Comitê de combate à dengue inicia atividades nesta quinta-feira nas escolas da Rede Municipal

Com o aumento crescente de casos de dengue, zika e chikungunya na capital, secretarias da rede municipal, estadual e o exército brasileiro se uniram para a criação do comitê de combate à dengue para minimizar a proliferação do mosquito Aedes Aegypti. A primeira reunião do comitê aconteceu na manhã desta terça-feira (26), no Centro de Formação Odilon Nunes (CEFOR).

Equipe reunida para traças as estratégias. Fotos: Ascom Semec

Através de determinações do Prefeito Dr. Pessoa, a primeira demanda a ser resolvida serão as escolas da rede municipal. “Fizemos um levantamento das escolas e CMEIs por zona e iniciaremos a ação nesta quinta-feira com unidades localizadas na zona leste, o CMEI Maria Amélia Freitas e a Escola Municipal Camilo Filho. A meta é serem trabalhadas duas escolas por semana”, esclarece Reynaldo Ximenes, coordenador do Grupo de Trabalho da SEMEC.

Estiveram presentes na reunião do comitê o secretário municipal de Educação, Professor Nouga Cardoso, André Lopes da SEMGOV, Andreia Pessoa do Gabinete do Prefeito, o subsecretário Fanuel Andrade da SEJUS, Welson Bandeira e Fabricio Mendes da SEMDUH, André Viana da GMC, o Capitão Carneiro do Exército (25 BC), Gerente Paulo Marques da Zoonoses e José Brito e Elisangela.

SEMAM e parceiros realizam operação “Silêncio e Paz” e notificam estabelecimentos em Teresina

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SEMAM) em parceria com a Delegacia Geral, Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA), Corpo de Bombeiros e Guarda Civil Municipal realizaram no último final de semana, em Teresina, a “Operação Silêncio e Paz”.

Fiscais da SEMAM e agentes policiais, a fim de coibir, através do policiamento ostensivo e repressivo, as contravenções ambientais de Perturbação do Trabalho ou sossego alheios, foram realizadas fiscalizações na área metropolitana da cidade.

“Esta ação integrada se deu a partir de um levantamento prévio, em que foram estabelecidos alguns locais caracterizados como pontos recorrentes no cometimento de infrações ambientais foco desta operação, os quais foram alvo da ação fiscalizatória em diversas regiões da capital”.

Durante o serviço foram realizados os seguintes procedimentos:

– Estabelecimentos fiscalizados: 07
– Autos de infração 3
– COPS: 02
– APSA: 03

 

Em alusão ao Dia da Mulher, Guarda Maria da Penha funciona 24 horas em março

A Guarda Maria da Penha vai funcionar durante 24 horas durante todo o mês de março Foto(Ascom/GCM)

Em alusão ao Dia Internacional da Mulher, a Guarda Maria da Penha vai funcionar 24 horas durante o mês de março. O grupo especializado da Guarda Civil Municipal (GCM) de Teresina faz o acompanhamento de mulheres, com ou sem medida protetiva, em situação de violência, seja física, psicológica, entre outras. Em 2021, os guardas municipais realizaram mais de três mil visitas garantindo a segurança de 120 assistidas.

“A Guarda Maria da Penha existe desde 2020 e foi reformulada em 2021, com a capacitação de mais agentes. Temos ampliado nosso leque de atuação e, este ano, nossa meta é expandir ainda mais, principalmente, no que tange aos horários. Queremos que passe a ser 24 horas para atender as mulheres que já são assistidas como também situações de flagrante, uma vez que acompanhamos muitos casos assim durante a noite”, destaca André Viana, comandante da GCM de Teresina.

A Guarda Maria da Penha é uma parceria com a Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM) que, através Centro de Referência Esperança Garcia, faz o acompanhamento psicológico, jurídico, entre outros, das assistidas.

As visitas da Guarda Maria da Penha são semanais e casos que representam maior risco, os guardas municipais fazem o acompanhamento até três vezes na semana, a chamada “visita de segurança”.

“Este mês é o teste para o funcionamento 24 horas. Logo em seguida, vamos analisar a demanda para ter uma continuidade nos demais meses do ano, pois sabemos o quanto é importante esse serviço que pode salvar vidas”, frisa o comandante André Viana.

GCM prende suspeitos armados com pistola dentro do Parque da Cidade

A Guarda Civil Municipal (GCM) prendeu dentro do Parque da Cidade, na zona Norte de Teresina, dois suspeitos de assalto. A dupla – que havia acabado de praticar um roubo na região – estava com uma pistola da Polícia Militar do Piauí, 17 munições, um celular, dinheiro e balança de precisão. A prisão ocorreu no fim da manhã desta quinta-feira (10).

Os suspeitos ainda tentaram escapar pelas trilhas do parque, mas foram capturados pelos guardas municipais.

“Os mesmos apresentaram resistência, e um dos indivíduos portava uma pistola cal. 40 de carga PM-PI. Após busca pessoal, foi dada voz de prisão e os dois encaminhados à Central de Flagrantes para os procedimentos cabíveis”, informou André Viana, comandante da GCM.

Na delegacia foi constatado que um dos suspeitos tinha mandado de prisão em aberto pelo crime de roubo. “Além desse mandado em aberto, vítimas de um assalto ocorrido horas antes, os reconheceram como autores do fato”, completa André Viana.

Guarda Municipal atende mais de 1.700  ocorrências e mapeia áreas mais vulneráveis

A Guarda Civil Municipal de Teresina (GCM) mapeou as áreas mais vulneráveis de Teresina e divulgou um balanço das ações referentes ao ano de 2021. Durante todo o ano foram contabilizadas quase 2 mil ocorrências em prédios públicos municipais e vias públicas como apreensão de armas de fogo, condução de suspeitos, recuperação de veículos furtados/roubados. Uma média de 143 ocorrências por mês, sendo a região central e a zona sul da capital as áreas com maior número de casos.

ÁREAS COM MAIS OCORRÊNCIAS

CENTRO: 526

ZONA SUL: 404

ZONA LESTE: 335

ZONA NORTE: 292

ZONA SUDESTE: 168

Já a Guarda Maria da Penha fez mais de 3 mil visitas que, no decorrer do ano, somaram 120 mulheres assistidas pelo grupo especializado da GCM no amparo à mulher vítima de violência.  A Guarda Ambiental, criada em 2021 com a função específica de cuidar das demandas relacionadas à proteção do meio ambiente, recolheu dezenas de animais silvestres, além de atuar em 12 parques ambientais e no aterro sanitário de Teresina.

Para André Viana, comandante da GCM, os números são positivos e se transformam em um incentivo para a continuação do trabalho. “Avaliamos os resultados como bastante satisfatórios, isso nos faz acreditar que estamos no caminho certo e esperamos perseverar na missão para melhor atender a população de Teresina” finalizou André Viana.

O coordenador municipal de Segurança Pública Social e Patrimonial, coronel Nixon Frota,  destaca ainda atuação preventiva diuturnamente em prédios e estruturas municipais, como escolas, unidades básicas de saúde, praças e os terminais de integração.

“Fizemos a avaliação de todo o ano anterior e continuamos focados em assegurar a sensação de segurança à população. Ações como a implantação dos primeiros postos fixos da GCM em Teresina tiveram um resultado muito positivo e temos como missões a expansão dessas instalações, o videomonitoramento, entre outros”, adianta Nixon Frota.

 

 

Em menos de uma semana, GCM prende dois foragidos abrigados em escolas municipais

GCM prende foragido que estava em escola com desabrigados das chuvas Foto(Ascom/GCM)

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Teresina prendeu mais um foragido da Justiça que estava abrigado em uma escola municipal que, temporariamente, está acolhendo famílias vítimas das chuvas. A prisão ocorreu, nesta sexta-feira (14), na esquina de um bar, nas imediações da Escola Municipal Domingos Afonso Mafrense, no bairro Mafrense, zona Norte da capital.

“Conseguimos localizá-lo após levantamento da nossa Gerência de Inteligência. Ele estava abrigado na escola, foi para um bar e saiu de bicicleta. Por considerar uma possível fuga, quando ele voltou para o bar na esquina da escola, realizamos a prisão”, explica André Viana, comandante da GCM de Teresina.

P.S.M estava foragido há um ano e responde pelos crimes de roubo e latrocínio (roubo seguido de morte). Com ele, que foi encaminhado ao sistema prisional, a GCM apreendeu uma porção análoga a crack.

Nixon Frota, coordenador municipal de Segurança, acrescenta que a GCM tem intensificado o patrulhamento preventivo nas imediações das escolas que têm servido de abrigo para garantir a segurança das famílias e profissionais que estão prestando assistência.

“A prisão ocorreu após a saída dele de uma escola municipal, quando a equipe estava fazendo a proteção do patrimônio público e consequentemente a segurança da população. A prisão de ontem foi a segunda em abrigos em três dias e a operação continua em andamento”, reitera Nixon Frota.

A prisão anterior ocorreu no último dia 11, na Escola Municipal Iolanda Raulino, no bairro Poti Velho, também na zona Norte.

Dr. Pessoa reúne secretariado e determina mutirão para limpar bueiros e galerias

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, se reuniu neste sábado (08), na sede da SAAD Norte com parte do secretariado e os integrantes do Comitê de Enfrentamento às Enchentes na capital.

Fotos: Rômulo Piauilino

Durante o encontro, o gestor ressaltou a necessidade de se deslocar todas as equipes de limpeza pública para limpar os bueiros e galerias, principalmente nas regiões onde há uma maior predominância de lagoas, como na zona Norte.

“Precisamos manter limpos os bueiros e galerias para que as águas possam correr naturalmente e assim, impedir que no caso de entupimento novas regiões venham a ficar alagadas e prejudicar as famílias”, destacou o prefeito.

A superintendente executiva da SAAD Norte, Luana Barradas, disse que já existe um cronograma de limpeza pública, mas que nesse período chuvoso essas equipes intensificam as ações nestes espaços.

“Temos um cronograma de limpeza pública, com equipes especificamente para bueiros e galerias. Quando está próximo do período chuvoso o trabalho é intensificado, justamente para evitar entupimento e novas enchentes”, garantiu.

Ainda de acordo com ela, a população deve colaborar com a limpeza, evitando descartar lixo e entulhos nestes locais.

“Vamos destacar mais equipes para intensificarmos esse trabalho de limpeza nestes pontos. Mas pedimos para que a população possa evitar o descarte de lixo e entulho em locais inapropriados. É uma parceria entre a população e o poder público”, finalizou.

A reunião contou ainda com a presença do secretário da SEMDUH, Edmílson Ferreira, João Pessoa (Eturb), Lucas Pereira (Comunicação), Coronel Nixon Frota (Guarda Municipal) e Carlos Ribeiro (Defesa Civil).

Postos fixos da Guarda Municipal serão ampliados para mais zonas de Teresina

A criação da pasta da Segurança Pública Municipal, na gestão do prefeito Dr. Pessoa, conquistou vários avanços durante o primeiro ano de gestão. Além de mudanças internas, que refletiram em melhorias para a corporação, propostas implementadas em 2021 tiveram impacto direto no dia a dia dos teresinenses. Uma delas foi a implantação de quatro postos fixos da Guarda Civil Municipal (GCM) em pontos estratégicos e que serão ampliados para mais zonas da cidade.

Atualmente existem bases da GCM nas avenidas Raul Lopes (zona Leste), Marechal Castelo Branco e Parque da Cidade (ambos na zona Norte) e no Complexo Esportivo Parentão (zona Sul).

Nixon Frota, coordenador municipal de Segurança Pública Social e Patrimonial, explica que a instalação dos postos fixos atendeu a uma demanda da população que reclamava dos frequentes assaltos durante a prática de atividades físicas.

“Essas duas avenidas de Teresina são bem conhecidas também por atrair muitos praticantes de atividades físicas. Nelas eram comuns assaltos, além de furtos de cabos de fios na Ponte Estaiada, um dos nossos cartões-postais em Teresina. Na Avenida Raul Lopes, onde foi instalado nosso primeiro posto, conseguimos dar sensação de segurança a população e melhorar nesses dois aspectos: os assaltos e o furto de fios que gera prejuízo para a gestão pública”, explica Nixon Frota.

O coordenador de Segurança ressalta que tem buscado viabilizar parcerias para a instalação de um posto fixo da GCM na região do Grande Dirceu. Um dos locais que atende a demanda da população é na Avenida Noé Mendes, conhecida como Avenida das Hortas.

“Temos percorrido alguns bairros e ouvido a população. Lá na região do Dirceu essa demanda é muito recorrente. Uma das nossas metas para 2022 será viabilizar a implantação de mais esse ponto fixo”, reitera Frota.

Internamente, um das das grandes conquistas a serem destacadas foi a posse de André Viana como comandante, o primeiro guarda municipal de Teresina a assumir o comando.

MAIS AVANÇOS NA SEGURANÇA

Durante o primeiro ano de gestão de Dr. Pessoa, a Coordenadoria de Segurança Pública Social e Patrimonial atuou também para a retomada do motopatrulhamento no Centro de Teresina. Nixon Frota relembra que todas as motos estavam paradas por falta de manutenção.
O canal de diálogo com a população também avançou. Anteriormente, o número 153 funcionava em horário determinado. Agora, o contato é operado por um guarda municipal 24 horas que ouve as demandas e, mais rapidamente, faz os encaminhamentos necessários.

NOVAS METAS

O coordenador de Segurança disse ainda que tem estreitado o diálogo com o prefeito Dr. Pessoa para a implantação de videomonitoramento pela cidade, bem como a realização de concurso público para aumentar o efetivo de aproximadamente 380 homens e mulheres.
Nixon Frota pontua, que para 2022, há a expectativa também para a aprovação do Estatuto da Guarda pela Câmara Municipal de Teresina, o que vai possibilitar a legalização junto ao Ministério da Justiça, bem como a viabilização de projetos e a vinda de recursos federais.

Foto: Divulgação (GCM)

Operação Natal Seguro: Guarda Municipal aumenta efetivo no Centro de Teresina

Reforço da Guarda Municipal nas ruas do Centro de Teresina Fotos(Ascom/GCM)

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Teresina deu início a operação Natal Seguro. O efetivo foi reforçado no Centro de Teresina para dar mais sensação de segurança à população durante as tradicionais compras de fim de ano.

Nixon Frota, coordenador municipal de Segurança Pública Social e Patrimonial, explica que houve um mapeamento dos dias e horários mais críticos.

A segurança foi reforçada por meio do motopatrulhamento e viaturas. Pontos onde são comuns as ações de ‘lanceiros’, como praças e paradas de ônibus, também contam com mais guardas municipais no patrulhamento preventivo.

“O foco da operação é inibir a prática de ilícitos, que é muito mais corriqueira nesse fim de ano, uma vez que o Centro da cidade é um local de compras muito procurado. Estamos reforçando a proteção do patrimônio público, o que garante também maior sensação de segurança à população”, completa André Viana, comandante da GCM de Teresina.

Em três meses, Guarda Municipal atendeu mais 400 ocorrências em vias públicas e estruturas do município

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Teresina apresentou um balanço das ações preventivas para a preservação do patrimônio público municipal, o que reflete também na sensação de segurança da população. Nos últimos três meses foram contabilizadas 430 ocorrências, entre recuperação de veículos furtados/roubados, apreensão de armas de fogo, conduções de suspeitos, entre outras. No monitoramento da GCM em toda a cidade, as áreas com maior número de ocorrências foram as zonas Sul e o Centro, no turno da manhã.

O coordenador municipal de Segurança Pública Social e Patrimonial, Nixon Frota, destaca que, diariamente, a GCM monitora 1.300 prédios e estruturas municipais, incluindo, por exemplo, escolas, praças, terminais e estações de ônibus.

Sobre as áreas com maiores índices de ocorrências no último trimestre, o comandante da GCM de Teresina, André Viana, justifica que existem diversas variáveis para os altos números nas duas regiões.

“Quanto mais a Guarda Municipal está junto à população, mais atende ocorrência e isso reflete também nesses números. Essas duas áreas com maiores índices têm algumas peculiaridades. No Centro, temos um intenso fluxo de pessoas nas paradas de ônibus e em praças públicas e, com a presença preventiva, a Guarda se depara com um maior número de ocorrências. Já na zona Sul temos um maior número de prédios públicos do município, consequentemente, o efetivo da GCM nessa área é maior. Além disso, temos as estações de ônibus que eram pontos críticos. Esses e outros fatores refletem em um maior número de atendimento nessas duas áreas”, justifica André Viana.

Além do patrulhamento preventivo em viaturas, a Guarda Civil Municipal de Teresina atua em diversas áreas, seja com o motopatrulhamento no Centro da cidade, com postos fixos como nas avenidas Marechal Castelo Branco e Raul Lopes ou dentro de estruturas públicas como o Parque da Cidade e o Complexo Parentão.