SDU Leste fiscaliza ocupação de espaços públicos que descumprem decreto municipal

Ascom/Sdu Leste

A Gerência de Controle e Fiscalização da Superintendência de Desenvolvimento Urbano (SDU) Leste está atuando na fiscalização de empreendimentos e obras irregulares na região. Bancas para a comercialização de produtos e alimentos que ocupam espaços públicos de forma inapropriada, além de estabelecimentos que desobedecem ao decreto do prefeito Firmino Filho também foram notificadas pela Gerência.

A ação tem o intuito de regularizar os proprietários e empreendedores de acordo com as leis municipais, como o Código de Postura do Município, Código de Obra e do uso de ocupação do solo.

De acordo com o chefe da Divisão da Gerência, Alberto Pádua, as ações sempre acontecem para regulamentar obras e empreendimentos, bem como desocupar os passeios e espaços públicos. “Nós estamos dando encaminhamento às demandas que chegam para nós em forma de denúncia e, paralelo a isso, agindo de forma rotineira como a Gerência atua diariamente. Nosso maior objetivo é fazer com que os proprietários regularizem seus imóveis, bem como os empreendedores regularizem seus estabelecimentos”, ressaltou.

A ação da SDU Leste também ocorre em parceria com a Guarda Civil Municipal de Teresina (GCM), fiscalizando estabelecimentos não essenciais para os cidadãos que estejam em funcionamento.

“Nós estamos também auxiliando na fiscalização de lojas, bares, restaurantes, dentre outros, para que possam estar fechados e evitar, assim, a aglomeração de pessoas. Estamos passando por um momento difícil, com a pandemia do novo coronavírus, e a melhor forma de evitar um maior contágio é por meio do isolamento social. Por isso, nossos fiscais estão percorrendo os bairros da zona Leste, verificando os estabelecimentos que se encontram abertos para que possam obedecer ao decreto municipal”, completou Alberto Pádua.

O Superintendente João Pádua parabenizou a atuação dos fiscais da Gerência de Controle e Fiscalização e ressaltou a importância de obedecer a legislação. “Os fiscais atuam no sentido de evitar maiores irregularidades em na região Leste. Além disso, a parceria com a Guarda Civil Municipal resulta em relevantes trabalhos para evitar a aglomeração de pessoas nas ruas. Precisamos respeitar o período da quarentena e minimizar os transtornos causados pela COVID-19”, destacou.

As ações de fiscalização terão continuidade nesta quinta-feira (26), ainda em parceria com a Guarda Civil Municipal de Teresina.

SDU Leste promove limpeza de sete bairros nesta quarta-feira (25)

Promover ações de zeladoria nas vias públicas, além da manutenção e zelo nas grandes áreas verdes da cidade, está entre as preocupações centrais da Prefeitura, com o objetivo de proporcionar maior qualidade de vida à população. Pensando nisso, a Superintendência de Desenvolvimento Urbano Leste está limpando nesta quarta-feira (25) sete bairros da zona Leste de Teresina.

A ação é feita pela equipe de limpeza da Gerência de Serviços Urbanos do órgão e atua de forma programada, a fim de contemplar todos os bairros da região. No momento, os bairros Ininga, Horto, Fátima, Planalto Ininga, Pedra Mole, Santa Isabel e São Cristóvão estão recebendo os serviços de limpeza.

Dentre os serviços executados pela equipe estão capina, limpeza, varrição, cuidados com as plantas, podas de árvores, pintura do meio fio e o transbordo do material recolhido.

As avenidas Raul Lopes, Dom Severino, João XXIII, Pires Gaioso e Presidente Kennedy, além das ruas Antônio Ubiratan de Carvalho, José Sinimbu, José Luiz Cortez e Alaíde Marques, estão sendo contemplados com as ações de zeladoria. As áreas verdes e públicas da Rua Dirce de Oliveira e da Jornalista Dondon recebem serviços de podas e a atuação do trator roçadeira. A alça da Ponte Estaiada também está sendo limpa pela SDU Leste.

O gerente de Serviços Urbanos, Renato Lopes ressalta que os trabalhos são feitos por etapas para garantir a manutenção de todos os espaços públicos da região. “A gerência de limpeza destina também frentes de trabalho para realizarem a manutenção de viveiros, serviços de poda de árvores e também o processo de transplantio em alguns pontos considerados áreas verdes. Estamos atuando com trabalhos intensos para proporcionar uma melhor qualidade de vida para os moradores da região”, declarou.

Manter a limpeza da cidade é responsabilidade de todos e pequenas atitudes podem transformar o convívio em sociedade. Agir em parceria com órgão é um elemento crucial das frentes de trabalho. A SDU Leste também conclama o apoio do cidadão para atuarem em conjunto.

“Diariamente conscientizamos as pessoas para que elas se sintam mobilizadas a participarem conosco das limpezas nos bairros. Juntos, podemos trabalhar com ações mais direcionadas com a finalidade de manter a nossa região mais limpa. Solicitamos também o apoio da população no sentindo de fazer o acondicionamento do lixo da maneira correta e também em evitar despejar materiais em praças e no meio de ruas e avenidas. A união nestes ideais é a chave para enfrentarmos essa atual realidade com a pandemia do novo coronavírus”, destacou o superintendente João Pádua.

A Superintendência conta sempre com a colaboração da população no trabalho de conservação desses espaços. Nesse sentindo, a comunidade pode ajudar o órgão com informações ou denúncias sobre descarte incorreto de lixo domiciliar ou material sólido pelos números (86) 3215-7875 e 7874 ou pelo aplicativo Colab.

 

17 bairros da zona Leste recebem ações de limpeza nesta quinta-feira (19)

Ascom/SDU Leste

Para dar continuidade aos serviços de zeladoria da Prefeitura de Teresina, a Superintendência de Desenvolvimento Urbano Leste (SDU Leste), por meio da Gerência de Serviços Urbanos, está promovendo a limpeza de 17 bairros da região, nesta quinta-feira (19).

As frentes de trabalho destinadas pela SDU são responsáveis por executar inúmeros serviços, tais como: a manutenção de viveiros, serviços de poda de árvores, capina, varrição, aguação de plantas, processo de transplantio em pontos considerados áreas verdes, pintura do meio fio e o transbordo do material recolhido (máquina que trabalha na retirada de entulhos acumulados em ruas e avenidas).

Os bairros que estão recebendo os serviços de limpeza hoje são: Socopo, São João, Cidade Leste, Ininga, Vale Quem Tem, Geovane Prado, Vale do Gavião, Planalto Uruguai, Árvores Verdes, Orgmar Monteiro, Vila Madre Teresa, Pedra Mole, Uruguai, Porto do Centro, Fátima, Santa Isabel e São Cristóvão.

“A Gerência de Limpeza destina também frentes de trabalho para realizarem a manutenção de viveiros, serviços de poda de árvores e também o processo de transplantio em alguns pontos considerados áreas verdes. Estamos atuando com trabalhos intensos para proporcionar uma melhor qualidade de vida para os moradores da região”, afirmou o gerente de Serviços Urbanos, Renato Lopes.

União de todos, cidade limpa

A colaboração da população é fator importante para evitar o acúmulo ou descarte irregular de lixo em áreas de proteção ambiental. Agir em parceria com o órgão é um elemento crucial das frentes de trabalho.

“Além de executarmos a limpeza em vários pontos da região, também temos a preocupação de conscientizar as pessoas para que elas se sintam mobilizadas a participarem conosco das limpezas nos bairros. Juntos, podemos trabalhar com ações mais direcionadas com a finalidade de manter a nossa região mais limpa. Solicitamos também o apoio da população no sentindo de fazer o acondicionamento do lixo da maneira correta e também em evitar despejar materiais em praças e no meio de ruas e avenidas”, destacou o superintendente João Pádua.

A Superintendência conta sempre com a colaboração da população no trabalho de conservação desses espaços. Nesse sentindo, a comunidade pode ajudar o órgão com informações ou denúncias sobre descarte incorreto de lixo domiciliar ou material sólido pelos números (86) 3215-7875 e 7874 ou pelo aplicativo Colab.

Mais de R$ 120 mil serão investidos em pavimentação de rua no bairro Morros

A Superintendência de Desenvolvimento Urbano Leste (SDU Leste) continua dando prioridade aos serviços de pavimentação em paralelepípedo na região, como é o caso da Rua Dina Soares, no bairro Morros, que receberá a execução dos serviços em breve. A ação integra uma das missões do órgão municipal de levar mais dignidade aos moradores da região, por meio de melhorias estruturais e urbanas.

Com um investimento no valor de R$ 124.883,83, a pavimentação será executada graças aos recursos provenientes de Emenda Parlamentar. Os dados foram obtidos através da Gerência de Obras e Serviços (GOS) da SDU Leste.

O superintendente João Pádua afirma que a SDU tem planejado e executado ações na região com o objetivo de melhorar o fluxo de veículos e de pessoas, além de proporcionar uma melhor qualidade de vida aos moradores da região.

“Sabemos da importância que um calçamento representa para uma comunidade. Por isso, vamos continuar trabalhando para concluir as obras oriundas de recursos próprios do município, assim como de emendas parlamentares, investimentos federais e recursos do Orçamento Popular. Nosso maior objetivo é proporcionar melhores condições de mobilidade urbana para a população”, afirmou o gestor.

Para o superintendente executivo da SDU, Ângelo Cavalcante, o órgão procura atuar com frentes de trabalho. “O calçamento é a primeira obra de saneamento, principalmente porque tira a lama, afasta a poeira e melhora muito a qualidade de vida e mobilidade urbana da comunidade. Promover a pavimentação em novas ruas da zona leste, priorizando o aprimoramento da mobilidade urbana da região, é reflexo das nossas missões”, disse.

 

Permissionários do Mercado do Satélite recebem curso sobre manipulação de alimentos

Teve início na tarde da última quarta-feira (11) o curso de manipulação de alimentos para os permissionários que irão gerir os boxes de alimentação do Mercado do Satélite. A ação, uma iniciativa da Superintendência de Desenvolvimento Urbano Leste, por meio da Gerência de Serviços Urbanos e em parceria com a Fundação Wall Ferraz (FWF), iniciou ontem e se estende até sábado (14).

Os comerciantes que irão trabalhar nos boxes do mercado público estão aprendendo sobre como resfriar os alimentos, que precisam de baixas temperaturas para a efetiva conservação, e como acondicioná-los de maneira correta.

O manual de boas práticas do curso aplicado também está abordando sobre a importância das infraestruturas e instalações no interior dos boxes, a higiene e a saúde dos permissionários.

Para o gerente de Serviços Urbanos da SDU, Renato Lopes, essa é a oportunidade para que os permissionários conheçam mais sobre as boas práticas relacionadas à manutenção de alimentos. “Poder receber essas informações possibilitará a garantia da higiene dos alimentos e que todos eles sejam próprios para o consumo. Além disso, manipular os alimentos da maneira correta contribuirá para o sucesso das vendas e impulsionará o mercado”, ressaltou.

Recentemente, todos os permissionários do mercado receberam o curso “Gestão de Negócios”, que frisou a importância de gerir bem o negócio, aplicando as diretrizes corretas para atrair os clientes, bem como gerenciar o Mercado como um todo.

O Mercado foi construído para receber 27 bancas para venda de carnes, peixes e frangos; hortifruti; lanchonetes; artesanatos; confecções; consertos; temperos e frios.

 

SDU Leste investirá mais de R$ 300 mil em pavimentação de ruas do bairro Samapi

A execução dos serviços de pavimentação em paralelepípedo em ruas da zona Leste da cidade tem melhorado ainda mais a mobilidade urbana e proporcionado uma melhor qualidade de vida aos moradores que transitam por elas. Para contribuir com essas ações, a Prefeitura de Teresina, por meio da Gerência de Obras e Serviços, pavimentará trechos de quatro ruas no bairro Samapi.

A ação tem o objetivo de aprimorar o plano estrutural da região e, consequentemente, a vida dos moradores que tanto anseiam por pavimentação.

De acordo com as informações da Gerência de Obras, o investimento para as pavimentações em paralelepípedo são provenientes do Orçamento Popular e corresponde ao valor de R$ 332.646, 32. Os trechos das ruas que receberão os serviços do órgão municipal estão localizadas nas ruas Santo Expedito, Travessa São José, 05 e 06.

O superintendente da SDU Leste, João Pádua, avalia a importância desse tipo de obra para a comunidade. “Sabemos que o calçamento é primordial e provoca mudanças positivas, pois é a primeira obra de saneamento, principalmente porque tira a lama, afasta a poeira e melhora muito a qualidade de vida e mobilidade urbana da comunidade. Logo, vamos continuar trabalhando para concluir as obras oriundas de recursos próprios do município, de emendas parlamentares, investimentos federais e recursos do orçamento popular”, afirma.

“Estamos felizes com a quantidade de obras de calçamento que estão sendo executadas e entregues em toda a zona Leste. Queremos concluir as demais vias que seguem dentro da nossa programação para beneficiar a vida da população e facilitar o tráfego de veículos pelas ruas”, enfatizou o superintendente executivo e engenheiro Ângelo Cavalcante.

 

Permissionários recebem curso de Gestão de Negócios no Mercado do Satélite

Na tarde da última segunda-feira (10) a Superintendência de Desenvolvimento Urbano Leste (SDU Leste), em parceria com a Fundação Wall Ferraz, promoveu um curso de Gestão de Negócios para os 18 permissionários do Mercado Público do Satélite. A qualificação terá continuidade na tarde desta terça-feira (11), também na sede do Mercado.

O curso foi conduzido pelo palestrante José de Ribamar Sousa, que frisou a importância de gerir bem o negócio, aplicando as diretrizes corretas para atrair os clientes, bem como gerenciar o Mercado como um todo. Dinâmicas de grupos e atividades práticas também integrarão a programação do evento nesta terça.

De acordo com o gerente de Serviços Urbanos da SDU Leste, Renato Lopes, a iniciativa do órgão municipal tem o objetivo de dar as diretrizes necessárias para que os trabalhadores tenham a oportunidade de gerenciar seus boxes de forma eficiente. “Estamos muitos felizes em, juntamente com a Fundação Wall Ferraz, proporcionar esse momento de educação e aprimoramento de negócios para os permissionários. Tenho certeza que o curso levará mais segurança para empreender de forma efetiva”, destacou.

Durante o curso, os permissionários aprenderam a entender o próprio negócio, gerir o Box e aprender a ter lucros. Segundo a permissionária Maria Ivonete de Sousa “o curso foi muito produtivo. Trabalho no ramo de roupas e mercadorias em geral há 25 anos. Esse é o sustento da minha família e, com a chegada do Mercado, tudo ficará mais fácil. Estamos esperando por esse espaço público e foi muito bom aprender mais sobre como vender da forma correta”, declarou.

O Mercado foi construído para receber 27 bancas para venda de carnes, peixes e frangos; hortifruti; lanchonetes; artesanatos; confecções; consertos; temperos e frios, dentre outros itens.

Após o curso de gestão, os permissionários serão contemplados ainda com o curso de manipulação de alimentos. Neste curso, apenas os permissionários que comercializarem alimentos, receberão os conhecimentos necessários sobre manipulação (acondicionamento e resfriamento) de alimentos.