Strans interditará vias durante Carnaval para festas dos blocos de rua

Neste período carnavalesco muitas vias de Teresina estarão interditadas devido às festas dos blocos de rua. Para dar mais segurança e conforto ao folião, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) contará com equipes de agentes que estarão dando apoio na orientação do trânsito nos bairros da capital.

Confira os dias, locais e horários em que acontecerão as interdições:

Sexta

Avenida Dom Severino, na altura da Avenida Presidente Kennedy, sentido Leste/Oeste, a partir das 19h30.

Sábado

Bloco Sanatório Geral – interdição no acesso a Rua 24 de Janeiro das 14h às 23h

Bloco Capote da Madrugada – interdição na Avenida Dom Severino entre a Rua Sabá Said e Avenida Presidente Kennedy das 14h às 00h

Domingo

Bloco um Dedin de Paçoca – interdição nas quadras 29 e 30 no bairro Saci das 8h às 22h

Bloco Barão de Itararé – interdição na avenida principal do Dirceu das 17h às 20h

Bloco Tomar Gagau – interdição nas quadras 138 e 139 das 17h às 20h

Bloco Pinto da Morada – interdição na Rua Orlando Carvalho das 16h às 00h

Segunda

Bloco Vaca Atolada – interdição nas principais ruas dos bairros Matinha, Pirajá e Vila Operária das 16h às 00h

Bloco Os Caça Cachaça – interdição nas ruas do entorno da praça do bairro Água Mineral às 16h

Bloco do Residencial Folia – interdição na Rua Meridiano, bairro Cidade Jardim, das 12h às 21h

Terça

Bloco Tomar Gagau – interdição nas quadras 138 e 139 das 17h às 20h

Caminhada na Avenida Boa Esperança – interdição do Encontro dos Rios ao Bar da Dea.

Bloco Carnafolia – interdição nas ruas Jandaíra e Hortolândia das 8h às 20h

 

Strans monitorou trânsito por 21 horas no dia do corso

Foram consideradas positivas as ações de trânsito realizadas pela Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), no último sábado (15), dia do Corso de Teresina. Os agentes de trânsito iniciaram as atividades na Avenida Raul Lopes às 6h da manhã de sábado (15) e só concluíram às 3h de domingo (16). As equipes permaneceram em pontos estratégicos em 10 vias próximas incluindo a ponte da Primavera.

Segundo o gerente de Operações e Fiscalização da Strans, Denis Lima, houve bom desempenho de todas as ações planejadas. “Todas as etapas foram bem executadas com as interdições e monitoramento de vias, desvio de rotas de ônibus e as áreas definidas para vagas de estacionamento. Tivemos um trabalho de monitoramento desde cedo e só houve liberação da Avenida Raul Lopes após a limpeza”, diz.

Ele informa que só houve registro de uma incidência nas vias com um motociclista alcoolizado que tentou chegar até a avenida Raul Lopes, mas foi contido por policiais.

O corso mais uma vez se consagrou como a maior festa popular de Teresina e reuniu cerca de 140 mil foliões, segundo a Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, que coordenou o evento.

Teresina reduz 83% de colisões de veículos com o Projeto Esquina Segura

O Projeto Esquina Segura possibilitou a redução de 83% na quantidade de colisões de veículos no centro de Teresina. Os números são da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), após análise comparativa dos dados de outubro a dezembro do ano passado, com os três meses anteriores.

De acordo com o relatório do projeto, em 25 cruzamentos foram registrados 18 colisões no período de 3 de julho a 15 de outubro de 2019, em áreas do centro e zonas leste e sul. Nesses mesmos locais, aconteceram apenas três colisões no período de 16 de outubro a 31 de dezembro.

O local com maior incidência de ocorrências era no cruzamento das ruas Félix Pacheco e 24 de Janeiro, que registraram seis ocorrências de julho a 15 de outubro e nenhuma no período de 16 de outubro a 31 de dezembro do ano passado. Outros pontos sem nenhum registro de colisão nesse mesmo período foi no cruzamento da Rua Lisandro Nogueira com Rui Barbosa, onde havia ocorrido quatro colisões, de julho a outubro do ano passado; e no cruzamento da Rua Benjamin Constant com Magalhães Filho haviam sido registrados dois acidentes de julho a outubro.

O projeto Esquina Segura é executado em cruzamentos com o reforço na sinalização com pintura na via, delimitação de espaço para conversões, faixas de pedestres, colocação de tachões refletivos e placas.

O superintendente da Strans, Weldon Bandeira, explica que o projeto Esquina Segura tem o objetivo de proporcionar, além de mais segurança para os condutores de veículos, um trânsito mais harmônico nas vias de Teresina. “A Strans iniciou esse projeto em junho do ano passado e no final do ano já estava instalado em 25 cruzamentos. Este ano, estamos expandindo e já reforçamos a sinalização em 35 cruzamentos. Com isso, estamos tentando uma mudança na cultura dos condutores que insistem em desrespeitar as normas de circulação viária”, enfatiza.

Os resultados positivos já estão sendo sentidos pelos teresinenses. O jornalista Carlos Eduardo, que trabalha próximo ao cruzamento das ruas Félix Pacheco com 24 de Janeiro, por exemplo, avalia como positiva a medida de reforço na sinalização. “Essa nova forma orienta melhor o condutor para cumprir as normas e para redução de velocidade, para fazer conversão e estacionar. Já percebemos que não ocorrem acidentes nesse cruzamento”, diz.

Cruzamentos com o projeto Esquina Segura

1. Almirante Tamandaré X Rua Piauí

2. Rua Senador Candido Ferraz X Rua Prof. Joca Vieira

3. Rua Anfrísio Lobão X Hugo Napoleão

4. Rua Valdivino Tito X Rua Barroso

5. Rua Manoel Da Paz X Av. Pedro Freitas

6. Rua Valdivino Tito X Rua 13 De Maio

7. Rua Prof. Madeira X Av. Lindolfo Monteiro

8. Rua Félix Pacheco X Rua 24 De Janeiro

9. Rua Iolanda Paulino X Rua Martinho De Sena Rosa

10. Rua São Pedro X Rua 24 De Janeiro

11. Rua Benjamin Constant X Rua Arlindo Nogueira.

12. Rua Lisandro Nogueira X Rua Rui Barbosa.

13. Rua Quintino Bocaiúva X Rua Paissandu.

14. Av. Joca Pires X Av. Rio Poti.

15. Rua Benjamim Constant X Rua Magalhães Filho

16. Rua Desembargador Freitas X Rua Arlindo Nogueira.

17. Av. Noronha Almeida X Prof. Pires Gayoso.

18. Av. Zequinha Freire X Rua Francisco Brito Sousa.

19. Rua Orlando Carvalho X Rua Azar Chaib.

20. Rua Lucrécio Dantas X Rua Trindade Júnior

21. Rua General Lages X Av. Coronel Costa Araújo

22. Av. Barão De Castelo Branco X Rua Pedro Ii

23. Av. Prof. Valter Alencar X Rua Dr. Arêa Leão

24. Av. Ind. Gil Martins X Rua Oeiras

25. Q. 67 X Ant. Gomes Chaves (Lateral Mercado Dirceu I)

26. R. Hugo Napoleão X Av. Visconde da Parnaíba

27. Av. Campos Sales X R. Rui Barbosa

28. Av. Zequinha Freire X R. Flavio Teixeira

29. Av. Marechal C. B. X R. Juliano Moreira

30. R. Cel. Costa Araujo X R. Honorio Parentes

31. R. Arlindo Nogueira X R. Lisandro Nogueira

32. R. Mato Grosso X R. Monsenhor Gil

33. R. Leonidas Melo X R. Jose do Patrocinio

34. R. Homero C. Branco X Av. Manoel C. Branco

35. Valdivino Tito X Rua Barroso

Novo semáforo funcionará na Avenida Marechal Castelo Branco a partir desta terça (18)

Ascom/Strans

Um novo semáforo começará a funcionar nesta terça-feira (18), no cruzamento da Avenida Marechal Castelo Branco com a Rua Prof. Lídia Cunha. O sinal permitirá que os condutores façam a conversão à esquerda com mais segurança. A implementação do equipamento foi um pedido da população.

A assessora técnica da Strans, Ananda Patrícia, explica que foram feitos estudos no local para verificar a viabilidade da solicitação da população.

“Sempre que recebemos uma solicitação, vamos até o local para fazer uma análise e ver se é realmente possível fazer o que a população está pedindo. No caso do semáforo da Marechal Castelo Branco, vimos que era viável colocá-lo para melhorar a conversão à esquerda. O equipamento dará mais segurança para os condutores e organizará o trânsito”, conta.

Os condutores que trafegam pela Avenida Marechal Castelo Branco, sentido Sul/Norte, poderão seguir em frente ou fazer a conversão à esquerda para acessar a Rua Prof. Lídia Cunha. Os veículos devem entrar na faixa para fazer a conversão corretamente.

Definidos pontos de estacionamento no dia do Corso

Já estão definidos os pontos de serviços de táxi e mototáxi durante a realização do Corso de Teresina, que acontece neste sábado (15), na Avenida Raul Lopes. As pessoas que necessitarem desse tipo de transporte, poderão procurar pelos pontos específicos, que são estratégicos para o deslocamento.

Não haverá vagas específicas para carros particulares, mas podem ser utilizadas ruas perpendiculares à Avenida Raul Lopes. A recomendação é que as pessoas evitem esse transporte pelas dificuldades de estacionamento.

O gerente de Operação e Fiscalização da Strans, Denis Lima, esclarece que os pontos de táxi e mototáxi são definidos para facilitar a saída dos veículos para todas as áreas da cidade. “Estamos orientando as pessoas a optarem pelo uso de táxi, mototáxi ou transporte coletivo para ir para o evento, pois é mais seguro e evita outros problemas”, acrescenta.

Quanto ao transporte por aplicativo, a legislação diz que é um serviço particular e não pode ter vagas determinadas. “A Lei 13.640 de marco de 2018, especifica no Art. 4º, inciso X – transporte remunerado privado individual de passageiros: serviço remunerado de transporte de passageiros, não aberto ao público, para a realização de viagens individualizadas ou compartilhadas solicitadas exclusivamente por usuários previamente cadastrados em aplicativos ou outras plataformas de comunicação em rede”.

Pontos para táxi e mototáxi no Corso:

Avenida Elias João Tajra (entre Rua Demerval Lobão e Avenida Raul Lopes).
Avenida Universitária próximo a ADUFPI.
Avenida Dom Severino próximo a alça de acesso da Ponte Estaiada.
Avenida Petrônio Portela, próximo a alça da ponte da Primavera.
Avenida Raul Lopes, próximo ao Pintos Shopping e à rotatória do Parque Potycabana.

Quatro linhas de ônibus mudarão itinerário durante o Corso

Com a interdição de vias para a realização do Corso de Teresina, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) realizará desvios no itinerário de quatro linhas de ônibus que passam pelo entorno da Avenida Raul Lopes e seus acessos. As mudanças acontecem neste sábado (15), nas linhas 563 e 365, a partir das 6h, e vias Shopping Norte/Sul e Sudeste, a partir das 12h. A circulação dos ônibus voltará ao normal assim que as vias forem liberadas.

As linhas 563 e 365 deverão utilizar a Ponte Estaiada, usando a Avenida Ininga para retornar para a Avenida Universitária. A linha Via Shopping Norte/Sul deverá acessar a Rua Lima Rebelo e retornar pela Avenida João XXIII, já a linha Via Shopping zona Sudeste irá acessar a Avenida Raul Lopes pelo Teresina Shopping na volta do Centro.

O diretor de Transportes Públicos da Strans, Adriano Barreto, assegura que os itinerários estão sendo modificados para garantir a fluidez das rotas do transporte público. “Queremos evitar possíveis transtornos e estaremos fiscalizando o cumprimento desses itinerários”, completa Adriano.

Ponte da Amizade será interditada a partir desta sexta no sentido Teresina para Timon

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsitos (Strans) interditará a Ponte da Amizade, no sentido Teresina-Timon, nesta sexta-feira (14), a partir das 17h; no sábado (15), também a partir das 17h; e no domingo, o bloqueio será a partir das 15h, sendo liberado o tráfego por volta das 4h da manhã. Os bloqueios acontecerão devido ao pré-carnaval da região, o Zé Pereira de Timon.

O gerente de operação e fiscalização da Strans, Denis Lima, explica que os condutores podem transitar por vias alternativas enquanto a ponte estiver bloqueada.

“Os condutores podem pegar vias alternativas, como a Ponte Metálica e a Ponte da Tabuleta. É importante planejar a rota antes de se deslocar para evitar aborrecimentos. Vamos ter que fazer o bloqueio porque a festa acontecerá na Avenida Piauí, via onde os veículos saem quando cruzam a Ponte da Amizade”, esclarece o gestor.

Strans vai interditar vias a partir das 14h no dia do Corso

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) vai interditar, a partir das 14h deste sábado (15), várias vias na região onde acontecerá o Corso. Um total de 78 agentes de trânsito estarão participando da operação em onze pontos no entorno do evento.

O percurso do Corso inicia às 17h deste sábado na Avenida Raul Lopes, no sentido norte/sul, até a rotatória da Potycabana, que será o local de dispersão dos caminhões.

O gerente de operação e fiscalização da Strans, Denis Lima, explica que as interdições são para garantir a segurança dos condutores e uma melhor fluidez do tráfego. “Todas as equipes estarão trabalhando com os vários órgãos envolvidos para proporcionar segurança da população no evento e no entorno. É uma ação que foi bem planejada e será executada de forma integrada com a Polícia Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal e outros órgãos”, diz.

O diretor de Operação e Fiscalização da Strans, Jaime Oliveira, informa que este ano será garantida a entrada e saída de moradores de um condomínio próximo ao evento. “Esse espaço terá a implantação de um gradil que permitirá a entrada e saída de veículos para atender a necessidade de locomoção dos moradores entre a garagem até um posto de gasolina localizado na Avenida Universitária”, informa.

Confira abaixo os pontos que serão interditados:

Ponte da Primavera (nos dois sentidos)

Avenida Raul Lopes (nos dois sentidos entre o setor de esportes da UFPI e rotatória da Potycabana)

Avenida Raul Lopes x Rua José Paulino

Avenida Raul Lopes x Rua Cel. Costa Araújo

Avenida Raul Lopes x Rua Ind. José Camilo da Silveira

Avenida Raul Lopes x Rua Anfrísio Lobão

Avenida Raul Lopes x Rua Des. Manoel Castelo Branco

Avenida Raul Lopes x Rua Senador Cândido Ferraz

Avenida Raul Lopes X Rua Júlio Mendes

Rua Marcos Parente x Rua Elias João Tajra

Avenida Jockey Club entre as avenidas Ininga e Raul Lopes.

 

 

Firmino Filho estuda implantação de ônibus elétricos em Teresina

Renato Bezerra

Com o objetivo de melhorar a qualidade do transporte coletivo de Teresina, o prefeito Firmino Filho está conhecendo o funcionamento dos ônibus elétricos. Na tarde de terça-feira, 04, Guilherme Nogueira, representante comercial da empresa chinesa BYD, apresentou ao prefeito os resultados da experiência com ônibus elétricos em Recife (PE).

A implantação destes veículos é uma das soluções sustentáveis para promover um sistema de transporte público de emissão zero de carbono. Além das vantagens ambientais, os ônibus são seguros, silenciosos e podem diminuir os custos operacionais em até 70%.

Firmino Filho destacou que a conversa com a empresa BYD é inicial e que é preciso estudar a viabilidade da implantação de um novo sistema para o transporte coletivo na cidade. “Estamos avaliando alternativas economicamente viáveis e, que, ao mesmo tempo, melhore o conforto dos passageiros. A ideia é que possamos trabalhar com um protótipo do ônibus, assim podemos testar o seu funcionamento nas ruas e avenidas da capital. Ainda vamos conversar com os consórcios para desenvolver esse diálogo”, afirma.

Na apresentação feita ao prefeito, o representante comercial da BYD, Guilherme Nogueira, explicou sobre o funcionamento, autonomia e vantagens dos ônibus elétricos. “Nossa conversa com a Prefeitura de Teresina está avançando. Estamos pensando alternativas junto com o prefeito de como seria feita essa contratação”, disse.

Segundo o superintendente municipal de Transportes e Trânsito, Welton Bandeira, a tecnologia utilizada nos ônibus elétricos já é realidade em várias cidades do mundo. “A nossa intenção é que possamos ser contemplados com essa inovação. Vamos fazer um esforço junto aos consórcios de ônibus para que a gente possa implantar essa tecnologia na cidade. Estamos avaliando os prós e contras”, esclarece.