Ações do Maio Amarelo terminam com palestra no HUT

A palestra desta segunda teve a participação do inspetor e policial rodoviário federal (PRF) Francilio Viana Fotos(Ascom/HUT)

O número de vítimas de acidentes de trânsito que chegam à emergência do Hospital de Urgência de Teresina (HUT), nos cinco primeiros meses deste ano, é o maior dos últimos cinco meses do mesmo período em 2021. Em 2022, foram registrados 3.589 atendimentos a acidentados, o que representa um aumento de 5%.

Esse crescimento reforça a importância do “Maio Amarelo”, que encerra, na manhã de hoje (31), com uma palestra aos servidores, visitantes e acompanhantes dos usuários internados na unidade, alertando para os altos índices de vítimas de acidentes de trânsito, e sobre a necessidade da conscientização.

A palestra desta segunda teve a participação do inspetor e policial rodoviário federal (PRF) Francilio Viana “segurança no trânsito é um tema que não pode sair de evidência. O trânsito mata mais que muitas doenças, e são mortes evitáveis, diferente das doenças”, enfatizou.

Levantamento da estatística do HUT mostra que acidentes com moto lideram o ranking de casos que chegam à emergência, representando cerca de 87% dos atendimentos. 69% dessas vítimas necessitam de cirurgias ortopédicas, neurológicas ou bucomaxilo facial.

No HUT, recebe-se, por mês, em média, 750 vítimas de trauma por acidentes de trânsito. “As ações da campanha terminam hoje, mas o cuidado com a vida no trânsito devem continuar, precisamos conscientizar sobre a importância da prevenção para baixarmos esse índice”, ressaltou Fábio Marcos de Sousa, diretor-geral da unidade.

Projeto de extensão de enfermagem abre vagas em Estomaterapia e Segurança do Paciente

As oportunidades destinam-se aos acadêmicos de enfermagem regularmente matriculados Fotos(Ascom/HUT)

Iniciativa conjunta do Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) e do Núcleo de Estomaterapia (NEST), do Hospital de Urgência de Teresina (HUT), o projeto de extensão abre oito vagas para atividade voluntária de acadêmicos de enfermagem.

O projeto de extensão em Estomaterapia, qualidade e segurança do paciente visa proporcionar aos acadêmicos a vivência no dia a dia e fomentar nos futuros profissionais a atuação na área, servindo também como campo de pesquisa.

As oportunidades destinam-se aos acadêmicos de enfermagem regularmente matriculados, com disponibilidade no turno da manhã de 10 horas semanais para dedicarem-se às atividades e preencherem os demais requisitos disponíveis no edital de abertura: https://abre.ai/editalextensaohut.

Os interessados devem efetuar a inscrição no período de 27 de maio a 15 de junho, por meio de formulário eletrônico: https://abre.ai/inscricaoextensaohut

Para Lenier Braga, coordenadora do Núcleo de Segurança do Paciente, esse projeto nasceu exitoso no semestre passado, a presença dos extensionistas no HUT aperfeiçoou os processos, fundamental para oferece menor risco a pacientes e melhoria nos serviços prestados, destaca a enfermeira.

A participação se dará de forma voluntária, não havendo concessão de bolsas e os acadêmicos selecionados receberão certificação de 240 horas por ciclo de aprendizagem. Outras informações podem ser obtidas pelo e-mail: nsp.hut18@gmail.com

Referência em traumatologia na assistência 100% SUS de alta e média complexidade o HUT disponibiliza 375 leitos entre enfermarias, intensivos e semi-intensivos atendendo cerca de 160 usuários por dia.

UBS Poty Velho organiza ensaio fotográfico para gestantes atendidas na unidade

Grávidas da UBS do Poty Velho participarão de um ensaio fotográfico Foto(Ascom/FMS)

Amanhã, 28, a partir das 8 horas, grávidas que participaram do 15º Curso de Gestante da Unidade Básica de Saúde Poty Velho participarão de um ensaio fotográfico, por meio das lentes de Thiago Crispim e João Magalhães. O evento acontece na praça próxima ao local e na UBS.

A UBS Poty Velho promove cursos sobre cuidados na gravidez e pós-parto duas vezes ao ano e aborda vários tópicos de interesse das gestantes, como seus direitos e deveres, importância do pré-natal, planejamento reprodutivo, amamentação, saúde bucal e cuidados com os bebês. As grávidas podem ainda conversar com uma doula, que dá orientações sobre o trabalho de parto e a importância dos exercícios antes e depois de dar à luz, e participam de uma roda de cantigas de ninar. Elas também tem a oportunidade de visitar a maternidade que é a referência ao entrarem em trabalho de parto.

“Para o ensaio fotográfico, vamos dar prioridade para aquelas que estão no último trimestre realizarem as fotos, porque a barriga está mais evidente, e as outras vão participar no próximo semestre”, explica Edna Albuquerque, enfermeira saúde da família.

Pré-natal

A UBS Poty Velho segue o protocolo de acompanhamento das gestantes, de acordo com sua classificação de risco: o pré-natal nos casos de baixo e médio risco é feito exclusivamente na unidade, com médico e enfermeiro, enquanto os casos de alto risco são acompanhados pela UBS em parceria com a Maternidade Evangelina Rosa.

Quando a mulher suspeita da gravidez basta procurar a equipe Estratégia Saúde da Família, que vai solicitar os exames e fazer os encaminhamentos necessários, em um trabalho integrado entre médico, enfermeiro e odontólogo. “Se ela já traz o comprovante de que está grávida, a gente encaminha para o dentista, passa o ácido fólico e encaminha para a sala de vacina”, explica Edna.

UPA Promorar implementa projeto para aprimorar atendimento

O projeto Lean ajuda os profissionais em questões, desde a gestão até o atendimento Foto(Ascom/FMS)

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Promorar promoveu, na manhã de hoje (25), sua reunião de avaliação da implantação do projeto Lean, que está em andamento na unidade. Trata-se de uma metodologia que tem por objetivo aprimorar o fluxo de cuidados com os pacientes e organizar a rede de assistência, aumentando a eficiência das equipes.

O projeto Lean ajuda os profissionais em questões, desde a gestão até o atendimento, formas de abordar o paciente, como diminuir filas e como gerir um hospital ou uma UPA em geral. Durante a reunião, os gestores da UPA Promorar apresentaram dados de atendimento, manejo de recursos humanos e logística para diagnosticar os problemas atuais e sugerir soluções baseadas nas ferramentas do projeto.

“Nosso objetivo é aprimorar o atendimento juntamente aos profissionais, fazendo-os pensarem em equipe e chegarem a uma forma de promover um andamento melhor”, explica Gilberto Albuquerque, presidente da Fundação Municipal de Saúde. Ele garante que a gestão da FMS como um todo está presente para acompanhar as dificuldades e buscar as soluções dos problemas encontrados.

O projeto Lean nas UPAs é uma iniciativa do Ministério da Saúde conduzido pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Na rede de Teresina, ele já foi implementado no Hospital de Urgência de Teresina (HUT), em sua primeira etapa – chamada Lean nas Emergências – e agora segue em desenvolvimento nas três UPAs do município.

“Esperamos que a população possa perceber as melhorias que estamos trazendo, pois teremos bons resultados no atendimento de urgência e emergência muito em breve”, garante Gilberto Albuquerque.

FMS treina profissionais das Unidades Básicas para expandir Programa de Combate ao Tabagismo

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina, por meio da Diretoria de Atenção Básica (DAB), visa expandir o Programa Municipal de Combate ao Tabagismo, que já existe na unidade hospitalar do Parque Piauí. Amanhã, 26, a partir das 10 horas, as Equipes de Saúde da Família da Unidade Básica de Saúde do Monte Verde começarão treinamento.

“Na ocasião, também participarão apoiadores de todas as regionais de saúde, por que nosso intuito é expandir o Programa de Controle do Tabagismo para todas as regiões da cidade”, explica Gardene Lacerda, coordenadora da regional Centro/Norte de Saúde.

O tabagismo é uma doença crônica e epidêmica que causa dependência física, comportamental e psicológica. Em Teresina, a população que deseja parar de fumar tem acesso gratuitamente ao Programa de Combate ao Tabagismo, que atualmente é realizado pelo setor de Serviço Social do Hospital Municipal da Criança, que fica no bairro Parque Piauí e conta com uma equipe multidisciplinar.

“O tratamento, que dura cerca de um ano, concilia terapia em grupo e uso de medicamentos”, explica Alba Valéria Batista, coordenadora do programa na unidade hospitalar do Parque Piauí.

Ao iniciar o tratamento serão realizados quatro encontros semanais no primeiro mês com objetivo de promover a cessação do tabagismo. Em seguida são realizados dois encontros quinzenais e dez mensais, com objetivo de prevenir recaídas ou tratá-las caso aconteçam para que os pacientes se mantenham sem fumar.

Atualmente, cerca de 1 bilhão de pessoas em todo o planeta são fumantes. Uma em cada dez mortes de adultos está relacionada ao tabaco. Somente no Brasil, morrem cerca de 200 mil pessoas por ano por doenças relacionadas ao tabagismo. “O tabagismo é um grave problema de saúde pública. A nicotina do tabaco causa dependência química similar à dependência de drogas como cocaína e é um fator que causa quase 50 diferentes doenças incapacitantes e fatais. Os malefícios do cigarro não são apenas individuais, mas também coletivos”, afirmou Alba Valéria Batista.

FMS tem canal de WhatsApp para esclarecer dúvidas sobre a vacinação

Os teresinenses têm à sua disposição um canal de comunicação para suas perguntas sobre a vacinação na capital. Eles podem entrar em contato com o número de WhatsApp 99436-4579 (apenas mensagens) e esclarecer todas as dúvidas não apenas sobre a imunização contra a covid, como também outras campanhas e vacinas de rotina.

O objetivo do instrumento, criado pela Fundação Municipal de Saúde (FMS), é estar mais próximo da população e trazer transparência no processo de vacinação. “Este contato já era disponibilizado para dúvidas sobre a vacinação contra a covid e agora estamos estendendo para o serviço como um todo”, esclarece a coordenadora Emanuelle Dias.

O horário de atendimento é de segunda a sexta, das 8 às 17h. “Por esse número, pretendemos esclarecer dúvidas em relação ao Calendário Nacional de Imunização (vacinas de rotina) e Campanhas realizadas, assim como horários de funcionamento das salas de vacina, público-alvo, faixa etária da vacinação, componentes das vacinas, locais de imunização e sobre possíveis reações que os imunobiológicos podem desencadear”, esclarece Emanuelle Dias, ressaltando ainda que o canal de comunicação também serve para a população fazer denúncias.

Maternidades municipais lembram da importância da doação de leite humano

A maternidade do Satélite realizou palestra sobre a importância da doação com servidores de UBSs Fotos(Ascom/FMS)

Hoje, 19 de maio, é Dia Nacional e Mundial de Doação do Leite Humano. As maternidades de Teresina realizaram diversas atividades relacionadas à temática durante as primeiras semanas de maio.

A maternidade do Satélite realizou palestra com servidores da unidade e de Unidades Básicas de Saúde da região com o tema “Gotas de Amor para um Mundo Melhor: doação de leite humano”. A maternidade Wall Ferraz (Ciamca) realizou, durante as duas primeiras semanas de maio, uma campanha de arrecadação de frascos e captação de doadoras de leite  humano, com envio de brindes às doadoras, além de também promover rodas de conversas com elas.

As maternidades do município de Teresina trabalham com o incentivo ao aleitamento materno e possuem postos para coleta, que depois são enviadas para o banco de leite da Maternidade Evangelina Rosa. O leite é a primeira alimentação humana e fonte de nutrientes para as funções biológicas, sendo considerado o melhor alimento para os bebês, por ter papel muito importante na proteção imunológica contra doenças infecciosas, na adequação nutricional e no desenvolvimento afetivo e psicológico.

Dia da luta antimanicomial é celebrado com evento no Parque da Cidadania hoje (18)

A luta antimanicomial, cujo dia é celebrado hoje (18 de maio), prioriza o atendimento ao usuário de saúde mental com dignidade e estímulo à sua inserção social. Em alusão à data, os serviços de saúde mental de Teresina promovem uma atividade com participação dos usuários destes serviços e a população em geral, a partir das 16h30 no Parque da Cidadania.

Como relata a gerente de Saúde Mental da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Laryssa Carvalho, será um momento de divulgação dos serviços e atividades ao ar livre com os usuários dos dispositivos de saúde mental de Teresina – sete Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) e Residência Terapêutica. “Teremos um aulão com nossos usuários e a participação de um capoeirista em um momento de relaxamento ao som de berimbau”, conta.

O evento também terá como foco o acolhimento, direcionado à população em geral que frequenta o Parque da Cidadania. “Teremos um ‘ponto de escuta’, serviço ofertado pelos nossos profissionais para acolher as pessoas e informar sobre os serviços que existem na rede. Queremos assim desconstruir a ideia do modelo psiquiátrico de internação e a mentalidade de que tratar de problemas mentais é loucura”, comenta a gerente.

O movimento da Luta Antimanicomial foi estabelecido no Brasil, em 1987, com o objetivo de superar o hospital psiquiátrico, denunciando os abusos, maus-tratos e todas as irregularidades ocorridas nesses dispositivos. Esta mobilização é representada pela luta das pessoas com transtorno mental, de seus familiares e dos trabalhadores da Saúde Mental por um serviço de saúde digno que respeite as suas singularidades e lhes garanta a reinserção no convívio social.

Sendo assim, o dia 18 de maio foi escolhido para relembrar essa luta. “Apesar de sabermos que essa é uma luta diária, é importante um dia para concentrar manifestações, reflexões para fortalecimento dessa causa. Este é o grande objetivo do evento de hoje”, conclui Laryssa Carvalho.

A FMS mantém diversos serviços de saúde mental para a população de Teresina. Os endereços seguem abaixo:
 
Centro de Atenção Psicossocial Álcool e outras Drogas-CAPS AD
Endereço: Rua Quintino Bocaiúva,2978 – Bairro Macaúba-Teresina/PI CEP 64016-060.
Fone: 3215-7762

CAPS Infantil – CAPSi
Centro de Atenção Psicossocial Infantil
Endereço: Rua Coronel Cezar,1566. Bairro: Morada do Sol-Teresina/PI CEP 64055-645
Fone: (86) 3223-9661

CAPS Tipo II- Sul
Endereço: Av. Barão de Gurguéia ,2913. Bairro Pio XII-Teresina/PI CEP 64018500
Telefone: (86) 3218-4865

CAPS Tipo II-Leste
Endereço: Rua Visconde da Parnaíba, 2435. Bairro Horto Florestal-Teresina/PI CEP 64049570.
Telefone: (86) 3216-3967

CAPS Tipo II-Sudeste
Endereço: Rua Poncion Caldas, Bairro Colorado – Loteamento Parque do Sol – Renascença (ao lado da U.B.S Redonda)
Telefone: (86) 3236-8747

CAPS Tipo II-Centro/Norte
Endereço: Rua Presidente Lincoln, 4727, Bairro São Joaquim
Telefone: (86) 3213-2080

CAPS Tipo III-Sul
Endereço: Rua Costa Rica, 466. Bairro Três Andares- Teresina/PI CEP 64016380
Telefone: (86) 3221-6422 / 3221-0092
Todos os CAPS atendem das 8h às 11h30, das 14h às 17h, de segunda a sexta-feira.

SERVIÇO RESIDENCIAL TERAPÊUTICO TIPO II
Endereço: Rua Climério Bento Gonçalves,705, Bairro São Pedro – Zona Sul –Teresina/PI CEP 64019400
Telefone: (86) 32221-4472
Atendimento com moradia para pessoas com transtorno mental e sem assistência familiar.

AMBULATÓRIO PROVIDA
Endereço: Rua Álvaro Mendes,1557, Centro- Teresina/PI CEP 64000-060
Funcionamento das 8h às 12h e das 14h às 18h, de segunda a sexta-feira.
Primeiro atendimento por demanda espontânea e os demais com agendamento.

Atenção Básica de Teresina é premiada em  primeiro lugar durante  Seminário Estadual do SUS

A Atenção Básica de Teresina tira primeiro lugar em ações exitosas durante o 7° Seminário Estadual de Estratégias de Fortalecimento do SUS/2022, realizado pelo COSEMS. Técnicos da Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina apresentaram 18 trabalhos e  destes, dois deles ganharam premiações:  Informação em Saúde: Estratégia de Gestão em Teresina-PI,  e   Cuidado Ampliado à Saúde do Homem na APS de Teresina.

Os trabalhos premiados irão ser apresentados no evento nacional do CONASEMS.

“Estamos felizes e satisfeitos com esse destaque para a saúde de Teresina. Que venham mais conquistas”, diz Nádia Spíndola, diretora de Atenção Básica da Fundação Municipal de Saúde (FMS).

Teresina tem três pontos drive thru para vacinação contra covid-19 neste sábado (14)

Hoje (13), às 18h, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) abre novo agendamento para a vacina contra a covid-19 Foto(Ascom/FMS)

Teresina está mobilizada no cumprimento das campanhas de vacinação contra a covid-19, gripe e sarampo, que estão sendo realizadas simultaneamente pelo Ministério da Saúde. Neste sábado (14), três postos drive thru estarão abertos para vacinação contra a covid-19, e durante a próxima semana, todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS), sete pontos de drive thru e salas de agendamento estarão imunizando a população contra as três doenças, organizados de acordo com os diferentes públicos e etapas.

Hoje (13), às 18h, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) abre novo agendamento para a vacina contra a covid-19. As vagas desta vez contemplam segunda e terceira dose (primeiro reforço) para pessoas de 18 anos e mais. Para marcar, basta acessar o site http://vacinaja.fms.pmt.pi.gov.br/ .

Amanhã (14), a capital conta com três pontos de vacinação drive thru, nos terminais Parque Piauí, Itararé e Buenos Aires. Nestes locais, serão aplicadas 1ª e 2ª dose (para pessoas de 12 anos e mais), 3ª dose (1º reforço) para pessoas de 18 anos e mais e também a 4ª dose (2º reforço) para pessoas de 40 anos e mais e trabalhadores da saúde. Esses locais estarão abertos das 9h às 17h.

A vacinação drive thru tem continuidade durante a semana, com redução gradativa da idade com direito à 4ª dose da vacina contra a covid-19. Os locais serão o CEU Norte e os terminais do Parque Piauí, Zoobotânico, Itararé, Livramento, Buenos Aires e Bela Vista. Além dos grupos prioritários para 1ª, 2ª e 3ª dose, a partir de segunda-feira (16), passam a ter direito à 4ª dose a população em geral de 30 anos e mais. Por fim, na quinta-feira (19), a idade será ampliada para 18 anos e mais. “Lembramos que é preciso respeitar o intervalo mínimo de quatro meses da 3ª dose antes de tomar a quarta”, ressalta Emanuelle Dias, coordenadora da Campanha de Vacinação em Teresina.

A vacinação infantil contra a covid-19 segue sendo realizada nas UBS Buenos Aires, Parque Brasil, Saci, Monte Castelo, Irmã Dulce, Cidade Jardim, Satélite, Alto da Ressurreição e Parque Poti. Nestes locais, serão recebidas todas as crianças, de 5 a 11 anos, que precisam tomar primeira ou segunda dose, sem necessidade de agendamento.

As demais UBS receberão os grupos prioritários da vacina da gripe: Crianças de seis meses a menores de cinco anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias), trabalhador da saúde, gestantes, puérperas, professores, idosos, pessoas com deficiência permanente e caminhoneiros. Nestes mesmos locais, está sendo feita a vacina contra o sarampo, que é voltada para crianças de seis meses a menores de cinco anos (independentemente da situação vacinal) e trabalhadores da saúde (neste caso, em caráter de atualização da caderneta).

Para receber a vacina é necessário apresentar um documento de identificação com foto, CPF ou cartão do SUS e o cartão de vacina. Os professores devem ainda apresentar um contracheque atual ou documento que comprove a atividade laboral (últimos três meses), expedido pela instituição onde o trabalhador atua, no município de Teresina. Pessoas com comorbidades e deficiência permanente devem apresentar um laudo ou declaração que comprove a comorbidade, com assinatura e carimbo do profissional de saúde.

Programação – Vacinas Covid-19, gripe e sarampo

Agendamento – Covid-19
13.05.2022 às 18h

2ª dose – 18 anos e mais
3ª dose (1º reforço) – 18 anos e mais

Drive Thru – Covid-19

14.05.22 (sábado)
Locais: Terminal Parque Piauí, Terminal Itararé, Terminal Buenos Aires

– 1ª dose – 12 anos e mais
– 2ª dose – 12 anos e mais
– 3ª dose (1º Reforço) – 18 anos e mais
– 4ª dose (2º Reforço) – 40 anos e mais, trabalhadores da saúde

16 a 18.05.22 (segunda a quarta)
Locais: Terminal Parque Piauí, Terminal Zoobotânico, CEU Norte, Terminal Itararé, Terminal Livramento, Terminal Buenos Aires, Terminal Bela Vista

– 1ª dose – 12 anos e mais
– 2ª dose – 12 anos e mais
– 3ª dose (1º Reforço) – 18 anos e mais
– 4ª dose (2º Reforço) – 30 anos e mais, trabalhadores da saúde

19 e 20.05.2022 (quinta e sexta)
Locais: Terminal Parque Piauí, Terminal Zoobotânico, CEU Norte, Terminal Itararé, Terminal Livramento, Terminal Buenos Aires, Terminal Bela Vista

– 1ª dose – 12 anos e mais
– 2ª dose – 12 anos e mais
– 3ª dose (1º Reforço) – 18 anos e mais
– 4ª dose (2º Reforço) – 18 anos e mais, trabalhadores da saúde

UBS – Covid-19

16 a 20.05.2022 (segunda a sexta)
Locais: UBS Buenos Aires, UBS Parque Brasil, UBS Saci, UBS Monte Castelo, UBS Irmã Dulce, UBS Cidade Jardim, UBS Satélite, UBS Alto da Ressurreição, UBS Parque Poti

– 1ª e 2ª dose – Crianças de 5 a 11 anos (livre demanda)

Demais UBS – Gripe e sarampo

– Crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias) (gripe e sarampo)
– Trabalhador da Saúde (gripe e atualização de sarampo se necessário)
– Gestantes (apenas gripe)
– Puérperas (apenas gripe)
– Professores (apenas gripe)
– Idosos (60 anos e mais) (apenas gripe)
– Pessoas com deficiência permanente (apenas gripe)
– Caminhoneiros (apenas gripe)