Banda 16 de Agosto fará concerto em homenagem ao maestro Elton Oliveira


Um dos mais importantes mestres de bandas do Estado do Piauí, o maestro Elton Oliveira, será tema de uma homenagem que será prestada pela Banda 16 de Agosto, que é a banda oficial do município de Teresina. A homenagem acontecerá, por meio de um concerto gratuito que acontecerá, quarta-feira (25), às 19h, no Palácio da Música, localizado no bairro Centro/Sul.

Rocha Sousa, maestro da Banda 16 de Agosto, comenta que Elton Oliveira é um reconhecido compositor, regente, arranjador e educador musical de banda radicado no Piauí, mais precisamente na cidade de Teresina. Segundo Rocha Sousa, Elton já atua, desde 1974, onde compôs ao longo de sua trajetória mais de 60 peças musicais nos diversos estilos que compõem o repertório das bandas.

“São anos de promoção do conhecimento de um verdadeiro mestre, a quem temos muito que agradecer, pelas obras, pelo trabalho, e pela acolhida que ele sempre teve para com todos que, por meio de seus ensinamentos, se encaminharam para a profissão da música. Ele fez história na música piauiense como músico trombonista e como regente nas Bandas Escolas da FMC, Pixinguinha e Parque da Cidade, onde formou muitos músicos e ainda na Banda PMPI onde também fez história como músico militar”, conta Rocha Sousa.

Os ingressos para o concerto serão distribuídos uma hora antes do início, isso por ordem de chegada. O Palácio da Música fica localizado na Rua Santa Luzia, 1241, Centro/Sul.

Para mais informações sobre a Banda 16 de Agosto, bem como as demais informações sobre as ações da Prefeitura Municipal de Teresina na área da cultura, basta acessar o site da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, o cultura.pmt.pi.gov.br ou a página cultura_the no Instagram.

Projeto Cara do Piauí segue aberto na Casa da Cultura

A Cara do Piauí é um projeto direcionado a exposições de artistas piauienses, e para inaugurar este projeto, a Casa da Cultura está recebendo o trabalho do fotógrafo Aureliano Muller, que abre para população uma série de exposições. A mostra fotográfica iniciou na última segunda-feira (16), tem produção geral de W. Salmito e traz 20 obras que retratam as belezas do Piauí.

Para W. Salmito, produtor cultural, a exposição vai conhecer o olhar genuíno do piauiense que eternizou o Piauí em imagens marcantes e mostra o que tem de melhor da cultura para as novas gerações.
Ele retrata ainda que é muito importante a valorização que os artistas teresinenses vêm recebendo do poder público, principalmente através da Casa da Cultura, que vem abrindo suas portas para que os artistas possam expor suas artes.

“Esse é um projeto que promove exposições de artistas piauienses. Queremos mostrar o que temos de melhor na cultura para as novas gerações, e para inaugurar a essa série estamos trazendo o experiente Aureliano Müller, que retrata muito bem o Piauí, o Turismo, as riquezas do nosso Estado com sensibilidade”, diz Salmito.

A exposição ficará disponível para todos os públicos até o próximo dia 27 de Maio na Casa da Cultura que fica localizada na Rua Elizeu Martins, esquina com 7 de setembro, número 1426, em frente à praça João Luís Ferreira – Centro/Norte.

Informações para visitantes

Taxa de serviço: R$: 2,00 por pessoa
Agendamento de visitação: (86) 99402-5428 – telefone ou (86) 98864-2231 – WhatsApp

Projeto leva cinema gratuito para as crianças no Parque da Cidadania 

O projeto acontece em uma carreta adaptada e transformada em uma sala de cinema Fotos9Ascom/FMC)

Pipoca, refrigerante, um filme tudo isso misturado com um passeio pelo parque é uma combinação mais do que perfeita e está disponível gratuitamente para todos os teresinenses pelos próximos dias. O Projeto Cinema Aqui Ultragaz iniciou, na manhã desta terça-feira (17), e segue, até a próxima quinta-feira (19), no Parque da Cidadania, localizado no bairro Cabral, na zona Norte de Teresina.

Segundo Michael Santos, coordenador do Ultragaz Cultural, o projeto acontece em uma carreta adaptada e transformada em uma sala de cinema, com capacidade para 77 lugares. Ele enfatiza ainda que em 82 dias, a carreta percorrerá mais de 12 mil quilômetros atendendo os moradores de 15 cidades brasileiras.

“Esse projeto já existe há 22 anos, ele tem como objetivo principal levar opção de cultura para crianças e jovens carentes da periferia. Ao todo, já atendemos quase 200 mil crianças, isso tudo a custo zero para as cidades, já que contamos com incentivos culturais”, conta Michael Santos.

Em Teresina, o Cinema Aqui da Ultragaz Cultural tem o apoio da Prefeitura Municipal de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. Para mais informações. basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br ou através da página @cultura_the no Instagram.

Em turnê pelo Brasil, Bono Costa fará workshop no Palácio da Música

Artistas, músicos, managers, bookers, promotores, tour managers, produtores, selos, programadores, repórteres, técnicos, roadies, profissionais da cultura que atuam no poder público e produção de eventos, que queiram acelerar seu crescimento e ampliar seu conhecimento do ecossistema musical nacional e internacional, já podem se inscrever no Pro Music Business 360. O workshop com Bono Costa irá acontecer na próxima terça-feira (24/05), às 18h, no Palácio da Música, que fica localizado na Rua Santa Luzia, 1241, bairro Centro/Sul.

Foto: Ascom FMC

Serão oferecidas 100 vagas através do ingresso solidário, onde o interessado se inscreve através de um link https://site.bonodacosta.com/ . Após garantir vaga através do site, a pessoa deverá levar no dia do workshop, um quilo de alimento não perecível que será doado para famílias carentes de Teresina.

Para Ênio Portela, presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), esse workshop é de grande importância para o artista teresinense que deseja está sempre antenado com as mudanças necessárias para o crescimento profissional. Segundo ele, a Prefeitura Municipal de Teresina vem tendo esse novo olhar pelos que trabalham com cultura, isso sempre buscando seguir as orientações dadas pelo prefeito Dr. Pessoa a respeito da valorização dos artistas locais.

“O Pro Music Business 360 é um método desenvolvido a partir de várias estratégias artísticas, para profissionais e pessoas que desejam iniciar no âmbito do mercado da música, produzindo resultados palpáveis para a cadeia produtiva musical de forma sustentável, comprovados ao longo dos últimos 23 anos pela experiência de seu idealizador, o Produtor Cultural, com atuação no cenário nacional e internacional do music business, Bono da Costa”, explica Ênio Portela, afirmando ainda que Bono se destaca por sua versatilidade dentro do ecossistema da música.

Sobre o palestrante

Bono da Costa é produtor cultural e fundador da plataforma cultural Latinoamerica 360, criada em 2013, e também, idealizador do projeto Pro Music Business 360. Tem Especialização em Management Musical e em Criação, Planificação e Evaluação de Projetos Culturais pela Universidad Europea Miguel Cervante, e é Mestre de World Music e Coaching Musical pela Esneca Business School, ambas instituições da Espanha. Fundou seu primeiro projeto Sócio Cultural, Cidadão Campeão, em 1996; criou o Cultura Urbana Social Clube, em 1999; o Associação Rock é Cultura, em 2002; o Festival Peru Brasil 2012, dentre outros projetos.

Na bagagem, em seus 23 anos de atuação, visitou 25 países, e conta com participação em Festivais e Feiras ao redor do mundo, como; SXSW (EUA), Womex (Polônia), Vive Latino, Fimpro, Semana de
las Juventudes, Pal Norte (Mex), Rock in Rio, Sol Madrid/Monkey Week (Esp), Bime (País Basco), Bomm (Col), Lollapaloza/Semana Internacional da Música – SIM/Porto Musical/Música Mundo/Music Show Experience (Brasil), entre outros.

Prévia do Cajuína Pop é sucesso e reúne centenas de pessoas na Ponte Estaiada

O sol ainda brilhava forte quando a primeira atração subiu no palco Churu, montado no Complexo Cultural da Ponte Estaiada, que fica no bairro de Fátima, na zona Leste de Teresina. O palco da prévia do Cajuína Pop, prestou uma homenagem a Lourisvaldo Melo do Lago (Churu), que em vida realizou atividades visando a valorização do músico teresinense, em especial aqueles que tinham em seu repertório músicas autorais.

Centenas de pessoas das mais variadas idades participaram da prévia realizada neste sábado (14), muitas delas com saudades dos festivais que, no início dos anos dois mil, movimentaram a capital piauiense. Entre as atrações estiveram Teófilo Lima, Aclive, Acesso, Fullreggae, Gramophone e Roque Moreira, sendo que alguns retomaram suas atividades por conta do evento, isso por entenderem que a música autoral deve sempre ser valorizada.

Complexo Cultural da Ponte Estaiada, zona Leste de Teresina / fotos: Ascom FMC

Ênio Portela, presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), conta que ficou surpreso com a aceitação popular. Ele afirma que esperavam um bom público, mas nem de longe imaginava que o espaço ficaria pequeno para tanta gente, para ele, o público foi a prova de que a gestão deve seguir apoiando os artistas locais.

“O prefeito Dr. Pessoa vem desde o início do ano ouvindo os músicos da capital, para ele, é preciso que a classe seja valorizada, principalmente os que resolveram encarar o mercado musical com suas próprias canções. Os músicos de Teresina estão de parabéns, pois com a chegada do Cajuína Pop, iremos incentivar cada vez mais essas atividades”, enfatiza Ênio Portela.

Para o cantor Teófilo Lima, esse incentivo oferecido pela Prefeitura de Teresina é muito importante para os artistas que sonham em fazer sucesso com suas músicas autorais. Teófilo destaca ainda que é preciso uma união dos governantes para que haja um reforço no apoio ao setor artístico.

“Fomos os primeiros a serem atingidos pelos impactos da pandemia, também fomos uma das últimas classes a retomar as atividades. Teresina segue na frente como exemplo de apoio aos músicos, espero que essa iniciativa possa ser copiada por outras cidades, fazendo inclusive o intercâmbio de músicos”, afirmando que o Piauí tem talentos desconhecidos que merecem ser reconhecidos pelo público.

O Cajuína Pop é uma realização da Prefeitura Municipal de Teresina, por meio das ações da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves. O evento deverá ser realizado no segundo semestre deste ano, dando total apoio aos artistas que trabalham com músicas autorais.

Para mais informações sobre esses eventos ou demais atividades desenvolvidas pela gestão municipal na área da cultura, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br. As informações também estão disponíveis na página @cultura_the no Instagram.

Orquestra Sinfônica de Teresina irá se apresentar no bairro Macaúba

Os 65 músicos deixam o ensaio tradicional, que ocorre no Palácio da Música e ensaiam em espaços públicos Fotos(Ascom/FMC)

Com seus músicos tocando belas canções, a Orquestra Sinfônica de Teresina (OST) segue com sua programação se apresentando em diversas regiões da capital levando ao público o melhor da música clássica. As apresentações fazem parte do Projeto Sinfonia nos Bairros, que nesta sexta-feira (13), a partir das 17h, estará no Parque Ambiental do bairro Macaúba, na zona Sul da cidade.

Segundo David Danilin, spalla da Orquestra Sinfônica, neste modelo, os 65 músicos deixam o ensaio tradicional, que ocorre no Palácio da Música e ensaiam em espaços públicos, tendo uma maior interação com o público, em especial com aqueles que geralmente não tiveram a oportunidade de assistir a um concerto. David explica que o projeto já faz parte do calendário da OST, e que agora, com o reajuste dado pelo prefeito Dr. Pessoa, a orquestra deverá ampliar suas apresentações.

“Com esse reajuste que recebemos, projetos como o Sinfonia nos Bairros ocorrerão com mais frequência. Espero que os moradores da Macaúba e bairros vizinhos compareçam ao parque para prestigiar nosso ensaio, pois tenho a certeza que quem for sairá encantado”, conta David Danilin, afirmando ainda que a zona Rural de Teresina também será beneficiada com apresentações.

A Orquestra Sinfônica de Teresina (OST) é um projeto mantido com recursos públicos da Prefeitura Municipal de Teresina (PMT) e Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC). Além dos concertos e ensaios abertos ao público, a OST  também atua na formação de novos profissionais, oferecendo cursos nos teatros municipais e no Palácio da Música.

Para mais informações sobre a OST e demais projetos culturais mantidos pelo poder público municipal, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br. Parte dessas informações também estão disponível na página @cultura_the no Instagram.

Prévia do Cajuína Pop reunirá grandes nomes da música piauiense na Ponte Estaiada

O cantor Teófilo Lima será uma das atrações do Cajuína é Pop Foto(Ascom/FMC)

Acontece neste sábado, 14, no Complexo Cultural da Ponte Estaiada, na zona Leste de Teresina, a prévia do Cajuína Pop, evento que valorizará a produção de músicas autorais, dando mais visibilidade e apoio aos artistas teresinenses. A iniciativa é da Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), por meio das ações da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), que pretende ao longo deste ano realizar inúmeras atividades culturais por toda a cidade, atendendo a uma orientação do prefeito Dr. Pessoa, de reforçar o apoio aqueles que enriquecem a cultura local.

A prévia do Cajuína Pop começa às 17 horas, reunirá as bandas Acesso, Aclive, Gramophone, Fullreggae, Roque Moreira e ainda o cantor Teófilo Lima. Além das atrações musicais, o evento contará com uma feira de apoio ao empreendedorismo, praça de alimentação e um posto de arrecadação de alimentos, que serão doados para as famílias carentes da cidade.

Para Ênio Portela, presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, o evento está sendo realizado a pedido do prefeito Dr. Pessoa, que ao longo da gestão tem ouvido a classe artística, que sempre cobra mais eventos que valorizem composições autorais, e principalmente os artistas da terra. Segundo o gestor da FMC, com a diminuição de casos do coronavírus, a pasta cultural vem ampliando suas atividades, com isso adentrando espaços nunca antes ocupados.

“É preciso ter um olhar mais atento para todos os setores culturais do município, por isso estamos fazendo o Cajuína Pop, que é específico para aqueles que possuem novas canções autorais. Vamos fazer a prévia, neste final de semana, porém, estamos programando realizar o Cajuína Pop no segundo semestre deste ano”, conta Ênio Portela, afirmando que o evento promete movimentar a cidade.

Para mais informações sobre o Cajuína Pop, bem como as demais atividades realizadas pela Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br. As informações também podem ser acessadas na página @cultura_the no Instagram ou através da hashtag #culturateresina.

Prévia do Cajuína Pop irá reunir grandes nomes da música piauiense na Ponte Estaiada

Acontece neste sábado, 14 maio, no Complexo Cultural da Ponte Estaiada, na zona Leste de Teresina, a prévia do Cajuína Pop, evento que irá valorizar a produção de músicas autorais, dando mais visibilidade e apoio aos artistas teresinenses. A iniciativa é da Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), por meio das ações da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC), que pretende ao longo deste ano, realizar inúmeras atividades culturais por toda a cidade, isso atendendo a uma orientação do prefeito Dr. Pessoa, de reforçar o apoio aqueles que enriquecem a cultura local.

A prévia do Cajuína Pop começa às 17 horas, e irá reunir as bandas Acesso, Aclive, Gramophone, Fullreggae, Roque Moreira e ainda o cantor Teófilo Lima. Além das atrações musicais, o evento contará com uma feira de apoio ao empreendedorismo, praça de alimentação e um posto de arrecadação de alimentos, que serão doados para as famílias carentes da cidade.

Para Ênio Portela, presidente da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, o evento está sendo realizado a pedido do prefeito Dr. Pessoa, que ao longo da gestão tem ouvido a classe artística, que sempre cobra mais eventos que valorize composições autorais, e principalmente os artistas da terra. Segundo o gestor da FMC, com a diminuição de casos do Coronavírus, a pasta cultural vem ampliando suas atividades, com isso adentrando espaços nunca antes ocupados.

“É preciso ter um olhar mais atento para todos os setores culturais do município, por isso estamos fazendo o Cajuína Pop, que é específico para aqueles que possuem novas canções autorais. Vamos fazer a prévia neste final de semana, porém estamos programando realizar o Cajuína Pop no segundo semestre deste ano”, conta Ênio Portela, afirmando que o evento promete movimentar a cidade.

Para mais informações sobre o Cajuína Pop, bem como as demais atividades realizadas pela Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br. As informações também podem ser acessadas na página @cultura_the no Instagram ou através da hashtag #culturateresina.

Mães ganham homenagem nas maternidades municipais de Teresina

Com um olhar de surpresa, as mães que estavam na manhã desta sexta-feira (06), nas quatro maternidades municipais da capital, receberam uma homenagem mais que especial feita pelo Quarteto de Cordas da Orquestra Sinfônica de Teresina. A homenagem faz parte do Projeto Música Solidária, executado com recursos da Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), por meio das ações descentralizadas da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC) e da Orquestra Sinfônica (OST).

O presidente da FMC, Ênio Portela, conta que esse projeto já faz parte do calendário de atividades culturais da pasta que ele preside, mas que esse ano, com o ajuste de 20% dado aos servidores da Orquestra Sinfônica pelo prefeito Dr. Pessoa, a intenção é levá-lo para mais unidades de saúde. Ele relata que estudos comprovam que a música tem sim uma participação eficiente no tratamento de enfermos e que pelo fato do prefeito ser um profissional da saúde, o projeto ganhará mais notoriedade durante a gestão.

“Hoje foram homenagens especiais para as mães internadas nas maternidades e em algumas UPAS, porém em breve o quarteto deverá percorrer mais unidades de saúde, isso em parceria com a Fundação Municipal de Saúde, clínicas e hospitais particulares e público, visando ajudar no tratamento dos enfermos”.

Nesta manhã o quarteto percorreu as maternidades do Promorar, Wall Ferraz, Satélite e Buenos Aires, além das UPAS do Promorar e Satélite, atendendo às quatro regiões da capital. Luciana Silveira, diretora da UPA do Satélite, fala que esse projeto é de grande relevância, pois acaba tornando o ambiente hospitalar mais leve.

“A Prefeitura de Teresina está de parabéns por investir nesse tipo de tratamento através da música, pois é algo que já acontece em vários cantos do mundo e na nossa cidade, que é administrada por um médico, não poderia ser diferente”, conta Luciana Silveira, afirmando que a UPA do Satélite vai sempre está de portas abertas para iniciativas como a realizada hoje nas maternidades e UPAS.

Para acompanhar os trabalhos realizados pela gestão municipal na área da cultura, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br. Outra forma de contato é pelo Instagram, através da página @cultura_the.

Arte e Feira reunirá empreendedoras e atrações culturais no Teatro João Paulo II

Acontece nesta sexta-feira (06) e no sábado (07), a partir das 17h, a quarta edição do Projeto Arte e Feira, realizado no Teatro Municipal João Paulo II, localizado na Avenida Joaquim Nelson, no Bairro Parque Ideal, na zona Sudeste de Teresina. Por conta do último pico de casos de COVID-19, o projeto estava parado e retorna agora trazendo novidades, como por exemplo, o Empreender Mulher, que reunirá empreendedoras da região do Grande Dirceu.

No evento também haverá uma feira onde as empreendedoras irão expor seus produtos, praça de alimentação, artesanato e ainda show com músicos locais. O Arte e Feira é totalmente aberto ao público, e com seu retorno, voltará a ser realizado quinzenalmente, servindo como mecanismo de cultura e empreendedorismo para os moradores da região, além de atrair o público para a casa de espetáculos.

Para Janara Ribeiro, diretora do Teatro João Paulo II, essa é uma ação que visa aproximar a população do Grande Dirceu das ações desenvolvidas pelo Teatro João Paulo II, que recentemente abriu suas portas ao público para atividades presenciais. A diretora explica que apesar das liberações, o público deverá fazer o uso de máscara protetiva, como também manter o distanciamento e higienizar as mãos.

“Esse retorno gradativo é muito importante para a cultura local, porém é preciso que a população também faça a sua parte obedecendo às regras sanitárias. O Teatro João Paulo II é um símbolo cultural para a cidade, principalmente para quem mora na região, por isso estamos retomando as nossas atividades”, explica Janara Ribeiro, afirmando ainda que as pessoas interessadas em expor seus produtos na próxima edição do Arte e Feira, deverão procurar o teatro para confirmar a intenção de participação.

Para mais informações sobre as atividades desenvolvidas no Teatro João Paulo II, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br. As informações também estão disponíveis na página @cultura_the no Instagram.

Foto: Divulgação (FMC)