Ônibus circulam até às 22h após ampliação do horário comercial em Teresina

Os ônibus de Teresina terão seus horários estendidos a partir deste sábado (12) e passarão a circular das 6h às 22h. A nova operação se adequa ao Decreto Nº 20.078, que amplia o horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais da cidade. Neste fim de semana, o serviço opera com 70% da frota do dia útil no sábado e, no domingo (13), a circulação dos ônibus continua suspensa.

“O transporte público da cidade vem se adequando às flexibilizações determinadas pela Prefeitura de Teresina. Nesta nova fase, alguns setores comerciais da zona Leste e Shoppings Centers passarão a funcionar até às 22h. Portanto, ampliaremos os horários da operação para atender esse público no turno da noite”, destaca o gestor da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (Strans), Weldon Bandeira.

Pela nova determinação, os comércios de serviços e varejistas localizados no Centro e Shopping da Cidade estão autorizados a abrir às 9h, devendo fechar às 18h. Já os localizados na zona Leste e nos Shoppings Centers estão liberados para o funcionamento no horário de 10h às 22h. Restaurantes, lanchonetes, cafés, bares e similares estão autorizados a funcionar 8h por dia, devendo fechar às 00h.

O setor da construção civil poderá iniciar as atividades às 8h e fechar às 17h. As empresas que atuam em serviços relativos à saúde animal, como clínicas veterinárias, Pet Shops e similares poderão funcionar de 9h às 18h. Já as academias, clubes sociais e esportivos para atividades físicas de recreação em áreas abertas continuam funcionando conforme o que já foi estabelecido pelo Decreto 20018/2020. As empresas e estabelecimentos industriais, inclusive dos setores extrativistas, estão liberadas para funcionar de 7h as 18h.

O cumprimento das medidas restritivas é fiscalizado pela Guarda Civil Municipal, Vigilância Sanitária Municipal com o apoio da Strans, Polícias Militar e Civil e da Secretaria de Transportes (Setrans/PI).

 

 

 

 

 

 

Prefeitura de Teresina isola ruas do Centro para restringir circulação de carros

A partir da próxima segunda-feira, dia 13, a Prefeitura de Teresina fará isolamento de algumas ruas do Centro da cidade para restringir a circulação de carros. A medida, estabelecida via decreto, tem como objetivo diminuir a presença de pessoas na região, que vem registrando grande movimentação mesmo tendo poucos estabelecimentos autorizados a funcionar nessa fase da retomada das atividades econômicas.

O isolamento será feito no trecho entre as ruas Desembargador Freitas, Paissandu, David Caldas e Avenida Maranhão, impedindo o acesso das pessoas ao Centro da cidade, de segunda-feira a sábado, no horário de 6 às 18h. “Nesse momento, é necessário estudar outras alternativas para fortalecer o cumprimento do isolamento social como forma de diminuir a propagação do vírus na nossa cidade. Só assim poderemos dar seguimento ao processo de reabertura das atividades econômicas”, destacou o prefeito Firmino Filho.

Com as interdições, o acesso à Ponte da Amizade para a cidade de Timon será realizado através das Ruas Paissandu, Riachuelo e Senador Teodoro Pacheco. O decreto não aplica restrições à circulação de veículos pelas ruas Desembargador Freitas, Paissandu, David Caldas e Avenida Maranhão.

De acordo com o decreto, poderão circular na região central da cidade apenas veículos destinados a socorro de incêndio e salvamento, os de polícia, os de fiscalização e operação de trânsito e as ambulâncias, bem como os veículos prestadores de serviços de utilidade pública, quando estiverem em atendimento.

Também fica permitido o tráfego de transporte coletivo e de lotação devidamente autorizados a operar o serviço pela Strans. Táxi e mototáxi e veículos com peso bruto total abaixo de cinco toneladas e comprimento total abaixo de 7,00 metros e tara abaixo de duas toneladas, quando em serviços destinados ao transporte de cargas e mercadorias para o funcionamento de atividades essenciais terão acesso liberado.

Estão incluídos na livre circulação ainda os veículos institucionais vinculados aos órgãos e entidades dos Poderes Executivo, Judiciário e Legislativo, bem como do Ministério Público, Defensoria Pública, Tribunal de Contas e da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB.

O decreto destaca também que veículos terceirizados de órgãos públicos poderão circular, mas devem, obrigatoriamente, apresentar identificação e autorização, por escrito, do órgão ao qual o veículo está vinculado.

Outros veículos que podem circular são aqueles conduzidos ou destinados à condução de pessoa com deficiência da qual decorra comprometimento de mobilidade; e pessoa com doença crônica que comprometa sua mobilidade ou que realize tratamento continuado de doença grave, como quimioterapia para tratamento oncológico, hemodiálise, entre outros.

A fiscalização do cumprimento das medidas será realizada por agentes da Strans (Superintendência Municipal de Trânsito). Quem desobedecer às normas estará passível de autuação por infração grave, com a aplicação de multa no valor de R$ 195,23, além de computados cinco pontos no prontuário da CNH do condutor do veículo.

Confira aqui o Decreto nº 19.908.

Ônibus circulam sem aglomerações nesta quarta-feira (08)

Foto: Ascom Strans

O primeiro dia da volta do transporte público na capital teve ônibus circulando sem aglomerações. Na manhã desta quarta-feira (08), 14 fiscais da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) acompanharam o cumprimento da frota estipulada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) e o percurso dos veículos desde a saída das garagens, às 4h.

Os 14 fiscais se dividiram entre as zonas da cidade para verificar o uso obrigatório de máscaras dos operadores e passageiros, cumprimento da frota estipulada pelo TRT, sanitização dos veículos e o percurso estabelecido no formato radial (bairro para o Centro).

O gerente de fiscalização da Strans, Pedro Moura, relata que não foram verificadas lotações durante toda a manhã desta quarta-feira e alerta para que a população utilize o transporte somente em situações essenciais. “Nesta manhã não verificamos lotações nos horários de pico, 6h às 9h, em que tivemos disponíveis 70% da frota. Esperamos que a movimentação se mantenha assim nesta primeira etapa de reabertura gradual do comércio e que a população só utilize o transporte coletivo para serviços essenciais e abastecimento pessoal”, enfatiza.

Sanitização

Além da sanitização das estações de embarque e desembarque de passageiros e paradas de ônibus de competência da Strans, está sendo feita também a higienização dos veículos ao final de cada viagem nas paradas finais dos bairros. Já no final de cada turno, durante a noite, o Setut é responsável pela sanitização dos ônibus nas garagens. 

Teresina registra mais de 500 casos de Covid-19 em um dia

Teresina computou mais 507 casos e 12 óbitos por Covid-19 na última quarta-feira (01). Os dados são do boletim do Painel Epidemiológico da Fundação Municipal de Saúde (FMS). Agora, a cidade registra 8.801 casos desde o início da pandemia, além de 401 mortes.

O número elevado de casos registrados na segunda e na terça-feira ocorreu devido a um problema pontual no Laboratório Lacen, ligado ao Governo do Estado, para entregar o resultado dos exames da Covid-19. Na semana passada, o laboratório teve dificuldades na aquisição de materiais usados nos exames e reduziu sua atividade por alguns dias, trabalho que voltou à normalidade esta semana. “Isso foi um dos fatores que contribuiu para acumular a quantidade de óbitos e de casos confirmados e atrasar o registro dos dados no sistema”, explica a coordenadora da Comissão de Operações em Emergência da FMS, Wesllany Santana.

Dentre os óbitos registrados, três ocorreram ontem (01), cinco na terça-feira (30) e quatro na segunda-feira (29). Os pacientes tinham entre 63 e 92 anos, oito eram homens e quatro eram mulheres. Quatro pessoas eram moradoras da zona Sudeste, três moravam na zona Sul, três na zona Leste e dois na zona Sudeste. Nove pacientes tinham comorbidades, sendo que seis tinham hipertensão e dois eram diabéticos.

A 11ª etapa da pesquisa sorológica realizada pela Prefeitura de Teresina indica que a capital já atingiu o pico da pandemia e entrou no chamado platô de circulação do novo coronavírus, o que indica uma estabilidade nas notificações de casos. O resultado da sondagem apresentado ontem (01) pelo prefeito Firmino Filho mostra também que a taxa de crescimento do vírus segue caindo, tendo chegado a 7%, e que a taxa de contágio, denominado de R0 (R-zero), continua em torno de 1.

O prefeito alertou que o pico de circulação do vírus não bate com o pico de internações e de óbitos, sendo necessário um esforço maior de todos para a redução dos números. “A ideia é que possamos fazer, durante todo o mês de julho, essa política de medidas mais restritivas durante os finais de semana para que possamos melhorar os nossos índices de isolamento social, dando continuidade ao nosso planejamento para a retomada das atividades de forma mais segura para a população”, destacou Firmino, ressaltando que a Prefeitura vem fazendo sua parte e está trabalhando para aumentar a quantidade de leitos de UTI e de enfermarias.

 

Circulação de passageiros nos ônibus tem queda de 90%, aponta bilhetagem eletrônica

Ascom/Strans

Os teresinenses estão cumprindo com as orientações dos órgãos de saúde para evitar a disseminação do novo coronavírus (Covid-19). A bilhetagem eletrônica apontou nos últimos dias uma queda de 90% na circulação de passageiros nos ônibus. Nas semanas anteriores, de início do decreto municipal que estabelecia o funcionamento mínimo das atividades comerciais, a redução era de apenas 55%.

“Mesmo com a queda de 90% dos passageiros, a frota mínima constitucional está circulando e os terminais vêm sendo administrados em tempo real, com verificação de demanda para ajustes necessários no período de pico”, explica o gestor da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), Weldon Bandeira.

A recomendação é que as pessoas que possam permanecer em casa, cumpram com as orientações. “Foi constatada uma grande evolução no comportamento dos teresinenses, que vêm cumprindo com as orientações. Solicitamos a quem pode, que permaneça em casa”, ressalta Bandeira.

Higienização dos ônibus tem sido intensificada

Desde o dia 17 de março, a Strans recomendou que a limpeza diária dos ônibus, estações e terminais de integração fosse intensificada. Os veículos que estão em circulação estão recebendo cuidados de higienização redobrados pelos consórcios do transporte público, com a limpeza de pisos, assentos, catracas, portas e suportes. As estações e terminais de integração também estão recebendo serviços de limpeza intensificados.

Táxis podem circular nos corredores exclusivos para ônibus

É permitido aos táxis de Teresina, devidamente identificados, transitar nos corredores exclusivos para ônibus. A decisão está na portaria de número 48/2019, do dia 14 de agosto. Desde maio, a circulação já era permitida nas avenidas João XXIII e Presidente Kennedy, mas agora a ampliação contempla as faixas exclusivas e os corredores Sul I (que compõe as avenidas Barão de Gurgueia e Henry Wall de Carvalho), Corredor Sul II (Avenidas Miguel Rosa e Prefeito Wall Ferraz) e Corredor Gil Martins. A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsitos (Strans) ficará responsável pela fiscalização.

De acordo com o diretor de Trânsito e Sistema Viário da Strans, José Falcão, a circulação dos táxis nos corredores foi considerada positiva e por isso está sendo ampliada para os demais. “O nosso objetivo é proporcionar mais agilidade ao serviço de táxi, assim estaremos proporcionando um melhor atendimento para os usuários”, enfatiza.

Falcão ressalta que, com a ampliação da medida, os condutores devem ficar atentos às normas. “Queremos reforçar que a permissão é somente para táxis do município de Teresina, e que não será permitido embarque e desembarque nos corredores. Os veículos deverão respeitar esta e outras regras estabelecidas”, explica o diretor.

O presidente do Sindicato dos Taxistas, Raimundo Bezerra, considera que a medida vai melhorar o trabalho diário dos taxistas. “Além de agilizar o nosso trabalho, também iremos proporcionar um melhor serviço para os nossos clientes. O deslocamento ficará mais rápido, beneficiando a todos”, diz.

Horários das frotas dos ônibus sofrem alterações neste feriado da Semana Santa

O feriado da Semana Santa inicia nesta quinta-feira (18) e, com isso, a população deve ficar atenta às mudanças nos horários das frotas dos ônibus de Teresina. Os veículos que irão circular na quinta-feira obedecerão ao funcionamento dos horários referentes aos sábados. Na sexta-feira (19), a frota irá circular nos horários que correspondem os domingos de forma reduzida, uma vez que o movimento cai em até 30%.

No sábado (20), pela manhã, os ônibus irão circular conforme os horários dos sábados e à tarde conforme os horários de domingo. Já no domingo (21), a frota irá circular de acordo com os horários normais deste dia.

Corredor Leste começa a funcionar no próximo mês de maio

ASCOM STRANS

O Corredor Leste, o trecho que compreende a Avenida Presidente Kennedy, está em fase de finalização e deverá começar a funcionar em maio. com isso, o Corredor Leste vai funcionar na sua totalidade, uma vez que o trecho que compreende a Avenida João XXIII está em funcionamento.  Cada corredor tem uma quantidade de estações específicas para atender ao número de ônibus que devem circular pelos locais.

O Corredor Leste tem 12 estações. Todas estações para embarque e desembarque de passageiros são climatizadas e com portas automáticas, semelhantes às estações dos demais corredores.

De acordo com a arquiteta Livia Macêdo, o Corredor Leste, trecho da Avenida Presidente Kennedy está na fase acabamento.  “Estamos fazendo os últimos reparos, os ajustes nas rampas de acesso e na sinalização tanto vertical como horizontal”, acrescentou.

No que diz respeito aos semáforos sonorizados para pedestres, ao longo do corredor da Avenida Presidente Kennedy foram instalados seis semáforos sonorizados. “Os equipamentos foram instalados e aguardam apenas a conclusão do corredor para o seu devido funcionamento. Os semáforos visam proporcionar uma travessia segura para os pedestres, inclusive, todos equipados com sonorizadores para garantir a segurança das pessoas com deficiência visual”, acrescentou.

A arquiteta informa que a comunicação visual das estações deverá começar em breve. “As nossas equipes estão trabalhando nas estações para finalizar o quanto antes. A expectativa é que no mês de maio a prefeitura entregue mais esse corredor para população”, finalizou.