“Teresina Cuida de Você” levará novidades como Detran e OAB no bairro Mocambinho neste sábado (25)

O Programa Teresina Cuida de Você, que está na 6ª edição, levará, neste sábado, (25), de 8h às 12h, mais de 100 serviços, da iniciativa pública e privada, para o Lagoas do Norte do Mocambinho, localizado na Rua Santa Clara, do Bairro Mocambinho, zona Norte da capital. A iniciativa é da Prefeitura Municipal de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), que conta com 33 parceiros.

Além dos serviços da Semcaspi, como: CadÚnico, CRAS, CREAS, Conselhos Tutelares, Centros de Convivência e Abrace Nós, o evento conta com parceiros como: FMS; Semel; FWF; FMC; SMPM; Semduh; Semec; Semam; Semdec; IBGE, Hemopi; Ouvidoria; CTEC, SESI/Cozinha e outros.

De acordo com Allan Cavalcante, secretário da Semcaspi, o Teresina Cuida de Você oferece em uma manhã de sábado ações de cidadania, saúde, educação, cultura e lazer e a novidade da edição foi a parceria entre a OAB-PI e o Detran-PI.

“A expectativa para a 6ª edição é a melhor possível. Inclusive, fechamos parceria com mais duas instituições, no caso a OAB-PI, com orientações jurídicas; e o Detran-PI, com emissão de taxas de CNH, consultas de multas e pontuação de CNH, agendamento teórico e médico e muito mais.

Allan Cavalcante explica que o Teresina Cuida de Você já atingiu todas as regiões da capital e retorna a zona Norte, atendendo a população do Bairro Mocambinho.

“O prefeito Dr. Pessoa determinou que nosso trabalho chegasse, cada vez mais, perto do povo. A nossa proposta é levar em um espaço público na capital, de forma descentralizada e mensal, serviços essenciais. A resposta tem sido positiva e a cada mês avaliamos uma região para levar todos estes serviços. Já passamos pela zona Norte, que aconteceu no CEU Norte e agora, retornaremos à zona Norte, contemplando à população da região do Mocambinho”, esclareceu.

Foto: Divulgação (Semcaspi)

Fundação Wall Ferraz está com inscrições abertas para o curso de Montagem e Manutenção de Placas Solares

A Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Wall Ferraz (FWF), em parceria com o Instituto CultuArtes, está com inscrições abertas para o curso de Montagem e Manutenção de Placas Solares. As atividades serão realizadas de maneira presencial na sede do Instituto.

Ao total, serão ofertadas duas turmas no turno da noite, de 18:30h às 22h, com inscrições realizadas presencialmente na sede do Instituto CultuArtes, que fica localizado na Av. Principal, Q-17, n° 22, no bairro Betinho, zona Sul de Teresina.

“Estamos preparando pessoas da melhor maneira possível, auxiliando em seus conhecimentos e as capacitando. É uma determinação do prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, que toda a população receba qualificação profissional, para que possam buscar novas oportunidades e ingressar no mercado de trabalho”, ressalta Maykon Silva, presidente da FWF.

Nesse curso, os alunos irão aprender sobre as mais modernas tecnologias e conhecimentos da área, como efetuar a instalação de painéis solares (placas de energia solar), aspectos teóricos e práticos do dimensionamento de sistemas fotovoltaicos, fundamentos, regulamentações e técnicas avançadas de forma especializada. Esse curso foi elaborado especialmente para as pessoas que desejam conseguir uma vaga no mercado de trabalho, aprender uma nova profissão e aprimorar os seus conhecimentos.

Essa parceria tem como objetivo levar qualificação profissional gratuita para toda a população de Teresina. Os alunos receberão material didático básico gratuitamente e terão o acompanhamento de instrutores durante todo o curso com aulas práticas e teóricas. Ao terminarem os cursos, os alunos estarão aptos a colocarem em prática o conteúdo aprendido em sala de aula e ingressarem no mercado de trabalho. Esse projeto conta com recursos de emenda parlamentar do vereador Alan Brandão.

Para realizar a inscrição o candidato deve levar as cópias dos seguintes documentos: RG, CPF e os comprovantes de endereço e escolaridade. Para mais informações, basta fazer contato com o número (86) 99825-3395.

Pedagogo da Rede Municipal lança livro sobre docência e cultura escolar

O Salão do Livro do Piauí 2022 abriu portas para escritores piauienses exibirem seus trabalhos e compartilharem conhecimentos com o mais variados públicos. Carlos Pádua, pedagogo da Rede Municipal de Teresina, aproveitou esse espaço para lançar seu livro “Inserção na docência e cultura escolar: ressignificando o ser professor”.

Carlos atualmente é formador do Núcleo de Tecnologia Educacional de Teresina (NTHE), vinculado à Secretaria Municipal de Educação (Semec). Sua obra lançada este ano no SaLiPi foi construída junto com Antonia Dalva e é um convite a reflexão sobre o professor iniciante e a aprendizagem da cultura escolar.

“Lançamos o livro durante o Bate-Papo Literário, momento muito especial, de uma boa conversa sobre o tema e incentivo aos novos escritores”, disse Carlos Pádua.

Fotos: Ascom Semec

Alunos são acompanhados por psicopedagogo no contraturno da Escola Municipal Laurindo de Castro

Para reforçar o aprendizado que os alunos vivenciam na sala de aula regular, a Escola Municipal Laurindo de Castro, localizada no Povoado Boqueirão, também recebe alunos de outras unidades de ensino para o Atendimento Educacional Especializado (AEE). Essa é uma das ações de educação inclusiva da Rede Municipal de Teresina.

No AEE são atendidos alunos com deficiência e que precisam de um apoio a mais para acompanhar o ritmo da turma. O serviço é realizado por um profissional especializado, que passa por capacitações frequentes, e acompanha o desenvolvimento de cada criança.

Na região do Boqueirão, a E.M. Laurindo de Castro é uma escola núcleo, ou seja, recebe estudantes de mais quatro unidades de ensino no contraturno escolar. São elas: E.M. Campestre Norte, CMEI Santa Teresinha, E.M.

Hermelinda de Castro e E.M. Santa Filomena. O trabalho é desenvolvido pelo psicopedagogo Francisco Santos.
“Nossos alunos especiais, e também das escolas adjacentes, precisam de atendimento individual e especializado, recebemos os pequenos no contraturno com muito carinho. O professor Francisco realiza esse trabalho com dedicação, levando ao desenvolvimento dos alunos em diversos aspectos”, destaca a diretora da E. M. Laurindo de Castro, Raimunda Resende.

Foto: Ascom Semec

Prefeitura de Teresina lança Plano de Ação Territorial da Horticultura

Prefeitura de Teresina lança Plano de Ação Territorial da Horticultura. Foto : (Ascom /Semp)

A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Produção Agropecuária (SEMP), em parceria com o Banco do Nordeste (BN), lançou, nesta quarta-feira (22), O Plano de Ação Territorial da Horticultura, que tem como objetivo a organização e o fortalecimento da cadeia produtiva da horticultura.

Inicialmente, serão contemplados três municípios do território Entre Rios: Teresina, União e Miguel Alves. Serão beneficiados 120 horticultores e desses, 43 de Teresina.

O plano busca fortalecer as cadeias produtivas, implantar novas tecnologias, potencializar a cooperação e a participação dos agentes institucionais e econômicos no processo de desenvolvimento local e territorial.

Segundo o secretário da SEMP, coronel Edvaldo Marques, Teresina é uma cidade de grande produção de horticultura, onde o plano vem fortalecer os horticultores com capacitações, treinamentos e linhas de crédito para ampliação dos negócios dos horticultores.

“O plano fortalecerá os horticultores na ampliação da produção e comercialização de seus produtos, além da organização do setor”, destaca, coronel Edvaldo Marques.

O Programa de Desenvolvimento Territorial do Banco do Nordeste (PRODETER) levará linhas de crédito e assistência técnica para produtores, buscando melhorar a produção e a comercialização dos produtos, gerando mais empregos e renda ao produtor, por meio de ações de capacitações, treinamentos, cursos e abertura de canais para comercialização.

O superintendente do Banco do Nordeste do Piauí, Diogo Martins, explica que o plano foi elaborado a partir das dificuldades relatadas dos horticultores que têm como principal dificuldade a comercialização dos produtos, a produção é de grande escala, mas falta o escoamento dos mesmos.

“Com o PRODATER, fomentaremos mais ainda a produção da horticultura e principalmente abrir canais para comercialização (supermercados, atacado, varejos, etc.) ”, ressalta o superintendente.

A horticultora Ana Lúcia, do município de Miguel Alves, fala da importância do programa para a ampliação de sua produção e comercialização de seus produtos.

“Com o PRODATER, teremos uma maior segurança no escoamento de nossos produtos e vamos produzir com a certeza de venda certa, além de recebermos incentivos de investimentos por meio de linhas de crédito rurais do banco do Nordeste que nos ajuda a ampliar nossos negócios. Eu já faço uso das linhas de crédito do banco do Nordeste, desde 2012”, afirma Ana Lúcia.

 

Prefeitura de Teresina e Banco do Brasil assinam termo de intenção para investimentos no município

Prefeito Dr. Pessoa e representante do Banco do Brasil assinam termo de intenção do protocolo para empréstimo Fotos: Rômulo Piauilino / SEMCOM

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, assinou, nesta quarta-feira (22), protocolo de intenção que firma o interesse de viabilizar operação de crédito para investimentos no município, por meio do Banco do Brasil. Com isso, o município tem a disposição o limite de R$ 500 milhões a serem investidos nas áreas de infraestrutura, saneamento, mobilidade urbana, habitação e outras áreas prioritárias.

“Esse é um momento muito importante para nossa cidade. Diante da nossa seriedade no trabalho, no olhar social focado na população, fortalecemos essa conversação com as entidades financeiras e conseguimos ter a disposição recursos para avançarmos nos investimentos da nossa cidade. Já estamos com o projeto praticamente pronto para enviarmos à Câmara Municipal, no máximo até amanhã, pedindo autorização para realizar esta operação”, disse o prefeito de Teresina Dr. Pessoa.

O encontro ocorreu no Palácio da Cidade e contou com a participação da equipe de setor público do Banco do Brasil, do vice-prefeito Robert Rios, do secretário de governo André Lopes, do Secretário de Planejamento, João Henrique Sousa, e do secretário executivo de Captação de Recursos, Ítalo Portela.

“A assinatura deste protocolo tem como objetivo financiar diversos projetos, inclusive sociais, da Prefeitura de Teresina e, é um momento de muita satisfação diante da confiança que o Dr. Pessoa, a equipe de governo e planejamento depositam nessa instituição. Esse trabalho é resultado da liderança do prefeito e temos orgulho de contribuir para a transformação do município de Teresina”, afirmou Flávio Araújo, gerente geral do setor público do Banco do Brasil.
Quando aprovado pela Câmara Municipal, o contrato entre o município e Banco do Brasil deve ser assinado entre 40 e 60 dias, com o valor de R$ 500 milhões, com prazo total de 120 meses e carência de 12 meses.

“Estamos concluindo a etapa de assinatura do termo de protocolo, após seis meses de negociação mediadas pelo nosso prefeito Dr. Pessoa, que tem sempre priorizado um olhar social para investirmos na capital. Considero esse feito uma vitória pessoal do Dr. Pessoa, pois partiu dele essa iniciativa. Vamos seguir nesse trabalho para que os trâmites sejam executados da forma mais ágil possível”, concluiu João Henrique Sousa.

O secretário de Governo, André Lopes, destaca a importância das operações de crédito para a realização de obras.
“O Prefeito Dr. Pessoa tem grandes sonhos de desenvolver nossa cidade com obras estruturantes, mas dependemos da capacidade investimentos para sua realização, na qual precisamos de operação de créditos para tornar esses projetos reais”, afirma, André Lopes.

Dr. Pessoa regulamenta plano de carreira dos professores de Tempo Integral de Teresina

Dr. Pessoa assina decreto que garante direitos dos professores da rede municipal de ensino de Teresina Fotos: Rômulo Piauilino / SEMCOM

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, assinou, nesta quarta-feira (22), o decreto que regulamenta os critérios objetivos para a concessão do Tempo Integral Definitivo (TID) da jornada de trabalho aos professores da rede municipal de ensino.

“É uma reivindicação antiga, que nunca tinha sido atendida pelas gestões anteriores. Isso é um benefício que os servidores poderão levar para a aposentadoria. Essa é mais uma questão que estamos resolvendo, além das outras já realizadas e as que estão por vir, pois a educação é uma prioridade da nossa gestão”, enfatizou Dr. Pessoa.

O decreto de concessão da TID faz valer a Lei nº 2.972, de 17 de janeiro de 2001 (Estatuto e o Plano de Cargos e Salários do Magistério Público da Rede de Ensino do Município de Teresina), que disciplinava o assunto, mas não era respeitado. Atualmente, os professores renovam, anualmente, o Tempo Integral Provisório da jornada de trabalho dos professores.

“Essa é uma ação de valorização e respeito aos professores da capital, que tão bem prestam seus serviços educando nossas crianças. Apesar da lei ter sido criada, ela nunca tinha sido regulamentada e não alcançava a todos. Com o decreto, o prefeito estende esse direito de forma isonômica”, pontuou Nouga Cardoso, secretário da Semec.

Dentre outras coisas, o decreto estabelece alguns requisitos para que professores pleiteiem a mudança da jornada de trabalho, de 20 horas para 40 horas semanais. Neste caso, por exemplo, será necessário ter cumprido Tempo Integral Provisório (TIP) por um período de 24 meses seguidos ou 36 meses intercalados.

Além de autoridades e gestores públicos, a solenidade realizada no Salão Nobre contou com a presença de diversos professores da rede municipal. “Para nós, é um símbolo de reconhecimento. Estamos felizes e agraciados com essa atitude da administração municipal”, disse Jucival Sousa, presidente da comissão dos professores que pleiteiam o TID.

 

Banda 16 de Agosto realiza apresentações em Teresina

Nesta quinta-feira (23), às 9h, a Banda 16 de Agosto se apresentará, no bairro Matadouro, na zona Norte de Teresina, como parte de uma ação da Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultural Monsenhor Chaves (FMC), que leva música para todos os pontos da cidade. A banda também se apresenta, na sexta-feira (24), no evento do Orçamento Popular, que ocorrerá no Centro da cidade.

No último final de semana, atrações circenses, a Orquestra de Violões e a Banda 16 de Agosto estiveram se apresentando ao público visitante do Parque da Cidadania, também como parte do projeto.

Ao longo deste mês, a banda já realizou cerca de 12 apresentações, todas gratuitas e com o intuito de oferecer cultura de forma igualitária para todos os teresinenses. Por conta do período junino, todas essas apresentações estão sendo temáticas, uma forma encontrada pela banda para se aproximar ainda mais da população.

De acordo com o maestro Rocha Sousa, a Banda 16 de Agosto tem um papel muito importante para a cidade, pois além de oferecer ao público momentos de lazer, por meio de suas canções, ela também atua na formação de novos profissionais. Para o maestro, este retorno das apresentações públicas está sendo bem gratificante, pois pessoas que antes não conheciam o trabalho da banda, passaram a acompanhar de perto as apresentações.

“Além das apresentações promovidas pela Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, a Banda 16 de Agosto também tem participado da abertura de diversas solenidades públicas realizadas pelos órgãos da gestão municipal. Aos teresinenses, fica o convite para acompanhar uma dessas apresentações que realizaremos neste final de semana, são todas gratuitas e lá o público terá acesso a música de qualidade”, comenta o maestro Rocha Sousa.

Para mais informações sobre o trabalho desenvolvido pela Banda 16 de Agosto, basta acessar o site cultura.pmt.pi.gov.br ou seguir a página cultura_the no Instagram.

Servidores municipais apresentam propostas sustentáveis e inteligentes para a cidade de Teresina

Como conclusão do curso Cidades Inteligentes: Inovação no Setor Público, servidores municipais estiveram nesta terça-feira (21), apresentando propostas sustentáveis e inteligentes de resolução dos problemas urbanos da cidade de Teresina. A atividade aconteceu no SEBRAE, localizado na Avenida Campos Sales, Centro da capital.

O curso que é uma realização do Centro de Eficiência em Sustentabilidade Urbana (CESU/Teresina), em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDEC), através do Programa Thech, contou com o total de quatro aulas, realizadas de forma híbrida, onde a primeira e a última aula foram presenciais.

“Essa é a primeira capacitação mais prolongada na área de Cidades Inteligentes, e que contabilizou o total de 40 horas aulas. Foi uma formação que estimulou os colaboradores da prefeitura a repensarem sobre esses desafios urbanos, que promovem a sustentabilidade e outros desafios globais frente aos desafios que a gente sofre as consequências na nossa cidade”, esclarece o coordenador do Programa Thech, José Bringel Filho.

Ainda, segundo o coordenador, essa última aula serviu para que os servidores apresentassem as suas propostas diante dos desafios identificados. “Esse foi um momento de apresentação dessas soluções para posteriormente serem executadas de forma integrada com as suas atividades dentro da administração pública ou em colaboração com outros atores, buscando de fato solucionar o que encontraram de desafio”, destaca Bringel.

A servidora municipal, Marfisa Mota, que participou da atividade apresentou como proposta formas de incentivos para uma maior a valorização de diversos espaços e principalmente as praças. “Esses locais devem ser resgatados e usados cada vez mais como espaço de entretenimento, de participação de vida e de foram mais sustentável. Sugerimos como proposta que fossem criados incentivos tributários, além do IPTU Verde e o Selo Verde, sendo atribuídos aos empresários que adotarem uma praça em áreas de abrangências de suas empresas”, esclarece a servidora.

Prefeito assina nesta quarta-feira decreto que regulamenta Tempo Integral Definitivo (TID) dos professores

A Prefeitura Municipal de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semec), vai regulamentar, através de decreto, os critérios objetivos para a concessão do Tempo Integral Definitivo (TID) da jornada de trabalho dos professores da Rede Municipal de Ensino. O ato de assinatura do decreto ocorre na quarta-feira (22), às 8:30h, no auditório do Centro de Formação Odilon Nunes, localizado na zona Norte da capital.

“A minuta do decreto foi encaminhada pelo secretário municipal de Educação, Nouga Cardoso, para a Prefeitura de Teresina. O documento estabelece alguns requisitos para que o professor pleiteie a mudança da jornada de trabalho, de 20 horas para 40 horas semanas, como por exemplo, ter cumprido Tempo Integral Provisório (TIP) por um período de 24 meses seguidos ou 36 meses intercalados”, explica o assessor jurídico da Semec, Antônio Menezes.

O decreto de concessão da TID regulamenta a Lei nº 2.972, de 17 de janeiro de 2001 (Estatuto e o Plano de Cargos e Salários do Magistério Público da Rede de Ensino do Município de Teresina) que até então disciplina o assunto. Hoje, os professores renovam anualmente o Tempo Integral Provisório da jornada de trabalho dos professores.

“Para nós professores é um símbolo de reconhecimento, estamos felizes e agraciados com a atual administração municipal que enfim percebeu que estava cometendo uma injustiça com a classe. Isso é um marco da gestão do Dr. Pessoa e do professor Nouga, que reconheceram a legitimidade do nosso pedido”, diz Jucival Sousa, presidente da comissão que representa os professores que pleiteiam a concessão do TID.

O secretário municipal de Educação, Nouga Cardoso, afirma: “A assinatura desse decreto faz parte de um conjunto de ações da Prefeitura de Teresina para a valorização do professor que atua nas escolas municipais. Serão beneficiados em torno de 190 docentes que hoje exercem a TIP e passam a ter direitos assegurados”.