Programa Thech disponibiliza curso on-line “Organizando dados para a tomada de decisões” gratuitamente

Você está precisando otimizar o seu tempo e sentir maior segurança em suas decisões? A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDEC), através do Programa Thech, está disponibilizando o curso on-line “Organizando dados para a tomada de decisões”, gratuitamente. O curso auxiliará na organização de dados para tomada de decisões assertivas, seja nos negócios, nos estudos ou na carreira profissional.

A tomada de decisão faz parte da rotina de muitas pessoas e negócios. Para isso, é importante tomar decisões com base no planejamento estratégico e orientado a dados. O objetivo dessa metodologia é permitir que todos consigam enfrentar os desafios impostos, com escolhas mais embasadas e seguras.

“Este curso é muito estratégico para auxiliar os jovens, profissionais e empreendedores na sua jornada profissional ou no seu próprio negócio. De fato, estamos vivendo uma revolução na geração e uso de grandes fontes de informações, em que a tomada de decisões rápida e orientada a dados é essencial neste novo mercado local, nacional e global”, esclarece o coordenador do Programa Thech, José Bringel Filho.

Além do novo curso “Organizando dados para a tomada de decisões”, também está sendo disponibilizado gratuitamente o curso “Técnica para Gestão de Dados com Airtable”. O airtable é uma base de dados em planilhas que facilita a organização do fluxo de trabalho de uma equipe. É uma ferramenta de gestão que ajuda muito na vida profissional. Todos os cursos disponibilizam certificados.

Os interessados podem realizar sua inscrição, acompanhar as novidades e ações pelo site do Programa Thech, clicando AQUI ou por canais digitais como o instagram: @programathech.

Aulas na Rede Municipal de Teresina começam nesta quarta-feira (04) de forma remota

A Secretaria Municipal de Educação (Semec) já anunciou que vai retomar em agosto parte das aulas presenciais, mas esse formato não será implementado de início. A volta às aulas na Rede Municipal, marcada para esta quarta-feira (04), ainda será 100% de forma remota, com atividades transmitidas pela TV e nas plataformas online.

Somente nas semanas seguintes, grupos de alunos começam a se revezar para frequentar as escolas presencialmente. A outra metade continua em casa. De acordo com a Semec, o novo formato vai contemplar inicialmente alunos do 1º, 2º, 5º e 9º anos do Ensino Fundamental.

Durante o período que vai do início das aulas remotas até a chegada do primeiro grupo de estudantes presencialmente, as escolas passam por um processo de organização total. Os professores estarão reunidos para decidir quais adequações são necessárias de acordo com cada realidade. “Os pais também poderão visitar as unidades de ensino para conferir as intervenções e optar pelo formato de aula que os filhos participarão”, declarou o secretário municipal de Ensino da Semec, Kleytton dos Santos.

As unidades de ensino seguirão as diretrizes elaboradas pela Semec e aprovadas pelos órgãos de saúde sanitária. Além de materiais como dispensers de álcool 70%, tapetes sanitizantes e equipamentos de proteção de individual, as equipes escolares estão organizando formas de receber bem os alunos.

“Preparamos as salas de aula para que fiquem bastante arejadas, com distanciamento entre as carteiras e um pequeno número de alunos realmente na escola. Não abriremos mão da segurança, mas é imprescindível minimizar os prejuízos educacionais causados por tanto tempo fisicamente longe da escola”, finaliza a diretora Dilza Soares, da Escola Municipal Padre Ângello Imperialli.

Inscrições abertas para oficina audiovisual gratuita em Teresina

A Prefeitura Municipal de Teresina, através da Secretaria Municipal de Educação (Semec) está apoiando o Projeto Cultura Sustentável, executado pela Numen Produtora, que utiliza a arte como vetor de transformação social, ambiental e urbana. Serão oferecidos curso prático e videoaulas sobre a produção de vídeos com temas relacionados à sustentabilidade. O projeto tem o apoio, também, Águas de Teresina.

A produção se dividirá em duas etapas. Na primeira, que acontece entre os dias 02 e 16 de agosto, serão disponibilizadas sete videoaulas, com 08 minutos de duração cada, no canal do YouTube (https://www.youtube.com/c/CulturaSustentável). Os episódios abordam desde a história do cinema às técnicas que podem ser utilizadas na gravação de vídeos com o celular.

Podem participar da seleção estudantes que estejam cursando, prioritariamente, o 7º e 8º ano, do ensino fundamental. A partir da seleção dos alunos, no dia 06 de setembro começarão as oficinas online, que contarão com aulas virtuais sobre a produção de curtas-metragens documentais, produzidos por smartphones, com temática de sustentabilidade. Após completarem essa etapa, haverá a emissão de certificados. Dos 60 estudantes que participarão dessa parte, cinco terão suas produções selecionadas para serem apresentadas no evento regional do projeto e estarão concorrendo à premiação de um smartphone novo.

O evento regional será realizado através de uma live no YouTube no dia 13 de novembro, e ficará posteriormente disponível no canal do Cultura Sustentável com legendagem descritiva. Como o projeto será disponibilizado também para as cidades de Timon (MA) e Campo Grande (MS), será realizado um evento nacional, no dia 27 de novembro, com um teaser de todos os vídeos documentais selecionados e a revelação da premiação.

As inscrições podem ser feitas no link: https://bit.ly/CulturaSustentável.

Teresina é exemplo para o Programa Nacional de Alimentação Escolar

Fotos: Ascom Semec

Representantes do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) estiveram reunidos com técnicos da Secretaria Municipal da Educação de Teresina, nesta semana, para reforçar a participação da agricultura familiar na alimentação escolar. O objetivo é de fomentar ações conjuntas de fortalecimento dos agricultores familiares e de promoção da segurança alimentar e nutricional, no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). A série de visitas, que teve início em abril, deve percorrer todas as capitais do país.

De acordo com o diretor de Ações Educacionais do FNDE, Garigham Amarante, a cidade de Teresina é um verdadeiro exemplo para o Pnae, tendo em vista os números alcançados, acima de 30%, que representam um comprometimento com a Agricultura Familiar, garantindo que os alimentos cheguem até os alunos, tanto neste momento de pandemia, como em um futuro bem próximo com o retorno das aulas presenciais. “Estamos percorrendo todas as capitais brasileiras, verificando como está a adesão aos produtos da agricultura familiar, o que os alunos estão consumindo. Em algumas capitais, infelizmente, não verificamos o alcance de 30% de aquisição dos produtos, mas em outras capitais, este número é superado. Teresina está acima do esperado”, enfatiza Garigham.

A coordenadora-geral do Pnae, Karine Santos, disse que a capital Teresina vem executando as ações de merenda escolar, seguindo as orientações do Governo Federal, com a legislação vigente, que é especifica para este momento de pandemia. “Conferimos que os kits de gêneros alimentícios estão sendo entregues aos pais dos estudantes. E o que é melhor, Teresina, através da Secretaria Municipal de Educação está valorizando e mantendo as aquisições junto a agricultura familiar. Então, na composição do kit que chega até o aluno, dispõe de alimentos da agricultura familiar e para o Pnae é muito importante, por que é possível fomentar a economia local e garantir a necessidade nutricional do estudante. Seguimos nesta parceria com o município de Teresina”, ressalta Karine Santos.

O secretário, professor Nouga Cardoso disse que é um compromisso da Prefeitura de Teresina, através da Semec, adquirir produtos cultivados pelos trabalhadores da agricultura, valorizando o que vem sendo produzido na região, com alimentos de qualidade.

Já a secretária executiva de Gestão da Semec, professora Edileusa Sampaio ressaltou o comprometimento de toda a equipe de nutricionista da Secretaria que vem realizando uma busca ativa, seja na entrega dos kits, bem como na análise da qualidade dos produtos que chegam à mesa dos alunos da Rede Municipal de Ensino.

Participaram da reunião, técnicos da Semec, o secretário executivo de Ensino, Kleytton Santos e o secretário municipal de Produção Agropecuária, Coronel Edvaldo Marques.

Secretário visita escola e garante apoio a projeto esportivo

A Escola Municipal Manoel Paulo Nunes, localizada no bairro Porto Centro, zona leste de Teresina, recebeu na manhã desta sexta-feira (30) a visita do secretário municipal de Educação, professor Nouga Cardoso. A ida à unidade de ensino atendeu ao convite do professor Giuliano Ramos, treinador de handebol, e da diretora Janaina Oliveira e contou também com a presença do vereador Ismael Silva.

Fotos: Ascom Semec

“Pedimos ao secretário para vir à escola conhecer a nossa estrutura e conversar com ele sobre os bons resultados que temos em nível esportivo. O time de handebol daqui tem se destacado nas competições que participa e precisamos de um apoio maior da Secretaria Municipal de Educação para continuarmos com esse trabalho de sucesso. De acordo com o professor Nouga a escola terá todo o apoio necessário, o que nos motiva a seguir com nosso trabalho”, diz o professor Giuliano Ramos.

A gestora da escola avaliou como positiva a visita do secretário, que ouviu as demandas apresentadas e garantiu as providências necessárias para o retorno presencial das aulas, que deve ocorrer em agosto. “Cada escola tem suas necessidades, que devem ser analisadas pela Semec, mas todas terão o aparato para funcionar adequadamente, seguindo as recomendações da Vigilância Sanitária para combate à Covid-19, com um retorno seguro”, afirma o secretário Nouga Cardoso.

Já o vereador Ismael Silva se comprometeu a contribuir com melhorias para a estrutura física do prédio, além da implantação de projetos que beneficiem os alunos quando do retorno das aulas no sistema híbrido de ensino.

Professora monta diário da quarentena com relatos da rotina dos alunos em casa

O momento de pandemia trouxe uma série de problemas sociais, mas também motivou importantes reflexões. O isolamento social foi a temática escolhida pela professora Jerlany Séba para influenciar os alunos a escrever sobre suas rotinas. A atividade é parte da disciplina protagonismo juvenil na Escola Municipal Ofélio Leitão, zona Sul de Teresina.

Fotos: Ascom Semec

A unidade de ensino funciona em jornada de tempo integral, por isso possui em sua grade curricular disciplinas diversificadas. No protagonismo juvenil, a turma é estimulada a ter autonomia e responsabilidade para tomar decisões. Nesse sentido, as atividades práticas ganham destaque, sempre com a intenção de preparar os alunos para que sejam os principais atores de seus projetos de vida.

No Diário da Quarentena, desafio proposto pela professora Jerlany aos alunos do 6º ao 9º ano, os estudantes relataram em textos e desenhos as vivências do período em casa. “A pandemia alterou profundamente a rotina que nossos alunos tinham na escola, além do aprendizado formal, do espaço de socialização e crescimento pessoal”, disse a professora.

As produções trazem relatos pessoais sobre a rotina dentro de casa, onde compartilham suas comidas favoritas, filmes mais assistidos, animais de estimação e até desenhos sobre as paisagens vistas da janela. Tudo foi compilado em um diário da turma, que será discutido no retorno presencial.

“Falar sobre essas mudanças é fundamental para que possam aprender a se reorganizar em um contexto diferente. Traz reflexões sobre essa vivência e constrói memórias afetivas sobre experiências agradáveis durante o isolamento. Vamos mostrar que o aprendizado real pode ser mais significativo que os momentos difíceis que cada um deles está enfrentando”, conclui a professora.

Semec discute com gestores escolares proposta de retorno presencial das aulas

A Secretaria Municipal de Educação de Teresina (SEMEC) realizou nesta quinta-feira (29/07), uma reunião com gestores de escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) para apresentar a proposta de retorno às aulas presenciais na Rede Municipal. O encontro aconteceu no Centro de Formação Professor Odilon Nunes, zona norte da capital.

Fotos: Ascom Semec

“A Semec está fazendo um trabalho de fortalecimento e alinhamento deste plano as realidades das Unidades de Ensino. Para isso, é preciso que exista esse amplo diálogo entre a Secretaria e os gestores escolares para que executemos um plano que efetivamente aconteça dentro do ambiente escolar, de forma segura e eficaz”, pontua a Gerente de Ensino Fundamental da Semec, Geane Alves.

Com um plano elaborado, pensando na segurança de professores e toda a comunidade escolar, a Secretaria traz em suas propostas como prevenção da disseminação da Covid-19 no retorno gradual e escalonado das aulas sugestões como rodízios entre os estudantes, atendimentos individualizados, disposição e distribuição de máscara, álcool em gel, pias para higienizar as mãos, higienização semanal nas Unidades de Ensino e orientações sobre os cuidados pessoais.

“O plano apresentado foi elaborado seguindo todos os protocolos de segurança e respeito a vida.Para isso, vários gerentes e técnicos da Semec participaram desta construção. Após apreciação no dia de hoje , cada gestor tem autonomia para adaptarem , juntamente com sua equipe, um plano de atendimento especifico e condizente com a realidade da sua escola”, reforça a Gerente de Ensino Fundamental da Semec, Geane Alves.

Semec amplia vagas para formação de cadastro de reserva com novas áreas de estágio

A Secretaria Municipal de Educação (Semec) prorrogou o período de inscrições da seleção de estágio, incluindo vagas para formação de cadastro de reserva para acadêmicos de letras português, letras inglês, letras espanhol, matemática, história, geografia e ciências da natureza (biologia, química e física). As inscrições seguem até o dia 02 de agosto no site da Secretaria.

O edital de seleção anunciou anteriormente 1.800 para estagiários de cursos diversos, também com vagas para nível médio/técnico. A inclusão de novas vagas atende uma solicitação de estudantes de outras áreas, que também buscam adquirir aprendizado prático nas escolas públicas municipais. A atuação será em unidades de Educação Infantil ou Ensino Fundamental, somando 20 horas semanais.

Com a abertura de inscrições para o cadastro de reserva, a Semec anuncia um novo cronograma do processo seletivo. O resultado preliminar será divulgado no dia 04 de agosto; o resultado final da seleção no dia 09; e a partir do dia 11 de agosto já acontece a assinatura do termo de compromisso e análise da documentação.

Escolas das zonas leste e rural de Teresina entregam kits de alimentação

A Escola Municipal Professor Olímpio Castro de Oliveira, unidade de ensino de tempo integral localizada no bairro Vale do Gavião, na zona leste de Teresina, realizou nesta quinta-feira (29/07) a entrega de kits de alimentação para pais ou responsáveis dos alunos. A ação da Secretaria Municipal de Educação acontece até amanhã (30/07) em 40 escolas das zonas leste e rural e contempla 16.556 estudantes.

“A nossa escola atende cerca de 600 alunos e todos eles devem receber os kits que ajudam bastante neste momento de pandemia onde muitas famílias perderam parte da capacidade de ter uma oferta suficiente de alimentos para os estudantes”, diz Igor Mendes, diretor da E. M. Professor Olímpio Castro de Oliveira.

A gerente de Assistência ao Educando da Semec, Keyla Cardoso, enfatiza que “a entrega segue todos os protocolos de segurança, com higienização de cada item que compõe o kit de alimentação e uso dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) pelos profissionais da Secretaria”. O kit contém arroz, feijão, leite, além de frutas, legumes, proteína, entre outros itens. Os pais são orientados a comparecer às escolas em horários agendados, evitando aglomerações.

Na próxima semana serão atendidos alunos das escolas da zona sudeste de Teresina. O cronograma já contemplou os Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs).

Fotos: Ascom Semec

Alunos da rede municipal de ensino conquistam medalha de prata no XXIX Campeonato Pan Am Júnior de Badminton

Alunos da Escola Municipal Nossa Senhora da Paz que integram a Seleção Brasileira Juvenil de Badminton conquistaram no último dia 18/07, em Acapulco, no México, medalhas de prata na final do XXIX Campeonato Pan Am Júnior de Badminton 2021. O time enfrentou os Estados Unidos, onde foi derrotado por 3 sets a 0. Dois atletas conseguiram o bronze nas disputas individuais.

Fotos: Ascom Semec

“Há anos participamos deste evento, que é o principal campeonato Júnior da América, o que nos deixa a responsabilidade de nos manter no pódio, como sempre tem acontecido. Conquistamos a prata e o bronze. Isso é fruto do intenso trabalho que tem sido feito no Complexo Esportivo de Badminton da Universidade Federal do Piauí (UFPI). O nosso Estado é referência neste esporte”, afirma Francisco Ferraz, gerente de esportes da Confederação Brasileira de Badminton.

Para dar mais incentivo à prática da modalidade, estudantes da rede municipal de ensino participam do Projeto Jovens Talentos de Badminton, parceria da Federação Piauiense de Badminton (Febapi), Confederação Brasileira de Badminton (CBBd), UFPI e Secretaria Municipal de Educação de Teresina (SEMEC). A iniciativa contempla alunos da Escola Municipal Dom Miguel Câmara e da Escola Municipal Nossa Senhora da Paz.

“Realizamos o acompanhamento e damos suporte a 32 alunos que fazem o treinamento no ginásio, são crianças e adolescentes que têm inclusão pela educação e esporte e também são estimulados para despertar e revelar grandes talentos do badminton, a exemplo dos atletas que participaram do Campeonato Pan Am Júnior de Badminton”, diz Magali de Castro, assistente social da Gerência de Assistência ao Educando (GAE) da Semec.