HUT registra queda em cirurgias e vítimas de acidentes de trânsito durante a Semana Santa

O Hospital de Urgência de Teresina (HUT) registrou uma queda de 22% na quantidade de cirurgias e de 33% na entrada de vítimas de acidentes de trânsito, durante a Semana Santa. A variação está diretamente relacionada às medidas de distanciamento social orientadas por autoridades de saúde, devido à pandemia de Covid-19.

Em relação ao número de cirurgias, foram realizados 114 procedimentos durante a Semana Santa deste ano. No mesmo período do ano passado, foram 146. Já sobre a entrada de vítimas de acidentes, o HUT contabiliza 82 registros este ano. Na Semana Santa de 2019, foram 123 pessoas atendidas por este motivo.

Realizado pelo setor de Estatística do HUT, o levantamento avalia os registros na unidade de saúde entre a última quinta-feira (9) até às 8h da manhã desta segunda (13) e compara com o mesmo período do ano passado.

“Os números deixam claro a eficiência do distanciamento social em um momento de pandemia e nos dá folga para planejar as ações voltadas para pacientes com Covid-19, caso o HUT venha a recebê-los”, avalia o diretor geral, Rodrigo Martins, que também destaca queda de 22% na quantidade de atendimentos.

Agressões físicas e internações

Na Semana Santa, o HUT também registrou queda na quantidade de vítimas por agressão física em 12% e diminuição de 21% no número de internações na unidade de saúde. “Vale ressaltar que ainda continuamos com nossos leitos de UTIs todos ocupados com pacientes. Portanto, é necessário continuar seguindo o isolamento social”, afirma Rodrigo Martins.

Prefeito retoma atividades após cirurgia de catarata

O prefeito Firmino Filho retomou as atividades administrativas na Prefeitura de Teresina nesta segunda-feira (23) após uma cirurgia de catarata a que foi submetido na semana passada. Na agenda do dia o gestor realizou despachos com secretários e assinou novas leis que passarão a vigorar na capital.

Durante a cirurgia, realizada na última quinta-feira (19), foi implantada uma lente multifocal para melhorar a visão do prefeito. “A visão já está bem melhor. Ainda estou na fase de adaptação, mas vamos continuar os trabalhos para o desenvolvimento da capital”, destacou Firmino.

Com o retorno das atividades administrativas, o chefe do executivo municipal sancionou algumas leis que foram aprovadas na Câmara, como o Plano Diretor de Ordenamento Territorial, o PDOT.

O prefeito destacou que o Plano é o norteador das ações que devem ser executadas para promover um desenvolvimento urbano ordenado na cidade. “Passamos três anos discutindo o PDOT com vários segmentos da sociedade teresinense e ele tem um objetivo muito importante. É o projeto de lei que considero de maior importância para o estilo de desenvolvimento urbano que queremos para nossa cidade”, explicou.

Prefeito passa por cirurgia de catarata

O prefeito de Teresina, Firmino Filho, submeteu-se a uma cirurgia de catarata nesta quinta-feira (19). Durante o procedimento foi implantada uma lente multifocal, que vai melhorar a visão do gestor. A recomendação da equipe médica é que ele fique em repouso nos próximos quatro dias.

“Estou com 56 anos, o tempo passando, e o olho direito já não enxerga como antigamente. Mas o procedimento é simples, e na próxima semana já estarei no batente, de volta ao trabalho”, afirmou Firmino antes de ser submetido à cirurgia.

O prefeito retorna para casa ainda hoje e deverá ficar em repouso. A previsão é de que o chefe do executivo municipal retorne à agenda normal de trabalho no Palácio da Cidade na próxima segunda-feira, dia 23.

A catarata é caracterizada pela perda de transparência do cristalino, lente natural, cuja função é propiciar o foco da visão em diferentes distâncias. Com o avançar da idade, as fibras do cristalino aumentam de espessura e de diâmetro, provocando a popular vista cansada. Depois, vai evoluindo e, aos poucos, vai embaçando a visão. A cirurgia para correção é simples e o procedimento dura entre 15 a 30 minutos.

HUT realiza quase 800 mil atendimentos e 150 mil cirurgias em 11 anos

A maior referência no Sistema Único de Saúde (SUS) para o atendimento de urgência e emergência em todo Piauí, o Hospital de Urgência de Teresina (HUT) já realizou, desde sua inauguração, há 11 anos, 784.650 atendimentos e 149.168 cirurgias. Dentre os motivos de entradas no hospital, o mal súbito ocupa o primeiro lugar, correspondendo a 22% do atendimento geral. Em segundo lugar estão os atendimentos a vítimas de acidentes envolvendo motocicleta, com 17% do total, e, em terceiro, corpo estranho no olho, com 9% do total de atendimentos.

Especializado em atender vítimas de traumas, o HUT funciona 24 horas por dia e oferece à população do Piauí 30 especialidades médicas. Com relação às cirurgias, o HUT realiza, por mês, uma média de 1.100 procedimentos, sendo que 58% são ortopédicos. De acordo com o diretor técnico do HUT, Péricles Cerqueira, isso se deve à grande quantidade de atendimentos de pessoas vítimas de trauma.

“Os pacientes vítimas de trauma são todas as pessoas envolvidas em acidentes de trânsito, agressões físicas ou quedas. Dentre estes, os pacientes vítimas de acidentes de trânsito estão chegando ao HUT em estado cada vez mais grave e com um quadro clínico bastante delicado. Para atender essa demanda, o HUT disponibiliza à população uma equipe multiprofissional para atendimento especializado 24 horas”, explicou o diretor.

Além disso, o HUT mantém funcionando, também 24 horas por dia, suas nove salas de cirurgias. Depois das cirurgias ortopédicas, que correspondem a 58% do total de procedimentos cirúrgicos realizados, vem a cirurgia geral, com 17% do total de procedimentos cirúrgicos, e em terceiro a cirurgia vascular, com 7%. Essas especialidades compõem os serviços do trauma, que tem uma equipe preparada para atender pacientes politraumatizados.

“Como nossa demanda maior são pacientes vítimas de politrauma, mantemos no HUT uma equipe especializada nesse tipo de atendimento. Essa equipe possui especialistas em todas as áreas necessárias para um atendimento de qualidade. Temos ortopedista, neurocirurgião, buco-maxilo-facial, cirurgião geral e cirurgião vascular. Nossos profissionais de saúde otimizam e qualificam ainda mais nossa assistência. Não é por acaso que somos um hospital de referência para todo o Norte e Nordeste do Brasil”, disse o diretor geral do HUT, Rodrigo Martins.

O HUT foi inaugurado dia 05 de maio de 2008 e realiza atendimento de urgência e emergência, 24 horas por dia. Atualmente, possui 375 leitos de internação (sendo 42 leitos de UTI) e 33 de observação de média e alta complexidade. Em dezembro de 2015, o Ministério da Saúde (MS) habilitou o HUT como uma Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Traumatologia e Ortopedia de urgência e emergência.

Com essa nova habilitação, o HUT passou a realizar 54 procedimentos, de alta complexidade em Traumatologia e Ortopedia, que vão desde cirurgias em que o paciente sofreu grandes perdas ósseas até lesões de tendões e nervos periféricos.

Em 2016, o MS concedeu mais duas habilitações de alta complexidade ao HUT. Assim, o HUT passou a ser uma Unidade de Assistência de Alta Complexidade nas áreas de Neurocirurgia e Nutrição.