SAAD Sul realiza cronograma de limpeza de galerias na Zona Sul de Teresina

A Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul), por meio da sua Gerência de Serviços Urbanos (GSU), realiza cronograma de limpeza de galerias na Zona Sul de Teresina, passando pelo os bairros Areias, Torquato Neto, Joca Claudino, Vamos ver o Sol e São Pedro.

A medida faz parte das ações que a SAAD Sul vem tomando em relação ao período chuvoso, as galerias obstruídas podem gerar problemas para os moradores da região neste período.
O Superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, destacou a importância de uma boa preparação para o período chuvoso, “A Administração Pública de Teresina entende a importância de se preparar e ter uma boa gerência de períodos que podem gerar situações desagradáveis para os moradores, por isso nós da SAAD Sul damos destaque para o planejamento desses períodos, entendendo essa importância”, concluiu Juca Alves.
Islanilton Gomes, Gerente da GSU da SAAD Sul, informou também que estão analisando outros locais para a limpeza “Estamos fazendo análise de outras regiões para gente também está atuando e fazendo manutenção desse locais antes do período chuvoso”, concluiu Islanilton Gomes.

Galerias estão sendo limpas. Fotos: Ascom SAAD Sul

Gerência de Habitação da SAAD Sul participa de reunião para tratar do plano de ação no período chuvoso

A Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul), por meio da sua Gerência de Habitação (GHAB), participou nesta segunda-feira (06), de reunião com a SAADs, SEMCASPI e Defesa Civil, com objetivo de alinhar estratégias e plano de ação para possíveis situações de calamidade provocada pelo período chuvoso em Teresina.

O período chuvoso requer um preparo técnico das administrações públicas para atender situações que provocadas durante esse período.

O Superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, ressaltou o compromisso da prefeitura de Teresina com o pronto atendimento das demandas que possam surgir por conta do período, “É importante estar precavido para situações que sabemos que pode acontecer durante o período chuvoso, a prefeitura de Teresina tem esse comprometimento, por isso estamos nos organizando e passando por esse alinhamento para já pensar saídas e responder prontamente as demandas da população”, concluiu Juca Alves.

Jeovanna Moura, Gerente da GHAB da SAAD Sul, também ressaltou a o comprometimento da SAAD Sul com a Zona Sul de Teresina “Estamos atentos as demandas da Zona Sul de Teresina e para nós é fundamental estarmos alinhados com as propostas para o período chuvoso, sabemos que esse período pode causar algumas situações, então estamos nos preparando com comprometimento para atender a demanda da Zona Sul de Teresina”, concluiu Jeovanna Moura.

 

Gestores trataram das possíveis ações no período chuvoso. Foto: Ascom Saad Sul

ETURB investirá R$ 1,8 milhão na reforma e modernização da Usina de Asfalto de Teresina

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, assinará nesta terça-feira (30), a ordem de serviço para reforma e modernização da Nova Usina de Asfalto de Teresina, localizada na Estrada da Alegria, bairro Santo Antônio, zona Sul da capital. A Cerimônia contará com a presença do presidente da Eturb, João Duarte e do Superintendente da SAAD Sul, Juca Alves.

Serão investidos aproximadamente R$ 1,8 milhão para a ampliação, reforma e construção de novas instalações. Além disso, serão entregues novos maquinários e equipamentos.

Para o presidente da Eturb, João Duarte, a reforma da Usina de Asfalto tem o selo da nova gestão, que preza por modernidade e resultado.

“Com a reforma da Usina e a modernização do laboratório de concreto e de asfalto, a empresa irá produzir mais massa asfáltica e com uma melhor qualidade. Com isso conseguiremos realizar mais obras de pavimentação em nossa cidade, trazendo acessibilidade, mobilidade e segurança para a população”, destacou João Duarte.

Na ocasião, será entregue a nova iluminação da Usina, toda em led, além do sistema de videomonitoramento, dois veículos totalmente restaurados, Equipamentos de Proteção Individual (EPI) para funcionários, ferramentas e equipamentos para usina e GPS para o monitoramento dos veículos.

Serão apresentados também o Programa de Impactos Ambientais: Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos (PGRS) e Plano de Controle Ambiental  (PCA).

17 depósitos irregulares de sucatas são alvos de fiscalização da SAAD Sul

A Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul), realizou ação de fiscalização e notificação de diversos pontos irregulares de sucata na Zona Sul de Teresina. A ação visa coibir o depósito de material de ferro velho em áreas proibidas pela Prefeitura de Teresina.

Nos locais notificados foi constatada acondicionamento de peças em depósitos sem a devida organização, possibilitando a proliferação da ação de insetos e roedores, instalação inadequada de estabelecimentos de compra e venda de sucatas, violando o Código de Postura do Município. Segundo a Lei 3.610, que não permite a permanência de veículos destinados ao comércio de ferro velho, bem como sua exposição em calçadas, vias e terrenos públicos.

Em um dos pontos detectados pelos fiscais, veículos se encontram depositados na calçada e em área pública localizada em frente ao estabelecimento. Segundo o Gerente de Controle e Fiscalização (GCF) da SAAD Sul, Maxsuel Santilio, todos os proprietários foram notificados, caso não cumpra a orientação dentro do prazo de 15 dias, será autuado e multado. O valor da multa varia entre 694,25 reais até 3.471,23 reais.

O superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, enfatiza a importância da fiscalização e cumprimento das normas. “Todas medidas tomadas pela GCF, são medidas para garantir o bem estar da população e o cuidado com os espaços públicos da nossa Zona Sul. A Prefeitura de Teresina tem se comprometido cada vez mais em garantir que os espaços públicos sejam bem cuidados para que a população desfrute com segurança destes”, concluiu Juca Alves.

Maxsuel Santilio destaca ainda como as sucatas irregulares prejudicam a comunidade. “Com a chegada do período de chuva, os veículos que são descartados em espaços irregulares colaboram com a proliferação de insetos e roedores, tornando a questão também assunto de saúde pública, por isso estamos cumprindo a rigor o código de postura municipal, para garantir segurança e bem estar aos munícipes ”, concluiu Maxsuel Santilio.

Foto: Divulgação (SAAD Sul)

Reunião na SAAD Sul trata sobre indenizações para moradores da Vila da Paz e Marginal Poty Sul

A reunião tratou da indenização destinada para os moradores que estavam em locais irregulares nesses percursos Foto(Ascom/SAAD Sul)

A Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul), por meio da sua Gerência de Habitação (GHAB), realizou nesta quinta-feira (11), reunião com a empresa Certare com objetivo de alinhar as tratativas de indenização para os moradores do percurso que corresponde as obras da Marginal Poty Sul e da obra do canal da Vila da Paz.

A indenização é destinada para os moradores que estavam em locais irregulares nesses percursos ou que seriam atingidos pelas obras.

O superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, ressaltou o compromisso da prefeitura de Teresina com o aparato a população “Mais uma vez estamos dialogando no intuito de gerar resolutividade para as famílias. É um compromisso que a prefeitura de Teresina tem e nós estamos trabalhando para cumprir com esse compromisso”, concluiu Juca Alves.

Jeovanna Moura, gerente de Habitação da SAAD Sul, também ressaltou a o empenho nas negociações “estamos em constantes reuniões com a Cetare, para da resolutividade para a população destes dois locais, sem dúvidas estamos focados nos encaminhamentos das reuniões”, concluiu Jeovanna Moura.

SAAD SUL realiza pré-cadastro para curso de capacitação de moradores da Vila Campino

A Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul), por meio da sua Gerência de Habitação (GHAB), realizou nesta quinta-feira (11), o pré-cadastro de moradores da Vila Campino, para cursos de capacitação profissionalizante oferecidos pela Fundação Wall Ferraz, o processo contemplará 26 famílias.

Na última terça-feira a gerente de habitação da SAAD Sul, Jeovanna Moura, esteve em reunião com a Fundação Wall Ferraz para alinhar a proposta dos cursos, a ideia é que os cursos possam abrir as possibilidades de empregos para a população. E ainda esta semana a GHAB se reunirá com lideranças comunitárias da região para alinhar a proposta.

(Foto: Ascom/SAAD SUL)

O Superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, destacou que o órgão está trabalhando para atender as demandas da Vila Campino, “Estamos em constantes reuniões com as lideranças da Vila Campino, para promover a assistência necessária aos moradores, a ação da GHAB é a demonstração do nosso trabalho e esforço para resolver as demandas apresentadas.”, concluiu Juca Alves.

Jeovanna Moura, também ressaltou a importância dos cursos profissionalizantes para a população, “Sabemos que quanto mais capacitados, é melhor para as pessoas acessarem o mercado de trabalho, a parceria com a Fundação Wall Ferraz pode proporcionar renda a estas famílias, inclusive ao final dos cursos são direcionado ao balcão do trabalhador, podendo sair empregados”, concluiu Jeovanna Moura.

(Foto: Ascom/SAAD SUL)

 

(Foto: Ascom/SAAD SUL)

SAAD Sul se reúne para decidir logística de visitas aos cemitérios da zona Sul no Dia de Finados

O horário para as visitas será das 7h às 18h e contará com equipes do Consórcio Teresina Ambiental (CTA) para garantir o controle de higienização Fotos(Ascom/SAAD CSul)

A Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul), por meio da Gerência de Serviços Urbanos e de sua Divisão de Serviços Diversos (DSD), se reuniu na última quinta-feira (28) para tratar da logística de recepção aos visitantes no Dia de Finados, 2 de novembro. Na oportunidade, foram deliberados os últimos detalhes sobre as visitas aos cemitérios da zona Sul de Teresina contando com equipes para garantir os protocolos sanitários.

O horário para as visitas será das 7h às 18h e contará com equipes do Consórcio Teresina Ambiental (CTA) para garantir o controle de higienização do local e das pessoas com álcool em gel e distribuição de máscaras para os visitantes.

Espera-se um público para os cemitérios: Dom Bosco, de 1.500 pessoas; Cemitério Areias, de 1.000 pessoas e Cemitério Santa Cruz, de 2.600 pessoas. Esses dados são baseados nos anos anteriores e na estimativa para o atual momento.

O gerente de Serviços Urbanos, Islanilton Gomes, destacou que a previsão para o término de limpeza dos cemitérios é para o sábado (30) “nosso calendário de limpeza está se findando agora no sábado, já fizemos limpeza por completo do Cemitério Areias e do Cemitério Dom Bosco e já estamos caminhando para finalizar o Cemitério Santa Cruz. No sábado, já estaremos com esses cemitérios limpos e organizados para receber a população para as visitas aos seus entes queridos”, concluiu Islanilton Gomes.

O chefe da Divisão de Serviços Diversos, Ernaldo Sousa, ressaltou o planejamento para a segurança dos visitantes ao cemitério “Também foram solicitadas as presenças da Guarda Civil Municipal de Teresina (GCM) para garantir a segurança dos visitantes, em parceria conjunta com a CTA. Tudo isso para que a nossa zona Sul tenha um Dia de Finados tranquilo”, destacou Ernaldo Sousa.

SAAD Sul cumpre cronograma de limpeza dos cemitérios da zona sul de Teresina para o Dia dos Finados

A Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul), por meio da sua Gerência de Serviços Urbanos (GSU), está realizando um cronograma de limpeza dos cemitérios para atender a população da zona sul de Teresina no Dia dos Finados. Os cemitérios que já estão no cronograma de limpeza e urbanização são: Cemitério Santa Cruz, Cemitério Areias e Cemitério Dom Bosco, a ação tem previsão de conclusão ainda esta semana.

O cronograma conta também com o planejamento estratégico e logístico para a recepção dos familiares com protocolo e medidas de segurança contra o coronavírus.

(Foto: SAAD Sul)

O superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, ressalta o empenho neste cronograma para atender as famílias, “Estamos trabalhando para que ainda esta semana possa se concluir as limpezas e o processo de logística dos cemitérios da Zona Sul, para atender a demanda do Dia dos Finados e das famílias.”, destacou Juca Alves.

O gerente da GSU, Islanilton Gomes, também destaca a importância das medidas de segurança para este dia, “Receberemos as pessoas com necessidade do uso de máscara e álcool em gel, com orientação a todos sobre essas medidas, é necessário destacar para a população a importância das medidas, para garantir segurança”, conclui Islanilton Gomes.

(Foto: SAAD Sul)

(Foto: SAAD Sul)

 

SAAD Sul orienta proprietários a cerca de limpeza de terrenos baldios

A Superintendência de Ações Administrativa Descentralizada Sul (SAAD Sul) por meio de sua Gerência de Controle e Fiscalização (GCF) fiscaliza periodicamente a limpeza de terrenos baldios e informa que essa manutenção é de responsabilidade do proprietário e que está sujeita a multa. Desde o início do ano até este mês, uma média de mais de 60 proprietários foram notificados na Zona Sul em decorrência do acúmulo de lixo, mato e descaso com muros de imóveis e terrenos abandonados.

Essa prática é regulamentada pela Lei Complementar n° 3.610/07 do Código de Postura do Município onde prevê que os terrenos devem ser conservados limpos, murados e com calçada construída. Caso não atenda as determinações, o dono será notificado e deverá regularizar a situação de acordo com prazo previsto pela municipalidade, podendo ser multado com multa que varia de 260,32 até 3470,96 reais.

(Foto: Ascom/ SAAD Sul)

O Superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, destacou a importância dos cumprimentos das medidas notificadas pelos proprietários “Nós contamos com a cooperação dos proprietários na hora de regularizar a situação de seus terrenos, pois essa ação é imprescindível para o bem estar dos logradouros. Nós sabemos que esses terrenos sem fiscalização geram proliferação e disseminação de pragas e doenças, por isso é importante a fiscalização para evitar um mal estar coletivo”, informou o superintendente.

(Foto: Ascom/ SAAD Sul)

O Gerente da GCF da SAAD Sul, Maxsuel Santilio, lembra que medidas de controle tentam, rotineiramente, diminuir esses casos, mas que a população deve ter consciência sobre o assunto. “Quando existe um terreno que o dono não mura, por exemplo, ele é passível das pessoas e até os próprios vizinhos depositarem lixo indevidamente no local, o mato cresce e se torna um perigo para a comunidade que vive no entorno e outros transeuntes”, explicou o gerente.

(Foto: Ascom/ SAAD Sul)

(Foto: Ascom/ SAAD Sul)

SAAD Sul realiza reunião com a empresa Certare para tratar sobre moradias na Vila da Paz

Na ocasião, também dado início ao diálogo sobre a fase II, que pretende remanejar 27 casas na Vila da Paz Fotos(Ascom/SAAD Sul)

 

A Gerência de Habitação (GHAB) da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul) realizou, no começo desta semana, reunião com a empresa Certare para tratar sobre a fase I de remanejamento de sete moradias da Vila da Paz, que estão em local inapropriado para habitação.

Na ocasião também dado início ao diálogo sobre a fase II, que pretende remanejar 27 casas na Vila da Paz.

O superintendente da SAAD Sul, Juca Alves, ressaltou o compromisso com as obras na Vila da Paz. “Estamos trabalhando a todo vapor na revitalização da Vila da Paz. A reunião com a Certare faz parte da nossa preocupação com o bairro e as condições de moradia. Vamos continuar trabalhando para que todos que precisam de remanejo de moradia sejam remanejados de forma regular”.

A gerente da GHAB, Jeovanna Moura, destacou que a Gerência de Habitação está trabalhando na construção de uma planilha para prazos de conclusão destas fases “estou construindo uma planilha para que possamos concretizar estas fases e dar prazos para todas as ações da Gerência de Habitação. Logo após a reunião, fui inclusive falar com o promotor responsável pelos casos da Vila da Paz para ver como estava o processo e ele comunicou que tinha dado andamento”, concluiu Jeovanna Moura.