Neste sábado (30) tem vacinação para cães e gatos das zonas Norte e Leste

Vacinação antirrábica acontece neste sábado (30) Fotos(Ascom/FMS)

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) faz, neste sábado (30), a abertura da campanha de vacinação contra a raiva para cães e gatos, às 8h30, na Unidade Escolar Firmina Sobreira, localizada na rua Desembargador Flávio Furtado, Praça do Poti Velho, zona Norte de Teresina. A vacinação acontecerá nesta data em 136 postos das zonas Norte e Leste e a meta é vacinar 67.883 animais.

No sábado seguinte (06/11), a vacinação terá continuidade em postos das zonas Sul e Sudeste para aproximadamente 60.095 cães e gatos. Para atender a demanda da zona Rural, a vacinação acontecerá ainda no mês de novembro. Essa logística em datas por zona da cidade é para atender com mais postos de vacinação e facilitar o acesso a esse serviço. A vacina é gratuita e é a única forma de prevenção contra a doença, que pode ser transmitida para humanos e provocar até a morte.

Sobre a campanha de vacinação dos animais contra a raiva, o gerente de Zoonoses da FMS, Paulo Marques, solicita que as pessoas levem neste sábado seus animais que tenham idade a partir de três meses para serem imunizados. “Essa vacina é muito importante para que cães e gatos fiquem vacinados contra a raiva, que é uma doença grave e por isso tutores de cães e gatos das zonas Norte e Leste devem levar seus animais a um dos postos de vacinação”, diz o gestor. Paulo Marques garante a segurança da vacina, que é constituída por vírus atenuado, 2% de tecido nervoso e conservantes a base de fenol e timerosol.

A raiva é uma doença viral que pode ser evitada com a vacina, pode ser transmitida para humanos, através de mordidas e arranhaduras de mamíferos já contaminados. A doença pode ser transmitida por animais silvestres como furões, raposas, coiotes, guaxinins, gambás e morcegos, mas a campanha contempla cães e gatos por serem animais de companhia que possuem maior convívio com os humanos.

Veja abaixo as listas com postos de vacinação nos dias 30/10 e 06/11:

RELAÇÃO DOS POSTOS DE VACINAÇÃO (ZONA NORTE/LESTE)

RELAÇÃO DOS POSTOS DE VACINAÇÃO (ZONA SUL/SUDESTE)

 

Dr. Pessoa se reúne com o Conselho Municipal de Saúde e discute melhorias para o serviço em Teresina

Dr. Pessoa ressaltou o importante papel do colegiado como ferramenta de regulação e fiscalização dos serviços prestados à população Fotos: Rômulo Piauilino / SEMCOM

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, e o presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Gilberto Albuquerque, se reuniram, na manhã desta quinta-feira (21), com os membros do Conselho Municipal de Saúde (CMS), instância administrativa composta por representantes do poder público e da sociedade civil que, dentre outras coisas, é responsável por formular estratégias e controlar a execução da política de saúde da capital.

Na oportunidade, o chefe do poder executivo ressaltou o importante papel do colegiado como ferramenta de regulação e fiscalização dos serviços prestados à população. “Não se faz uma saúde pública de qualidade sem ações de controle, interno e externo. Quero trabalhar em parceria com todos os conselheiros, tratando os assuntos de maneira ordeira e republicana, pensando sempre no usuário deste serviço”, disse Dr. Pessoa.

O CMS é formado por 64 conselheiros titulares e seus respectivos suplentes. A distribuição das vagas é proporcional, ou seja: 50% usuários, 25% trabalhadores da saúde e 25% prestadores de saúde e gestores. Os conselheiros atuam no controle social do Sistema Único de Saúde (SUS), colaborando na construção de políticas públicas para a saúde e contribuindo para a melhoria dos serviços oferecidos à população.

“É fundamental a instalação dos conselhos em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e hospitais municipais da nossa cidade, pois ele é o olhar não apenas da gestão, mas também do prestador dos serviços e, principalmente, do usuário, que pode fiscalizar, opinar e sugerir melhorias na rede”, destacou Gilberto Albuquerque.

Outras atribuições do Conselho também são a avaliação, acompanhamento e fiscalização da programação e execução orçamentária e financeira do Fundo Municipal de Saúde, bem como a aprovação, a cada quatro anos, do Plano Municipal de Saúde.

UBS Poty Velho participa de projeto nacional Sífilis Não

Em reunião no gabinete da presidência da Fundação Municipal de Saúde, representantes da Unidade Básica de Saúde (UBS) do Poty Velho expuseram que a unidade participa do Projeto Interfederativo de Resposta à Sífilis nas Redes de Atenção (Sífilis Não) com o objetivo de aumentar em 30% a testagem de gestantes quanto à Sífilis e aumentar também em 30% àquelas que recebem tratamento adequado.

“Nós estamos no processo de qualificação das nossas equipes quando ao projeto. Assistindo aulas e vamos elaborar e planejar um projeto para atingirmos a meta do ‘Sífilis Não’”, explica a enfermeira Nancy Loiola da UBS Poty Velho.

O Projeto de Resposta Rápida à Sífilis tem como objetivo geral: reduzir a sífilis adquirida, em gestantes e congênita no Brasil. Objetivos Específicos: fortalecer a vigilância epidemiológica da sífilis adquirida, em gestante e sífilis congênita; integrar de forma colaborativa as ações de vigilância e atenção em saúde nas redes de atenção; articular os setores sociais e comunidades, para fortalecer a resposta rápida à sífilis e responder aos compromissos internacionais do Brasil para eliminação da sífilis congênita.

Foto: Divulgação (FMS)

Mulheres atendidas pelo Florescer Sudeste recebem orientações sobre o câncer de mama

No mês de outubro, é desenvolvido a campanha Outubro Rosa para promover um alerta às mulheres para a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e mais recentemente sobre o câncer de colo do útero. Pensando nisso, a Secretaria de Políticas Públicas para Mulheres (SMPM) realizou nesta segunda-feira (11), uma manhã com orientações sobre a prevenção ao câncer para as mulheres atendidas pelo Serviço Florescer na zona Sudeste de Teresina.

No encontro, a enfermeira Márcia Viana, do Serviço Social do Comércio (Sesc), conversou com as mulheres sobre a importância do autocuidado e a necessidade de fazer exames e visitas periódicas ao médico, além do exame de mamografia. A profissional apontou a seriedade do assunto, tendo em vista que no mundo, o câncer de mama é o que mais incide entre as mulheres. Segundo o Instituto Nacional do Câncer, apenas em 2020 foram cerca de 2,3 milhões de novos casos, o que representa 24,5% dos casos novos por câncer em mulheres.

Ainda durante a palestra, Márcia demonstrou através de próteses como as mulheres poderiam realizar o autoexame das mamas e torná-lo rotina. Entre as dicas, ela cita que é necessário identificar os nódulos, volume mamário irregular, aspecto ou coloração suspeita nos mamilos, como também secreções, sangue e inchaço nas axilas e mamas.

“A gente pode evitar 100% o câncer? Não. Mas podemos descobrir previamente para tratar”, declarou a enfermeira. “O objetivo do auto exame é alertar para qualquer sintoma, mas não substitui a presença de um profissional, por isso é importante procurar um profissional. E claro, o exame de mamografia”, ressalta.

Marley de Oliveira, uma das mulheres atendidas pela sede, esteve durante a palestra e relata que o auto exame não era do seu conhecimento. Além de ter tido acesso à informação sobre como ter acesso aos atendimentos de saúde, a mulher ressaltou que se sentiu mais estimulada para cuidar da sua saúde. “Com a palestra de hoje eu entendi que autoestima é eu também estar com meu corpo, minha saúde mental e física”, destaca. “Eu mereço cuidar de mim”, finaliza.

Durante o mês de outubro, as outras duas sedes do Serviço Florescer – Zona Norte e Zona Rural, no Povoado Salobro – devem receber a mesma roda de conversa. De acordo com a psicóloga da SMPM, Nathalie Ciarlini, o objetivo é que todas as mulheres atendidas pelo serviço tenham acesso ao tema. “Estamos sempre buscando informações que possam trazer melhorias na vida das mulheres. Por isso, é importante levar até um serviço palestras com uma linguagem que elas entendem, interagem e que possuem impacto na suas vidas”, frisa.

Sobre o Florescer

Em Teresina, mulheres em situação de vulnerabilidade social, residentes em Teresina, que tenham crianças na faixa etária de 1 a 2 anos e onze meses, podem acessar o Serviço de Atendimento Integral às Mulheres e suas Crianças: Florescer.

O objetivo é empoderar mulheres, através do fortalecimento de vínculos sociais e familiares, da qualificação profissional, do acesso à informação e a serviços de saúde e justiça, além de acolher e realizar atividades de desenvolvimento psicossocial com suas crianças.

Unidades:

Florescer Norte
Rua Antonio Pedro, 629 – Matadouro

Florescer Sudeste
Rua Santa Luzia, S/N – Alto da Ressurreição

Florescer Zona Rural
Povoado Salobro

FMS abre quatro pontos de vacinação para reforço dos idosos de 80 anos e mais

Idosos de 80 anos e mais poderão tomar a dose de reforço da vacina contra a covid-19 a partir de amanhã (12) em Teresina. A Fundação Municipal de Saúde (FMS) vai disponibilizar, até sexta-feira (15), quatro pontos de vacinação, no horário das 9h às 12h, para atender esse público.

O atendimento será por demanda espontânea – ou seja, não precisa de agendamento – e acontece nos seguintes locais:

– Terminal Buenos Aires

– Terminal Zoobotânico

– Terminal Livramento

– Terminal Parque Piauí

No momento da vacinação, os idosos devem apresentar documento de identificação com foto, CPF ou cartão do SUS e o cartão de vacina com o registro das doses anteriores. A coordenadora da campanha de vacinação contra a Covid-19, Emanuelle Dias, reforça que no momento só podem tomar a nova dose os idosos que tomaram a segunda dose há no mínimo seis meses, conforme estabelecido pelo Ministério da Saúde.

A vacina usada será a do laboratório Pfizer, que poderá ser utilizada nos terminais graças a um esquema montado pela FMS em parceria com os locais de vacinação, que dispõem de salas refrigeradas que permitem o acondicionamento do imunizante.

FMS inicia protocolo de bloqueio de caso de raiva canina em Teresina

A vacinação de emergência, que acontece por 10 dias, acontece nos turnos manhã e tarde, e está sendo feita de forma domiciliar Foto(Ascom/FMS)

A gerência de Zoonoses da Fundação Municipal de Saúde (FMS) deu início às ações de bloqueio na região onde foi encontrado um caso de raiva canina em Teresina. No momento, as equipes de agentes de endemias estão fazendo a vacinação de emergência de todos os cães e gatos da área de cinco quilômetros do local onde o animal vivia, na região do bairro Aroeiras, zona Leste.

A vacinação de emergência, que acontece por 10 dias, acontece nos turnos manhã e tarde, e está sendo feita de forma domiciliar. O gerente de Zoonoses da FMS, Paulo Marques, pede a colaboração da população para que receba as equipes. “Em caso de dúvidas, as pessoas podem pedir a identidade do agente, solicitar que ele mostre o frasco da vacina para verificar a data de fabricação e vencimento, e tirar todas as dúvidas. Eles ficarão satisfeitos em dar as informações que a população precisar, evitando assim a disseminação de fake news”, garante o gerente.

O monitoramento da área durará 60 dias e conta ainda com uma busca ativa e investigação de pessoas e animais que possam também ter sido agredidos, mobilizações comunitárias de educação em saúde, esclarecendo sobre o perigo da raiva e formas de prevenção, além do monitoramento laboratorial do tipo de vírus que foi encontrado.

A ação faz parte do protocolo sanitário que deve ser seguido nestes casos estabelecidos pelo município, Ministério da Saúde e órgãos internacionais de saúde pública. A diretora de Vigilância de Saúde da FMS, Amariles Borba, esclarece que este procedimento deve ser seguido à risca para evitar sanções até mesmo internacionais. “O protocolo sanitário internacional é obrigatório para que o Brasil receba recursos, financiamentos e turistas”, alerta a diretora.

FMS leva serviços de saúde ao evento Teresina Cuida de Você

A Prefeitura de Teresina realizará, neste sábado, (2), a 1° edição do Programa Teresina Cuida de Você. A ação reunirá serviços de cidadania, saúde, cultural e lazer. O evento está previsto para acontecer das 8h às 12h, no estacionamento do Parque da Cidadania e irá seguir todos os protocolos de saúde, em prevenção à pandemia da Covid-19.

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) é parceira do evento e disponibilizará para a população diversos serviços, focando na prevenção e educação em saúde. Profissionais da Atenção Básica municipal realizarão aferição de pressão arterial, promoverão ainda sessões de auriculoterapia e atividade corporal, conscientizando sobre a importância da atividade física para a melhoria na qualidade de vida. “Muito importante estarmos próximos da população, levando prevenção em saúde”, diz Gilberto Albuquerque, presidente da FMS.

Haverá também a distribuição de material educativo, através da equipe da Vigilância Sanitária, para alertar sobre a importância da lavagem das mãos e informações acerca de diversas doenças, como tuberculose, hanseníase, sífilis, leishmaniose e as doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti. O combate ao mosquito será foco de um espaço para as crianças e também de uma exposição de materiais feitos com resíduos sólidos que poderiam virar criadouro do mosquito.

Haverá ainda um espaço de orientações sobre procedimentos de higienização da caixa d’água e higienização de frutas e verduras, com distribuição de hipoclorito de sódio.

FMS promove quatro dias de drive thru para reforço de idosos com 90 anos e mais

A vacina usada será Pfizer, que poderá ser utilizada em drive thru graças a um esquema montado pela FMS em parceria com o local de vacinação Foto(Ascom/FMS)

A partir de amanhã (30), a Fundação Municipal de Saúde (FMS) promove a aplicação das doses de reforço da vacina contra a covid em idosos de 90 anos e mais. A vacinação será por meio de drive thru, que acontece durante quatro dias em um ponto de vacinação voltado exclusivamente para este público.

A aplicação da dose de reforço será feita no ponto do Teresina Shopping, nos dias 30 de setembro, 01, 02 e 03 de outubro, das 9h às 16h. Para fins de organização, a vacinação seguirá o esquema adotado nos drives de primeira e segunda dose, que prioriza mulheres pela manhã (9h às 13h) e homens pela tarde (13h às 16h).

A coordenadora da campanha de vacinação contra a Covid-19, Emanuelle Dias, reforça que, no momento, só podem tomar a nova dose os idosos que tomaram a segunda dose há no mínimo seis meses, conforme estabelecido pelo Ministério da Saúde. “Portanto, devem ir amanhã (30) os idosos de 90 anos ou mais que tomaram a segunda dose até o dia 30 de março”, informa a coordenadora.

A vacina usada será a do laboratório Pfizer, que poderá ser utilizada em drive thru graças a um esquema montado pela FMS em parceria com o local de vacinação.

FMS inicia hoje (28) agendamento da vacina contra covid para adolescentes sem comorbidades

Teresina abre hoje agendamento para vacinação de adolescentes sem comorbidades de 16 e 17 anos. Também reabre agendamento, mais uma vez, da vacina contra a covid-19 para os adolescentes com comorbidades na faixa etária de 12 a 17 anos.

A Fundação Municipal de Saúde (FMS), que organiza a vacinação na capital, dividiu o público em horários diferentes para evitar congestionamento do sistema. Às 16h, o agendamento abre para jovens de 12 a 17 anos com comorbidades, deficiência permanente, gestantes, puérperas e lactantes. Às 18h, será a vez da população em geral com 17 anos. Por fim, às 20h, o serviço estará disponível para os adolescentes em geral de 16 anos.

O agendamento é feito pelo site http://vacinaja.fms.pmt.pi.gov.br/. Assim, o usuário deve observar o horário de abertura das vagas para sua faixa etária para acessar o site. Ele deve então escolher a opção “agendamento público alvo”, escolher a opção do grupo – adolescentes, preencher seus dados pessoais e escolher local, dia e hora da vacinação. A vacina utilizada será a do laboratório Pfizer.

A coordenadora da campanha de vacinação contra a covid-19 em Teresina, Emanuelle Dias, informa que, no momento da vacinação, será necessário que os adolescentes estejam acompanhados dos pais ou de um adulto responsável para autorização verbal para a vacinação.

“Caso não haja a presença dos pais ou responsável, a vacinação poderá ocorrer diante da apresentação de autorização devidamente preenchida e assinada pelos pais e/ou responsáveis legais, em acordo com o disposto no art.142 do Estatuto da Criança e do Adolescente”, diz a coordenadora. Já a documentação necessária será a seguinte:

Adolescentes (16 e 17 anos) sem comorbidade:

– Documento de identificação com foto e data de nascimento;

– CPF ou cartão do SUS;

– Comprovante de residência da cidade de Teresina-PI;

Adolescentes (12 a 17 anos) com comorbidade:

– Documento de identificação com foto e data de nascimento;

– CPF ou cartão do SUS;

– Comprovante de residência da cidade de Teresina-PI;

– Laudo OU declaração que comprove a comorbidade, com assinatura e carimbo do profissional de saúde (Original e Cópia)

Adolescentes (12 a 17 anos) com deficiência permanente:

– Documento de identificação com foto e data de nascimento;

– CPF ou cartão do SUS;

– Comprovante de residência da cidade de Teresina-PI;

– Carteira de deficiente ou laudo que comprove a deficiência

Adolescentes (12 a 17 anos) gestantes, puérperas ou lactantes, com ou sem comorbidade:

– Documento de identificação com foto e data de nascimento;

– CPF ou cartão do SUS;

– Comprovante de residência da cidade de Teresina-PI;

– Cartão de vacina;

PARA GESTANTES: Apresentar cartão da gestante OU laudo de profissional de saúde;

PARA PUÉRPERAS: Apresentar certidão OU declaração de nascimento do bebê;

PARA LACTANTES: Apresentar certidão OU declaração de nascimento do lactente

Acontece amanhã (28) drive de segunda dose da vacina astrazeneca

Neste dia, a FMS vai seguir a organização de acordo com o que tem sido adotado nos drives thru até o momento Fonte(Ascom/FMS)

Dando continuidade à programação de vacinação drive thru planejada pela FMS para esta semana, amanhã (28) serão disponibilizados 11 pontos para pessoas com a data da segunda dose da vacina Astrazeneca marcada para o dia 3 de outubro, das 9h às 17h.

Neste dia, a FMS vai seguir a organização de acordo com o que tem sido adotado nos drives thru até o momento: mulheres pela manhã (9h às 13h) e homens no turno da tarde (13h às 17h). A data é compatível com o prazo de aplicação da primeira dose de astrazeneca em drive thru para diversos grupos.

A lista de locais será a seguinte:

Terminal Zoobotânico

Terminal Livramento

Terminal Parque Piauí

Terminal Itararé

Terminal Buenos Aires

Terminal Bela Vista

CEU Norte

ADUFPI

Teresina Shopping

FSA Sul

UESPI Pirajá

No momento da vacinação, devem ser apresentados os seguintes documentos: documento de identificação com foto e data de nascimento, CPF ou Cartão Nacional do SUS. Pessoas que vão receber a primeira dose devem apresentar um comprovante de endereço no município de Teresina; já aqueles que vão receber a segunda dose devem apresentar o cartão de vacina com o registro da primeira).