Firmino faz prestação de contas e garante recursos para próximo prefeito

Rômulo Piauillino

Teresina chega em 2020 com mais de R$ 1 bilhão para a realização de investimentos na cidade, que foi apontada em pesquisa como a 4ª capital mais desenvolvida do país e vem se configurando como uma cidade mais inteligente, cada vez melhor para se viver. Esse foi um dos destaques da mensagem do prefeito Firmino Filho durante a leitura da sua mensagem na Câmara Municipal de Teresina, nesta terça-feira (04), na abertura do ano legislativo.

Finalizando o seu quarto mandato, essa é a 16ª vez que o prefeito Firmino Filho leva a tradicional mensagem da Prefeitura à Câmara de Vereadores, a quem agradeceu a parceria estabelecida nos últimos anos. “Nosso sentimento é de missão cumprida, de realização. Sei que ainda há muito a ser feito, mas precisamos também celebrar as vitórias e muitas delas se devem ao papel ativo dos vereadores e o apoio da nossa base política. Temos orgulho da cidade que ajudamos a construir”, ressaltou.

Na sua mensagem, o prefeito detalhou os investimentos feitos nos últimos anos, mostrando os resultados de áreas estratégicas como educação, saúde, mobilidade urbana, assistência social, esporte, cultura e lazer. “São investimentos importantes que têm foco na melhoria da qualidade de vida de nossos moradores”, comentou.

Na área da saúde, Firmino destacou que o volume de investimentos feitos na cidade tem crescido a cada ano.  “Em 2005, a Prefeitura aplicava 16% com a saúde e hoje esse índice é de 34,7%. Não existe nenhuma outra capital ou município de médio ou grande porte que tenha uma rede tão extensa quanto essa e que tenha um comprometimento tão grande com a saúde como a Prefeitura de Teresina tem. Se usássemos esses recursos apenas com pacientes de Teresina, teríamos resultados semelhantes ao da educação, por exemplo, que está entre as melhores do país”, afirmou.

Sobre a rede de ensino, o prefeito lembrou mais uma vez que a cidade tem melhorado de forma consistente o seu desempenho no Ensino Fundamental e nas séries iniciais e finais, servindo de modelo para todo o país. “Nossa educação tem o melhor IDEB entre as 27 capitais, ao mesmo tempo em que tem o segundo menor custo por aluno. Isso não é pouca coisa. Temos um modelo de sucesso construído coletivamente por uma equipe comprometida. Tudo isso é motivo de orgulho para nossa cidade”, disse, ressaltando as ações em andamento para a universalização do Ensino Infantil e expansão da educação de tempo integral.

A mensagem levada à Câmara mostrou também o resultado de todo o trabalho para elaborar projetos e alavancar mais recursos.  “Para os anos de 2019, 2020, 2021 e 2022 nós temos garantidos mais de R$ 1 bilhão em investimentos. Ou seja, nós fizemos planejamento que beneficia também os primeiros dois anos do mandato do próximo prefeito. Já utilizamos R$ 512 milhões e vamos deixar R$ 936 milhões para gestão seguinte”, detalhou o prefeito.

Firmino ressaltou, ao final da mensagem, que Teresina está se transformando numa cidade cada vez mais inclusiva, mais inteligente e melhor para se viver. “Teresina sempre buscou bons caminhos e acredito que as pessoas vão seguir construindo a cidade dos seus sonhos. Temos um povo trabalhador, que vai à luta, que não desiste. Com o fruto do nosso trabalho vamos continuar recebendo apoio, crédito e parcerias para novos projetos e para continuarmos sendo exemplo em diversas áreas para todo o Brasil”, finalizou.

Programação de Natal de Teresina tem início nesta terça (03)

Em um contexto de celebração, paz e união entre família e amigos pelo natal, acontece nesta terça (03), no Parque da Cidadania, a abertura da programação natalina da capital. O evento tem entrada gratuita e começa a partir das 19h, contando com apresentações do Quinteto Maestro Duda, Orquestra Sanfônica Seu Dominguinhos, Orquestra Sinfônica (OST) de Teresina e muito mais.

Durante todo o mês de dezembro ocorrerão atividades que integram uma programação desenvolvida especialmente pela Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMC). As apresentações acontecerão nos mais variados pontos turísticos da cidade, como o Parque Lagoa do Mocambinho, o Parque Ambiental da Macaúba e o Parque da Cidadania.

“Essa é uma atividade que vem sendo feita há alguns anos e tem se mostrado um sucesso, consolidando uma festa tão especial como o natal. Para aqueles que vão visitar o parque hoje, vão se deparar com atrações musicais de qualidade, iluminação bonita e muita alegria”, conta Júlio César, coordenador de música da FMC.

Buscando proporcionar um clima mais alegre e festivo, todo o Parque da Cidadania foi preparado com decoração temática para receber o público durante o primeiro dia da temporada natalina. Além das orquestras, os cantores líricos Edivan Alves, Gislene Daniele e Luana Campos irão interpretar grandes nomes da música internacional.

“Eu estou bastante empolgado para essa temporada natalina com a OST, um grupo que já tem um trabalho gigantesco durante todo o ano e é ainda mais esperado nos concertos natalinos. O público sempre acompanha e eles costumam ser sempre lotados e bem prestigiados, tanto nos parques, como nas igrejas. É uma época que não só nós, os artistas, como as pessoas esperamos muito”, diz Edivan Alves.

Nessa temporada, Teresina se enche de enfeites e brilho para a aguardada chegada do Papai Noel. Os espaços públicos ganham todo o colorido das luzes de natal e se tornam convidativos para as reuniões familiares e momentos em amigos. “A cidade fica linda! Assim como também é muito bonito ver as famílias nos parques partilhando esses momentos de paz e alegria. Por isso, pensamos em levar a arte, tornando esses momentos ainda mais especiais”, afirma Paulo Dantas, gerente de promoção da Fundação Monsenhor Chaves.

Abertura do Projeto Empreende Bairro destaca erros e acertos na hora de empreender

Rita Damasceno

Aconteceu na noite da última terça-feira (29), a abertura do Projeto Empreende Bairro, iniciativa que ofertará minicursos de capacitação aos microempresários da região do bairro Mocambinho, zona norte de Teresina. Com a presença de várias autoridades, a noite fechou com a palestra “Atendendo e aumentando as vendas”, mediada por Frederico Cadena, onde foram destacadas as principais atitudes contemporâneas para empreender.

Com sede de abertura no Instituto Educacional São José, localizado no coração do bairro, o evento trouxe um discurso que abordou os principais erros na hora de tocar o dia a dia dos pequenos negócios. Também foi destacada a importância de identificar quem são seus clientes e se reciclar, trazendo novidades do mundo do empreendimento para dentro do próprio negócio.

Para o prefeito Firmino Filho, o projeto é importante para capacitar e desenvolver novas habilidades e competências nos empreendedores da região. “Nós todos sabemos que, nos mais variados cantos de Teresina, as pessoas empreendem e se colocam na luta para estabelecer o próprio negócio. Essas pessoas precisam de apoio e esse projeto é um conjunto de ações e atividades para capacitar e para que, assim, possamos desenvolver novas habilidades e competências para esses empreendedores. O pequeno e médio negócio tem um importante papel na geração de emprego e renda. Ele é fortemente baseado no serviço, comércio e é necessária cada vez mais habilidade para que ele possa resistir”, explicou.

De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdec), Venâncio Cardoso, esse é um projeto que vai até o bairro para enxergar o seu principal potencial e desenvolver um trabalho coletivo de capacitação. “A Prefeitura, por meio da Semdec, chega ao bairro, atuando junto com o Conselho de Administração, o Sebrae no Piauí e a Rede Clube. Todos os citados são atores que podem contribuir para o engrandecimento dessa pauta. Nosso objetivo é que, por meio dessas capacitações, esses empreendedores possam enxergar seus erros e acertos e melhorar. É através dos pequenos e médios empreendimentos que fugiremos da crise”, destacou.

Na abertura, estiveram presentes a deputada estadual Flora Izabel e os vereadores Enzo Samuel, Gustavo Gaioso, Teresinha Medeiros e Deolindo Moura. Compareceram, também, o secretário da Semcaspi, Samuel Silveira, e o superintendente da SDU Sudeste, Evandro Hidd.

O projeto

De iniciativa da Semdec, em parceria com a Rede Clube e o Sebrae no Piauí, o projeto Empreende Bairro nasceu com a missão de entrar nos principais bairros de Teresina, observar qual seu potencial econômico e desenvolver um programa de capacitação para os empreendedores do local. A programação, que ocorrerá durante todo o mês de novembro, será voltada para estimular o desenvolvimento econômico da região.

Quatro minicursos serão ofertados com o apoio do Sebrae no Piauí e Conselho Regional de Administração do Piauí (CRA-PI), são eles: Capacitações em Gestão de Marketing, Gestão de Recursos Humanos, Gestão Financeira e Tecnologia e Sustentabilidade.

As ações se encerram no dia 22 de novembro, com a realização de uma grande feira cultural, que levará os empresários da bairro a expor seus principais produtos e serviços.

Teresina adere à MP que desburocratiza abertura de empresas em mais de 200 ramos de atuação

A Prefeitura de Teresina aderiu à Medida Provisória nº 881/2019, do Governo Federal, que dispensa atos públicos para a abertura de empresas que atuem em 287 ramos especificados pela Resolução CGSIM nº 51/2019. Com a adesão, o empresário que se enquadre em qualquer uma das atividades econômicas listadas pela resolução, tais como manicure, pedicure, livrarias, lojas de roupas e etc., pode abrir suas portas ao público sem a necessidade, por exemplo, da expedição do alvará de funcionamento ou de licenças ambientais e sanitárias.

Apesar da dispensa do ato público, o empresário ainda precisa formalizar a empresa através do Piauí Digital, emitir o CNPJ do estabelecimento e a inscrição no cadastro tributário municipal e estadual. O secretário municipal de Finanças, Francisco Canindé, destaca que a adesão à MP da Liberdade Econômica, como ficou conhecida a medida, é mais uma ferramenta utilizada por Teresina para a desburocratização do processo de abertura de empresas. “O município de Teresina está aderindo à legislação nacional, inclusive seguindo a lista de atividades que dispensam os atos públicos para começar a funcionar. Com isso, estamos facilitando a abertura e o funcionamento de empresas que atuam em mais de 200 ramos no município”, explicou.

O auditor fiscal da Receita do Município, Henry Portela, detalha as especificidades da nova legislação e ressalta que algumas das atividades econômicas incluídas possuem condicionantes para dispensar, ou não, a necessidade dos atos públicos para seu funcionamento. “Por exemplo, as clínicas veterinárias só estão dispensadas de atos públicos desde que o resultado do exercício da atividade não inclua a comercialização e/ou uso de medicamentos controlados e/ou equipamentos de diagnóstico por imagem. Estas especificidades devem ser observadas pelo próprio empresário”, pontua.

Esta atenção redobrada por parte do empresário é um comportamento exigido pela própria Medida Provisória. Com as mudanças, o empresário assume a responsabilidade de interpretação da lei e fica sujeito à fiscalização posterior. “Por exemplo, ele está prestes a abrir o negócio. Se ele entender que sua atividade se enquadra nessa dispensa de ato público, ele nem precisa comunicar ou se dirigir à Prefeitura e já pode começar a funcionar após o trâmite inicial da formalização, com emissão do CNPJ, inscrição tributária. Mas ele fica sujeito à fiscalização e, posteriormente, pode ser autuado caso ele não se adeque às condicionantes”, esclarece Henry, acrescentando que o projeto que converte a MP da Liberdade Econômica em Lei já está em tramitação no Congresso e deve ser aprovada nos próximos dias.

 

Abertura do III Festival de Violão apresenta encontro de cordas e versatilidade

Luciano Klaus

O Theatro 4 de Setembro foi palco na noite da última quinta-feira (01) da abertura do III Festival de Violão de Teresina. Com casa cheia, o espaço cultural proporcionou o marcante show da paulista Mônica Salmaso e dos cariocas Guinga e Jean Charnaux. O evento acontece até este domingo (04), no Palácio da Música, com entrada gratuita, a partir das 19h30.

Além dos convidados de fora, a Orquestra de Violões da cidade mostrou um grande encontro de cordas e versatilidade. Promovido com o apoio da Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves (FMCMC), o objetivo do Festival é fomentar o desenvolvimento de músicos, com cursos e encontros, em momento de intercâmbio cultural, além de presentear a população com apresentações gratuitas de grandes artistas.

“Essa terceira edição só consolida um projeto que tanto encanta as pessoas. A música é o perfume da vida, sem ela não vivemos. Nós, da Fundação de Cultura, ficamos felizes com o crescimento do festival e acreditamos que a cada edição haverá mais sucesso e mais talentos”, afirma Luís Carlos Alves, presidente da FMC.

Reconhecido como um dos maiores festivais do país, o projeto conta com a participação de Marcus Tardelli (RJ), Paulo Martelli (SP), Zé Paulo Becker (RJ), Cainã Cavalcante (CE), Conrado Paulino (ARG), Josué Costa (PI), Wellington Torres (PI) e André Marcílio (SP). Além dos recitais, o festival também oferece masterclass, workshops e o II Concurso de Violões.

Como parte das atividades do festival, o concurso reúne na semifinal 12 violonistas inscritos de todo o país. A etapa acontece nesta sexta e sábado na Oficina da Palavra e prepara para a grande final no domingo (04), a partir das 11h. O resultado será divulgado na cerimônia de encerramento do Festival, que acontece no mesmo dia às 19h, no Palácio da Música. Os três primeiros colocados recebem prêmios nos valores de, respectivamente, R$ 3 mil, R$ 2 mil e R$ 1 mil.

Confira abaixo programação completa:

02/08

Oficina da Palavra

11h

Semifinal do II Concurso de Violão

 

Palácio da Música

19h

Wellington Torres

19h30

André Marcílio

20h10

Paulo Martelli

 

03/08

 

Oficina da Palavra

11h

Semifinal do II Concurso de Violão

 

Palácio da Música

19h30

Josué Costa

20h10

Marcus Tardelli

 

04/08

Palácio da Música

11h

Final do II Concurso de Violão

19h

Cerimônia de encerramento

19h30

Zé Paulo Becker e Cainã Cavalcante

20h10

Conrado Paulino e convidados

 

Cursos, masterclass e workshops

02/08

Oficina da Palavra

08h30 às 10h30

Curso com o Prof. Conrado Paulino

14h às 16h

Curso com o Prof. Conrado Paulino

 

Palácio da Música

16h30 às 18h

Workshop com Guinga e Jean Charnaux

 

03/08

Oficina da Palavra

08h30 às 10h30

Curso com o Prof. Conrado Paulino

14h às 16h

 

Curso com o Prof. Conrado Paulino

 

Palácio da Música

16h30 às 17h30

Workshop com Zé Paulo Becker

 

04/08

Palácio da Música

08h30 às 10h30

Masterclass com Marcus Tardelli

15h às 17h

Masterclass com Paulo Martelli

 

FMS realiza nesta quarta (10) abertura da Campanha de Vacinação Contra a Gripe

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) realiza, amanhã (10), a abertura da Campanha de Vacinação Contra a Gripe (Influenza A/H1N1) em Teresina. A vacinação terá início às 8h, na Unidade Básica de Saúde Diocina de Sousa Lima Neta, localizada no Bairro Parque Piauí, e contará com a presença do prefeito de Teresina, Firmino Filho, e do Presidente da FMS, Charles Silveira.

O presidente da FMS, Charles Silveira, alerta para a importância da adesão da população à vacina. ”A prevenção é o melhor remédio e por isso é muito importante que a população procure uma das salas de vacina para se imunizar contra a gripe. As notícias falsas que circulam sobre a imunização contra a gripe dificultam a cobertura vacinal desejada. Algumas pessoas acham que a vacina causa gripe, mas é preciso que saibam que isso não corresponde à realidade, pelo contrário, a vacina é composta por vírus inativado, é segura, previne a doença e também complicações de saúde”, afirma.

A rede pública municipal de saúde da capital deve receber durante toda a campanha 230 mil doses de vacina contra a Influenza em 2019. De acordo com a diretora de Vigilância em Saúde da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Amariles Borba, Teresina já recebeu do Ministério da Saúde 82 mil doses de vacina que já foram distribuídas para as 104 salas e ficarão disponíveis até o dia 31 de maio, quando a campanha se encerra. O Dia D de mobilização será dia 4 de maio.

A lista completa do grupo prioritário que precisa receber a dose de vacina contra a gripe pelo Sistema Único de Saúde (SUS) é: gestantes e puérperas, crianças de 6 meses a 5 anos de idade, maiores de 60 anos, profissionais da saúde, pessoas de qualquer idade com doenças crônicas (diabetes, doenças cardíacas e respiratórias, distúrbios que comprometem a imunidade, como o câncer e outras), população indígena, pessoas privadas de liberdade, professores da rede pública e privada e trabalhadores do sistema prisional.

Amariles Borba orienta que a higienização é uma das principais medidas de proteção contra a gripe.  “Devemos lavar as mãos com água e sabão. Quem estiver gripado não visite recém-nascidos, gestantes ou paridas. Assim nós estamos cooperando na saúde tanto das crianças quanto dessas mulheres”, alerta.

Diferente de outras doenças, a gripe precisa de campanhas de vacinação anual. Isso ocorre por características do próprio vírus, que, aos poucos, naturalmente, modifica-se geneticamente. Dessa forma, é necessário rever, a cada ano, os vírus que mais estão se propagando para adaptar a imunização, que dura de seis a 12 meses. Além disso, trata-se de uma doença que tem um forte impacto na sociedade, com risco de morte muito alto (aproximadamente 650 mil pessoas morrem no mundo por ano, em virtude da influenza A/H1N1).