Bairros da zona Sudeste recebem serviços de limpeza urbana


Nesta terça-feira (30), as equipes de limpeza da SDU Sudeste estão atuando nos bairros Alto da Ressurreição, Gurupi, Pedro Balzi, Dirceu, Vila São Raimundo, entre outros. Mais de 140 funcionários trabalham diariamente nos serviços de limpeza da região.

Mesmo durante a pandemia, os serviços de capina, varrição e poda em praças, ruas e avenidas, cemitérios, galerias e bueiros continuam funcionando normalmente. Para isso, são adotadas medidas de segurança para colaboradores e moradores.

Além do cronograma habitual, as demandas de limpeza também podem ser solicitadas pelos moradores. Por meio do aplicativo Colab é possível encaminhar o seu pedido com informações detalhadas para os setores responsáveis.

“O Colab é um grande aliado no trabalho da SDU Sudeste. Recebemos várias demandas diretamente da população e, com isso, temos uma visão maior das necessidades da região e como atendê-las de forma eficiente”, destaca Isaac Meneses, superintendente da SDU Sudeste.

Isolamento social em Teresina fica entre 41,3% e 52,2% na terça-feira (09)

Teresina registrou, na última terça-feira (09), uma variação de 41,3% e 52,2% no índice de isolamento social. Os dados revelam uma diminuição no cumprimento das medidas de isolamento na cidade e foram registrados pela Startup Inloco e as operadoras de telefonia celular, que disponibilizam informações de mais de um milhão de linhas telefônicas.

Segundo o monitoramento, na terça-feira, a região Sul apresentou o menor índice de isolamento, com 40,27%. A região Sudeste aparece em segundo lugar com pior desempenho, registrando índice de 40,31%. Em seguida, a região Leste aparece no ranking com taxa de 41,15%. A região Centro/Norte registrou o maior índice, quando 41,67% das pessoas permaneceram em casa.

Os números apresentados pelos dois indicadores revelam que a taxa de distanciamento na capital permanece bem abaixo do percentual mínimo recomendado para diminuir a disseminação do novo coronavírus, que é de 73%. Além disso, eles refletem na quantidade de casos e óbitos decorrentes da Covid-19. De acordo com o Painel epidemiológico da Fundação Municipal de Saúde (FMS), a doença vem avançando. Teresina contabiliza, até o momento, 150 óbitos e 3.630 novos casos de infecção pelo novo coronavírus, dos quais 173 ocorreram nas últimas 24 horas.

“Continuamos pedindo que a população fique em casa e só saiam em caso de extrema necessidade, para que possamos melhorar os índices de isolamento. Teresina vem apresentando taxas muito abaixo do que recomendam a Organização Mundial de Saúde (OMS) e demais autoridades sanitárias. Precisamos cumprir as orientações para diminuir a propagação do vírus e frear o avanço da pandemia na cidade”, reforçou o prefeito Firmino Filho.

Isolamento social em Teresina fica entre 44% e 54,29% na terça-feira (26)

Segundo os dados da startup InLoco, o índice de isolamento social em Teresina continua caindo. Nesta terça-feira (26), a taxa registrada foi de 44%, o que configura uma queda de quase treze pontos se comparado ao do domingo (24), que foi de 56,7%, o maior registrado nos últimos dias.

Baseado em informações de localização de 217 mil aparelhos de celular na cidade, o monitoramento apontou também que a zona Leste apresentou melhor desempenho, com 44,48% da população ficando em casa. Em seguida, a região Norte aparece no ranking com índice 43,68%. As zonas Sul e Sudeste ocupam as duas últimas posições, com taxas de isolamento de 43,15% e 42,57%, respectivamente.

Os índices de isolamento social também estão sendo acompanhados pela Prefeitura de Teresina através de informações geradas pelas operadoras de telefonia celular. Segundo essa outra base de dados, que disponibiliza informações de mais de 1 milhão de telefones, 54,29% dos teresinenses não descumpriram as regras de distanciamento e permaneceram em casa.

Os números apresentados pelos dois indicadores revelam que a taxa de distanciamento na capital permanece bem abaixo do percentual mínimo recomendado para diminuir a disseminação do novo coronavírus, que é de 73%. Em decorrência disso, o número de casos vem avançando na cidade. O último boletim epidemiológico da Fundação Municipal de Saúde (FMS) e Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), apontou que Teresina totaliza 1.890 pessoas infectadas com o novo Coronavírus e 66 mortes decorrentes da doença.

Índice de isolamento social cai para 49,7% neste sábado em Teresina

Segundo os dados da startup InLoco, o índice de isolamento social em Teresina do último sábado (16) chegou a 49,7%, o que configura uma queda de quase três pontos se comparado ao da sexta-feira (15), que foi de 52,6%, o maior registrado durante a semana.

O monitoramento, que é baseado e informações de localização de 217 mil aparelhos de celular na cidade, apontou também que a zona Leste apresentou melhor desempenho, com 51,2% da população ficando em casa. Em seguida, a região Norte aparece no ranking com índice 50%. As zonas Sul e Sudeste ocupam as duas últimas posições, com taxas de isolamento de 49% e 46,25%, respectivamente.

As melhores taxas de isolamento social foram registradas nos bairros Ininga (60,8%), Matinha (58,3%), Recanto das Palmeiras (57,9%), Distrito Industrial (56,9%) e São Joaquim (55,6%). Por outro lado, os bairros Parque Juliana (32,1%), Flor do Campo (37,8%), Comprida (40,3%), Vale do Gavião (40,33%) e Santo Antônio (40,5%) foram os que tiveram as menores taxas, não chegando nem mesmo ao percentual de 50%.

“É preciso que possamos melhorar os índices, principalmente nessas regiões onde as taxas ainda estão muito abaixo do que recomenda a Organização Mundial de Saúde (OMS) e demais autoridades sanitárias. Estamos nos aproximando de um cenário crítico, e é necessário que a gente possa cumprir as orientações para diminuir a propagação do vírus para salvar vidas”, reforçou o prefeito Firmino Filho.

A Prefeitura de Teresina também está acompanhando os índices de isolamento social através de informações geradas pelas operadoras de telefonia celular. Segundo essa outra base de dados, que disponibiliza informações de mais de 1 milhão de telefones, 52,7% dos teresinenses não descumpriram as regras de distanciamento e permaneceram em casa no sábado (16).

Nos dois indicadores de taxa de isolamento, a capital apresentou índices bem abaixo do percentual mínimo recomendado para diminuir a disseminação do novo coronavírus, que é de 73%. Em decorrência disso, o número de casos vem avançando na cidade. Segundo os dados do último boletim epidemiológico da Fundação Municipal de Saúde (FMS) e Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), Teresina já soma 1.245 casos confirmados e 33 óbitos por Covid-19.

Feriado da última sexta-feira (15) aponta isolamento social de 52,6% em Teresina

Mesmo com a antecipação do feriado relativo ao dia do Piauí para esta sexta-feira (15), com o objetivo de manter a população em casa, Teresina registrou índice de isolamento social de 52,6%. O número é superior aos 44,7% registrados na última quinta-feira (14) e 9,4% maior que os 43,2% computados na sexta-feira da semana anterior.

Ainda que tenha havido o aumento, o percentual está abaixo dos 73% recomendados pelos órgãos de saúde para evitar uma proliferação em massa do novo coronavírus. “Os números de isolamento social das últimas semanas são baixos e insuficientes para conter o avanço da doença. Infelizmente, a cada dia, mais pessoas estão sendo acometidas pela Covid-19 na nossa cidade. Tivemos a confirmação de mais 57 casos novos de infecção e três óbitos na última sexta-feira”, lamentou o prefeito Firmino Filho.

Além do sistema da startup InLoco, que monitora a localização de 217 mil celulares na cidade, a Prefeitura de Teresina também está acompanhando o índice de isolamento social através de informações cedidas pelas operadoras de telefonia. Segundo essa base de dados, que leva em consideração o monitoramento de mais de 1,4 milhão de linhas telefônicas, 53% das pessoas ficaram em casa ontem.

De acordo com os índices medidos diariamente pela startup recifense InLocu, na sexta-feira, a região Leste ganhou destaque no isolamento, quando atingiu 53,59%. Em seguida, a zona Norte (52,82%), depois a região Sul (52,30%) e, por último, a zona Sudeste, com 50,13% das pessoas seguindo as orientações de permanecerem em casa.

Os bairros que tiveram bom desempenho foram o Ininga (62,9%), Frei Serafim (60,7%), Pedra Miúda (59,77%), Centro (59,33%) e Noivos (58,55%). Já as menores taxas foram registradas nos bairros Novo Horizonte (44,03%), Angélica (44,4%), Embrapa (44,9%), Alegre (44,95%) e Extrema (45,8%).

Isolamento social em Teresina fica entre 44,7% e 50% na quinta (14)

Os índices de isolamento social em Teresina continuam caindo. Na última quinta-feira (14), apenas 44,7% dos teresinenses ficaram em casa, segundo levantamento da startup recifense InLoco. Este percentual foi o menor registrado pelo monitoramento nesta semana. A maior taxa aconteceu na terça-feira (12), quando o índice ficou em 47,4%.

Com os percentuais permanecendo abaixo dos 50%, Teresina está cada vez mais distante do índice de 73%, considerado eficaz, pela Organização Mundial de Saúde (OMS), para conter a disseminação do novo coronavírus.

Enquanto isso, o número de casos de Covid-19 vem crescendo na cidade. O boletim epidemiológico apontou a confirmação de 57 casos nas últimas 24 horas, somando agora 1.089 casos e 26 mortes pelo novo Coronavírus. Os dados são da Fundação Municipal de Saúde (FMS) e Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi).

O monitoramento também revela queda nos índices de isolamento social em todas as regiões de Teresina. Os bairros Parque Juliana, Angélica e Santo Antônio, todos na zona Sul, tiveram o pior desempenho, registrando percentuais de isolamento de apenas 30,8%, 32% e 37,65%, respectivamente; Na zona Norte, o bairro Jacinta Andrade apresentou índice de 37,3%; Na zona Leste, o bairro Morros teve 37,65% de isolamento social.

Os melhores desempenhos foram registrados em bairros da zona Leste da cidade: Ininga (57,65%), Jóquei (53,75%) e Noivos (51,5%). O bairro Bom Princípio, na zona Sudeste, apresentou taxa de isolamento social de 52,03%. Na zona Sul de Teresina, 51% dos moradores do Parque São João ficaram em casa.

Além do sistema de georreferenciamento da startup InLoco, que atua em parceria com a Prefeitura de Teresina, monitorando a localização de 217 mil celulares na cidade, os índices de isolamento também estão sendo observados diariamente através de informações geradas pelas operadoras de telefonia celular.

Com base em dados de mais de 1 milhão de telefones, 50% dos teresinenses cumpriram as regras de distanciamento na quinta-feira (14). “Precisamos melhorar nosso índice de isolamento social, para diminuir a propagação do vírus em Teresina e, consequentemente, a ocupação de leitos hospitalares, que está aumentando a cada dia”, ressaltou o prefeito Firmino Filho.

.

15 bairros recebem serviços de limpeza da SDU Leste nesta quinta-feira (16)

 

Ascom/SDU Leste

A Gerência de Serviços Urbanos da Superintendência de Desenvolvimento Urbano (SDU) Leste está executando a limpeza de 15 bairros da região, nesta quinta-feira (16). A ação de zeladoria tem o intuito de dar continuidade aos serviços de limpeza que são programados anualmente para serem executados diariamente, além de atender toda a extensão da zona leste.   (mais…)

PMT usa carro de som para alertar população sobre o novo coronavírus

O uso de carro de som nos bairros é mais uma estratégia da Prefeitura de Teresina para conscientizar a população sobre o controle da pandemia do novo coronavírus. A medida reforça às pessoas a importância de ficar em casa para diminuir o risco de disseminação da doença, que poderá sobrecarregar os serviços de saúde.

Os veículos estão circulando em diversas regiões da cidade com mensagens educativas sobre os sintomas, as formas de transmissão e prevenção da doença. “A Prefeitura de Teresina e a Fundação Municipal de Saúde estão trabalhando para diminuir a contaminação de nossa população. Nossas unidades de saúde estão atendendo pessoas com sintomas do coronavírus. Mas, para não sobrecarregar o sistema de saúde, só procure a unidade se realmente estiver com os sintomas”, diz o alerta divulgado no carro de som.

Os principais sintomas do coronavírus são febre, tosse e falta de ar. As Unidades Básicas de Saúde de Teresina continuam atendendo urgências, vacinas, exames e entrega de medicamentos. Os demais serviços estão suspensos.

A transmissão do vírus acontece por meio de gotícula de saliva, espirro, tosse, catarro, toque, aperto de mãos e quando tem contato com objetos ou superfícies contaminadas. Por isso, para se prevenir, você precisa lavar bem as mãos com água e sabão frequentemente, evitar aglomerações e manter os ambientes ventilados.

Atividade de combate ao mosquito da dengue acontece nos bairros Gurupi e Santo Antônio

O mutirão de limpeza e educação da Prefeitura de Teresina, a Faxina nos Bairros, acontece neste sábado (07) nos bairros Gurupi (zona Sudeste) e Santo Antônio (zona Sul). Com o objetivo de combater o Aedes aegypti, mosquito transmissor da zika, dengue e chikungunya, a ação acontece simultaneamente nos dois locais, a partir das 8h.

A Faxina é uma colaboração entre a Fundação Municipal de Saúde (FMS), Superintendências de Desenvolvimento Urbano (SDUs) e a população. Como explica a gerente de Zoonoses da FMS, Oriana Bezerra, a cada semana dois bairros são recebidos para receber as equipes de limpeza que recolhem o lixo das residências, em especial os que não são recolhidos na limpeza de rotina, como móveis, eletrodomésticos de grande porte e entulhos em geral.

Esse lixo é depositado nas calçadas pela população, que durante a semana é orientada pelos agentes de saúde a fazer a limpeza em suas próprias casas. Neste dia ocorre ainda uma caminhada educativa, em que os moradores recebem dicas sobre as doenças e como se prevenir contra a formação de focos do mosquito. “As pessoas precisam se sensibilizar para criar o hábito semanal de vistoria do seu imóvel e retirar utensílios inservíveis, que poderão se tornar criadouros de mosquito”, diz Oriana Bezerra.

No Gurupi, o trabalho começa na praça do bairro, onde a equipe  se encontra para seguir com a faxina. O quadrante percorrido será aquele formado pela BR 343, Avenida Joaquim Nelson, Avenida Camilo Filho e Avenida Mirtes Melão. Já no Santo Antônio, o ponto de partida será a Escola Municipal professor Valdemar Sandes. O quadrante percorrido será: Rua Dois Antônios, Rua prefeito Wall Ferraz, Rua Delma Basílio, Avenida Norte Sul, Rua Vitoria e Rua Odilon Nunes.

A Faxina nos Bairros é um trabalho conjunto entre poder público e população. Com esta ação, a Prefeitura de Teresina procura sensibilizar a população para criar o hábito semanal de vistoria do seu imóvel e proporcionar à população a retirada de utensílios inservíveis, principalmente os que a coleta de lixo diária não retira.