SEMCASPI e SEMEL vão implantar Projeto “Virando o Jogo” nos CRAS

A Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) se reuniu na manhã desta quinta-feira, (11), no gabinete, com a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel) para debater a implantação do projeto “Virando o Jogo” nas unidades dos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS). A proposta inicial é implantar o projeto “Virando o Jogo” em 10 unidades de CRAS em Teresina.

O objetivo do projeto “Virando o Jogo” é oferecer o acesso à prática de modalidades esportivas como uma ferramenta de mudança na vida dos públicos que estão em situação de vulnerabilidade social.

De acordo com a secretária da Semcaspi, Eliana Lago, a parceria entre a Semcaspi e a Semel vai fortalecer os serviços de assistência social que já são oferecidos nos CRAS.

“Os CRAS vêm desenvolvendo o trabalho de assistência social aos públicos em situação de vulnerabilidade social e com esta iniciativa, os assistidos das nossas unidades terão um reforço voltado para a prática esportiva, com professores qualificados e equipamentos necessários para a efetivação do projeto. O que vai trazer benefícios no bem-estar físico e mental gerando qualidade de vida ao público alvo”, ressaltou.

Para Eduardo Dragalana, secretário da Semel, os públicos a serem assistidos pelo projeto “Virando o Jogo” são idosos e dependentes químicos e a ideia é expandir para todas as regiões da capital.

“O projeto ‘Virando o Jogo’, que é uma nova proposta, pretende unir forças entre a Semel com a Semcaspi, aproximando os públicos assistidos pelos CRAS as do esporte e lazer. O foco é a pessoa em situação de vulnerabilidade social como os idosos e dependentes químicos, oferecendo a eles acompanhamento com educadores físicos e assistentes sociais. Eu tenho certeza que o projeto vai estar abraçando as regiões de Teresina”, esclareceu.

a parceria entre a Semcaspi e a Semel vai fortalecer os serviços de assistência social que já são oferecidos nos CRAS Foto (Ascom/Semcaspi)

SDU Centro Norte realiza visita técnica no residencial Vila Nova

Equipe técnica da SDU Centro Norte ouve demanda do residencial Vila Nova, no bairro Aroeiras, zona Norte da capital (Foto: Ascom SDU Centro Norte)

Uma equipe técnica da Superintendência de Desenvolvimento Urbano Centro Norte (SDU Centro Norte) realizou na última quarta-feira (10) visita ao residencial Vila Nova, no bairro Aroeiras, zona Norte de Teresina para identificar as demandas locais e ouvir a comunidade.

A visita foi solicitada pela Associação dos Moradores do Conjunto Residencial Vila Nova Aroeiras e, além da equipe técnica da SDU Centro Norte, coordenada pelo assessor Geam Mesqita, estiveram presentes o presidente da associação Raimundo José Vitorino, a vice-presidente Maria das Graças de Oliveira Moraes e o representante dos moradores Wanderson Brathow.

Equipe técnica da SDU Centro Norte visita residencial Vila Nova, no bairro Aroeiras, zona Norte da capital (Foto: Ascom SDU Centro Norte)

Na ocasião, a associação repassou as necessidades prioritárias da região como limpeza, revitalização da praça, iluminação, acessibilidade, calçada na rua principal, dentre outros.

A Superintendente Ana Paula, destacou a importância de um contato direto com as associações dos bairros. “A SDU tem o compromisso de está próximo a população, ouvindo suas reivindicações e trabalhado para saná-las”, frisou ressaltando que a SDU Centro Norte está viabilizando as mudanças solicitadas tendo como foco principal o bem-estar dos moradores.

SDU Sul e SEMDEC discutem demandas do Polo Industrial Sul

A Superintendência de Desenvolvimento Urbano Sul (SDU/Sul) recebeu na manhã desta terça-feira (9), o secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDEC), Marcelo Eulálio, para discutir demandas da Associação Empresarial do Polo Sul (AEPS).

Para o superintendente da SDU Sul, Alípio Paiva, a reunião serviu para unificar os procedimentos e estabelecer o que pode ser feito. “Na oportunidade, mostramos o que está sendo feito, como o asfaltamento de todas as transversais do polo industrial sul. Bem como nos prontificamos a entender as obras que podem ser executadas para melhorar a qualidade de vida dos empresários da zona Sul de Teresina”, informou o superintendente.

O secretário da SEMDEC informou que essa articulação é necessária para entender o que pode ser feito de imediato. “Conversamos sobre algumas demandas do polo empresarial da zona Sul, que nos foi apresentado pela AEPS lá na SEMDEC. E a gente quer justamente alinhar aquilo que é possível adiantar de imediato em relação a essas demandas, e articular posteriormente com a SEMDUH e a prefeitura as demandas mais complexas e que demandarão mais tempo para serem atendidas”, explicou Marcelo Eulálio.

O superintendente executivo da SDU Sul, Juca Alves, também esteve presente e ressaltou a importância do diálogo entre os gestores. “Essa conversa junto a SEMDEC é importante para que sejam estabelecidos, pontuados e solucionados de maneira efetiva esses problemas no Polo Industrial Sul”, destacou o superintendente executivo.

As principais demandas pontuadas na reunião foram: a limpeza do canteiro central e das sarjetas; a drenagem das águas pluviais e sanitárias e a pavimentação das ruas dos setores de logística e atacadista.

A reunião serviu para unificar os procedimentos e estabelecer o que pode ser feito Foto (Ascom/SDU Sul)

Doutor Pessoa abre a segunda etapa de vacinação para idosos

O prefeito de Teresina, Doutor Pessoa, garante que a gestão municipal seguirá todas as etapas de vacinação da população contra o novo coronavírus (Covid-19) determinadas pelo Ministério da Saúde. Nesta terça-feira (8), a população teresinense com 90 anos ou mais começou a ser imunizada contra a doença.

“A priorização já vem da Organização Mundial de Saúde. Lógico que existem os protocolos locais que, consequentemente, estão sendo obedecidos ao pé da letra”, pontua o prefeito, que também destacou o bom trabalho realizado pela Fundação Municipal de Saúde (FMS) na coordenação da campanha de imunização da capital.

Antes disso, profissionais da saúde que atuam na linha de frente do atendimento a pacientes com a Covid-19, além de idosos e portadores de deficiência institucionalizados, também já haviam sido vacinados. A previsão é que, tão logo a FMS receba novas doses, a imunização seja expandida para outros públicos.

“Que venham mais vacinas para que, além destas que já estão sendo vacinadas, possamos imunizar pessoas de outras faixas etárias também o mais breve possível”, reforça o Doutor Pessoa.

Prefeitura de Teresina e AFD firmam parceria para novos investimentos na capital

A Prefeitura de Teresina e a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) firmaram, nesta segunda-feira (8), uma parceria para o financiamento de novas ações para a promoção do desenvolvimento sustentável na área urbana e rural. O aporte da instituição, avaliado em cerca de € 36 milhões (trinta e seis milhões de euros), prevê empreendimentos em diversos serviços públicos.

O protocolo de cooperação, referente ao projeto Agenda Teresina 2030 (Programa de Desenvolvimento Integrado do Município de Teresina), visa melhorias na saúde, assistência social, fomento à educação, desenvolvimento econômico e solidário, apoio à inovação, preservação do patrimônio e aprimoramento da eficiência da governança da capital.

“A França já é uma parceria nas áreas econômica, cultural, tecnológica e várias outras. Agora estamos avançando para a questão social, sempre em um equilíbrio entre a natureza, o homem e o econômico, para que os resultados sejam positivos para investimentos no social. Muito feliz com esse momento”, disse o prefeito Doutor Pessoa.

Cônsul Geral da França em Recife, Pernambuco, Hugues Fanton afirma que a Agenda Teresina 2030 é uma das prioridades da AFD no Brasil. Segundo ele, a assinatura do acordo demonstra não apenas a boa relação entre os dois países, mas o interesse francês para o desenvolvimento da capital piauiense.

“O projeto tem as prioridades que a França quer desenvolver aqui no Brasil, que é o desenvolvimento sustentável, fazer com que os cidadãos se aproximem das prefeituras, com desenvolvimento econômico adequado ao meio ambiente e a luta contra as desigualdades sociais””, concluiu Fanton.

Fundação Municipal de Saúde notifica uma morte por COVID-19

Teresina notificou 99 novos casos de Covid-19 nesse domingo (7) e uma morte. Os dados são do boletim epidemiológico, atualizado diariamente pela Fundação Municipal de Saúde (FMS). Agora, a capital totaliza 57.713 casos, 1.297 óbitos e 47.647 recuperados do novo coronavírus.

A morte registrada foi de uma mulher de 64 anos, sem comorbidade, moradora do bairro Matadouro. Os cuidados de prevenção não devem parar. “Uso correto da máscara, lavagem constante das mãos e evitar aglomerações”, diz Amparo Salmito, médica infectologista da FMS.

Os moradores de Teresina que tiverem sintomas da Covid-19 ou dúvidas sobre a doença podem contar com um programa de inteligência artificial que substitui o antigo Alô Saúde Teresina, que passou por reformulação.

A partir de agora, os usuários podem buscar informações no site da Fundação Municipal de Saúde (fms.pmt.pi.gov.br), onde localiza-se, no canto direito da tela, o chat box que permite ao usuário reportar os sintomas e a atendente virtual (robô Laura) realiza a classificação de risco e as orientações para onde os usuários devem se direcionar para a busca de atendimento presencial.

Prefeito Doutor Pessoa visita obra de duplicação e prolongamento da Via Sul no Povoado Alegria

O prefeito de Teresina, Doutor Pessoa, visitou neste sábado, 6, a obra de duplicação e prolongamento da Via Sul, no trecho do Povoado Alegria, zona Sul da capital. A obra de duplicação já foi iniciada e a previsão para a finalização da terceira etapa é fevereiro de 2022. A obra da Via Sul está orçada em R$ 27.521.499,08.

O prefeito Doutor Pessoa disse que a atual gestão já mostra o que está fazendo, com dedicação, e além da funcionalidade, vai trazer obras de embelezamento, esporte e lazer. “É uma alegria ver que algumas obras estão sendo marcadas para serem entregues em 100 dias e outras para o final do ano”.

O superintendente da Secretaria de Desenvolvimento Urbano Sul (SDU/SUL), Alípio Paiva, afirma que é compromisso dessa nova gestão que a população tenha melhoria na qualidade de vida. “A obra vem da Ponte Anselmo Dias e vai até a avenida Dr. Manoel Ayres Neto. Posteriormente, estamos com esse campo de futebol e de vôlei, com essa quadra maravilhosa, em parceria com a SEMAM e que vamos entregar agora no início de abril”.

O deputado estadual Franzé Silva ressaltou a importância do trabalho articulado entre prefeitura de Teresina e governo do Estado. “A zona Rural de Teresina sempre foi muito esquecida pela gestão no município. Com a gestão de Dr. Pessoa, o governador Wellington Dias tem olhado essas parcerias de forma efetiva. Queremos resgatar a cidadania das pessoas que moram na zona Rural”.

Acompanhando o prefeito, estiveram presentes: superintendente de Desenvolvimento Rural (SDR), Ricardo Monteiro, secretário municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH), Edmilson Ferreira, secretário municipal de Educação (SEMEC), Nouga Cardoso, secretário de Comunicação, Lucas Pereira, diretor-presidente do Instituto de Assistência Técnica de Extensão Rural do Piauí (Emater), Francisco Guedes.

Boa Hora

O prefeito Doutor Pessoa também visitou hoje, a obra de calçamento do Povoado Boa Hora, zona Rural Norte de Teresina. A obra é uma inciativa do vereador Joaquim Caldas, em parceria com o governo estadual. Serão 7.450 metros de calçamento em paralelepípedo que está orçada em R$ 710.857,15.

“Foi um pedido nosso ao governo do Estado, diante da precariedade que encontramos aqui na comunidade. Temos aqui pessoas deficientes que não tinham condições de ter uma ambulância entrando na rua, não podiam receber um gás. Havia um fluxo de água muito grande, um canal aberto nessa rua. O deputado Franzé Silva esteve aqui há 15 dias e está colocando mais 2.400 metros quadrados de calçamento para que a gente atenda outra comunidade da Boa Hora. É o primeiro trabalho de parceria do governo Wellington Dias com Dr. Pessoa”, disse o vereador Joaquim do Arroz.

Prefeito Doutor Pessoa e gestores visitam obra de prolongamento e duplicação da Via Sul Foto: Lucas Dias

SMPM lança campanha de prevenção à violência contra a mulher

A Secretaria Municipal de Políticas de Públicas para Mulheres (SMPM) lança nesta sexta-feira (5) a Campanha de Carnaval Fantasia Não é COnVI(D)te (#fiqueemcasa #nãoaviolenciacontraamulher). O objetivo da campanha este ano traz dois temas relevantes: Sensibilizar a comunidade em geral para prevenção à violência contra as mulheres e a necessidade da permanência das medidas de distanciamento social devido à atual pandemia de Covid-19.

A SMPM entende que é urgente e necessário tratar sobre estes assuntos, afinal vivemos em um país que tem a quinta maior taxa de feminicídiosdo mundo e é o segundo com mais mortos em virtude da Covid-19, segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS).
“Queremos reforçar mais uma vez a importância de se falar sobre estes assuntos e sobre os canais de denúncia que essas mulheres podem recorrer”, fala a secretária da SMPM, Karla Berger.

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), a violência contra a mulher é entendida como qualquer ato ou conduta que cause morte, dano ou sofrimento físico, sexual ou psicológico à mulher, tanto público como privado. No Brasil, temos a Lei Maria da Penha (Lei 11.340/2006) que cria mecanismos para prevenir e coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher, além de tipificar todas as suas formas (física, psicológica, sexual, patrimonial e moral).

É importante ressaltar que as formas de violência são complexas, na maioria das vezes, não ocorrem isoladas uma das outras e têm graves consequências para a mulher. Alertamos, ainda, que qualquer uma delas constitui ato de violação dos direitos humanos e deve ser denunciada.

Os canais de denúncia em Teresina são:
Ligue 180
Centro de Referência Esperança Garcia (CREG): (86) 3223-3798 / (86) 9 9416-9451
Polícia Militar 190

A campanha tem dois objetivos: sensibilizar a comunidade para prevenção à violência contra as mulheres e a as medidas de distanciamento social

Operação tapa-buraco melhora trânsito no acesso da ponte Anselmo Dias

A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Semduh), realizou a operação tapa-buraco no cruzamento das avenidas Gil Martins e Celso Pinheiro, próximo ao acesso da ponte Anselmo Dias.

O fluxo de carros na região é bastante intenso, visto que a ponte Anselmo Dias liga a zona Sul ao bairro Dirceu Arcoverde, na zona Sudeste, um dos mais populosos de Teresina. “A obra era uma demanda da população e foi prontamente atendida pela Prefeitura de Teresina, como determina o prefeito Dr. Pessoa”, afirma o secretário Edmilson Ferreira, da Semduh.

“Nosso objetivo é manter um calendário regular de asfaltamento, nos antecipando aos problemas para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Com a conclusão dessa obra na avenida Gil Martins, facilitamos o trânsito na região”, completa o gestor da Semduh.

A operação foi concluída na última quinta-feira (4). Nesta semana, a Semduh realizou a operação tapa-buraco também na avenida Josué de Moura Santos, zona Norte, e nas avenidas Zequinha Freire e Homero Castelo Branco, na zona Leste de Teresina. Foi tapado ainda o buraco que tinha no viaduto da Higino Cunha.

Operação tapa-buraco no cruzamento das avenidas Gil Martins e Celso Pinheiro, próximo ao acesso da ponte Anselmo Dias Foto(Ascom/SEMDUH)

 

Justiça mantém decretos da Prefeitura para funcionamento de atividades econômicas em Teresina

Em decisão publicada nessa quarta-feira (3), o juiz da 1ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública, Aderson Antônio Brito Nogueira, manteve a eficácia dos decretos municipais nº 20.556/2021 e nº 19.548/20 da Prefeitura de Teresina, que tratam sobre o funcionamento do comércio, bares e restaurantes na capital, a manutenção de atividades consideradas essenciais no período da pandemia da covid-19, bem como medidas sanitárias de enfrentamento ao coronavírus.

De acordo com o Decreto Municipal nº 20.556/2021, festas e prévias carnavalescas estão suspensas, assim como o funcionamento de casas de shows e boates. Os comércios, em geral, poderão funcionar por até 9 horas diárias; bares, restaurantes, buffets, lojas de conveniência poderão funcionar até às 24h, sendo permitido música ao vivo e/ou som ambiente ou instrumental.

“Creio que não cabe impor ao Município de Teresina que obedeça fielmente ao decreto editado pelo Estado do Piauí, pois além de ferir a autonomia municipal, estaria transformando a municipalidade em mera executora ou reprodutora de normas estaduais”, diz o juiz Aderson na decisão. “Penso que ambos os decretos, tanto municipais quanto estaduais, procuram conciliar o exercício da atividade econômica e o direito à saúde pública”, completa.

O magistrado também manteve em vigor o funcionamento das atividades de indústria, comércio, logística e sociais previstas no artigo 3º do Decreto Municipal nº 19.548/2020, observando a necessidade para o atendimento da população de atividades mínimas essenciais, como supermercados, farmácias e padarias. “No que diz respeito às atividades permitidas pelo decreto municipal nº 19.548/20, penso que é bastante razoável a sua manutenção, pois além da saúde, a sociedade tem outras necessidades básicas que precisam ser atendidas”, diz o magistrado na decisão.

Confira o decreto.

Fonte: AMAPI