SAAD Leste firma parceria com SEMP para participação na Expoapi

A Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Leste (SAAD Leste), através da Prefeitura de Teresina, firmou parceria, nesta quarta-feira (24), com Secretaria Municipal de Produção e Agropecuária (SEMP) para atuar na limpeza e na segurança da Feira do Mercado do Produtor, que acontecerá na 70ª edição da Exposição Agropecuária do Piauí (Expoapi). O evento ocorre do dia 9 a 12 dezembro, no Parque de Exposições Dirceu Arcoverde, localizado na BR-343, em Teresina.

Superintendente James Guerra, Marcone Nunes, chefe de gabinete da SEMP e Franklin Garoto, secretário executivo da SEMP / foto: Ascom Saad Leste

 

Segundo o superintendente da SAAD Leste, James Guerra, a participação do órgão é imprescindível no evento por envolver um conjunto de fatores econômicos, políticos e sociais. “É de grande importância essa parceria, pois o evento, além de contar com a Feira do Mercado do Produtor, terá shows musicais, leilões e dará muita visibilidade aos produtores. Será essencial no fortalecimento da economia local. Faremos o possível para que o evento ocorra bem”, destacou Guerra.

Franklin Garoto, secretário executivo da SEMP, informou que a parceria com a SAAD Leste é de suma importância.

“A parceria com a SAAD-Leste unirá forças com o Sebrae e o Senar, que também participam como parcerias. Nosso desafio é combater a precária situação do sistema produtivo do município e com a Feira do Mercado do Produtor, o potencial de desenvolvimento rural local ganhará mais evidência. Os produtores foram muito afetados durante a pandemia e ficaram quase dois anos sem comercializar os seus produtos”, ressaltou Garoto.

Prefeitura de Teresina presta contas e prepara inauguração de obras na zona Leste

Dr. Pessoa visita obras e confere de perto os trabalhos realizados pelos órgãos municipais Fotos(Rômulo Piauilino/SEMCOM)

Em mais um dia de vistorias, o prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, voltou aos canteiros das obras que estão sendo executadas pela Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD) da zona Leste da capital. Além de prestar contas, a gestão municipal agiliza a conclusão e entrega dos equipamentos públicos para a população.

O primeiro empreendimento visitado foi o Centro Integrado de Esporte Professor Carlos Said, no bairro Vale do Gavião. O Centro já foi inaugurado e o prefeito foi ao local para avaliar a estrutura e fazer constatar como foram investidos os quase R$ 4 milhões em obras. Na ocasião, Dr. Pessoa ainda pontuou a necessidade de melhorias no entorno do prédio.

“Estamos observando o que também pode ser acrescentado. Nesse ginásio, por exemplo, ainda há algumas coisas que podem ser feitas, tanto na sua estrutura como no seu entorno. É isso que estamos avaliando e planejando para que essa e outras obras tenham uma maior funcionalidade para a população”, enfatizou o chefe do poder executivo municipal.

Outras obras fiscalizadas foram a reforma e ampliação do Cemitério Santa Mônica, no bairro Cidade Jardim, onde a prefeitura está investindo R$ 221 mil; a urbanização da Praça Henddy Ribeiro, no bairro Horto Florestal, orçada em R$ 223 mil; e a pavimentação em paralelepípedo da rua Alecrim, no bairro Jóquei Clube, que custará cerca de R$ 221 mil.

Segundo James Guerra, superintendente de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD Leste), todos os investimentos e ações na região são resultados das determinações do prefeito, que tem acompanhado de perto as etapas de execução das mesmas. A estimativa é que todas essas obras fiquem prontas e à disposição dos teresinenses no começo do próximo mês.

“Além de ter articulado todos os projetos e viabilizado os recursos para que tudo fosse possível, o prefeito está sempre presente nos canteiros de obras. Isso é muito importante, pois acompanha e fiscaliza de perto o trabalho que está sendo realizado, inclusive, para assegurar a qualidade dos serviços e o cronograma de execução”, concluiu James Guerra.

Ao final da agenda, Dr. Pessoa foi novamente ao bairro São Cristóvão, onde está sendo construído um dos trechos da galeria que deve pôr fim ao problema de alagamentos naquela região, durante os períodos de chuvas. A conclusão da primeira fase dessa obra, que é o ponto mais crítico, está prevista para janeiro de 2022.

Obra da galeria da zona Leste está orçada em R$ 54,5 milhões

A primeira etapa da obra da galeria da zona Leste deve ser entregue em janeiro de 2022 Fotos: Rômulo Piauilino/Semcom

A zona Leste de Teresina vai ganhar um conjunto de obras, que há muitos anos são reivindicadas pela população. Dentre as obras, o Sistema de Drenagem Integrada da zona Leste, conhecida como galeria, possui a maior complexidade e magnitude, e tem por objetivo minimizar os problemas de alagamento na região. A galeria, que percorre os bairros Noivos, Jóquei, São Cristóvão e Morada do Sol, tem um prazo final de 545 dias e possui um investimento de R$ 54. 581.255,85.

De acordo com o superintendente da SAAD- Leste, James Guerra, a construção da galeria é uma obra muito esperada pelos teresinenses, pois a obstrução de escoamento das águas pluviais é um problema crônico na cidade.

“De forma célere e efetiva, estamos seguindo e nossa expectativa é de que o mais breve possível esta importante obra esteja funcionando em sua plenitude”, destacou James Guerra.

O gerente de Obras e Serviços Urbanos da SAAD-Leste, Paulo Nunes, informou que a obra está, no momento, na rua Eustáquio Portela, onde acontece a macrodrenagem.

“Embora o percurso total seja extenso, o plano é que em até janeiro de 2022, a obra esteja na avenida Homero Castelo Branco. O serviço de microdrenagem também está previsto para este mesmo mês. A construção da galeria trará inúmeros benefícios a muitas pessoas”, frisou Paulo Nunes.

Nessa quinta-feira (28), o Prefeito Dr. Pessoa, juntamente com uma comitiva da Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Leste (SAAD-Leste), estiveram em visita às principais obras da zona Leste.

O trajeto da comitiva municipal incluiu: visita à construção da galeria, bairro São Cristóvão; à avenida Ulisses Marques, na qual está sendo executada a implantação de iluminação central e assinatura da licitação da alça da ponte; o viveiro da zona Leste, situado na rua José Luiz Fortes, no bairro Ininga; a reforma do cemitério São Judas Tadeu, na avenida João XXIII, bairro São Cristóvão; a ampliação e reforma do cemitério Santa Mônica, a pavimentação em paralelepípedo, na rua Floresta, do bairro Pedra Mole e a pavimentação asfáltica, na rua Professor Antônio de Medeiros Noronha, bairro Morros.

 

Dr. Pessoa vistoria construção da galeria da zona Leste e outras obras na região

Prefeito Dr. Pessoa realizou visita às obras que estão sendo feitas na zona Leste de Teresina Fotos: Rômulo Piauilino/Semcom

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, realizou, ao longo de toda a manhã desta quinta-feira (28), uma série de vistorias de obras públicas executadas pela Superintendência de Ações Administrativas (SAAD) Leste. O intuito é agilizar a conclusão de empreendimentos e intervenções aguardadas há bastante tempo pela população teresinense.

Iniciando a agenda, o chefe do poder executivo esteve no bairro São Cristóvão, onde está sendo construído um dos trechos da galeria que deve pôr fim ao problema de alagamentos naquela região, durante os períodos de chuvas. A conclusão da primeira etapa da obra, que é o ponto mais crítico, está prevista para janeiro de 2022.

“Há mais de 30 anos que a população clama por esta ação, que irá melhorar a drenagem. É uma obra que recebemos inacabada, com menos de um quarto realizada, mas que agora iremos seguir o cronograma e concluir já no próximo ano esse trecho que mais atormenta a comunidade. Esse é o nosso compromisso”, garantiu o prefeito.

Outra importante obra que recebeu a visita de Dr. Pessoa e sua equipe técnica foi a da avenida Arimatéia Santos, onde está sendo concluída a implantação da iluminação do canteiro central. De acordo com James Guerra, superintendente da SAAD Leste, a estimativa é que a inauguração da via aconteça até o final do próximo mês.

“Uma nova via de acesso que irá facilitar a mobilidade e o tráfego de veículos nesta região. Uma obra muito importante, de grande impacto, que beneficia a cidade e a população. Ficamos felizes em contribuir com essa gestão, que se mostra cada vez mais comprometida com as pessoas, principalmente as que mais precisam”, pontuou o prefeito.

Em seguida, Dr. Pessoa se deslocou para o cemitério São Judas Tadeu, onde acompanhou a implementação de reparos, melhorias e preparação do espaço para o Dia de Finados, na próxima terça-feira (2). Por fim, o prefeito esteve na rua Professor Antônio de Medeiros Noronha, no bairro Noivos, que está recebendo pavimentação asfáltica, e nas instalações do novo viveiro de mudas da zona Leste.

SAAD Leste celebra parceria com CAU-PI para promover concurso de projetos urbanos

Os espaços públicos têm papel determinante na sociedade urbana e estão diretamente relacionados à dignidade e à cidadania. Tendo ciência disso, a Superintendência das Ações Descentralizadas Leste (SAAD-Leste), realizou nesta terça-feira (26), uma reunião para celebrar a parceria com o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Piauí – CAU/PI. Foi firmado um termo de cooperação que lançará um concurso público para a escolha de projetos arquitetônicos das praças da zona Leste. O encontro contou com a participação de autoridades da SAAD-Leste, como também de Gerardo Fonseca, conselheiro Federal da CAU/BR, Wellington Camarço, presidente do CAU/PI e demais representantes da área.

“Essa parceria é muito importante, pois estamos inaugurando a modalidade de um concurso público para projetos arquitetônicos de nossa cidade, inicialmente, com as praças da zona Leste. Vamos pensar Teresina da melhor forma possível. Depois de firmado esse termo de cooperação, será montado um cronograma de atividades, ainda este mês de novembro”, comemorou Ernani Freitas, secretário executivo da SAAD-Leste.

(Foto: Ascom/SAAD Leste)

De acordo com Wellignton Camarço, presidente Federal do CAU/PI, o conselho pode contribuir com o pensar da cidade, através do urbanismo, e não somente em praças, como em diversas outras áreas.

“Ficamos empolgadíssimos e isso para nós é fantástico! Neste momento, estamos pensando em trabalhar as praças, torná-las mais acessíveis, mais seguras, mais humanas. Devolver a praça para quem é de direito: o cidadão. A praça já foi utilizada por muito tempo, fazendo parte da nossa cultura, e nos dias atuais, sua importância se perdeu para a insegurança, para a ausência de equipamentos públicos, para uma iluminação adequada, dentre outros percalços.

Então, a Prefeitura está com essa ideia fantástica de desenvolver premiações e o CAU tem essa expertise, de convocar os colegas arquitetos e fazermos um concurso público para projetos de praças. Os arquitetos vão concorrer ao melhor projeto para o aval de uma comissão coordenada pela Prefeitura de Teresina”, enfatizou Camarço.

Prefeito autoriza licitação para reforma estrutural no Mercado do Peixe

A Prefeitura Municipal de Teresina, através da Superintendência das Ações Descentralizadas Leste (SAAD- Leste), com o objetivo de reforçar mais um atrativo turístico e possibilitar a melhoria na economia de muitas famílias, autorizou, hoje (9), a licitação para uma expressiva reforma estrutural no Mercado do Peixe de Teresina, situado no bairro São João, zona Leste da capital. De acordo com o Prefeito Doutor Pessoa a obra tem início em fevereiro de 2022 e finaliza dentro de 6 meses, fazendo parte das comemorações do aniversário de Teresina.

“Nos vamos materializar o que havíamos planejado para o Mercado do Peixe, dando uma nova roupagem, uma infraestrutura,  para que o expedicionários, para que os usuários, sintam-se satisfeitos e tenham um ambiente saudável, para venda e compra de peixe. Por isso a necessidade de ampliação, porque falta espaço, e a prefeitura irá trabalhar para garantir isso”, comentou o prefeito.

Segundo o superintendente da SAAD-Leste, James Guerra, o mercado tem forte potencial turístico e econômico.

“A reforma irá possibilitar a otimização do espaço, proporcionando maior conforto e segurança para os permissionários, como também para os clientes e turistas que venham a frequentar o local. Acredito que o Mercado do Peixe tenha um forte potencial turístico, tão importante quando falamos de recuperação da economia, nestes tempos de pandemia”, destacou Guerra.

Para o administrador do Mercado do Peixe, Francisco Macedo, no projeto da reforma, conta com a ampliação do estacionamento, dos boxes dos permissionários e muitas outras melhorias.

“Todos que moram aqui sabem da condição que está o mercado e a necessidade urgente de melhoras. Terá uma casa de lixo com sistema de refrigeramento e a participação da companhia de saneamento Águas de Teresina, para evitar o forte odor e a permanência de animais”, frisou Macedo.

Foto: Divulgação (SEMCOM/SAAD Leste)

Dr. Pessoa participa de solenidade de entrega de cartões alimentação para famílias carentes de Teresina

O evento foi realizado no pátio da Igreja do Sagrado Coração de Jesus – Paróquia Santa Dulce dos Pobres e contou com a presença do prefeito Dr. Pessoa Fotos: Rômulo Piaulino / Semcom

A Cruz Vermelha Brasileira realizou, na manhã desta segunda-feira (27), a solenidade de entrega de cartões alimentação para diversas famílias que vivem em situação de vulnerabilidade social em Teresina e em outras cidades piauienses.

O evento foi realizado no pátio da Igreja do Sagrado Coração de Jesus – Paróquia Santa Dulce dos Pobres, localizado no bairro Vila Irmã Dulce, zona Sul da capital, e contou com a presença do prefeito Dr. Pessoa e diversas autoridades.

“É uma ação importantíssima desta entidade, que atua em vários países do mundo e em quase todos os Estados do Brasil levando suas atividades humanitárias. É algo que irá amenizar essa situação, potencializada pela pandemia”, destacou o chefe do executivo municipal.

A estimativa da Cruz Vermelha Brasileira é que cerca de 630 famílias sejam contempladas pela iniciativa em todo o Piauí. No total, os beneficiários receberão R$ 400 em três parcelas, duas no valor de R$ 150 e mais uma de R$ 100, oriundos da campanha “Estamos Prontos”.

Mercado do Peixe realiza Festival Gastronômico com degustação ao público

A fim de promover e valorizar a gastronomia local, proporcionando à população, experiências deliciosas, vai acontecer, nesta sexta-feira, dia 24 de outubro, às 9h, o Festival do Peixe, no Mercado do Peixe de Teresina, situado no bairro São João, zona Leste da capital.

O evento, que conta com o apoio da Prefeitura de Teresina, através da Superintendência das Ações Descentralizadas Leste (SAAD- Leste), terá a presença de autoridades municipais, com degustação de pratos diversos.

O administrador do Mercado do Peixe, Francisco Macedo, informou que por conta dos casos suspeitos da Doença de Haff/urina preta, em alguns estados do país, o mercado teve uma queda de 50% nas vendas, desde que o assunto foi abordado pelas redes sociais. Ele explicou que a Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), através do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde do Piauí (Cievs-PI), informou em nota, que o Piauí não registrou nenhum caso suspeito ou confirmado da doença.

Francisco Macedo, administrador do Mercado do Peixe. (Foto: Ascom/SAAD Leste)

“Esse festival é uma manifestação dos permissionários do Mercado do Peixe, no intuito de atrair clientes, uma vez que, depois destas informações sobre a doença da Urina Preta, eles se afastaram e houve uma queda de 50% nas vendas. Não vamos fazer nada que não seja aprovado pela Vigilância Sanitária, e já cumprimos, normalmente, todos os protocolos exigidos para a segurança alimentar dos munícipes e orientados pelos epidemiologistas, em relação ao acondicionamento do pescado. O Piauí ainda não registrou nenhum caso”, enfatizou Macedo.

O administrador do Mercado do Peixe informou que as pescadas mais vendidas em Teresina são: Tambaqui, Tilápia, Branquinho, Piau, Pescada Amarela, Robalo e Cavala.

Serviço de limpeza de fossa atende 100% das demandas da zona Leste

A Superintendência das Ações Descentralizadas Leste (SAAD Leste), por meio da Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), divulgou nesta quinta-feira (16), que cumpriu a meta dos serviços de limpeza de fossa para a população, atendendo 100% das demandas de moradores da zona Leste de Teresina. As ações acontecem de forma gratuita, desde o início da gestão do superintendente James Guerra.

O gerente de habitação da SAAD-Leste, Helder Cronemberger, celebra o feito, pois desde o início da gestão, foram encontradas na GHAB, várias solicitações de limpeza de fossa em atraso de até um ano e meio. Então, houve a necessidade urgente de se intensificar o serviço para que a meta fosse alcançada este mês.

Fotos: Ascom Saad Leste

“Entendemos a importância da prestação desse serviço essencial à população e temos consciência que deve ser feito com eficiência e celeridade, por se tratar da saúde pública de famílias de baixa renda, que não têm condições de arcar com os custos. Tivemos que aumentar o número de funcionários para que conseguíssemos concretizar esta meta. O mérito é de todos que participaram”, comemorou o gerente.

De acordo com o Hélder Cronemberger, caso não haja a limpeza de fossa na residência, ela pode entupir e transbordar, resultando em mau cheiro e o solo contaminado, facilitando a proliferação de pragas domésticas, como moscas, baratas e ratos.

“O odor desagradável e o solo contaminado podem acarretar sérios problemas de saúde à população. Por isso é recomendado que as fossas sejam esvaziadas em um período trienal, ou seja, de 3 em 3 anos, para evitar problemas. Se o volume de água for muito grande é melhor realizar a limpeza uma vez por ano”, salientou.

O presidente da Associação de Moradores do bairro Cidade Jardim, Nilton César, explicou que este é um problema recorrente na região. “Temos uma área baixa, quase ao nível do rio Poti, e nos períodos de chuva, a demanda aumenta consideravelmente. Um dos primeiros sinais de que a fossa está cheia é que a vazão de água em torneiras e no vaso sanitário passa a ficar lenta ao descer pelo esgoto. O barulho de borbulhas quando o sistema de encanamento é utilizado também representa sinais de problema com a fossa séptica. A SAAD-Leste tem efetuado o serviço com muita rapidez. Só temos a agradecer”, afirmou.

Neide Coutinho de Sousa, presidente do Clube de Mães do Residencial Árvores Verdes é beneficiária do serviço de limpeza de fossa séptica e destacou que o serviço social prestado pela SAAD- Leste é fundamental para as famílias vulneráveis dos bairros da periferia de Teresina.
“Dessa forma é possível acompanhar a vida de muitas famílias carentes. É a prefeitura cuidando da saúde pública de nossa gente”, disse.

Wirlen Henriques, assistente social do órgão, adverte que a equipe da GHAB sempre vai identificada realizar as entrevistas para avaliação sócio-econômico.
“Informamos que, preocupados com a segurança de todos os munícipes, a equipe que visita os moradores, possui equipamento de proteção individual, coletes e fardamento da prefeitura e sempre portam identificação pessoal”, esclareceu a assistente social.

Quem pode solicitar o serviço:
Para o agendamento do serviço é necessário fazer a solicitação na Superintendência, que fica localizada Av. Zequinha Freire, 370 – bairro Uruguai. Para a solicitação, é necessário possuir renda de até 2 salários mínimos, comparecer ao protocolo, portando cópias do RG, CPF e comprovante de residência, para que seja marcada a visita da assistente social. É exigido também que a fossa esteja cheia e haja um sistema de esgotamento.

SEMDUH e SAADs iniciam força-tarefa para retirada dos aguapés do Rio Poti

O secretário municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Edmilson Ferreira, se reuniu com representantes das Superintendências de Ações Administrativas Descentralizadas (SAADs) das zonas Centro, Norte e Leste para definir a operação de retirada de aguapés do Rio Poti. A reunião ocorreu na sede da SEMDUH, na manhã desta quarta-feira (15).

No início da reunião, o secretário frisou a necessidade urgente de uma força-tarefa para retirar os aguapés o mais rápido possível, visto que este é considerado um grave problema ambiental. Ficou determinado que o serviço de limpeza do rio será realizado pelas SAADs Centro, Norte e Leste, que têm áreas com presença de aguapés.

“A limpeza será feita mediante a utilização das equipes de limpeza já existentes e será iniciada imediatamente”, destaca o gestor da SEMDUH, acrescentando que também estão sendo estudadas alternativas para solucionar a questão dos aguapés de forma definitiva.

Além de Edmilson Ferreira, participaram da reunião outros técnicos da Semduh, representantes das SAADs Centro, Norte e Leste, da SEMAM e da Procuradoria Geral do Município (PGM).

A Semduh também tem participado de encontros com outros órgãos para discutir o problema, a exemplo da audiência realizada ontem (14), com representantes do Ministério Público Federal, Arsete, Águas de Teresina, Agespisa, Secretaria Municipal de Governo (SEMGOV), Secretaria de Meio Ambiente (SEMAM), Procuradoria Geral do Município (PGM) e Secretaria Estadual de Meio Ambiente (SEMAR).

Foto: Divulgação (Semam)