Carnaval é dinheiro jogado fora, mas quem trabalha com números, sabe muito bem o que um evento grandioso trás de receita para a cidade, além de gerar emprego para inúmeras pessoas, principalmente para aquelas que estão fora do mercado de trabalho e optam por atuarem na informalidade. Outra observação são os shows com os talentos locais, lembro que antes era impossível se lotar um grande espaço só com essa classe, sendo que hoje a gente vê eventos como o Cajuína, reunindo milhares de teresinenses assistindo shows de teresinenses”, comenta Deurilane Damasceno.

Geração de renda

Enquanto muitos se divertiam, Augusto Filho estava ao lado do filho empurrando um carrinho de mão contendo um isopor cheio de cervejas, água e refrigerante. Ele conta que até do final da Pranchinha já tinha apurado cerca de 500 reais, dinheiro que, segundo ele, chega em uma boa hora. Augusto falou ainda do retorno do Carnaval e sobre a sua expectativa a respeito das festividades, que prometem ser grandiosas em público e em renda para os vendedores ambulantes.

“Estamos há dois anos sem Carnaval, foram dois anos de sofrimento, sem poder levar o sustento para minha casa e agora com os eventos promovidos pela prefeitura, a gente pode organizar as contas e dar um conforto melhor para a família. Só temos a agradecer ao prefeito Dr. Pessoa por honrar o compromisso que ele fez com os empreendedores desta cidade”, disse Augusto Filho, afirmando que já está preparado para os outros domingos de Pranchinha e Corso.

O Pranchinha é um evento gratuito e ocorrerá até o domingo que antecede o Corso, sempre iniciando às 16h30, nas proximidades da avenida Jockey Clube, seguindo pela avenida Raul Lopes, até o Complexo Turístico Mirante da Ponte Estaiada. Toda a programação da Pranchinha, bem como os demais eventos culturais promovidos pela Prefeitura Municipal de Teresina está disponível no site cultura.pmt.pi.gov.br ou na página Cultura_The no Instagram.