Inauguração do Canal do Mocambinho vai acontecer nesta terça-feira (17)

A obra do Canal de Águas Pluviais do Mocambinho vai ser entregue pela Prefeitura de Teresina na tarde desta terça-feira (17). O prefeito Dr. Pessoa, o superintendente Daniel Carvalho, da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas Norte (SAAD Norte) e outras autoridades vão prestigiar a inauguração do local, que vai iniciar às 17h, na Avenida Freitas Neto, no Mocambinho.

Ao todo, mais de 2,3 milhões foram investidos na obra do Canal do Mocambinho. A conclusão dos serviços foi bastante comemorada pelos moradores da região que passaram décadas sofrendo com mau cheiro e inundações no período chuvoso.

A população relatou ainda que os acidentes no local, que antes eram frequentes, não estão mais acontecendo desde que a obra do canal começou a ser executada.

O superintendente Daniel Carvalho, da SAAD Norte, destacou que a inauguração da obra vai ser um momento bastante marcante para todos os moradores que sempre solicitavam a conclusão do Canal do Mocambinho e acreditaram na gestão do prefeito Dr. Pessoa para concluir os serviços.

“Amanhã vai ser um dia marcante para todos que moram no Mocambinho e nos bairros próximos, que já estavam desacreditados com a conclusão dessa obra. Sempre chegava solicitações para mim sobre o local, com os relatos dos moradores que sofriam com inundações e o mau cheiro da galeria. Conseguimos concluir todos os serviços e amanhã nós estaremos lá entregando mais um espaço na zona Norte de Teresina”, relatou o superintendente Daniel Carvalho.

Todos os teresinenses são convidados para prestigiarem a inauguração.

Prefeitura de Teresina investe R$ 2,3 milhões e entrega obra do Canal do Mocambinho

A Prefeitura de Teresina, por meio da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas Norte (SAAD Norte), vai entregar a obra do Canal de Águas Pluviais do Mocambinho na próxima terça-feira, dia 17 de maio.

A gestão do prefeito Dr. Pessoa investiu mais de R$ 2,3 milhões na obra, que era esperada há décadas pela população da zona Norte de Teresina. O Canal do Mocambinho vai melhorar a vida dos moradores que sofriam com mau cheiro e inundações.

A obra já foi finalizada e a equipe da SAAD Norte foi até o local para ouvir a população sobre os benefícios que a construção do canal trouxe para os moradores da região.

Apesar de ainda não ter sido inaugurado, o local já está sendo usado pela população para a prática de atividades físicas e como espaço para lazer, foi o que disse o senhor Vladimir Pereira, que possui uma venda de lanches em frente ao Canal do Mocambinho.

Ele relembrou ainda que, antes da obra, o local tinha um mau cheiro, pois a galeria era aberta e no período chuvoso os moradores sofriam com alagamentos.

“Ficou muito bom o canal, tampou o buraco que tinha, que gerava mau cheiro. Melhorou muito, agora temos um lugar de passeio para fazer uma caminhada, nosso bairro ficou mais valorizado e ganhou um novo visual. Além de tudo isso, ainda foi resolvido o problema dos alagamentos, aqui ficava horrível no período chuvoso”, destacou o senhor Vladimir Pereira.

Já para o músico José Leite, que estava passeando com o seu pet no Canal do Mocambinho, o local ganhou uma nova vida com a construção da área para passeio.

“A obra melhorou muita coisa, agora o local tem uma nova vida, podemos caminhar em cima da galeria, gostei também das plantas aqui no local. Tudo ficou ótimo, o mau cheiro também acabou, só temos que agradecer a gestão do prefeito Dr. Pessoa”, detalhou o músico José Leite.

A dona de uma frutaria, que fica próxima ao canal, Elisângela Rezende, comemorou a conclusão do local e ressaltou que o trânsito ficou mais organizado com a instalação de ciclovias.

“As melhorias são as maiores, ainda bem que a obra foi concluída, não existe mais esgoto a céu aberto, o trânsito melhorou, ficou mais organizado com a faixa de ciclovia, e a iluminação também foi uma coisa ótima que colocaram, antes a rua era muito escura”, relatou Elisângela Rezende.

Para o superintendente Daniel Carvalho, da SAAD Norte, é muito gratificante ouvir os depoimentos dos moradores que estão contentes com a conclusão do Canal do Mocambinho.

“A população passou muito tempo esperando que o problema da galeria do Mocambinho fosse resolvido, agora é o momento de comemorar mesmo. O prefeito Dr. Pessoa e nós da SAAD Norte colocamos a obra como prioridade, tínhamos que fazer isso pelos moradores. Agora o local está pronto e sendo usado pela população”, disse o superintendente.

Prefeitura de Teresina já investiu mais de R$ 2,2 milhões na obra do Canal do Mocambinho

A Prefeitura de Teresina por meio da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas Norte (SAAD Norte) está em fase de conclusão da obra do Canal de Águas Pluviais do Mocambinho. Até o momento, cerca de R$ 2.202.981,54 foram investidos no local. O valor total do investimento será de 2.267.414,42.

Atualmente as equipes que trabalham na obra do Canal do Mocambinho estão realizando o serviço de urbanização no local com o plantio das mudas de plantas e em breve serão iniciadas as pinturas das sinalizações.

Os serviços que já foram concluídos pelas equipes da SAAD Norte são: fechamento do canal e instalação de bancos, jardineiras, pergolados e luminária de led.

O superintendente Daniel Carvalho, da SAAD Norte, destacou a importância da finalização da obra para os moradores da região.

“Vamos entregar o Canal do Mocambinho em breve. Tivemos alguns problemas em virtude da pandemia, mas agora a obra vai ser concluída e população da zona Norte vai contar com mais uma área de lazer”, finalizou o superintendente.

Cobertura do Canal do Mocambinho é finalizada e SAAD Norte trabalha na urbanização

A cobertura do Canal de Águas Pluviais do bairro Mocambinho, na zona Norte de Teresina, foi concluído na última sexta-feira (10). Agora, a Superintendência das Ações Administrativas Descentralizadas Norte (SAAD Norte), está trabalhando na conclusão da urbanização do espaço.

“Era uma etapa muito aguardada pela população e pela nossa administração. Recebemos essa obra com muitos problemas e agora conseguimos finalizar a cobertura desse canal. Paralelamente temos executado a urbanização de toda a extensão do canal, uma etapa que também é muito importante e é a fase final dessa importante intervenção”, disse a superintendente executiva Luana Barradas.

A obra de 604 metros de extensão está orçada em R$ 2.267.414,42. A expectativa é de que a urbanização seja finalizada até o final de janeiro, e assim, a obra seja entregue para a população.

“A obra iniciou em 2020 e tivemos alguns problemas, pois foi um ano atípico, e tivemos também o inverno. Como se trata uma galeria, no período invernoso é mais difícil de executar, portanto, tivemos as paradas do inverno e tivemos as paradas devido o pico da pandemia quando tudo foi fechado e ficamos impedidos de trabalhar, mas a obra retomou e agora estamos finalizando”, informou a superintendente Ana Paula Santana.

Foto: Divulgação (SAAD Norte)

Empresa retoma obras e galeria do Mocambinho deve ser entregue em até cinco meses

As obras de urbanização do canal de águas pluviais da Avenida Freitas Neto, no bairro Mocambinho, na zona Norte de Teresina, foram retomadas nesta segunda-feira (24/05). A obra de 604 metros de extensão está orçada em R$ 2.267.414,42 já está com 53% dos serviços executados.

De acordo com a engenheira Patrícia Santos, assessora técnica da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas (SAAD Norte), os serviços foram paralisados devido ao período chuvoso e também as restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus.

“A obra iniciou em 2020 e tivemos alguns problemas, pois foi um ano atípico, e tivemos também o inverno. Como se trata uma galeria, no período invernoso é mais difícil de executar, portanto, tivemos as paradas do inverno e tivemos as paradas devido o pico da pandemia quando tudo foi fechado e ficamos impedidos de trabalhar, mas a obra retomou”, informou a engenheira.

“De fato a empresa paralisou a obra, sem comunicar a SAAD, e a partir da notificação que fizemos semana passada a empresa começa a retomar a obra. Já vemos os trabalhadores no local e estamos aguardando uma resposta oficial. Esse canal já foi executado mais de 53%, a parte do canal em si, e agora vamos continuar o canal e iniciar a urbanização, que é uma área de cooper, como uma área de lazer e o paisagismo”, ressaltou.

Ainda de acordo com ela, alguns serviços ainda necessitam ser executados, como por exemplo, a execução de drenos para alívio da estrutura, a colocação de tampas de concreto para o fechamento do canal e a instalação de bocas de lobo para a capitação das águas.

“Vamos solicitar da empresa um novo cronograma de execução e trabalharemos em cima disso. A obra andando como deve ser, certamente irá demorar cerca de cinco meses para ser totalmente finalizada”, completou.

A obra de 604 metros de extensão está orçada em R$ 2.267.414,42 já está com 53% dos serviços executados. Foto: Ascom (SAAD Norte)

SDU inicia cobertura do canal do Mocambinho

A obra de urbanização e melhoria do sistema de drenagem no Canal do Mocambinho, na zona Norte, começou a receber as placas de concreto para a cobertura do canal. O projeto tem recursos totais em aproximadamente 3 milhões de reais, oriundos de convênio com o Banco do Brasil e tem previsão de conclusão para o segundo semestre o próximo ano.

O canal, localizado na Avenida Freitas Neto, está sendo totalmente reconstruído, com a inclusão de cobertura em laje e definição de espaços para o escoamento da água no controle de enchentes. Na área será criado um espaço de convivência, com cobertura em estrutura metálica e pergolado em madeira, inclusão de jardineiras, bancos, lixeiras, postes de iluminação, sinalização urbana e área de retorno para veículos.

 “Estamos avançando na obra, fizemos a parte interna de revestimento da parede do canal e agora iniciamos a implantação das placas de concreto que farão a cobertura da galeria. Fizemos um trabalho ao longo canal para que melhore o escoamento das águas fluviais”, explicou a engenheira da SDU Centro Norte, Adélia de Melo.

A urbanização do Canal do Mocambinho é uma reivindicação antiga dos moradores da região.  “Estamos priorizando a segurança e a acessibilidade, com a presença de rampas e passeios para a melhor locomoção dos pedestres na avenida. Além disso, vai melhorar a segurança dos carros que transitam pelo local”, reforça.

Prefeito visita obras de revitalização do Canal do Mocambinho e ponte da UFPI

Raíssa Moraes

O prefeito Firmino Filho iniciou a semana com visitas em obras nas zonas Centro e Norte de Teresina. Acompanhado pelo superintendente Carlos Daniel, o gestor acompanhou o andamento da obra de revitalização do Canal do Mocambinho, localizado na Avenida Freitas Neto. Os trabalhos tinham sido interrompidos por conta da pandemia.

“Devemos avançar com a obra nos próximos dias, com a urbanização e melhoria do sistema de drenagem no Canal do Mocambinho, que também terá uma bela área de convivência”, explicou o prefeito.

No momento está sendo feito a parede lateral, onde já foram implantados 185 metros, e parte inferior do canal. O local contará com uma área de convivência com cobertura em estrutura metálica e pergolado em madeira, jardineiras, bancos, lixeiras, postes de iluminação, sinalização urbana e área de retorno para veículos. A obra está orçada em aproximadamente R$ 3 milhões. Os recursos são oriundos de convênio com a Caixa Econômica.

Outra obra visitada nesta manhã foi a ponte da UFPI, que vai ligar o bairro Água Mineral, na altura do balão da Coca-Cola, à Universidade Federal do Piauí, próximo ao setor de esportes. “Com a retomada dos trabalhos, nossa previsão é que ela seja entregue à população no primeiro semestre de 2021, melhorando consideravelmente a mobilidade urbana da cidade. Também vai facilitar a vida de muitos estudantes, já que vai fazer a ligação entre os terminais do Buenos Aires e do Zoobotânico”, disse o prefeito.

A nova ponte, que vai homenagear o empresário João Claudino Fernandes, falecido em abril deste ano, terá 240 metros de comprimento, vias para ciclistas e pedestres, além de quatro faixas de rolamento, sendo duas em cada sentido. Estão sendo aplicados mais de R$ 31 milhões na obra, com recursos oriundos do FGTS.

Os gestores também estiveram na construção do complexo esportivo do Campo da Alagoinha, localizado na Avenida Marechal Castelo Branco, no bairro Primavera. O projeto foi orçado em R$ 336.619,38 e está sendo executado com recursos próprios do município e tem prazo de conclusão para o final do ano. “Essa área está passando por um trabalho de urbanização e o campo de futebol que já existe está sendo revitalizado, ganhando novo gramado e alambrado, além de praça com academia popular. A ideia é valorizar o local, proporcionando mais uma área de lazer para as famílias que moram nas proximidades do campo”, disse Carlos Daniel.

Morador da Rua Assunção, que fica próximo ao Campo da Lagoinha, o aposentado Mariano da Silva disse que a obra que está sendo feita vai trazer mais qualidade de vida para as pessoas que moram nas proximidades. “Esse complexo vai proporcionar para nós um excelente espaço de lazer. Já estamos sonhando é com a conclusão da obra, pois sabemos que vamos ganhar uma área para todos”, enfatiza.

O prefeito Firmino Filho também esteve nas obras de reforma da Praça da Telemar, no Mocambinho, e do Mercado Municipal do Jacinta Andrade. O mercado vai abrigar 67 permissionários e está totalmente adaptado com as exigências da vigilância sanitária, corpo de bombeiros e meio ambiente. A Superintendência realizou a reforma do espaço, trocando portas, iluminação, banheiros, e pias. Foi realizada, ainda, uma checagem das instalações elétricas e sanitárias e adequação do local para os funcionários da administração.

População deve ter atenção redobrada por conta de obra do Canal do Mocambinho

Ascom/SDU Centro Norte

Com o início da obra de revitalização do Canal do Mocambinho, na Avenida Freitas Neto, na zona Norte, as pessoas que circulam no local devem ter a atenção redobrada. Foram instaladas placas de sinalização com fita refletiva ao longo da avenida.

O canal será totalmente reconstruído, com a inclusão de cobertura em laje e definição de espaços para o escoamento da água no controle de enchentes. Além disso, haverá uma área de convivência, com cobertura em estrutura metálica e pergolado em madeira, inclusão de jardineiras, bancos, lixeiras, postes de iluminação, sinalização urbana e área de retorno para veículos.

O projeto tem recursos totais de aproximadamente R$ 3 milhões, oriundos de convênio com a Caixa Econômica Federal. O prazo de conclusão é de 180 dias.

De acordo com a engenheira da SDU Centro Norte, Adélia de Melo, a obra de restauração do Canal do Mocambinho já iniciou de fato, por isso é importante que as pessoas transitem pelo local em baixa velocidade e com atenção redobrada. “Foram colocados os tapumes e a sinalização redobrada para a segurança tanto dos transeuntes quanto dos operários que irão circular na área”, acrescenta.

Foi implantada toda a sinalização noturna e diurna necessária para evitar acidentes. “Esperamos a colaboração de todos, pois sabemos que toda obra causa um certo transtorno, mas os benefícios serão maiores. Essa era uma reivindicação antiga dos moradores, que agora vai dar mais segurança para todos”, complementa.

Iniciada obra de revitalização do Canal do Mocambinho

Ascom/SDU Centro Norte

Começou a obra de urbanização e melhoria do sistema de drenagem no Canal do Mocambinho, na zona norte da cidade. O canal, localizado na Avenida Freitas Neto, será totalmente reconstruído, com a inclusão de cobertura em laje e definição de espaços para o escoamento da água no controle de enchentes.

O local contará ainda com uma área de convivência, com cobertura em estrutura metálica e pergolado em madeira, inclusão de jardineiras, bancos, lixeiras, postes de iluminação, sinalização urbana e área de retorno para veículos. Foram instalados dois canteiros de obras, um na antiga Associação de Moradores do bairro, e o outro no terreno da Associação Francisca Trindade, com isso a obra ganhar mais agilidade.

O projeto tem recursos totais de aproximadamente R$ 3 milhões, oriundos de convênio com a Caixa Econômica e tem prazo de conclusão de 180 dias.

“Estamos começando os serviços nas proximidades da Associação Francisca Trindade. No local estão sendo colocados os tapumes para a segurança tanto dos transeuntes quanto para dos operários que irão circular na área”, afirmou a engenheira da SDU Centro Norte, Adélia de Melo.

A engenheira reforça ainda que no local está sendo colocada toda a sinalização noturna e diurna necessária para evitar acidentes. “Esperamos contar com a colaboração de todos, pois sabemos que toda obra causa um certo transtorno, mas os benefícios serão maiores”, enfatiza.

Adélia enfatiza que o novo Canal do Mocambinho vai priorizar a segurança e acessibilidade, com a presença de rampas e passeios para a melhor locomoção dos pedestres na avenida. “Além de melhorar a segurança dos carros que transitam pelo local, essa é uma obra que também pensa nos pedestres”, finaliza.

Definida empresa que irá revitalizar o canal do Mocambinho

A licitação para escolha da empresa que será responsável pelas obras de urbanização do canal de águas pluviais da Avenida Freitas Neto, no bairro Mocambinho, foi finalizada. A vencedora é a empresa MJ5 Construções, que terá, após a assinatura da ordem de serviço, 180 dias para executar as intervenções.

O secretário municipal de Administração e Recursos Humanos, Nonato Moura, destaca a relevância da obra para os moradores da zona Norte da cidade. “A cobertura da galeria do Mocambinho, como ficou conhecido aquele canal, é uma demanda antiga da população, sobretudo por conta dos incidentes que aconteciam devido o canal ser aberto e em uma avenida de grande movimentação. Além de cobrir a galeria, será feito todo um trabalho de urbanização para que os moradores aproveitem o espaço para o lazer”, destaca.

O canal será totalmente reconstruído, com a inclusão de cobertura em laje e definição de espaços para o escoamento da água no controle de enchentes. Além disso, haverá uma área de convivência, com cobertura em estrutura metálica e pergolado em madeira, inclusão de jardineiras, bancos, lixeiras, postes de iluminação, sinalização urbana e área de retorno para veículos.

Sobre o procedimento licitatório, o coordenador da Central de Licitações da Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos (Sema), João Emílio Lemos Pinheiro, afirma que gerou economicidade aos cofres públicos. “A MJ5 apresentou proposta de execução da obra no valor de R$ 2.267.414,51, o que representa uma economia do certame da ordem de R$ 695.613,13, ou seja, cerca de 23,5% a menos que o valor estimado do mercado”, completa.

Agora o processo retorna para seu órgão de origem, a Superintendência de Desenvolvimento Urbano da zona Norte (SDU/Centro-Norte), que irá entrar em contato com a empresa vencedora para assinar a ordem de serviço.