Biketrans: Prefeito entrega certificados de agentes que fizeram curso de ciclopatrulhamento da STRANS

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS) encerrou, neste sábado (09), com a presença do Prefeito Doutor Pessoa, o curso de Ciclofiscalização de Trânsito dos agentes de trânsito da STRANS. A Capacitação aconteceu durante toda a semana com instrutores do SEST SENAT (Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte).

O prefeito de Teresina, Doutor Pessoa, falou sobre a importância da fiscalização utilizando a bicicleta que também serve para estimular o uso desse meio de transporte como alternativa de mobilidade.

“As técnicas de fiscalização com bicicleta são um conhecimento específico que deve ser valorizado principalmente porque vai melhorar a prestação do serviço público municipal referente ao trânsito”, destacou o prefeito Doutor Pessoa.

O superintendente da STRANS, Cláudio Pessoa, destacou uma preocupação com o público interno do órgão. “É necessário humanizar e capacitar constantemente os agentes para melhorar a atuação desses profissionais na fiscalização, frisou o superintendente da STRANS.

A agente de trânsito da STRANS, Jáiza Lopes, foi uma das três mulheres que participou da capacitação. Com 20 anos de trabalho na STRANS, a agente disse estar apaixonada pela modalidade de fiscalização por meio de bicicletas, que possibilita um contato mais próximo com o usuário, foi um desafio benéfico que trará benefícios inclusive para a saúde física e mental do agente.

“A participação das mulheres foi importante e agradável para mostrar que o sexo feminino é valorizado e se fez respeitar pela sua capacidade laborativa”, comentou a agente com 20 anos de serviço, Jáiza Lopes.

Foram capacitados 25 agentes entre eles 3 mulheres para atuar na fiscalização nas ciclovias e ciclofaixas de Teresina e humanizar o contato com os usuários das ciclofaixas e pedestres.

O curso contou com 32 horas de capacitação e treinamento teórico e prática de abordagem. O Curso possui o diferencial da utilização da bicicleta para esse modo de fiscalização que requer o uso de técnicas adequadas.

Estiveram presentes na solenidade de encerramento do curso de ciclofiscalização, o Diretor Administrativo e Financeiro, Bruno Pessoa, Diretor de Operações e Fiscalização de Trânsito, Coronel Ricardo Almeida, Diretor de Transporte Público, Valdir Lima, Diretor de Trânsito e Sistema Viário, Pádua Vasconcelos, Gerente de Educação de Trânsito, Reginaldo Canuto, Gerente de Operações de Trânsito, Carla Sales, Gerente de Transporte Rural, Josemar Júnior, entre outras autoridades municipais e agentes da STRANS.

Foto: Divulgação (Semcom/Strans)

STRANS realizará neste sábado encerramento do curso de formação para o BIKETRANS no SEST SENAT

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS) realizará, neste sábado (09), às 10h da manhã, na sede do SEST SENAT (Serviço Social do Transporte e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte), localizada em frente a praça do Liceu, a solenidade de encerramento do Curso do Biketrans, de Nivelamento de Ciclofiscalização de Trânsito dos Agentes de Trânsito da STRANS, para compor o Grupamento Especializado de Fiscalização de Trânsito através de bicicletas.

O curso para formação dos Agentes de Trânsito da STRANS para compor o Grupamento Especializado de Fiscalização de Trânsito através de bicicletas, teve inicio no dia 1º de outubro e encerra no dia 09, com aulas teóricas e práticas com os instrutores do SEST SENAT. A equipe do BikeTrans passa pela capacitação, que tem como objetivo principal proporcionar qualificação profissional aos agentes que irão atuar diretamente no trânsito, resultando no aprimoramento dos serviços prestados à sociedade, especialmente nas ciclovias e ciclofaixas.

Os agentes de trânsito tiveram aulas de disciplinas com conhecimentos em introdução ao ciclismo, polícia comunitária e educação de trânsito, relações interpessoais no trânsito, legislação de trânsito aplicada, regras de circulação e direção defensiva com bicicletas, técnicas de abordagem na fiscalização de trânsito, prática de ciclismo em situações diversas e manutenção básica da bicicleta.

“O curso de nivelamento para formação faz parte de uma das etapas do cronograma do processo seletivo simplificado interno, onde os agentes de trânsito do quadro efetivo da STRANS foram aprovados nas outras etapas, após a realização de teste de aptidão físico-técnico de ciclismo e a prova escrita objetiva, sendo o curso de nivelamento a última etapa do processo seletivo e ministrado pelos instrutores do SEST SENAT”, explica o Gerente de Educação de Trânsito da STRANS, Reginaldo Canuto.

O Curso de Nivelamento de Ciclofiscalização de Trânsito para os Agentes de Trânsito da STRANS faz parte de uma das fases para composição do Grupamento do BikeTrans, sendo coordenado pela Gerência de Educação de Trânsito da STRANS.

Assinatura de Convênio entre a STRANS e o SEST SENAT para qualificação dos Agentes de Trânsito

O Superintendente, Cláudio Pessoa, da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS), acompanhado do Gerente de Educação de Trânsito, Reginaldo Canuto, assinou nesta terça-feira (05), o convênio com o SEST SENAT (Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte), com o Diretor do SEST SENAT, Cristian Campelo.

Um dos objetivos do Convênio é firmar acordo para promover a educação profissional buscando a capacitação e qualificação dos Agentes de Trânsito, que compõe a Diretoria de Operações e Fiscalização de Trânsito da STRANS (DOFT), nos cursos especializados oferecidos pelo SEST SENAT na área de transporte e trânsito, entre outras demandas.

O Superintendente da STRANS, Cláudio Pessoa, explica que a intenção é implantar a ciclofiscalização para orientar os usuários das ciclofaixas existentes e que serão ampliadas. A parceria pretende buscar a qualificação dos agentes de trânsito da STRANS para que esses agentes possam orientar os usuários das ciclofaixas e também os pedestres.

“O SEST SENAT não poderia ficar de fora com a experiência que ele tem na parte de instrução, na prestação de cursos na área de transportes de trânsito, então a ideia é que a gente possa está através dessa parceria instruindo e formando melhor nossos agentes de trânsito no curso de nivelamento de ciclofiscalização, que no futuro próximo nós estaremos disponibilizando para os munícipes da nossa cidade, onde nós vamos abordar toda temática relacionada ao uso devido das ciclovias e ciclofaixas, tanto pelos ciclistas, como pedestres e os condutores de veículos motores”, destaca o superintendente da Strans, Cláudio Pessoa.

O Diretor do SEST SENAT, Cristian Campelo, destaca a importância do convênio firmado com a STRANS, principalmente para formação dos Agentes de Trânsito que irão compor o Grupamento Especializado de Fiscalização de Trânsito através de bicicletas, denominado de BikeTrans.

“A STRANS é o órgão que legisla e cuida do nosso trânsito, do transporte, e o SEST SENAT é o S do transporte, é o nosso papel contribuir com a educação do trânsito, com a melhoria dos nossos motoristas. Ficamos felizes e honrado em está contribuindo com tudo isso. O SEST SENAT recebe com muita satisfação a possibilidade de contribuir com mais essa inovação na cidade de Teresina, a gente acredita e entende que isso é muito importante para melhoria do nosso trânsito, para melhoria e orientação dos nossos pedestres, ciclistas, e dos nossos motoristas. A gente se sente muito honrado de poder contribuir e participar com essa inovação que está chegando em nossa cidade”, pontua o Diretor do SEST SENAT, Cristian Campelo.

Agentes de Trânsito da Strans participam de formação no SEST SENAT para o BikeTrans

O Curso de Nivelamento de Ciclofiscalização de Trânsito para os Agentes de Trânsito da STRANS tem a carga horária de 32h e faz parte de uma das fases para composição do Grupamento do BikeTrans, sendo coordenado pela Gerência de Educação de Trânsito da STRANS.

A capacitação para os Agentes de Trânsito da STRANS está sendo ministrado pelos instrutores do SEST SENAT, na sede do órgão, localizada na Praça Landri Sales, Centro de Teresina. As aulas tiveram início no dia 1º de outubro e segue até o dia 09 de outubro, no turno da manhã e tarde de acordo com o cronograma do SEST SENAT.

O Projeto BikeTrans

Com vistas de otimização do trabalho de fiscalização de trânsito especialmente nas ciclofaixas e ciclovias em Teresina, como forma de incentivar o ciclismo, o uso da bicicleta pela população no dia a dia da cidade, dando maior segurança no trânsito aos ciclistas, aos pedestres, aos envolvidos e para melhorar a mobilidade urbana, está em andamento na STRANS, por meio da Gerência de Educação de Trânsito, o Projeto BikeTrans, que será composto por equipes de Agentes de Trânsito do quadro efetivo da STRANS.

Com o objetivo de comporem o grupamento Especializado de Fiscalização de Trânsito por meio de bicicletas, os Agentes de Trânsito estão participando de capacitação no curso de nivelamento de ciclo fiscalização de trânsito como parte de uma das etapas em andamento do processo de seleção interna.

Foto: Divulgação (Strans)

Agentes de Trânsito da Strans participam de formação no SEST SENAT para o BikeTrans

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS) iniciou nesta sexta-feira (01), através da parceria com o SEST SENAT (Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte), o curso de Nivelamento e Ciclofiscalização de Trânsito para a formação dos Agentes de Trânsito da Strans, que compõe a Diretoria de Operações e Fiscalização de Trânsito (DOFT), e que irão compor o Grupamento Especializado de Fiscalização de Trânsito através de bicicletas, denominado de BikeTrans.

O Gerente de Educação de Trânsito da Strans, Reginaldo Canuto, explica que o curso de nivelamento para formação faz parte de uma das etapas do cronograma do processo seletivo simplificado interno, onde os agentes de trânsito do quadro efetivo da Strans foram aprovados nas outras etapas, após a realização de teste de aptidão físico-técnico de ciclismo e a prova escrita objetiva.

“Durante o curso de nivelamento os Agentes de Trânsito da Strans terão aulas com os instrutores do SEST SENAT dos seguintes componentes curriculares: Introdução ao Ciclismo, Polícia Comunitária e Educação de Trânsito, Relações Interpessoais no Trânsito, Legislação de Trânsito Aplicada, Regras de Circulação e Direção Defensiva com Bicicletas, Técnicas de Abordagem na Fiscalização de Trânsito, Prática de Ciclismo em Situações Diversas, Manutenção Básica da Bicicleta”, destaca o Gerente de Educação de Trânsito da Strans, Reginaldo Canuto.

O Curso de Nivelamento de Ciclofiscalização de Trânsito para os Agentes de Trânsito da Strans tem a carga horária de 32h e faz parte de uma das fases para composição do Biketrans, sendo coordenado pela Gerência de Educação de Trânsito da Strans.

O curso está sendo ministrado pelos instrutores do SEST SENAT e teve início no dia 1º e segue até o dia 09, pela manhã e tarde.

 

Fotos: Ascom Strans

Strans orienta aos ciclistas para o respeito às regras no trânsito

Os agentes do Biketrans participarão em breve do curso de nivelamento de ciclo fiscalização de trânsito Foto(Ascom/Strans)

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) orienta aos ciclistas que, de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a bicicleta é um veículo de propulsão humana e o ciclista, por este motivo, quando está pedalando, deve respeitar todas as regras no trânsito, como semáforos, sinalização e circulação na mão correta da direção.

A Gerência de Educação de Trânsito da Strans destaca que os ciclistas são mais vulneráveis e expiram maiores cuidados. Os ciclistas devem pedalar defensivamente e estar muito atentos, pois eles são menos visíveis e menos protegidos do que os outros usuários das vias públicas.

“Segundo o CTB, os ciclistas devem utilizar as ciclofaixas, ciclovias ou acostamentos. Quando não houver, devem usar o bordo direito da pista, no mesmo sentido dos demais veículos. É proibido pedalar em calçadas, passarelas e outras vias exclusivas para pedestres. O ideal também é não ficar muito colado ao meio-fio para facilitar a visão dos motoristas e estar sempre atento às portas de veículos abrindo”, orienta o gerente de Educação de Trânsito da Strans, Reginaldo Canuto.

Ainda de acordo com o CTB, bicicleta é veículo e por isso o ciclista também pode cometer infrações e estar sujeito a multas. Desmontado e empurrando a bicicleta, o ciclista tem os mesmos direitos e deveres que um pedestre. É só nessa posição que o ciclista pode atravessar a faixa de pedestres ou transitar no passeio.

Toda bicicleta deve ter os seguintes equipamentos para trafegar com segurança: campainha, sinalização noturna (dianteira, traseira, lateral e nos pedais) e espelho retrovisor do lado esquerdo.

Projeto Biketrans

Com vistas de otimização do trabalho de fiscalização de trânsito especialmente nas ciclofaixas e ciclovias em Teresina, como forma de incentivar o ciclismo, dando maior segurança no trânsito aos ciclistas, aos envolvidos e para melhorar a mobilidade urbana, está em andamento na Strans, por meio da Gerência de Educação de Trânsito, o Projeto Biketrans, que será composto por equipes de agentes de Trânsito do quadro efetivo da Strans.

Com o objetivo de comporem o grupamento Especializado de Fiscalização de Trânsito por meio de bicicletas, os agentes de trânsito participarão em breve do curso de nivelamento de ciclo fiscalização de trânsito como parte de uma das etapas em andamento do processo de seleção interna.