Prefeitura inicia essa semana asfaltamento da estrada das Sete Ladeiras

A Prefeitura de Teresina inicia ainda esta semana a obra de asfaltamento de 1,6 km da estrada que liga a comunidade Sete Ladeiras até a Taboca do Pau Ferrado. A ordem de serviço para o início dos trabalhos foi assinada na manhã desta segunda-feira (09) pelo prefeito Firmino Filho e pela secretária de Desenvolvimento Rural, Maria Vilani Silva. Serão investidos cerca de R$ 1,1milhão, recursos próprios do município.

“Mais de três mil moradores serão beneficiados com essa obra, que vai melhorar muito a mobilidade urbana e a qualidade de vida das comunidades próximas. Esse era um compromisso que assumimos com essas famílias e hoje estamos dando início a esse processo. Esperamos poder inaugurar essa estrada ainda este ano”, disse o prefeito.

A superintendente da SDR, órgão responsável pela obra, Maria Vilani Silva, informa que o projeto para o asfaltamento foi elaborado durante a pandemia. “Esse era um sonho antigo dos moradores. Elaboramos o projeto no primeiro semestre, concluímos a licitação e hoje estamos assinando a ordem de serviço. Priorizamos essas obras pois sabemos da importância delas para essas comunidades”, disse a gestora.

Ela destaca ainda que outras regiões da zona rural também estão sendo beneficiadas com pavimentação asfáltica, como a comunidade Centro dos Afonsinhos. “Estamos asfaltando em quase 6 km a estrada que liga o Rodoanel à localidade. O orçamento é de R$ 3,3 milhões e tem recursos assegurados por meio de empréstimo junto à Caixa Econômica Federal”, disse.

Prefeitura vai asfaltar trecho da estrada das Sete Ladeiras até a Taboca do Pau Ferrado

Mais de três mil moradores da zona rural de Teresina serão beneficiados com a pavimentação asfáltica de 1,6 km da estrada que liga a comunidade Sete Ladeiras até a Taboca do Pau Ferrado. A ordem de serviço para início da obra será assinada nesta segunda-feira (09) pelo prefeito Firmino Filho.

Na obra, a Prefeitura vai realizar investimento na ordem de R$ 1,1 milhão com recursos próprios do município. “A entrega dessa estrada levará mais mobilidade para os moradores, além de qualidade de vida”, ressalta a superintendente de Desenvolvimento Rural (SDR), Maria Vilani, explicando que a empresa escolhida através de licitação para executar a obra terá até 150 dias para realizar o serviço.

Ela destaca que outras regiões da zona rural também estão sendo beneficiadas com pavimentação asfáltica, como a comunidade rural Centro dos Afonsinhos. A Prefeitura está fazendo o asfaltamento em quase 6 km da estrada que liga o Rodoanel à localidade. A obra está orçada em R$ 3,3 milhões e tem recursos assegurados por meio de empréstimo junto à Caixa Econômica Federal.

Defesa Civil leva palestra abordando controle e combate às queimadas ao povoado Chapadinha Sul

A Defesa Civil Municipal de Teresina realizou nesta terça-feira (20)encontro educacional junto à população do assentamento 17 de Abril, localizado no povoado Chapadinha Sul. Durante a ação, articulada em parceria com o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) Sul II, Superintendência de Desenvolvimento Rural (SDR), Guarda Municipal e a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), foi abordado o uso do fogo e o controle e combate às queimadas.

“A Defesa Civil, através de seus agentes, tem ministrado palestras nas comunidades, principalmente na zona rural, onde estamos levando uma conscientização a respeito do uso do fogo e a prevenção das queimadas”, explica o coordenador, Tenente Antônio Linhares. “Tentamos conscientizar as pessoas através da palestra para que evitem estar ateando fogo em lixo e vegetação, principalmente nesse período, quando a temperatura está muito elevada, a umidade do ar baixa e a vegetação muito seca”.

O momento contou com um público de 56 pessoas e foi sediado pelo espaço a céu aberto da Unidade Escolar Lucas Meireles Alves. O uso da máscara se fez obrigatório por todos os presentes, em prevenção ao contágio do Covid-19.

“Orientamos que deixem para queimar roça, que é uma agricultura de subsistência que culturalmente já se faz há muito tempo aqui na nossa região, após as primeiras chuvas e de maneira controlada. Já fizemos várias ações como essa nas comunidades e continuaremos até o final do período de estiagem”, pontua Linhares.

A população pode entrar em contato com a Defesa Civil gratuitamente através do telefone 153 ou através de oficio encaminhado à sua sede, localizada no prédio da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi).

 

SDR distribui sementes a 1.500 horticultores de Teresina

Renato Bezerra

Os horticultores de Teresina estão recebendo durante esta semana sementes que serão usadas para reforçar a produção e comercialização dos ítens de horticultura em toda a cidade. A iniciativa da Superintendência de Desenvolvimento Rural (SDR) vai contemplar 1.500 horticultores, distribuídos em cerca de 40 hortas comunitárias da capital.

Serão distribuídas sementes de coentro, quiabo, alface, rúcula, cenoura, beterraba, tomate, salsa, couve e pimentão. A superintendente de Desenvolvimento Rural, Maria Vilani, informa que a iniciativa é uma maneira de incentivar a produção e ajudar os horticultores neste momento de crise ocasionada pela pandemia do novo coronavírus. “Eles também estão sofrendo com esse momento, com a falta de recurso para adquirir sementes e insumos, e essa é uma forma de ajudá-los a manter a produção ativa”, afirmou.

A distribuição teve início nesta segunda-feira (13), pela zona leste da cidade, e segue um cronograma que contempla todas as regiões de Teresina. Até sexta-feira, os horticultores de hortas comunirárias localizadas nas quatro zonas da capital estarão com suas sementes para iniciar a produção de hortifrutis.

Neste período, a superintendente afirma que essa atividade também precisou se reinventar e alguns horticultores, para não parar de vender, aderiram a modalidades como delivery e drive thru, com a comercialização acontecendo na própria comunidade.

Renato Bezerra

Drive Thru de produtos agroecológicos acontece nesta terça (07) na Ponte Estaiada

 

As Feiras Agroecológicas que aconteciam quinzenalmente na Praça Rio Branco, no Centro de Teresina, e na UFPI, no espaço Rosa dos Ventos, foram suspensas em decorrência da crise causada pelo novo coronavírus. Mas, para que a população que consome esses produtos não seja prejudicada, os agricultores de dois assentamentos de Teresina que fazem parte da Feira farão a entrega dos produtos em um drive thru na Ponte Estaiada, amanhã, de 9h às 11h.

Os alimentos agroecológicos estão sendo vendidos pelo WhatsApp e, amanhã, será realizada a entrega dos produtos. “Nestes dias de desafios para todos nós, temos que procurar alternativas para que a nossa vida possa continuar acontecendo dentro da normalidade, mas de forma segura. Portanto, a entrega destes produtos será feira dentro de uma logística que garantirá segurança tanto para os agricultores, como para as pessoas que irão receber as cestas. A encomenda dos produtos é feita por telefone, o pagamento é feito por transferência bancária e a entrega será feita amanhã na Ponte Estaiada”, explica Maria Vilani da Silva, superintendente de Desenvolvimento Rural de Teresina.

No drive thru de amanhã serão entregues os alimentos que foram encomendados nas comunidades Ave Verde e assentamento Vale da Esperança. “A ideia é que o projeto continue e contemple as cinco comunidades que fazem parte das Feiras Agroecológicas”, destaca a superintendente.

Os produtos da Feira Agroecológica são cultivados em hortas e campos agrícolas das comunidades da Serra do Gavião, Ave Verde, Vale da Esperança, Alegria, Soinho, Assentamento 17 de Abril, Camboa I e Camboa II. Todos são mantidos pela Prefeitura de Teresina, através da SDR, e recebem todo o apoio nas áreas de técnicas agrícolas e agronomia, e assistência social e comunitária.

A feira de base agroecológica é uma das ações desenvolvidas pela Superintendência de Desenvolvimento Rural, através da Comissão Municipal de Agroecologia e Produção Orgânica (CMAPO), que conta com participação e apoio de diversos parceiros, dentre eles: UFPI, Ministério da Agricultura, Governo do Estado, Semcaspi, Incra, e entidades e organizações comunitárias.

As feiras quinzenais acontecem em dois locais alternados: na Praça Rio Branco, no centro de Teresina, e na UFPI, no espaço Rosa dos Ventos, próximo à Biblioteca Central, sempre às sextas-feiras, das 8h às 14h. Além de oportunizar a comercialização dos produtos orgânicos das hortas e campos agrícolas de Teresina, que se encontram em processo de transição para agroecologia, também compreende atividades informativas, como rodas de conversas, e atividades culturais, como apresentações musicais.

Zona rural de Teresina é contemplada com a implantação de academias populares

Renato Bezerra

“Estamos muito felizes com esta realização para a nossa comunidade, que poderá cuidar melhor da saúde”, comemorou a técnica em enfermagem Constância Brandão, moradora do Povoado Morro do Papagaio, zona rural de Teresina. A localidade recebeu a implantação de academia popular visitada neste sábado (29) pelo prefeito de Teresina, Firmino Filho, acompanhado do deputado federal Júlio Arcoverde e do vereador Aluísio Sampaio, que destinou emenda parlamentar para a instalação.

“A Prefeitura de Teresina quer cada vez mais possibilitar espaços e ações que garantam à população uma forma de promover a qualidade de vida e bem-estar. A academia atende esta demanda da zona rural, que também tem o nosso olhar. Queremos proporcionar a eles esta garantia com o espaço de convivência e de cuidados com a saúde”, comenta o prefeito.

Em Teresina já são 83 unidades em todas as zonas da cidade. Até o final do ano, a meta é chegar a 200 academias. “Na zona rural já implantamos 16 e já estamos com 10 sendo licitadas para atender ainda mais áreas que estão nos solicitando”, explica Maria Vilani, superintendente de Desenvolvimento Rural.

O vereador Aluísio Sampaio destaca que a academia “será ponto de encontro integrando todas as idades em busca de uma melhor qualidade de vida através da prática da atividade física”. Para quem vai usar o espaço fica o agradecimento. “Estamos realmente felizes. Temos muito o que agradecer com a presença desta academia em nossa comunidade. Os que moram aqui, especialmente os mais velhos, terão a oportunidade de estar em movimento e cuidar da saúde do corpo. Só o que agradecer mesmo”, pontua Constância Brandão.

Durante à visita na zona rural, na região da Santa Teresa e Santa Rita, a comitiva esteve ainda em ruas que receberam pavimentação da Prefeitura de Teresina e ouviu outras reivindicações dos moradores. “ Esta visita nos possibilita acompanhar o que já conseguimos realizar e também conversar com a população para ouvir as suas necessidades para melhorarmos ainda mais a vida dos teresinenses”, finaliza Firmino.

Prefeito entrega revitalização do Campo Agrícola do Assentamento Alegria

O prefeito Firmino Filho participou na manhã desta quarta-feira (05) da solenidade de entrega da revitalização do Campo Agrícola do Assentamento Alegria, zona rural sul, e de 10 triciclos para as comunidades que estão em processo de transição agroecológica.

O Assentamento Alegria tem cerca de 40 famílias e faz parte do projeto de transição agroecológica de Teresina juntamente com as comunidades Camboa I e II, Soim I, Serra do Gavião, Assentamento Vale da Esperança, Comunidade Ave Verde, Assentamento 17 de abril e Cerâmica Cil, fazendo parte da Comissão Municipal de Agroecologia e Produção Orgânica de Teresina (CMAPO).

De acordo com Firmino, a entrega da revitalização do Assentamento mostra o respeito que a Prefeitura de Teresina tem com o trabalho do homem do campo. “Essa comunidade recebe hoje um campo agrícola irrigado e revitalizado com uma área total de 11 hectares. As comunidades também serão beneficiadas com capacitações em manejo agroecológico das culturas e em higienização e sanitização de hortaliças, ações que serão possíveis graças a uma parceria com a Fundação Banco do Brasil, contemplando diretamente cerca de 270 famílias agricultoras. Nosso compromisso é alavancar cada vez mais a produção agroecológica no nosso município”, disse o prefeito.

A superintendente de desenvolvimento rural do município, Maria Vilani Silva, falou sobre a entrega dos 10 triciclos. “Esses veículos vão transportar a produção dessas famílias para as escolas, onde esses alimentos vão virar merenda escolar. Vamos continuar trabalhando para dar ao homem do campo cada vez mais melhores condições de trabalho”.

A líder comunitária da Comunidade Soim, Rosa Gomes, que na solenidade representava as famílias beneficiadas, agradeceu a Prefeitura pelo investimento. “Estamos muito gratos por essas entregas de hoje. Desse campo agrícola tiramos nosso sustento e de nossas famílias e é muito importante para nós perceber a presença forte e atuante desses gestores buscando melhores condições de trabalho e de vida para a gente”, disse.

 

Firmino faz entrega de triciclos para comunidades em processo de transição agroecológica

O prefeito Firmino Filho realiza amanhã (05) a entrega da revitalização do Campo Agrícola do Assentamento Alegria e de 10 triciclos para as comunidades que estão em processo de transição agroecológica e que fazem parte do Projeto de Apoio ao Desenvolvimento da Agricultura Agroecológica e Produção Orgânica de Hortaliças. A solenidade acontece às 10h30, no Campo Agrícola Assentamento Alegria, na zona Sul da cidade.

Com a aquisição dos triciclos, os produtores das 10 comunidades atendidas pelo Projeto terão mais autonomia com a logística de entrega e distribuição da sua produção. “Esses triciclos estão sendo entregues para os produtores das comunidades que estão em processo de transição agroecológica. Os produtos cultivados nas hortas comunitárias de Teresina são fornecidos ao Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). E com os triciclos, a distribuição dos gêneros alimentícios da merenda escolar será facilitada e agilizada”, explica Maria Vilani da Silva, superintendente de Desenvolvimento Rural.

Por meio do Projeto do Apoio ao Desenvolvimento da Agricultura Agroecológica e Produção Orgânica de Hortaliças, a Prefeitura de Teresina, por meio da Superintendência de Desenvolvimento Rural (SDR), através de convênio com a Fundação Banco do Brasil (FBB), deverá ainda executar obras de estruturação e aquisição de equipamentos para facilitar e expandir a produção nas hortas, bem como implantar unidades de sanitização, capacitação de agricultores em cursos de manejo agroecológico e de higienização e sanitização das hortaliças.

Comunidades rurais de Teresina ganham pavimentação asfáltica

Renato Bezerra

As comunidades da zona rural sudeste de Teresina ganharam a pavimentação asfáltica da rodovia TER-450. A via liga a Estaca Zero/Lagoinha à Taboca do Pau Ferrado, até o entroncamento da BR-343 e vai beneficiar mais de 3 mil pessoas. A Prefeitura de Teresina, através da Superintendência de Desenvolvimento Rural, inaugurou a pavimentação da rodovia neste sábado (01).

O prefeito Firmino Filho afirma que esta é uma obra significativa para os moradores da região. “Essa é uma obra que traz melhorias e qualidade de vida para as comunidades rurais beneficiadas pelos mais de 4 km de pavimentação asfáltica que foram entregues neste sábado. É uma forma de a Prefeitura estar presente na comunidade e temos certeza de que, até o final do ano, muitas obras importantes serão entregues para a nossa população”, garantiu.

A moradora da região, Maria Aparecida Frota, conta que esse era um desejo antigo dos moradores da comunidade e afirma que eles já sentem as melhorias trazidas pelo asfaltamento. “Antes nós sofríamos muito, no inverno era lama e no verão era poeira. A situação era difícil. Agora nós estamos no conforto, foi um ganho muito importante para a nossa comunidade” afirmou.

A via, que antes possuía uma pavimentação primária, ganhou 4,6 km de pavimentação asfáltica, obra que teve investimento de R$ 1.915.258. “Essa rodovia é de grande importância para a mobilidade urbana daquela região, famílias se deslocam todos os dias para a zona urbana de Teresina. São pessoas que trabalham e estudam na capital e que usam a TER 450 para se deslocar”, disse o superintendente executivo da SDR, Francisco Duarte.

Prefeitura inaugura pavimentação asfáltica de rodovia da zona rural

A Prefeitura de Teresina, através da Superintendência de Desenvolvimento Rural, inaugura neste sábado (31) a pavimentação da rodovia TER-450. A via liga a Estaca Zero/Lagoinha à Taboca do Pau Ferrado, até o entroncamento da BR-343.

A rodovia, que antes possuía uma pavimentação primária, ganhou 4,6 km de pavimentação asfáltica, beneficiando cerca de 3 mil pessoas que moram nas comunidades da região. Foram investidos R$ 1.915.258.

“Essa rodovia é de grande importância para a mobilidade daquela região, famílias se deslocam todos os dias para a zona urbana de Teresina. São pessoas que trabalham e estudam na capital e que usam a TER 450 para se deslocar”, disse o superintendente executivo da SDR, Francisco Duarte.